O projeto de lei de revisão do Plano Diretor protocolado na Câmara de Vereadores na semana passada foi debatido pelo Conselho Municipal da Cidade (Comcidade) durante reunião ordinária realizada ontem (1/7). O documento estabelece as diretrizes para a adequada ocupação da cidade e foi totalmente atualizado. Os conselheiros elogiaram o projeto e principalmente a participação do Comcidade na concepção do documento.

“Foi importante o fato de conseguirmos, em um curto período de tempo, realizar a discussão com a população para elaborar o projeto de lei. Divulgamos o texto e realizamos três audiências públicas até entregarmos a minuta do projeto de lei ao Legislativo”, destacou o secretário de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, Eduardo Ascoli.

O presidente do Comcidade, Carlos Eduardo Pereira, ressaltou que o documento é para todos os petropolitanos. “O Conselho Municipal da Cidade fez questão de mergulhar neste trabalho desenvolvido pelo atual governo porque foi sério e comprometido com a cidade”.

O próximo passo, segundo o secretário de planejamento é entregar até fim o agosto o Plano Plurianual e a Lei Orçamentária; depois o projeto de lei de revisão do Código de Obras e da Lei do Uso e Parcelamento do Solo (Lupos). “Entregando o PL de revisão do Plano Diretor ao Legislativo cumprimos uma etapa importante para o planejamento da cidade. A meta agora é entregar a revisão do Código de Obras que é de 1970 e da Lupos que também está desatualizada”, frisou. O PL de revisão do Plano Diretor conta com 16 mapas além de um diagnóstico da cidade, envolvendo todos os setores.

Além da revisão do Plano Diretor, também entrou em pauta a criação do grupo de trabalho para tratar de assuntos relacionados às Áreas de Preservação Permanente (APP). A medida adotada pelo prefeito Rubens Bomtempo tem como objetivo não só coibir novas ocupações, como também garantir os direitos dos moradores já consolidados nessas áreas.

O grupo é presidido pelo secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável Almir Schmidt e é composto pelo secretário de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, Eduardo Ascoli, pelo secretário de Proteção e Defesa Civil, Rafael Simão e também por representantes da Procuradoria Geral do Município, do Instituto Estadual do Ambiente, da Ampla, Águas do Imperador e da Apa-Petrópolis. “A discussão desse trabalho tem que acontecer em cada conselho uma vez que o grupo tem muitas diretrizes setorais”, disse o secretário de Meio Ambiente.

A reunião do Comcidade terminou com homenagens à União Distrital de Associações de Moradores (Udam) que fez aniversário de 24 anos de fundação no dia 24 de maio e ao Petropolitano Futebol Clube, que completa nesta quinta-feira (4/7) 102 anos.

A Prefeitura publicou no Diário Oficial o aviso de licitação para dar início ao processo de regularização urbanística e fundiária em diversas localidades da Estrada da Saudade. Com a iniciativa, o prefeito Rubens Bomtempo atende a uma das maiores demandas do bairro com a entrega do título de propriedade a 3.121 famílias.

O trabalho, que também contempla o levantamento e a legalização de novos passeios públicos, faz parte de um grande pacote de obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para a Estrada da Saudade.
Estão previstos mais de R$ 23 milhões para intervenções de urbanização, contenções, melhorias viárias e de drenagem, construção de equipamentos comunitários, demolição e recuperação ambiental. Os investimentos também contemplam o reassentamento de mais de 160 famílias.

A concorrência pública está marcada para o dia 2 de agosto e o edital completo estará disponível, a partir desta quarta-feira (3/7)  no Departamento de Licitações, Compras e Contratos Administrativos (Delca), na Av. Koeller, nº 260.

A urgência e emergência do Hospital Alcides Carneiro (HAC) reabriu hoje (1/7) após uma reforma geral. Durante a parte da manhã, o movimento foi tranqüilo no setor que foi totalmente revitalizado pela Prefeitura com a compra de equipamentos, mobiliário e insumos.

“A população entendeu a modalidade de atendimento no Hospital Alcides Carneiro. Não tivemos nenhum tipo de reclamação e tudo funcionou conforme havíamos previsto”, destacou o prefeito Rubens Bomtempo, acrescentando que após a reforma a população será atendida com dignidade.

O atendimento no HAC está funcionando de forma referenciada, como acontece no Hospital Santa Teresa (HST) que recebe pacientes de trauma encaminhados pelo Corpo de Bombeiros. Seis unidades irão referenciar os pacientes para a emergência do Alcides Carneiro. São elas: UPAs Centro e Cascatinha, Hospital Municipal Nelson de Sá Earp (HMNSE), Pronto Socorro do Alto da Serra, Posto 24 horas da Posse e Posto 24 horas de Pedro do Rio. Essas unidades irão encaminhar os pacientes mais graves para o atendimento de urgência no HAC, por meio de ambulâncias.

O setor de urgência do Alcides Carneiro também estará aberto para as pessoas que chegarem por meios próprios (chamada de demanda espontânea). Nesses casos, os pacientes serão acolhidos e avaliados, por meio de triagem, e quando necessário será feita a estabilização. Os pacientes não graves, após o acolhimento serão encaminhados para os ambulatórios do HAC ou de outra unidade.

No caso da pediatria, por exemplo, os pacientes não graves serão encaminhados para o ambulatório do Alcides Carneiro para atendimento. Por mês, são mais de 500 consultas ociosas no setor, ou seja, que não são usadas. “Estamos tendo dificuldades para encontrar pediatras, por isso pedimos à população que, neste momento, procure atendimento na UPA de Cascatinha e no Pronto Socorro do Alto da Serra, unidades que são referenciadas para o atendimento pediátrico. É importante dizer que o Alcides Carneiro estará aberto para atender a todas as pessoas que lá procurarem atendimento”, frisou o prefeito.

A reabertura do setor de urgência e emergência do Alcides Carneiro, fechada desde outubro do ano passado, faz parte do processo de reestruturação do hospital. Desde o início do governo medidas importantes para o bom funcionamento do hospital já foram tomadas, como a reabertura da UTI (com os 10 leitos), a inauguração do mamógrafo (que estava parado há três anos), melhorias no centro cirúrgico além da ampliação da maternidade, que após o fechamento do Hospital Casa Providência passou a ser a única unidade da cidade a realizar atendimento na rede pública.

A Secretaria de Educação iniciou nesta segunda-feira (1/07) um projeto com alunos da rede para que eles possam conhecer a história e a cultura alemã por meio da bauernfest. Cerca de 1.500 crianças da rede municipal de ensino vão conhecer o tradicional evento que mobiliza toda a cidade e atrai milhares de turistas. Hoje foi a vez das escolas municipais Abelardo de Lamare, Bataillard, Soroptimista (pela manhã) e Senador Mario Martins, São Judas Tadeu e Salvador Kling (à tarde).

A primeira atividade foi realizada pelo grupo Faz de Conta, que contou a história de Petrópolis para a plateia repleta de crianças atentas. “Nós contextualizamos o tema, trazemos as crianças para esse convívio histórico e promovemos a valorização da cidade. Estando aqui elas passam a entender melhor por que existe essa festa e qual a contribuição dos colonos para a nossa cidade”, afirmou a historiadora Vânia Nicolau, que comandou a contação de histórias.  

Depois, foi apresentado o teatro Bonecos em Cena, no qual foram representadas canções com temáticas alemãs e também algumas populares brasileiras e até italianas. E, por fim, um lanche típico da Bauernfest: salsichão e refrigerante, com a distribuição de adesivos e máscaras.

Diretora-adjunta da Escola Municipal Salvador Kling, Rosemary de Carvalho Gonçalves Machado, trouxe 50 alunos, duas professoras e uma intérprete para Libras, para os dois alunos surdos da instituição. “Foi uma novidade muito grande para os alunos, eles ficaram em uma ansiedade enorme. Achei esse projeto muito interessante porque permite aos estudantes não ficarem só na história teórica, pois a história é viva e essa festa acontece todos os anos”, afirmou.

A professora Márcia Valéria Leitão, que trabalha há 20 anos na Escola Municipal São Judas Tadeu, contou que esta foi a primeira vez que a instituição trouxe os alunos para conhecer a Bauernfest. Ela e a inspetora de disciplina Andréia Ferreira levaram 26 alunos, todos do 4° ano do Ensino Fundamental, em um ônibus disponibilizado pela Prefeitura. “As crianças ficaram muito entusiasmadas com essa aula-passeio. Elas estudaram a história da cidade na sala de aula e aqui estão vivenciando a cultura alemã. Além disso, muitas nunca vieram à Bauernfest. Temos inclusive uma criança que ainda não conhecia o Palácio de Cristal”, disse a professora.

Para a autora do projeto, a chefe de Divisão de Atividades Culturais e Artísticas da Secretaria de Educação, Catarina Maul, “A herança que os colonos nos deixaram, povoam nossa paisagem (construções, pontes vermelhas), os sobrenomes de muitos e as características de uma gente que ainda guarda, na personalidade e nos traços, referências a esse povo”, disse, ressaltando que a secretaria montou uma programação educativa para que os alunos passeiem e também levem a cultura da festa para as escolas e para as suas casas. “A Bauernfest tem todo esse apelo turístico, mas é, sobretudo, uma festa para Petrópolis”, completa.

A aluna da Escola Municipal São Judas Tadeu, Júlia Reis Fecher, de oito anos, foi uma das que participaram das atividades. A estudante do 4° ano do Ensino Fundamental foi chamada por Vânia Nicolau para responder perguntas sobre história. “Achei muito legal. Foi a primeira vez que eu vim com meus amigos do colégio. Ano passado vim com a minha família”, contou Júlia.

Outro que participou das atividades lúdicas foi Guilherme Birc, da Escola Municipal Senador Mario Martins. O aluno de nove anos foi chamado para dançar com a boneca do teatro de bonecos. “Gostei muito de participar. Foi a primeira vez que eu vim à Bauernfest, a minha família não tem o costume de vir”, disse Guilherme.  

Segunda, 01 Julho 2013 - 15:01

Estão abertas as inscrições para o CMEL

Estão abertas até o dia 5 de julho, de segunda a sexta-feira, as inscrições para a sociedade civil concorrer às cadeiras no Conselho Municipal de Esportes e Lazer (CMEL). A eleição dos novos conselheiros acontecerá durante a realização do I Fórum de Esportes e Lazer do Município de Petrópolis, que acontecerá no dia 13 de julho no Liceu Municipal Prefeito Cordolino Ambrósio (Campus I), das 8h às 17h, e que terá como tema central “O Futuro do Desporto Estudantil e Comunitário”.


As inscrições para o CMEL são recebidas de acordo com as especificidades de cada um dos segmentos elencados na Lei Municipal 6.378, de 15 de setembro de 2006, que criou o Conselho, mediante comprovação de “elegibilidade” através de apresentação de documentos. A lista das exigências para concorrer está disponível no próprio local de inscrição, podendo ser também solicitadas pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. . A Secretaria de Esportes e Lazer fica localizada na Rua Moreira da Fonseca, 33 – Centro (ao lado da Câmara Municipal) e as inscrições podem ser feitas das 14h às 18h.


O Fórum de Esportes e Lazer também servirá para colher propostas dos diferentes segmentos envolvidos no debate da construção de políticas públicas voltadas para o setor (academias, empresas, universidades, associações de moradores etc), divididos por grupos de trabalho nas quatro coordenadorias que compõem a estrutura da SEL: desporto estudantil, comunitário, de rendimento e para pessoa portadora de deficiência.


Duas palestras estão programadas: às 10 horas, “Projetos Esportivos Sociais X Grandes Eventos Esportivos – A discussão sobre o legado”, com o professor Luiz Carlos Michelotti Pinheiro e, logo em seguida, a palestra “Importância do esporte estudantil na construção da cidadania plena”, com o professor Cláudio Castro de Jesus. Para o Secretário de Esportes e Lazer, Renato Freixiela, o momento é de arregaçar as mangas e trabalhar pelo desenvolvimento do esporte e do lazer na cidade.


“Tenho plena convicção de que estamos trilhando o caminho certo. O governo municipal necessita da participação popular e os conselhos são o caminho para que essa colaboração mútua ocorra. É fundamental que toda a sociedade organizada discuta e auxilie na construção das políticas públicas. É isso só tem a nos auxiliar no processo de democratização e legitimização das decisões”, destaca o Secretário.

Após uma reforma geral, o setor de urgência e emergência do Hospital Alcides Carneiro (HAC) vai reabrir na manhã desta segunda-feira (1/7), obedecendo à determinação judicial expedida pela 2ª Vara Federal de Petrópolis. O setor foi totalmente revitalizado pela Prefeitura que também investiu na compra de equipamentos, mobiliário e insumos para o funcionamento da urgência e emergência.

“A população vai contar com uma urgência totalmente nova, uma vez que o setor encontrava-se fechado desde outubro do ano passado. Quando assumimos a situação do Hospital Alcides Carneiro era crítica, com a maternidade superlotada devido ao fechamento da Casa Providência; o CTI desativado; além da falta de insumos, como soro; dívidas com prestadores e os salários dos profissionais atrasados”, lembrou o prefeito Rubens Bomtempo.

O atendimento no HAC será referenciado, como acontece no Hospital Santa Teresa (HST) que recebe pacientes de trauma encaminhados pelo Corpo de Bombeiros. “O município tem dificuldade em contratar médicos, principalmente pediatras para trabalhar recebendo toda a demanda espontânea”, destacou o prefeito.

Seis unidades irão referenciar os pacientes para a emergência do Alcides Carneiro. São elas: UPAs Centro e Cascatinha, Hospital Municipal Nelson de Sá Earp (HMNSE), Pronto Socorro do Alto da Serra, Posto 24 horas da Posse e Posto 24 horas de Pedro do Rio. Essas unidades irão encaminhar os pacientes mais graves para o atendimento de urgência no HAC, por meio de ambulâncias.

O setor de urgência do Alcides Carneiro também estará aberto para as pessoas que chegarem por meios próprios (chamada de demanda espontânea). Nesses casos, os pacientes serão acolhidos e avaliados, por meio de triagem, e quando necessário será feita a estabilização. Os pacientes não graves, após o acolhimento serão encaminhados para os ambulatórios do HAC ou de outra unidade.

No caso da pediatria, por exemplo, os pacientes não graves, serão encaminhados para o ambulatório do Alcides Carneiro para atendimento. Por mês, são mais de 450 consultas ociosas no setor, ou seja, que não são usadas. “Optamos por abrir a urgência do HAC de forma referenciada, justamente para organizar a rede. Essas consultas que não usadas no ambulatório do Alcides Carneiro, demonstra que a rede precisa ser reorganizada para funcionar melhor”, ressaltou o secretário de saúde, André Sá Earp.

A supressão de pontos de ônibus realizada pela Concer no trecho entre os kms 57 e 82 da Rodovia BR-040 foi comunicada ao Ministério Público Federal pela CPTrans. O objetivo é garantir que a concessionária realoque a sinalização, atendendo as necessidades das comunidades que vivem nesses locais. A empresa que administra a rodovia também foi oficiada.

De acordo com o presidente da CPTrans, Gilmar de Oliveira, foi verificado que 16 pontos de parada para o embarque e desembarque de passageiros foram suprimidos e permanecem sem qualquer sinalização.

Como se trata de uma Rodovia Federal, a CPTrans não tem ingerência sobre as paradas de ônibus. No entanto, as alterações deveriam ter sido comunicadas à companhia, como forma de garantir que os moradores não fossem prejudicadas.

Os ofícios foram enviadas no último dia 25 de junho para o presidente da Concer, Pedro Jonsson, e ao procurador da República, Charles Stevan da Mota Pessoa, que representa o Ministério Público Federal.

“Identificamos o problema a partir da denúncia de moradores. Realizamos o levantamento e queremos providências imediatas, pois os moradores não podem continuar sendo sacrificados”, disse Gilmar de Oliveira.

Está sendo prorrogado até o dia 5 de julho o prazo das inscrições para a seleção pública de profissionais para atuar na Secretaria de Trabalho, Assistência Social e Cidadania – Setrac. O edital com a prorrogação será publicada no Diário Oficial de amanhã (29/06).

Um total de 103 vagas, sendo 20 para assistentes sociais, 13 para psicólogos, 10 pedagogos e outras 53 para orientadores sociais, estão sendo disponibilizadas, para contrato inicial de seis meses.

A única exigência é a comprovação de experiência mínima de seis meses em programas, projetos e serviços socioassistenciais. A seleção visa o atendimento das necessidades imediatas da Setrac. Isso porque o último concurso público não atendeu a necessidade da secretaria. A contratação irá auxiliar na continuidade das ações que já vem sendo desenvolvidas, possibilitando ainda para esse segundo semestre a expansão dos atendimentos.

As inscrições podem ser feitas das 14h às 18h, na Secretaria de Administração e Recursos Humanos, onde, além do currículo, os interessados devem comparecer munidos de documentos, como carteira de identidade, CPF, título de eleitor e comprovante de quitação com a Justiça Eleitoral, para os homens é exigido ainda o Certificado de Reservista. Também deve ser levado o comprovante de escolaridade e o registro no Conselho de Classe. A Secretaria fica na Avenida Koeler, 260, no Centro.

A Secretaria de Saúde inicia na segunda-feira (1/7) a vacinação dos profissionais que trabalharão durante a XXVIII edição da Jornada Mundial da Juventude. Estão sendo convocados trabalhadores da área de turismo, segurança, transporte, imprensa e religiosos que organizarão o evento. Serão aplicadas as vacinas contra sarampo, caxumba e rubéola (tríplice viral) e influenza.

“A cidade vai receber um grande número de pessoas de outras cidades e países, por isso a necessidade de vacinar os trabalhadores que estarão diretamente envolvidos no evento”, explicou a coordenadoria do Setor de Epidemiologia, Elisabeth Cavalcanti. A programação XXVIII edição da Jornada Mundial da Juventude no município acontecerá entre os dias 16 e 21 de julho.

A vacinação será realizada entre os dias 1º e 12 de julho, de segunda a sexta-feira, de 8h as 16h30, em dois pontos: Centro de Saúde (Rua Santos Dumont, nº 100 – Centro) e Setor de Epidemiologia (ao lado do Hospital Municipal Nelson de Sá Earp). Alertamos que os profissionais deverão comparecer aos pontos de vacinação com cartão de vacina e comprovação de profissão.


O prefeito Rubens Bomtempo montou um grupo de trabalho para tratar de assuntos relacionados às Áreas de Preservação Permanente. A medida tem como objetivo não só coibir novas ocupações, como também garantir os direitos dos moradores já consolidados nessas áreas.

O grupo é presidido pelo secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Almir Schmidt e é composto pelo secretário de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, Eduardo Ascoli; do secretário de Proteção e Defesa Civil, Rafael Simão e também de representantes da Procuradoria Geral do Município, do Instituto Estadual do Ambiente, da Ampla, Águas do Imperador e da Apa-Petrópolis.

Com a iniciativa, o município pretende integrar todas as entidades para que juntos possam elaborar e propor medidas administrativas relacionadas a essas áreas no tocante à atuação da Prefeitura e das concessionárias de serviços públicos.

“Muitas famílias que já estão consolidadas nas áreas de APP, quando deixam de pagar a conta de luz, por exemplo, não conseguem o restabelecimento da energia. Outras até hoje não conseguiram a expansão da rede de água. Queremos mostrar que apesar de ser APP, essas pessoas já estão estabelecidas nesses locais há muitos anos e precisam ter os seus direitos garantidos”, explicou Almir Schmidt, ressaltando que novas ocupações não serão permitidas.

Notícias por data

« Junho 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

iptu

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

cmv-logo

Relatorio CMVP