O prefeito Rubens Bomtempo determinou a convocação de mais 59 aprovados no último concurso público. São, ao todo, 47 profissionais para a área da educação e 12 para a administração. A lista com os nomes dos convocados foi publicada no Diário Oficial do dia 1° de março. Os convocados para a Secretaria de Administração devem se apresentar amanhã (12/3) e os aprovados para a Secretaria de Educação têm prazo até a próxima segunda-feira (17/3).

Na portaria publicada no Diário Oficial consta a convocação de 30 professores para a educação infantil e 17 para a educação básica - sendo seis de educação física, seis de história, três de português e dois de inglês. Ao longo de 2014 a prefeitura deve convocar 200 profissionais para a área de educação.

Já para a administração foram chamados 12 concursados, sendo oito motoristas, três agentes de apoio administrativo e um técnico administrativo. Os convocados, tanto da educação quanto da administração, devem comparecer no Departamento de Administração de Pessoal e Recursos Humanos, à Avenida Koeler, nº 260 – Centro, às 15 horas. O não comparecimento implicará na desistência dos candidatos.

O Centro de Educação Infantil (CEI) Angela Maria da Conceição Silva, no distrito da Posse, será ampliado pela Prefeitura e poderá atender a mais 50 crianças de zero a cinco anos da região. A obra foi um pedido da comunidade que está sendo atendido pelo prefeito Rubens Bomtempo. A previsão é a de que as intervenções tenham início em abril.

“Há uma demanda reprimida na localidade que vamos conseguir suprir com a ampliação do CEI”, disse a secretária de Educação, Mônica Freitas, acrescentando que estão previstas para este ano mais intervenções em outras unidades escolares do município. “Temos como plano estratégico várias outras iniciativas. Em 2013 foram criadas mil novas vagas para a educação infantil”.

O CEI Angela Maria da Conceição Silva conta atualmente com cerca de 80 vagas. A obra de ampliação prevê a criação de duas novas salas de aulas, além do redimensionamento do espaço, proporcionando o acréscimo no número de vagas. A assinatura do contrato para início das intervenções está previsto para este mês.

O rio Palatinato, na altura da Rua Souza Franco, começou a receber esta semana os serviços de dragagem da Prefeitura. O trabalho está sendo realizado pela Companhia de Desenvolvimento de Petrópolis (Comdep) e já atendeu a outros pontos dos rios Piabanha e Quitandinha, como na altura das ruas Cel. Veiga e Roberto da Silveira, do Palácio de Cristal e da Praça da Liberdade. Até agora 110 caminhões de areia e outros detritos foram retirados dos leitos dos rios.

De acordo com o presidente da Comdep, Hélio Dias, o serviço está sendo feito com o apoio do Instituto Estadual do Ambiente (Inea) e os pontos escolhidos para a dragagem são os que normalmente acumulam maior quantidade de detritos, impedindo a vazão das águas dos rios: “A determinação do prefeito Rubens Bomtempo é a de manter a manutenção e as calhas dos rios limpas como forma preventiva contra as enchentes”.

Ao todo, duas escavadeiras hidráulicas, dois tratores e oito caminhões estão sendo usados na execução do trabalho. As equipes seguem, depois, para a região do Bingen, onde o serviço também será realizado. Este ano a Comdep já realizou a dragagem e limpeza dos rios de Corrêas e também nos lagos de Nogueira e Parque São Vicente, de onde foram retirados mais de 200 caminhões de detritos.

Profissionais da rede municipal de saúde estarão representando Petrópolis naIV Mostra Nacional de Experiências em Atenção Básica/Saúde da Família.Três projetos da Coordenação de Programas da Secretaria de Saúde e cinco dos Postos de Saúde da Família serão levados para o evento que começa nesta quarta-feira (12/3), em Brasília. O encontro conta a participação de municípios de todo o Brasil.

A mostratem como objetivo valorizar as experiências cotidianas e estimular o protagonismo local dos trabalhadores, gestores e usuários da Atenção Básica de todo o Brasil. Proporcionando espaços de intercâmbio de experiências, o encontro pretende contribuir com a reflexão e constante melhoria na produção do cuidado em saúde nos serviços que constituem o principal ponto de contato dos usuários com o Sistema Único de Saúde (SUS): a rede de Atenção Básica.

“Este grande encontro, que espera 10 mil participantes de todo o Brasil, promove uma incrível troca de experiências e coloca os agentes comunitários de saúde como protagonistas também. Esperamos que o evento seja inspirador e fortalecedor para as ações na rede de atenção básica em Petrópolis”, ressaltou a coordenadora de programas da secretaria de Saúde, Adriana Jacques.

Entre os projetos levados para Brasília estáUma Cartografia Criativa - a experiência do PSF Caxambu,da médica e coordenadora do programa municipal Hiperdia, Adriana De S. Thiago Papinutto. O trabalho faz parte da dissertação de mestrado apresentada por ela, cujo tema eraConstrução do conhecimento no território da Estratégia de Saúde da Família, defendida na FioCruz.

O trabalho teve como objetivo mostrar como a construção de mapas do território pode ajudar na compreensão dos problemas da localidade. “Esses mapas foram utilizados nas reuniões com a comunidade para que eles pudessem conhecer os riscos sociossanitários do território”, comentou Adriana Papinutto, acrescentando que a escolha do PSF Caxambu foi motivadapelo trabalho de atividades coletivas já realizado pela equipe do posto.

Também foram levados para a IV Mostra Nacional de Experiências em Atenção Básica/Saúde da Família os seguintes projetos: Uma Estrada que deixou Saudades - Adriana Jacques, MayconTheobald; Educação e saúde: Unidas para expandir limites de reflexão e práticas de saúde e educação com a Caderneta de Saúde do Adolescente- Adriana Jacques, Carla Kling, Márcia Faria e Cecília Nanh; Prevenção de infecções respiratórias agudas com homeopatia (Nosodio IRA) em crianças de zero a cinco anos no Programa de Saúde da Família de Petrópolis- Carlos Lyrio; Hiperdanção Arterial – sua alegria vai subir – Ricardo Costa enfermeiro do PSF Bairro Castrioto; Grupo Florescer – saia da depressão com dinheiro na mão – Sueli Meira Vieira agente comunitária de saúde do PSF Estrada da Saudade; Estação Solidária – construindo redes – Manuela Oliveira do PSF Nova Cascatinha e Projeto Cidadão do PSF Estrada da Saudade.

A Prefeitura vai intensificar a campanha de combate ao HPV neste sábado (15/3), com o Dia D de Vacinação Contra o Vírus HPV. Doze postos de saúde estarão abertos, vacinando meninas que têm entre 11 e 13 anos. O objetivo é facilitar o acesso às unidades de saúde para pais e responsáveis que não têm como levar as adolescentes para tomar a vacina durante a semana.

A coordenadoria do setor de Epidemiologia ressalta que a faixa etária para imunização foi escolhida pelo Ministério da Saúde porque é nessa idade que o organismo da menina produz uma grande quantidade de anticorpos que vão protegê-la quanto ela estiver na idade adulta, quando, então, inicia a sua vida sexual. “É importante frisar que a vacina tem validade para a vida toda”, destaca a coordenadora do setor de Epidemiologia, Elisabeth Wildberger.

A imunização é garantida com três doses da vacina. Para não perder a data, é preciso ficar atento: a segunda dose da vacina deve ser ministrada seis meses após a primeira aplicação e a terceira, cinco anos após a primeira. A vacinação está entre as estratégias de prevenção do ministério mais utilizadas no combate ao câncer de colo de útero, assim como a detecção precoce com a realização do exame Papanicolau (conhecido como preventivo), o uso de preservativo e ações educativas.  A doença é a terceira causa de morte por neoplasias em Petrópolis. Representa cerca de 9% das mortes.

O câncer de colo do útero manifesta-se normalmente a partir da faixa etária de 25 a 29 anos, aumentando seu risco até atingir o pico na faixa etária de 50 a 60 anos. A vacina que será distribuída pelo Ministério da Saúde é quadrivalente, ou seja, previne contra quatro tipos do HPV que podem causar a doença.

Segue a lista dos postos que estarão oferecendo a vacibna no Dia D:

INSTITUTO DA MULHER, DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE (CENTRO DE SAÚDE)

PSF ALTO DA SERRA

UBS QUITANDINHA

UBS MOSELA

UBS RETIRO

AMBULATÓRIO ESCOLA

HOSPITAL ALCIDES CARNEIRO

UBS ARARAS

UBS ITAIPAVA

UBS PEDRO DO RIO

PSF POSSE

SETOR DE EPIDEMIOLOGIA

Começou nesta segunda-feira (10/3) a Campanha Municipal de Vacinação Contra o Vírus HPV. As vacinas estão disponíveis em todos os postos e unidades de saúde e, agora, passam a fazer parte do calendário nacional de imunização. Nesta primeira fase da campanha, meninas entre 11 e 13 anos receberão as doses. A meta é vacinar 80% do público-alvo. Nesta faixa etária existem, na cidade, sete mil meninas.

Na manhã desta segunda-feira o movimento foi intenso no Instituto da Mulher, da Criança e do Adolescente (Centro de Saúde). Maria Ferreira, avó de Gabrielle Schmidt, de 12 anos, fez questão de trazer a neta logo no primeiro dia campanha.  “Acho essa vacina muito importante, pois vai proteger a menina contra o vírus quando ela estiver na vida adulta”, disse. Marta dos Santos Pinheiro, de 43 anos, também levou a sobrinha Maria Carolina dos Santos Pinheiro, de 12 anos, para tomar a vacina contra o HPV. “É importante saber a importância da prevenção”, frisou Marta.

A coordenadora do setor de Epidemiologia, Elisabeth Wildberger, ressalta que a vacinação está entre as estratégias de prevenção mais utilizadas no combate ao câncer de colo de útero, assim como a detecção precoce com a realização do exame Papanicolau (conhecido como preventivo), o uso de preservativo e ações educativas.  A doença é a terceira causa de morte por neoplasias em Petrópolis. Representa cerca de 9% das mortes.

“A campanha vai servir como um alerta para a população feminina, conscientizando sobre a importância da prevenção. Apesar da alta incidência, este tipo de câncer tem grandes chances de cura quando diagnosticado precocemente. Isso evidencia a importância das consultas regulares ao ginecologista e também da realização regular dos exames, recomendados a partir dos 25 anos de idade”, destacou Elisabeth.

A coordenadora do setor de Epidemiologia também ressalta que a faixa etária foi escolhida pelo Ministério da Saúde porque é nessa idade que o organismo da menina produz uma grande quantidade de anticorpos que vão protegê-la quanto ela estiver na idade adulta, quando então inicia a sua vida sexual. É importante frisar que a vacina tem validade para a vida toda.

O câncer de colo do útero manifesta-se normalmente a partir da faixa etária de 25 a 29 anos, aumentando seu risco até atingir o pico na faixa etária de 50 a 60 anos. A vacina que será distribuída pelo Ministério da Saúde é quadrivalente, ou seja, previne contra quatro tipos do HPV que podem causar a doença. Seguindo orientação do ministério, a vacinação será dividida em três etapas. A primeira começa em março, para adolescentes de 11 a 13 anos. Em 2015 receberão a vacina meninas que têm entre nove e 10 anos e, a partir de 2016, a dose começará a ser ministrada aos nove anos.

Dia D de Vacinação Contra o Vírus HPV - Para reforçar a campanha, a Prefeitura estará realizando neste sábado (dia 15/3) o Dia D de Vacinação Contra o Vírus HPV. Doze postos estarão vacinando as meninas. O objetivo é facilitar o acesso as unidades de saúde para aqueles pais e responsáveis que não tem como levar as adolescentes para tomar a vacina durante a semana.


Segue a lista dos postos que estarão atuando no Dia D:

INSTITUTO DA MULHER, DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE (CENTRO DE SAÚDE)
PSF ALTO DA SERRA
UBS QUITANDINHA
UBS MOSELA
UBS RETIRO
AMBULATÓRIO ESCOLA
HOSPITAL ALCIDES CARNEIRO
UBS ARARAS
UBS ITAIPAVA
UBS PEDRO DO RIO
PSF POSSE
SETOR DE EPIDEMIOLOGIA

Prefeitura já tinha solicitado a retirada dos bloqueios da rua, que é pública

Uma liminar expedida pela 4ª Vara Cível de Petrópolis está impedindo o município de exigir a retirada das cancelas instaladas pelo Condomínio Vale do Sossego, numa via pública que faz a ligação entre Corrêas, Carangola e BR-040. A Prefeitura já está solicitando uma audiência com o juiz Alexandre Teixeira, autor da liminar, para apresentar toda a documentação comprovando que o local se trata de um loteamento e não de uma área particular. Desta forma, a Prefeitura quer manter o direito de ir e vir dos cidadãos.

No último dia 12 de fevereiro, a Secretaria de Fazenda já havia expedido uma notificação solicitando que as cancelas e quebra-molas fossem retirados. Devido ao descumprimento da ordem, os fiscais retornaram ao local na tarde do dia 26 de fevereiro. Na ocasião, fizeram a entrega da intimação determinando a remoção imediata dos obstáculos, sob pena de multa diária de R$ 200 ao dia, podendo dobrar em caso de reincidência. Entretanto, naquele momento, os representantes do condomínio já tinham entrado com uma ação judicial e conseguiram a liminar. Para a Prefeitura, houve uma mudança na postura do condomínio e do atual síndico, que vêm atuando de forma truculenta com os moradores das comunidades vizinhas.

A Secretaria de Fazenda chegou ao local em janeiro, após inúmeras reclamações de moradores sobre os bloqueios. Eles denunciavam ainda os exageros do síndico do loteamento. Imediatamente, foi protocolada a primeira intimação da Prefeitura. Porém, os administradores recorreram, pedindo à Secretaria de Fazenda a revisão da determinação. O recurso foi indeferido por falta de respaldo legal.

Cerca de três mil pessoas lotaram a Praça Dom Pedro, no Centro Histórico, na noite deste domingo (9/3) para dançar ao som do bloco carioca Mulheres de Chico. Durante duas horas o público se emocionou com as músicas de um dos maiores compositores da Música Popular Brasileira (MPB), Chico Buarque de Holanda. A apresentação faz parte da programação da Semana da Mulher, evento promovido pela Prefeitura em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim), que tem como foco a luta contra a violência doméstica.

Pela terceira vez em Petrópolis, o grupo Mulheres de Chico é um dos blocos que mais atrai foliões no carnaval carioca. Formado com cerca de 25 batuqueiras, o bloco conquistou o público de idades e perfis variados, com charme, animação, figurinos e adereços alegres e descontraídos. No repertório estavam clássicos como A banda, A Rita, A Rosa, A volta do malandro, Acorda Amor, Apesar de você e Até o Fim.

“Estamos felizes e honradas em voltar a Petrópolis, principalmente em uma data tão especial. O bloco Mulheres de Chico é formado por mães, filhas, esposas, amantes, são mulheres de todas as idades e de diversas profissões, que lidam com a dupla jornada de trabalho”, disse Vivian Freitas, uma das fundadoras do bloco.

Durante o show as batuqueiras exaltaram o amor e ressaltaram a luta pelo combate a violência doméstica. “Vamos dizer não à violência e demonstrar todas as formas de carinho”, frisaram.  Após o show das Mulheres de Chico, o público pode dançar ao som do forró do grupo petropolitano Tribo de Gonzaga, que encanta gerações pela cidade e fora dela.

Ação do Comdim na feira livre em comemoração ao dia da mulher - Flores para a população e conscientização sobre a violência contra a mulher. Em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, celebrado no último sábado (8/3), o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim) foi à Feira Livre do Centro em mais uma ação dentro da programação da Semana da Mulher. O grupo distribuiu cartilhas e orientações com foco na luta contra a violência doméstica.

“Além das homenagens, a ação também teve como objetivo conscientizar e orientar a população sobre todos os tipos de violência. Temos como símbolo desta semana, a jovem Evelyn que sobreviveu a uma tentativa de homicídio do ex-marido”, disse a coordenadora do Centro de Referência e Atendimento à Mulher (Cram), Drica Madeira.

A ajudante da barraca de frutas Angela Verônica, de 65 anos, ficou emocionada ao receber as flores. “A mulher deve ser sempre lembrada. Esse dia é especial”, ressaltou. A dona de casa Nilza de Jesus Duarte, de 50 anos, também elogiou a iniciativa. “Nós somos nota mil, temos que ser valorizadas sempre”, frisou.

Ocupação Lilás – A programação da Semana da Mulher continuou nesta segunda-feira (10/3) com o movimento “Ocupação Lilás” que trás diversas atividades: dia da beleza; aferição de pressão arterial e taxa glicose; orientações sobre DST/Aids, câncer de mama, violência doméstica e familiar contra a mulher, mercado de trabalho, cursos profissionalizantes, obesidade, nutrição e planejamento familiar. Equipes também oferecerão ainda ginástica funcional e atividades físicas, além de um bate-papo com jovens.

As comemorações em homenagem à mulher têm como parceiros: Secretaria de Saúde, Secretaria de Trabalho, Assistência Social e Cidadania (Setrac), Secretaria de Esportes e Lazer, Centro de Referência e Assistência a Mulher (Cram), Programa DST/Aids e Hepatites Virais, Avon, Universidade Estácio de Sá, Colégio Santa Catarina, Faculdade Arthur de Sá Earp Neto – FASE, Recicla Tecido, Appo, Afipe. A programação completa está em www.petropolis.rj.gov.br.


Confira a Programação completa* e participe:

Segunda-feira, 10/3
Ocupação Lilás**- Show Grupo "Samba Choro"
Praça Dom Pedro, Centro.

Terça-feira, 11/3
Ocupação Lilás**- Show Grupo "GotamCru e os Coringas"
Praça Dom Pedro, Centro.

17h30 – Reunião do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher / Premiação das Mulheres de Destaque da Prefeitura de Petrópolis
Gabinete do Prefeito – Av. Koeler, 260, Centro.

Quarta-feira, 12/3
Ocupação lilás** -Show Grupo "Samba Choro"
Praça Dom Pedro, Centro.

16h – Ação de Cidadania do CRAM no Baile do Projeto Maturidade - Terceira Idade
Petropolitano Futebol Clube – Av. Roberto da Silveira, 82 Centro.

Quinta-feira, 13/3
Roda de Conversa: "Violência Doméstica e seus Diversos Aspectos"
Centro de Referência e Atendimento à Mulher – CRAM Tia Alice - Rua Santos Dumont, 100, Centro.

Ocupação Lilás** – Show Grupo "GotamCRU e os Coringas"
Praça Dom Pedro, Centro.

Sexta-feira, 14/3
Ocupação Lilás** – Show de Encerramento "Trio Dubrá"
Praça Dom Pedro, Centro.

Sábado, 15/3
14h – Abertura da Copa Municipal das Comunidades de Futsal Feminino
Magnólia Esporte Clube - Rua Bingen, 1.738, Bingen.

**Programação Ocupação Lilás – de 10 a 14/3, 10h às 17h
Praça Dom Pedro
Dia da Beleza (Avon)
Aferição de pressão arterial e taxa glicose (Universidade Estácio de Sá / Colégio Santa Catarina)
Orientação sobre DST/Aids (Programa Municipal de DST/Aids e Hepatites B e C)
Orientação sobre obesidade e nutrição (Faculdade Arthur de Sá Earp Neto - FASE)
Ginástica Funcional e atividades físicas (Universidade Estácio de Sá)
Orientação sobre Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher (Secretaria de Governo/Centro de Referência e Atendimento à Mulher)
Orientação para mercado de trabalho (Recicla Tecido)
Orientação sobre câncer de mama (Associação Petropolitana dos pacientes Oncológicos - APPO)
Orientação sobre Planejamento Familiar (Instituto da Mulher, da Criança e do Adolescente)
Cursos Profissionalizantes (Associação Filantrópica de Petrópolis - Afipe)
Papo com a Juventude (Coordenadoria de Juventude, Secretaria de Trabalho, Assistência Social e Cidadania)

* Programação sujeita a alteração. Participação livre. Confira a programação completa no site www.petropolis.rj.gov.br.

Acompanhe a prefeitura de Petrópolis nas redes sociais: f/prefeituradepetropolis @prefpetropolis

A primeira Corrida Rústica da Mulher, realizada no último domingo (9/3), mobilizou atletas e praticantes do esporte. A bela manhã de sol animou os 233 inscritos, que percorreram cinco quilômetros entre a Catedral São Pedro de Alcântara e a Avenida Barão do Rio Branco. O evento faz parte da programação da Semana da Mulher, promovido pela Prefeitura em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim) e a secretaria de Esportes e Lazer, em comemoração ao Dia Internacional da Mulher.

A chefe de Gabinete e presidente do Condim, Luciane Bomtempo, lembrou que a programação também tem como objetivo alertar a população em relação a dois temas importantes: a luta contra a violência doméstica e o repúdio à portaria do Ministério da Saúde que restringe o acesso à mamografia. “São duas grandes batalhas que surgiram nas reuniões do Comdim e que serão mantidas ao longo do ano”, ressaltou, destacando que a luta contra a violência doméstica também é do prefeito Rubens Bomtempo.

Mulheres e homens de todas as idades participaram da corrida rústica, considerada um sucesso pelos organizadores. “Foi gratificante ver homens e mulheres juntos, celebrando essa data”, disse o secretário de Esporte e Lazer, Renato Freixiela.

Todos os participantes receberam camisas e medalhas. Ao longo do percurso foram instalados pontos de hidratação e, na concentração, foram distribuídas frutas para os corredores. A premiação foi dividida por faixa etária, tanto para homens quanto para mulheres.

Na categoria geral feminino a atleta Eliangela Thomaz, da equipe BIO 2, foi a vencedora. “O percurso era bem conhecido e foi bem sinalizado. Correr em comemoração ao Dia Internacional da Mulher é um estímulo para que as mulheres comecem a praticar o esporte”, disse. No geral masculino, o corredor da equipe Pé de Vento, João Marcos Silva chegou em primeiro lugar. “A organização do evento está de parabéns. Parabenizo também as mulheres pelo seu dia”.

A organização e planejamento da corrida também tiveram a participação de dois atletas renomados no município: Artur de Castro Freitas e Hélio de Oliveira. A classificação completa e o tempo percorrido por cada participante estão no site www.papaleguas.org.

Homens e mulheres com idade acima de 60 anos ganham mais um incentivo. Os idosos agora serão beneficiados com o projeto Era Digital na 3ª Idade. São 160 vagas disponíveis para o curso de informática. As inscrições começam na manhã desta terça-feira (11/03), na Escola Municipal Governador Marcelo Alencar, no Quitandinha. O projeto é uma parceria entre a Prefeitura e a Secretaria de Estado de Envelhecimento Saudável e Qualidade de Vida.

O objetivo é proporcionar aos idosos noções básicas de informática, garantindo inclusão digital. O curso ensina o básico em Windows, Word e Internet. Para receber o diploma os idosos precisam ser aprovados com média de avaliação igual ou superior a 75%.

Além da idade mínima de 60 anos, os interessados devem residir, preferencialmente, na região do Quitandinha e serem alfabetizados. Para inscrição, que será aberta às 9h, serão necessários um documento de identidade com foto, CPF e comprovante de residência. A Escola fica localizada na Avenida Amaral Peixoto, s/n, no Quitandinha.

Com uma hora e meia de duração, as aulas começam já na próxima quarta-feira (12/03) e serão realizadas de segunda à sábado, em dois horários matinais e, no período da tarde três horários serão disponibilizados. Ao todo serão 16 turmas com 10 alunos cada.

Notícias por data

« Setembro 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30            

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

iptu

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo