Segunda, 19 Junho 2017 - 17:41

Campanha de Vacinação contra a gripe imuniza 70% da população

Campanha de Vacinação contra a gripe imuniza 70% da população

Cinco mil doses ainda estão disponíveis no setor de Epidemiologia

Com 70 mil pessoas vacinadas contra influenza, a Secretaria de Saúde mobiliza a população que ainda não se vacinou a se proteger contra a gripe. O município dispõe de cinco mil doses em estoque e direcionou a imunização para a Coordenação de Epidemiologia, localizada ao lado do Hospital Municipal Nelson de Sá Earp, no Bingen. A campanha chegou ao fim no dia (09.06) e mesmo com o anúncio da disponibilização das doses para toda população na última segunda-feira (12.06), a procura pela vacina continua baixa. 

Com a confirmação da circulação do vírus no município, após o óbito de duas mulheres este ano, o secretário de Saúde reforça a importância da imunização.

A Secretaria de Saúde sensibiliza o grupo prioritário – idosos, doentes crônicos e principalmente crianças e gestantes a buscar as doses que ainda estão disponíveis. Entre a população idosa, a imunização chegou a 81,35% de cobertura, dos 42.868 moradores acima de 60 anos, 34.871 tomaram a vacina.

A coordenadora da Epidemiologia, Alessandra Cardoso, avalia que a pouca procura das mães e crianças preocupa. Entre a população de crianças, que é de 16.292, apenas 7.959 receberam a vacina. Das 2.979 gestantes do município, 1.866 foram imunizadas, já entre as 490 puérperas apenas 240 procuraram as unidades de Saúde para receber as doses.

“A gestante ao se imunizar contra a gripe garante a proteção do bebê nos seus primeiros seis meses de vida. Isso porque os anticorpos gerados pela vacina passam para o feto pela placenta e, por não poderem ser imunizados contra a doença antes do primeiro semestre após o nascimento, a vacinação da mãe durante a gestação é a única forma de garantir a proteção contra a gripe logo no início da vida”, disse Alessandra Cardoso. Ela lembra ainda que a dose pode ser aplicada junto a outras vacinas, já que a imunização ocorre em braços diferentes.

“Pode-se tomar a febre amarela junto com a influenza e no caso do grupo de adolescentes, em que iremos intensificar a campanha contra o HPV, também podem tomar a da gripe junto, sem qualquer problema. O Importante é garantir a proteção do maior número de pessoas do município já que estamos bem próximo da chegada do Inverno, período em que há maior circulação do vírus influenza”, lembra Alessandra Cardoso.
 

Notícias por data

« Outubro 2017 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31          

DO

loa 2018

plano-plurianual-final

iptu

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

Casa dos Conselhos

ecidade

cpge

selo acesso informacao.fw