Terça, 22 Outubro 2013 - 11:38

Boletim da Defesa Civil - 7h20

A Secretaria de Proteção e Defesa Civil informa que as chuvas da madrugada desta terça-feira (22/10) geraram 13 ocorrências de deslizamentos e quedas de árvore na cidade até o momento, principalmente na região do Quitandinha. Não houve vítimas. O período mais crítico foi a partir das 3h45, quando choveu 100 milímetros em menos de 45 minutos na Rua Coronel Veiga. Nove sirenes do Sistema de Alerta e Alarme foram acionadas nos bairros. Houve inundação das ruas do Imperador e Coronel Veiga.

O prefeito Rubens Bomtempo, acompanhado pelo secretário de Proteção e Defesa Civil,tenente-coronel Rafael Simão, comanda as ações de resposta e está percorrendo os locais atingidos.Petrópolis continua em estado de alerta. Até o momento, uma família de quatro pessoas ficou desabrigada e duas famílias com um total de cinco pessoas ficaram desalojadas.

A Secretaria de Proteção e Defesa Civil orienta a população a telefonar para 199 solicitando uma vistoria preventiva no caso de qualquer sinal de instabilidade em casas ou terrenos. A ligação e o serviço são gratuitos.

“O aluguel social para 500 famílias desabrigadas das chuvas está mais do que assegurado. É um compromisso do governo do Estado", garantiu nesta segunda-feira (21.10) o governador Sérgio Cabral.  O anúncio, ao lado do deputado estadual Bernardo Rossi (PMDB), foi feito logo pela manhã ao prefeito Rubens Bomtempo (PSB). "É importante esse encontro em que o governo reafirma seu compromisso com os petropolitanos para que essas famílias já tão penalizadas tenham segurança", destaca Bernardo Rossi.  O prefeito Rubens Bomtempo está satisfeito com a medida. “Agora está sendo restabelecido o que foi pactuado em março quando conversamos com o governo do Estado. Estou muito feliz pelas famílias e em poder continuar a pactuar com o governador Sergio Cabral. Ele está cumprindo seu compromisso”, disse Bomtempo, que enumerou ainda cerca de R$20 milhões em obras também pactuados com o governo do Estado, pelo programa Somando Forças.

Como parte do acordo, o município poderá arcar com o próximo mês de aluguel em novembro, caso o Estado não tenha tempo hábil para se movimentar. “Iremos garantir a não interrupção do benefício neste primeiro mês”, disse o prefeito. Ele considera importante o aluguel social ser mantido até que os programas habitacionais sejam concluídos e as pessoas possam se mudar, em definitivo, para áreas seguras. Mais de duas mil unidades habitacionais estão previstas em cinco terrenos comprados pelo município. Outras duas áreas desapropriadas pelo governo do Estado no Vale do Cuiabá (120 unidades) e na Mosela (160) serão cedidas para o município. O acordo também foi selado neste encontro.

Dois projetos habitacionais do município estão em fase adiantada: no Caetitu e Vicenzo Rivetti. Ao governo do Estado Bomtempo pediu celeridade para dar andamento às unidades da Estrada da Saudade e Vila Hípica. Outras 144 unidades na Posse, dois conjuntos de apartamentos - obras dos governos estadual e municipal - estão em fase final. Elas se somam a outras 50 casas modulares já prontas, no Vale do Cuiabá.  “Somando todos os programas habitacionais, Petrópolis tem a chance de fechar o ano com o compromisso de ao longo de 2014 serem entregues mais de duas mil unidades", contabiliza Bernardo Rossi.

Além do programa habitacional foi discutido no encontro a preparação dos municípios frente às chuvas de Verão.  Petrópolis, Teresópolis e Nova Friburgo, por sugestão de Bomtempo, vão apresentar, em parceria com o governo do Estado, seus planos de contingência para o período de fortes chuvas. "É preciso estarmos em consonância na Região Serrana e tornar público os preparativos em tecnologia, recursos humanos e equipamentos com que vamos enfrentar este verão", afirma o prefeito.


Aluguel social e compra assistida

Hoje, o Estado mantém 700 famílias em aluguel social em Petrópolis, um investimento anual de R$ 4,2 milhões. Cada família, cadastrada pelo município, recebe R$ 500 mensais. Desde as chuvas de março deste ano, mais 500 famílias foram atendidas com recursos do governo federal. No final do prazo de seis meses acordado pelas administrações esse pagamento passa a ser do governo do Estado. São mais R$ 3 milhões anuais em investimentos para manter as pessoas fora das áreas de risco. Outras 300 famílias recebem o aluguel social diretamente da prefeitura.

- Temos todos de nos esforçar para que essas pessoas não deixem o aluguel social e retornem às áreas de risco. Esse é o apelo que o governo faz ao município. Manter essas pessoas no cadastro e não deixar que as casas interditadas sejam ocupadas", afirma o governador.

O vice-governador e secretário estadual e Obras, Luiz Fernando Pezão, elencou no encontro as ações desenvolvidas pelo Estado em Petrópolis. Os investimentos na cidade englobam também as indenizações e compras assistidas. "Foram negociadas indenizações e compras assistidas com 334 famílias e outras 807 casas, em áreas de risco, em margens de rios também foram mapeadas e estamos em fase de negociação. Em toda a Região Serrana são 2.400 famílias que serão retiradas de casas condenadas, um investimento de R$ 209 milhões".

A escassez de áreas disponíveis para grandes complexos de casas populares em Petrópolis, fez com que o Estado, de forma inédita, investisse em outras iniciativas mais pontuais e mais eficazes.

- A vida das pessoas, independente de questões partidárias e políticas, está acima de tudo", afirma Bomtempo.  Para Bernardo Rossi o papel do governo do Estado é fundamental. "Hoje, o Estado trabalha para uma retirada das pessoas de áreas de risco de forma responsável e definitiva. O aluguel social é fundamental para que as pessoas não retornem às antigas casas e voltem a correr riscos".

Sete comunidades da cidade passaram a contar no último fim de semana com Núcleos Comunitários de Defesa Civil (Nudecs): São Sebastião, Presidente Sodré, Siméria, Chapa 4, Pica-Pau, Dr. Thouzet e 24 de Maio. Já são mais de cem agentes comunitários em Petrópolis capacitados pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Proteção e Defesa Civil, para atuar como voluntários em trabalhos de prevenção de tragédias das chuvas e na resposta a situações de desastres naturais.

Os agentes aprenderam sobre prevenção de tragédias e tiveram noções de percepção de risco e de primeiros socorros. O secretário de Proteção e Defesa Civil, tenente-coronel Rafael Simão, esteve em todas as comunidades que receberam o curso. Ele lembrou que, nos últimos desastres das chuvas, o poder público demorou a conseguir chegar aos lugares atingidos, porque ruas ficaram interditadas.

“Nós precisamos de vocês para prevenir desastres e também em uma situação de tragédia para fazer os primeiros socorros enquanto a assistência não chegar ao local. Vocês amam a comunidade, e isso é fundamental para ser um bom agente comunitário”, disse Rafael Simão.

O funcionário público Sérgio Tesch, de 54 anos, morador do Dr. Thouzet, foi um dos agentes comunitários capacitados neste fim de semana. “Diante das tragédias que nós vemos na comunidade, o que aprendemos hoje aqui é fundamental. O Nudec nos leva a participar e a estarmos juntos. Na hora da necessidade, esse núcleo vem para integrar a comunidade”, disse Sérgio.

A capacitação desses agentes é uma medida da Prefeitura para preparar a cidade para as chuvas de verão. A meta é criar 50 Nudecs até o fim do ano, capacitando 1,5 mil agentes comunitários voluntários, que serão um elo entre a comunidade e a Defesa Civil. A formação é contínua e não acabou neste fim de semana.

Foram capacitados 30 moradores da 24 de Maio. Já no São Sebastião, Siméria e Presidente Sodré formaram 29 agentes. Dr. Thouzet, Chapa 4 e Pica-Pau capacitaram 26 pessoas. Em setembro, o Morin recebeu o Nudec com 15 pessoas. Mas, desde então, outros 17 moradores já aderiram ao núcleo do bairro.

A criação de outros 24 Nudecs foi adiada para os dias 9 e 10 de novembro. Os interessados devem se inscrever até o dia 5 pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ou pelo telefone 2246-9291. Nas comunidades onde não houver pelo menos 30 inscritos não serão formados Nudecs.

No fim de semana dos dias 9 e 10 de novembro, serão criados os Nudecs das comunidades: Ferroviários, Euclides da Cunha, Oficina, Sargento Boening, Castelânea, Vila Felipe, Chácara Flora, Taquara, Cremerie, Independência, Bairro Mauá, Serrinha, Pedras Brancas, Mosela, João Xavier, Duarte da Silveira, Morro do Gavião, Bingen, Amazonas, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Duques, Gulf e Capela.

Terça, 22 Outubro 2013 - 10:07

Petrópolis comemora o Dia do Aviador

Esta quarta-feira, dia 23 de outubro, é o Dia do Aviador. Em comemoração, a Prefeitura homenageará o pai da aviação, Alberto Santos Dumont. A partir das 9h30, quem estiver na cidade poderá participar do “Museu de Portas Abertas” - visitas guiadas pelo Museu Casa de Santos Dumont e pelo Centro Cultural 14 Bis, com entrada gratuita. A Banda Marcial Wolney Aguiar e o coral da Escola Municipal de Educação Especial Santos Dumont vão se apresentar em frente ao museu no horário em que começarão as visitas.

E as comemorações não param por aí. Para os visitantes do fim de semana será oferecida uma atração extra: a exibição de um curta-metragem no sábado, “14 Bis”, e de um documentário no domingo, “Santos-Dumont - O Homem Pode Voar”.

A Encantada - Conhecida como “A Encantada”, a casa que abriga o museu foi projetada pelo próprio Santos Dumont, em 1918. Ele orientou cada detalhe e também acompanhou a construção. Em terreno íngreme, ela apresenta soluções inovadoras, que refletem a inventividade do pai da aviação. De dimensões mínimas e um esquema multiuso, conta até com um observatório do céu. Ele a utilizou como casa de veraneio até 1932, data do seu falecimento. Em 1936, a casa, seu mobiliário e objetos de uso do Santos Dumont foram doados à Prefeitura de Petrópolis pelos familiares do inventor. Em 1956, foi criado o Museu Casa de Santos Dumont e em 2012 foi criado um anexo para atividades culturais, o Centro Cultural 14 BIS. O conjunto recebe, em média, nove mil visitantes por mês.

PROGRAMAÇÃO:

Dia do Aviador - 23/10, 4ª feira

Das 9h30 às 17h: “Museu de Portas Abertas” – visitas guiadas pelo museu e Centro Cultural 14 Bis, com entrada gratuita

Às 9h30: Solenidade em homenagem ao Dia do Aviador - com da Banda Marcial Wolney Aguiar e o coral da Escola Municipal de Educação Especial Santos Dumont

26/10, sábado

Os visitantes do museu poderão assistir o curta-metragem “14 Bis”, de André Ristum, em duas sessões, às 11h e 15h, com 23 minutos de duração. O drama conta a saga do brasileiro que realizou o primeiro voo de avião da história, levando ao delírio a multidão presente no Campo de Bagatelle, em Paris. Anos depois, Alberto Santos Dumont se depara com o uso que a humanidade fez de seu invento: um instrumento bélico durante a Primeira Grande Guerra.

27/10, domingo

Para os visitantes do dia, exibição do documentário “Santos-Dumont - O Homem Pode Voar”, de Nelson Hoineff, com duração de 75 minutos. O filme traz imagens do aviador brasileiro que se julgava inexistentes ou perdidas para sempre. Entre elas estão a do voo definitivo do 14-bis, as dos experimentos com o número 18 no rio Sena e as dos mais importantes voos do Demoiselle. As sessões serão às 11h e 15h.

Serviço:

Data: 23/10

Solenidade pelo Dia do Aviador: 9h30

Visitas guiadas: das 9h30 às 17h

Rua do Encanto, 22, Centro – (24) 2247-3158

Ingressos: dia 23 - entrada franca para todos

Demais datas: R$ 5,00 / R$ 2,50 / Isenção para escolas agendadas

Disque Turismo: 0800 020 1516

Terça, 22 Outubro 2013 - 09:27

PSF do Alto da Serra participa do Outubro Rosa

Mais de 200 pessoas participaram da programação do Outubro Rosa realizado hoje (21/10) no Posto de Saúde da Família (PSF) do Alto da Serra. Logo pela manhã, as aulas de aeróbica e dança do ventre foram concorridas e mais de 100 mulheres prestigiaram as atividades. O posto foi todo enfeitado com a cor do evento e um café da manhã também foi servido para as pacientes.

“Está sendo um sucesso. As mulheres da comunidade estão participando de tudo”, comemorou a enfermeira do PSF, Mônica Maia. Este foi o primeiro evento idealizado pelas agentes comunitárias de saúde do PSF, motivo de comemoração das equipes do posto. “As agentes que organizaram toda a programação para a comunidade”.

A aposentada Olinda da Costa, de 77 anos, foi a primeira a chegar ao PSF. Paciente do posto há seis anos, ela participou das atividades e elogiou a iniciativa. “Estou gostando muito, vou participar de toda a programação”, contou.

Na parte da manhã, as pacientes fizeram aulas de aeróbica e dança do ventre. Elas também puderam fazer maquiagem e quick massage. Na parte da tarde a equipe da Associação Petropolitana de Pacientes Oncológicos (APPO) realizou uma palestra sobre prevenção ao câncer de mama. Entre 8h e 16 horas exames preventivos também foram realizados. 

Começou nesta segunda-feira (21/10) a campanha "Aproveite o Outubro Rosa e faça o seu preventivo", promovida pela secretaria de Saúde. O objetivo da mobilização é incentivar as mulheres a realizarem o exame contra o câncer no colo do útero. Este ano, o município já realizou 13 mil exames pela rede pública de saúde. Com a campanha, o número deve chegar a 14, 5 mil preventivos até 26 de outubro, último dia da mobilização.

Os Postos de Saúde da Família (PSF); as Unidades Básicas de Saúde (UBS) do Quitandinha, Mosela e Retiro; o Instituto da Mulher, da Criança e do Adolescente (Centro de Saúde) e o Ambulatório Escola em Cascatinha, estarão abertos de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h para a realização do exame. Além disso, cinco postos estarão funcionando em horário diferenciado. O PSF Carangola I estará aberto de segunda a quinta-feira até às 19h, o PSF Vila Rica funciona hoje (21/10) até 19h, o PSF Vila Felipe estará aberto na quinta-feira até às 20h30, o PSF Alto da Serra abre na sexta-feira com atendimento até 18h30 e o PSF Jardim Salvador estará atendendo na sexta-feira até 18h30.

“A campanha começou bem, com grande participação das mulheres. Hoje atendemos uma paciente que não fazia preventivo há três anos, são essas pessoas que temos que mobilizar”, ressaltou a coordenadora do Programa da Mulher, Fabíola Heck. A campanha "Aproveite o Outubro Rosa e faça o seu preventivo" termina no próximo sábado (26/10), quando 34 unidades estarão abertas para receber as mulheres. Neste dia o horário de funcionamento é das 8h às 17h.

O preventivo é um procedimento rápido e muito importante, considerado como a principal forma de prevenção contra o câncer no colo do útero. A doença é um dos responsáveis pelo elevado índice de mortalidade feminina, mas caso alguma anormalidade seja detectada precocemente, com a realização do preventivo, poderá ser tratada ainda mesmo antes que o câncer apareça. No ano passado, o município registrou oito mortes da doença, segundo dados do Ministério da Saúde.

Dois shows lotaram o Palácio de Cristal no fim de semana, na programação “Centenário de Vinicius”. No sábado, dia do aniversário do Poetinha, mais de 300 pessoas assistiram ao concerto “Petrópolis Canta Vinicius”, que juntou em uma só apresentação uma orquestra (Quartifuza Ensemble), dois corais (Coral Municipal de Petrópolis e Pró Tempore) e seis cantoras de vários grupos musicais da cidade, de estilos que vão do clássico ao rock’n’roll (Ana Sampaio, Cristina Carlos, Letícia Azevedo, Louh Marques, Kika Notini e Samanta Dias). A regência e direção artística foi do maestro Paulo Afonso.

No domingo foi a vez do grupo instrumental Taruíra - com a participação do cantor Gabriel Lobo - emocionar a plateia com o show “Tributo a Vinicius”. O horário de fim de tarde possibilitou, inclusive, que as crianças também pudessem comparecer, facilitando a participação de famílias inteiras. Os grandes sucessos musicais do poeta ergueram o público, que juntava suas vozes ao som dos artistas.

Além dos shows deste fim de semana, o Palácio de Cristal também foi a sede do concurso de Poesias “Amor Demais”, com inspiração na obra de Vinicius, na noite de quinta-feira. Foram premiados poetas e intérpretes em quatro categorias: infantil, juvenil, adulto e adulto de outras cidades.  


A arte de Petrópolis

Valorizar os artistas da cidade que tantas vezes acolheu o poeta, no refúgio onde compunha e relaxava com amigos durante os anos de seu casamento com Lucinha Proença foi uma das propostas da programação montada pela Prefeitura de Petrópolis/Fundação de Cultura e Turismo. Todos os participantes foram petropolitanos que representaram os diferentes segmentos artísticos da cidade: música, dança, poesia, artes plásticas e teatro.

Outras atrações

A sexta-feira trouxe também duas novas atrações da programação. Um flash mob, show-relâmpago feito de surpresa, atraiu as atenções na Praça D. Pedro por volta das 13h da tarde, com uma apresentação de dança coletiva, dos grupos da cidade, e a declamação do “Soneto de Fidelidade”, pela poetisa Márcia Pessini. No Centro de Cultura Raul de Leoni, foi aberta outra exposição de artes plásticas. “O Som de Vinicius - Perspectiva do Imaginário Infantil” mostra no Espaço Alternativo os trabalhos de arte dos alunos da Escola SESI.


A homenagem continua

As duas exposições de artes plásticas inauguradas na programação poderão ser vistas até o dia 3 de novembro. Além desta última, inaugurada na quinta-feira, está aberta a coletiva “Centenário Vinicius de Moraes”, com trabalhos de integrantes do Conselho Municipal de Cultura, inaugurada no dia 4 de outubro, com performance e show. A mostra é composta por pinturas, esculturas, objetos e fotografias, criados especialmente para esta exposição.

Ambas poderão ser vistas das 13h às 18h de terça-feira a sábado, e das 13h às 17h no domingo. A entrada é franca. O Centro de Cultura Raul de Leoni fica na Praça Visconde de Mauá, 305. O telefone é 2233-1200. Para mais informações: Disque Turismo - 0800 024 1516.

Cinco meses após a regulamentação da Nota Fiscal Imperial pela Prefeitura de Petrópolis, por meio da Secretaria de Fazenda, já foram realizadas mais de 110 mil emissões. O número expressivo é considerado um marco na administração pública, beneficiando a todos os contribuintes que exercem atividades prestadoras de serviços em Petrópolis.

“A implantação da Nota Fiscal Imperial salda uma dívida que a administração pública tinha com o contribuinte. Esta foi uma das prioridades do prefeito Rubens Bomtempo que conseguimos viabilizar logo nos primeiros meses do nosso governo”, comentou o secretário de Fazenda, Paulo Roberto Patuléa.

De acordo com os números da secretaria de Fazenda, mais de três mil empresas já se cadastraram no sistema, uma média diária, em crescimento, de 2.700 notas eletrônicas emitidas por dia. “Todos estes números resumem uma história de sucesso com o apoio decisivo do empresariado petropolitano, e dos contabilistas de nossa cidade, grandes apoiadores deste projeto desde a primeira hora”, destacou Patuléa.

O próximo passo para aprimoramento do sistema é a utilização da inteligência fiscal, que é uma ferramenta propicia para que através de ações pontuais a Prefeitura possa monitorar e orientar devidamente os contribuintes de ISS. “Ainda temos que melhorar muito e alguns procedimentos já estão em curso. Implementamos a Nota Fiscal Imperial em tempo recorde e estamos convictos de termos em mãos uma ferramenta que vai facilitar a vida dos contadores e empresários de nossa cidade”, concluiu o secretário.

O Centro Histórico ganhará de presente um imóvel emblemático do conjunto urbano-paisagístico totalmente restaurado. A Casa do Barão de Mauá foi cedida pelo município para ser o cenário da edição comemorativa de 15 anos do Mastercasa, uma mostra petropolitana de arquitetura, paisagismo e design.

“O município marcou um gol de placa ao fazer esta cessão da Casa Barão Mauá porque o imóvel necessitava urgentemente de uma reforma. Todos sabemos que para qualquer intervenção do município seria necessário o cumprimento de uma série de exigências burocráticas. Petrópolis lucra com a devolução deste lindo imóvel e com um evento que tem a credibilidade que precisamos para movimentar o setor turístico”, declarou o presidente da Fundação de Cultura e Turismo, Juvenil dos Santos.

No espaço, que ganhou pintura externa, interna e novos revestimentos, também foram criados outros usos para ambientes que antes eram obsoletos, como o porão. A equipe Mastercasa também realizou a recuperação das colunas, das redes hidráulica e elétrica e revitalização dos jardins. O destaque vai para a ampliação dos banheiros de seis para nove, alguns deles com adaptação para pessoas com deficiência.

Para a orientação e execução da recuperação e adaptações no imóvel, a equipe Mastercasa tomou todas as providências necessárias junto ao Iphan para o bom uso e conservação de um dos bens integrantes do conjunto tombado mais conhecido da cidade.

“A magnitude desse imóvel requer desafios na preservação de uma propriedade tão extensa e, assim como outros exemplos já ocorridos no Rio de Janeiro e arredores, podemos ver que eventos de arquitetura e decoração, quando realizados com critério e respeito ao patrimônio edificado, promovem a revitalização de imóveis importantes como é o caso da referida residência que pertenceu ao Barão de Mauá”, disse a chefe do Escritório Técnico II – Região Serrana do Iphan, Erika Machado.

“Tanto a realização do evento em si, como as contrapartidas a serem cumpridas, respeitados o patrimônio histórico, urbanístico e ambiental, evidenciam o interesse da coletividade porque proporcionam a conservação do prédio e incrementam a nossa notória vocação turística sem onerar o município”, disse o procurador Geral do Município, Marcus São Thiago.

Esta edição do Mastercasa acontece de 25 de outubro a 8 de dezembro e é triplamente comemorativa. Serão celebrados os 200 anos do Barão de Mauá, o centenário de Vinicius de Moraes e ainda os 15 anos do evento, que chega à sua 23ª edição como referência em arquitetura, decoração e paisagismo na região.

“Estamos muito felizes de poder contribuir com a cidade, não só na entrega de um imóvel histórico totalmente reformado nos padrões arquitetônicos estabelecidos, como também no fomento dos negócios e da atividade turística”, afirmou Kity Amaral, umas das arquitetas responsáveis pelo evento.

O Mastercasa permite a aproximação do público com as tendências e profissionais responsáveis pelos projetos em ambientes preparados para que os visitantes possam encontrar soluções para as suas próprias casas.

“Estaremos na casa que serviu ao Barão de Mauá e, mais tarde, como residência de verão do poeta Vinicius de Moraes. Vamos unir arquitetura, história e cultura para celebrar esses 15 anos”, ressaltou a arquiteta e também responsável pelo evento, Cristina Chimelli.

Cerca de dez mil pessoas deverão participar da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia em Petrópolis, que começará na próxima terça-feira (22/10) e terminará no sábado (26/10). O evento, com o tema “Ciência, Saúde e Esporte”, é uma realização do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação e coordenado, em Petrópolis, pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Ciência e Tecnologia. Haverá palestras, estandes de 12 empresas de tecnologia e atividades físicas adaptadas para atletas paraolímpicos. A semana irá mobilizar ONGs, escolas, universidades e institutos de pesquisa.

Nos dois primeiros dias, a programação será voltada para as pessoas com deficiência, como explicou o secretário de Ciência e Tecnologia, Airton Coelho.“Uma cidade que pretende se transformar em um polo de tecnologia deve ter um evento desse porte, que congregue empresas do setor na cidade. Temos neste ano uma proposta muito mais inclusiva, até para as pessoas perceberem que esporte e saúde podem chegar às pessoas com deficiência por meio da tecnologia”, disse o secretário.

Na terça-feira (22/10), no ginásio da UCP, haverá clínicas esportivas com atletas paraolímpicos,futebol de cinco (futebol para cegos), vôlei e basquete para cadeirantes, atletismo e, no encerramento das atividades esportivas, uma partida de futebol de cinco com o time campeão dos Jogos Estudantis e atletas paraolímpicos. No auditório do LNCC, a paratleta olímpica Rosinha dará uma palestra sobre superação.

Na quarta-feira (23/10), haverá uma apresentação para surdos da música Aquarela, que será traduzida para libras (língua brasileira de sinais). Em seguida, haverá as palestras “Handtalk – Tecnologia para Inclusão de Deficientes Auditivos”; “Superação com Tecnologia”, com o atleta paraolímpico Itamar Júnior de Oliveira; e “Tecnologias Aplicadas ao Esporte”, com a Allen Esportes.

O atual governo transformou a tradição na cidade da Semana de Ciência e Tecnologia em projeto de lei, o que garante que o evento seja realizado todo ano e que tenha previsão orçamentária. Além disso, o projeto fez com que a semana passasse a ser realizado na mesma data da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia.

Os eventos serão realizados em quatro pontos da cidade: ginásio da Universidade Católica de Petrópolis (UCP), na Rua Dr. Paulo Hervê, 1.435, Bingen; Palácio Itaboraí, na Rua Visconde de Itaboraí, 188, no Valparaíso; Palácio de Cristal, na Rua Alfredo Pachá, sem número; e auditório do Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC), no Quitandinha. A programação completa está no site da Prefeitura de Petrópolis: www.petropolis.rj.gov.br .

PROGRAMAÇÃO

Dia 22 de outubro (terça-feira)
9h – 17h - Ginásio da UCP (Bingen)
Clinicas Esportivas com atletas paraolímpicos
Fut5 (Futebol para Cegos)
Volei para cadeirantes
Basquete para cadeirantes
Atletismo
Encerramento com um jogo de futebol de 5 com o time campeão dos Jogos Estudantis e atletas paraolímpicos
10h – 17h - Palácio Itaboraí (Fiocruz)
Exposição Aventuras no Corpo Humano
12h – 18h - Palácio de Cristal
Exposição das IES, Empresas de Tecnologias e Centros de Competência
19h – LNCC – Auditório
Abertura Solene da Semana Nacional da Ciência e Tecnologia 2013
Apresentação do Programa EcoAmpla para recolhimento de resíduos sólidos
Palestra Superação com a paratleta Olimpica Rosinha

Dia 23 de outubro (quarta-feira)
10h-18h – Palácio de Cristal
Exposição nas Tendas
Mostra Ver Ciência (filmes)
10h – 17h - Palácio Itaboraí (Fiocruz)
Exposição Aventuras no Corpo Humano
19h – LNCC - Auditório
Abertura com alunos da Escola ... (cantando em Libras a música Aquarela)
Palestra “Handtalk – tecnologia para inclusão de deficientes auditivos”
Palestra Superação com Tecnologia com o Atleta paraolímpico Itamar Júnior de Oliveira
Palestras “Tecnologias aplicadas ao Esporte” com a Allen Esportes

Dia 24 de outubro (quinta-feira)
10h-18h – Palácio de Cristal
Exposição nas Tendas
Mostra Ver Ciência (filmes)
10h – 17h - Palácio Itaboraí (Fiocruz)
Exposição Aventuras no Corpo Humano

Dia 25 de outubro (sexta-feira)
10h-18h – Palácio de Cristal
Exposição nas Tendas
Mostra Ver Ciência (filmes)
10h – 17h - Palácio Itaboraí (Fiocruz)
Exposição Aventuras no Corpo Humano

Dia 26 de outubro (sábado)
10h-18h – Palácio de Cristal
Exposição nas Tendas
Mostra Ver Ciência (filmes)
10h – 17h - Palácio Itaboraí (Fiocruz)
Exposição Aventuras no Corpo Humano

Notícias por data

« Setembro 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30            

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

iptu

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo