Equipes da Prefeitura estarão baseadas permanentemente no local

Duas frentes de trabalho foram abertas no Atílio Marotti onde, em uma obra de contenção, nesta madrugada, houve novo deslizamento na rua. Mais máquinas e homens da empresa contratada estão no local e atuam em estabilização do terreno com remoção de entulhos e nova avaliação do local e readequação do projeto.  Uma movimentação maior, no entanto, só será feita, por segurança, após o período de chuvas – previsto para ter continuidade até a próxima terça-feira. Petrópolis registrou o maior índice pluviométrico da região serrana em 24 horas – 130 milímetros.

Equipes da prefeitura permanecem no local sem interrupção. “Montamos uma estrutura de Obras, Comdep, CPTrans, Defesa Civil, Guarda Civil, Águas do Imperador e Assistência Social que vai ficar baseada no Atílio Marotti com ação e monitoramento 24 horas por dia”, afirma o prefeito Bernardo Rossi que esteve no local no início da tarde.

O abastecimento de água está regular, o acesso dos moradores está sendo feito por vans e a iluminação está normalizada. Coleta de lixo segue sendo feita de forma alternativa e a Secretaria de Obras e demais órgãos assinalam que uma via alternativa pode ser usada no local.

 “A prefeitura mobilizou todas as equipes para estarem aqui no Atílio Marotti nesse atendimento de emergência. Vamos continuar aqui direto dando todo suporte necessário para a comunidade”, ressalta o prefeito Bernardo Rossi.

O trabalho de retirada dos escombros seria iniciado ainda nesta quinta, mas não foi possível por causa da chuva que voltou a cair à tarde. Uma retroescavadeira será utilizada para remover o material que acabou desmoronando a partir desta sexta, caso a chuva pare.

“Com isso, a gente vai poder reavaliar as condições do solo da rede de manilhas. O projeto terá que ser revisto em função das condições em que ficou o local da obra”, afirmou o secretário de Obras, Ronaldo Medeiros.

A empresa responsável pela obra de construção de muro de gabião e cortina atirantada e de reconstrução do sistema de drenagem de águas pluviais, a MAcPort Estrutura, fez um desvio na rua para impedir que água chegue na área que desmoronou.

A Rua Atílio Marotti está interditada para passagem de veículos. O ônibus está fazendo parada no acesso à rua, na Av. Barão do Rio Branco. De lá, os passageiros são levados em uma Kombi até o local interditado. De lá, é feita baldeação até duas vans que fazem o transporte dos moradores até a parte mais alta da comunidade. CPTrans e Guarda estão mantendo agentes para orientar trânsito e controlar o acesso.

No local, a Comdep montou três tendas que servirão de apoio para equipes da Assistência Social, que ficará no local para dar suporte aos moradores, assim como da Secretaria de Saúde.

Também foi feita retirada de lixo que foi carregado pela chuva e ficou na rua e capina da região. Ainda foram colocadas três coletoras ao lado dessas barracas para os moradores fazerem o descarte de lixo.

O Departamento de Iluminação Pública instalou dois refletores para ampliar a iluminação do trecho e prevenir acidentes.

As escolas próximas tiveram as aulas suspensas nesta quinta e sexta. O Liceu Carlos Chagas teve remoção de lama pela Comdep. Já a Escola Municipal Nossa Senhora do Carmo não sofreu danos, mas os alunos não conseguiram acesso à unidade.

Apesar do grande acumulado de chuva, Petrópolis sofreu apenas danos pontuais

Mesmo com o registro do maior índice pluviométrico entre as cidades da Região Serrana na última madrugada – com 130 milímetros de chuva nas últimas 24h - Petrópolis sofreu apenas danos pontuais e as equipes da prefeitura já trabalham para retomar a normalidade das áreas afetadas. Desde cedo, agentes da Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias estão nas ruas atendendo as sete ocorrências registradas desde a noite de quarta-feira (07.11). São quatro deslizamentos de terras, duas vistorias preventivas e uma infiltração em uma residência.

Equipes das secretarias de Defesa Civil, Assistência Social, Obras, CPTrans, Comdep e Águas do Imperador seguem concentradas no Atílio Marotti onde uma obra de contenção cedeu. No Siméria, na Rua Manoel Francisco de Pauta, um deslizamento aconteceu nos fundos de uma casa, sem atingir o imóvel, que está abandonado. No Alto da Serra, na Rua Lopes Trovão, a queda de uma barreira fez com que uma residência fosse interditada preventivamente pela Defesa Civil.

Já no Independência, na Rua Glauce Rocha, um deslizamento de terra atingiu um poste de energia, que deixou os moradores sem luz por cerca de uma hora. Equipe da concessionária estiveram no local no início da tarde para normalizar a situação. O secretário de Defesa Civil e Ações Voluntárias, coronel Paulo Renato Vaz, explica que em caso de qualquer sinal de instabilidade no imóvel ou terreno, o morador deve ligar para o telefone 199 e pedir uma vistoria preventiva à Defesa Civil.

“Na cidade do Rio de Janeiro os pluviômetros registraram em 24h o que era esperado para o mês de novembro inteiro. Nas cidades vizinhas, apesar da chuva contínua, os índices foram mais baixos e o estragos maiores que aqui. É importante reforçar que a previsão de chuva permanece, e por isso, nossas equipes estão de prontidão para realizar os atendimentos”, afirma Paulo Renato.

Na cidade de Nova Friburgo, choveu 57 milímetros na última noite e a Defesa Civil municipal interditou cinco casas, deixando oito pessoas desalojadas. Em Lumiar, o nível de água no Encontro dos Rios subiu cerca de 11 metros. Na mesma localidade, foram registrados outros três deslizamentos de terra. Em Teresópolis, os pluviômetros marcaram 101 milímetros no bairro Coréia. Já em Bom Jardim, o bairro Maravilha marcou 65 milímetros.

Nas últimas 24 horas, o maior índice pluviométrico em Petrópolis acumulado está registrado no Independência, onde choveu 130 milímetros. No Duques, foram registrados 126 mm no mesmo período. A Defesa Civil permanece em estágio de atenção, já que a chuva é continua em algumas regiões da cidade e existe previsão de chuva permanente ao longo do dia. A orientação da pasta é para que a população redobre a atenção em função do acumulado que deixa o solo encharcado.

“Temos 55 agentes que estão de plantão 24h para o atendimento aos moradores. Caso seja necessário, nossas equipes estão de prontidão para os petropolitanos”, completa o secretário de Defesa Civil.

Imagens de três câmeras do Centro Integrado de Operações de Petrópolis (Ciop) ajudaram a Polícia Militar e 105ª Delegacia de Polícia, no Retiro, a prender um dos integrantes da quadrilha que roubou um carro no Centro, na segunda-feira (05.11), e utilizou o veículo para uma série de assaltos a postos de combustíveis. Esse homem foi preso no Siméria e, em seguida, outros dois foram encontrados na localidade Serrinha. A busca pelas imagens teve início ainda durante a ocorrência e foram repassadas imediatamente para a PM.

Desde o meio de maio, quando o monitoramento teve início, Guarda Civil, Polícia Militar e Polícia Civil já realizaram outras cinco prisões após assaltos à residência, roubo de carga, furto de loja e tráfico de drogas. CPTrans, Defesa Civil e Bombeiros já estão utilizando as imagens para o trabalho de orientação do trânsito e atendimento de emergências. O Centro Integrado de Operações de Petrópolis tem 56 câmeras espalhados em 46 locais da cidade.

O Centro Integrado de Operações é uma ferramenta que amplia a capacidade de atuação das forças de segurança e permite um trabalho mais amplo e de forma ágil. Esse foi o grande objetivo ao fazer esse investimento na segurança do município e o Ciop ganha a cada dia cada vez mais importância e mostra os resultados.

As imagens flagraram o carro Honda modelo HRV da cor branca passando pela Rua Paulo Barbosa, pelo Quissamã e pelo Itamarati entre 23h14 e 23h19 de segunda. Imediatamente as informações foram passadas para a Polícia Militar iniciar as diligências para encontrar e recuperar o carro e prender os responsáveis.

O veículo foi usado para assaltos a pelo menos dois postos de combustíveis, no Retiro e em Corrêas. A polícia civil investiga se os dois casos têm relação com outro assalto a um posto no Bingen. A Polícia Civil utilizou imagens de câmeras desses postos no processo de investigação, quando o primeiro suspeito foi identificado.

A Polícia Civil e a Polícia Militar prenderam o acusado pelo roubo no Siméria. Ele foi encontrado com sete cápsulas de cocaína e um tablete de maconha. O homem admitiu o tráfico de drogas, participação no roubo aos postos de combustível e indicou a localização do veículo roubado, que foi encontrado no Independência e devolvido ao proprietário, uma senhora de 79 anos. O suspeito também apontou outras duas pessoas como participantes dos roubos. Um deles foi localizado na localidade Serrinha, no Independência, e também foi preso com dois celulares e R$ 80 em dinheiro. O terceiro suspeito fugiu. Além deles, outros dois homens foram identificados com o estepe do carro roubado.

Os homens presos vão responder por roubo, tráfico de drogas e receptação culposa.

Unidade começa a funcionar com mais de 300 tipos de medicamentos

Mais um polo do Núcleo de Assistência Farmacêutica (NAF) será aberto à população na próxima quinta-feira (12.11). A nova unidade vai funcionar em Corrêas, na rua Vigário Corrêa, 69-A. No local serão disponibilizados mais de 300 tipos de medicamentos, para tratamentos diversos, para os cerca de 2000 pacientes ativos no Sistema Único de Saúde (SUS) no município.

A nova sede do polo pretende organizar a distribuição dos medicamentos e garantir um atendimento mais rápido e humanizado aos usuários. Esse é mais um ganho para rede pública de saúde na cidade. O paciente que chegar neste polo vai receber todo o suporte necessário para dar continuidade ao tratamento indicado. Neste local terá profissionais preparados orientar os usuários. Essa nova estrutura adequa a distribuição dos medicamentos.

Antes da nova sede, o NAF contava com o atendimento na farmácia do ambulatório do Hospital Alcides Carneiro (HAC), em estrutura reduzida e era de acesso dificultado para os pacientes que não eram oriundos do HAC. “A transferência desse atendimento para esta nova unidade é um novo ganho para o usuário, pois aqui oferece maior acessibilidade, por ser mais central e por oferecer melhor estrutura para a população e para os próprios profissionais que atuarão no atendimento”, destaca a secretária de Saúde, Fabíola Heck, que realizou uma visita nesta quinta-feira (08.11).

O local contará com profissional da área farmacêutica que contribuirá na avaliação de cada solicitação de medicamento. De acordo com a chefe do NAF, Rosilene Borsato Costa, a equipe é preparada para analisar os pedidos e, no caso de solicitação de medicamento em específico, que esteja fora da lista definida pelo Ministério da Saúde e pelo Município, terá condições de substituir ou avaliar outra medida para o fornecimento da medicação que melhor atenda ao tratamento do paciente. “Vamos trabalhar com as medicações determinadas pelo Ministério da Saúde, mais as que o município entende como necessárias para atender as necessidades da população”, reforça Rosilene.

A lista de medicações disponível no NAF, pode ser consultada através do site da Prefeitura http://www.petropolis.rj.gov.br/pmp/ e também estará relacionada em uma cartilha, que será fornecida aos profissionais da rede médica do município. Com essa medida, se pretende uniformizar o atendimento público de saúde. “Se formos somar tudo que fornecemos nos postos de saúde, a nossa lista de remédios é muito maior do que a gente já dispensa dentro de um protocolo, mas existem muitos médicos que ainda prescrevem fora dessa lista e muitas vezes temos produtos que podem ser substituídos”, destaca a Rosilene Borsato Costa.

O NAF atende todos os usuários da rede pública de saúde e ainda, reforça o fornecimento de medicamentos indicados por mandato judicial, por demanda administrativa e remédios básicos. Os pacientes da rede privada que recorrerem ao polo, passam por avaliação do receituário médico.  A recomendação é de que a cidade funcione com duas unidades, a outra fica localizada na Rua Epitácio Pessoa, no Centro. “Estamos melhorando o acesso da população para esse tipo de atendimento”, destaca a secretária de Saúde, Fabíola Heck.

Premiação é para os alunos dos 5º e 9º anos do ensino fundamental

Os alunos que foram destaque durante a Maratona Escolar Cidade de Petrópolis foram premiados nessa quinta-feira (08.11) durante duas solenidades no Salão Nobre da UCP. Receberam troféus as equipes que obtiveram as quatro melhores notas nas disciplinas de língua portuguesa, matemática, geografia e história. Os alunos do 5º e 9º ano que também alcançaram as notas mais altas na maratona também receberam troféus.

Nesse ano, 426 estudantes participaram da prova: 159 matriculados no 9º ano e 267 estão no 5º ano do ensino fundamental. A maratona é uma forma de incentivo e faz com que os alunos pesquisem, estudem e descubram suas áreas prediletas de conhecimento. A prefeitura agradece as escolas e professores que são parte importante desse processo. Todos estão de parabéns pelo empenho.

As provas foram realizadas no final de outubro. Cada escola enviou quatro alunos por disciplina para fazer a prova. Para o desenvolvimento da Maratona foi formada uma comissão de professores especialistas de acordo com as áreas de conhecimento. Eles trabalharam na elaboração e também na correção das provas, com a supervisão da Equipe de Projetos Educacionais da Secretaria de Educação.

“Ficamos muito felizes com a participação dos alunos na maratona. Os resultados também servem como indicador para que a Secretaria de Educação promova atividades direcionadas nas escolas da rede”, explicou a secretária de Educação, Marcia Palma.

Ramon Christ Santos, aluno do 9º ano do Colégio Padre Corrêa foi o aluno destaque do 9º ano na maratona: ele conquistou nota 97 na prova de língua portuguesa. Anita Bull, aluna da Escola Municipal Santa Luiza de Marillac foi o destaque do 5º ano também na prova de língua portuguesa - também tirou 97.

“Estudei muito para me preparar para essa prova. Não esperava esse resultado. A mistura é de emoção e satisfação. Agora estou me preparando para o ensino médio e quero muito no futuro cursar medicina”, contou Ramon.

A Maratona Escolar foi realizada pela primeira vez no ano de 1952 instituída pela Deliberação nº 355 de 07 de agosto de 1952, passando por regulamentações e deliberações até tornar-se lei em 1979. Atualmente, a lei 5.412 de 20 de agosto de 1998 é a que rege a prova.

Conheça os ganhadores da Maratona Escolar 2018:

Língua Portuguesa 5º ano:

1º lugar: Escola Santa Luiza de Marillac

2º lugar: EM Dr. Rubens de castro

3º lugar: EM Salvador Kling

4º lugar: EM Rotary

Geografia 5º ano:

1º lugar: Colégio Padre Corrrêa

2º lugar: EM Robert kennedy

3º lugar: EM Professora Maria Campos

4º lugar: Escola Santa Luiza de Marillac

Matemática 5º ano:

1º lugar: Escola anta Luiza de Marillac

2º lugar: Escola Municipal Professora Maria Campos

3º lugar: EM Heitor Borges

4º lugar: EM Rotary

História 5 º ano:

1º lugar: EM Robert kennedy

2º lugar: Escola Santa Luiza Marillac

3º lugar: EM Dr. Rubens de Castro

4º lugar: EM Salvador kling

Lingua portuguesa 9º ano:

1º lugar: Colégio Padre Corrêa

2º lugar: Colégio São Judas

3º lugar: Escola Paroquial Nossa Senhora da Glória

4º lugar: EM Dr. Rubens de Castro

Geografia 9º ano:

1º lugar: Colégio Padre Corrêa

2º lugar: Colégio São Judas

3º lugar: EM Dr. Rubens de Castro

4º lugar: EM Rosemira Cavalcanti

Matemática 9º ano:

1º lugar: EM Professora Maria Campos

2º lugar: Escola São Judas Tadeu

3º lugar: EM Dr. Rubens de Castro

4º lugar: Escola Paroquial Nossa Senhora da Glória

História 9º ano

1º lugar: Colégio Padre Corrêa

2º lugar: Escola Paroquial Nossa Senhora da Glória

3] lugar: Escola São Judas

4º lugar: EM Geraldo Ventura Dias

Link disponibilizado no site da prefeitura

A VI Conferência Municipal de Educação será realizada nos dias 13 e 14 de novembro no Salão Nobre da UCP, das 8h às 18h. Os interessados em participar do evento devem fazer a inscrição no site da prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br) até o dia 11 de novembro.

O objetivo da VI Conferência Municipal de Educação é avaliar e monitorar o cumprimento das metas estabelecidas no plano municipal que foi criado em 2015. Na ocasião serão apresentadas as notas técnicas para adequação do plano e os 73 delegados que foram escolhidos durante a Pré-conferência da Educação – realizada no dia 6 de novembro – poderão votar se concordam ou não com as notas técnicas criadas a partir dos estudos sobre o cumprimento das 20 metas estabelecidas no Plano Municipal de Educação.

A prefeitura conta com a participação não só dos integrantes da rede municipal, mas de todas as pessoas que se interessam e lutam pela educação. A avaliação do plano é necessária para que sejam construídas políticas públicas que possam contribuir para o cumprimento das metas e por isso é importante a participação popular nesse processo.

O credenciamento começará às 8h no dia 13 de novembro. Nesse mesmo dia ocorrerá a abertura oficial às 9h, seguida por uma palestra com a representante do Ministério da Educação, Cintia da Luz. Também será feita a leitura do regimento da Conferência e início da apresentação das metas e respectivas notas técnicas. No dia 14 a apresentação das notas técnicas terá continuidade.

“O Plano Municipal de Educação é de todo o município por isso é tão importante a participação de todos os que atuam diretamente nas unidades escolares. Solicitamos que as escolas e Centros de Educação Infantil enviem seus representantes para que todos possam conhecer o plano e o que preveem as notas técnicas para que as metas sejam cumpridas”, explicou a secretária de Educação, Marcia Palma.

O Plano Municipal de Educação foi criado em 2015. O documento estabelece metas e previsões de cumprimento para assuntos importantes na educação como a erradicação do analfabetismo, universalização do atendimento escolar, manutenção   e desenvolvimento do ensino fundamental, da educação infantil e da educação inclusiva, valorização dos profissionais de educação e fortalecimento da gestão democrática da educação.

Em 2017, a partir da publicação da Lei Municipal nº 7.619 foi estabelecido, no artigo 4º, que as metas no plano devem ser discutidas a cada três anos

A IX Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente apresenta uma nova dinâmica para discutir os eixos temáticos no sábado (10.11), na Casa dos Conselhos Ângelo Zanatta, na Av. Koeler, 260 – Centro: nesta edição, os cinco eixos serão debatidos com os presentes, pelo psicólogo Claudio Augusto Vieira da Silva. O objetivo é construir propostas voltadas para o princípio da proteção integral de crianças e adolescentes nas políticas públicas, fortalecendo as ações de enfrentamento às violências, para serem apresentadas na Conferência Estadual no próximo ano. O credenciamento pode ser feito pelo site da prefeitura ou no dia, uma hora antes do início do evento.

Durante o debate dos eixos, os participantes serão divididos em grupos, para elaborar propostas de ações em prol dos direitos das crianças e adolescentes, seguindo os temas: garantia dos direitos e políticas públicas integradas e de inclusão social; prevenção e enfrentamento da violência contra crianças e adolescentes; orçamento e financiamento das políticas para crianças e adolescentes; participação, comunicação social e protagonismo de crianças e adolescentes e espaços de gestão e controle social das políticas públicas de crianças e adolescentes. No total, o município apresentará 25 propostas que serão aprovadas pela plenária e encaminhadas para a Conferência Estadual.

“Os eixos temáticos são considerados em todas as Conferências nas etapas estaduais e municipais. Eles serão motivos de avaliação e aprovação das propostas em nível nacional. Os municípios devem aproveitar e fazer suas escolhas para que essas propostas sejam efetivadas na cidade, mesmo que não estejam nas etapas. A Conferência é o momento onde o município cria suas próprias propostas e isso é muito importante” destacou o Psicólogo Claudio Augusto que ressaltou que Petrópolis é um dos primeiros municípios do Brasil a ter um Conselho de Direitos da Criança e do Adolescente.

A abertura da Conferência acontece nesta sexta-feira (09.11) às 18h, ministrada pelo presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Petrópolis (CMDCA), Renan Campos. O evento conta com a apresentação do Creche São Charbel, além da participação especial do delegado da Polícia Federal Clayton Bezerra explanando sobre o tema da conferência. O delegado é idealizador do evento “Federal Kids”, que promove o combate à pedofilia, unindo a sociedade e a Polícia Federal em um grande movimento nacional de conscientização, e tem como atração principal uma corrida realizada em conjunto com um ou dois adultos (responsáveis) e uma criança.

O objetivo é discutir e construir boas propostas para que se possa propor ações de fortalecimento em prol dos direitos das crianças e adolescentes. A Conferência é esse espaço, onde juntos, representantes do governo e sociedade civil, possam estabelecer melhorias para as crianças.

Primeira cidade no Estado do Rio a ter um Conselho de Transparência Pública, Petrópolis foi escolhida para sediar pela primeira vez o encontro dos órgãos de Controle Interno dos municípios do Estado do Rio. Em sua 12ª edição, o evento trará à cidade, nesta sexta-feira (09.11), representantes de controladorias dos 91 municípios do Estado do Rio de Janeiro. O encontro terá a presença da controladora geral do município do Rio de Janeiro, Márcia Andréa dos Santos Peres; do Controlador-Geral do Município de Barra do Piraí, Wendel Barbosa Caruzo e da Coordenadora de Controle Interno do Município de Piraí,Lenilda Braga Rodrigues Porto da Silva.

O encontro de controladores confirma que a cidade está no caminho certo. Petrópolis é hoje a segunda cidade na região serrana no ranking de transparência do Ministério Público Federal. Essa posição é muito positiva levando em conta que se trata de um universo de 5.567 municípios brasileiros analisados. Petrópolis tem trabalhado com o objetivo de aperfeiçoar a cada dia este trabalho, pois a transparência é fundamental na gestão das contas públicas.

“É uma troca de experiências enriquecedora entre controladorias de diferentes municípios, que permite a atualização de informações. Essa integração é importante para avançarmos e aperfeiçoarmos ainda mais a política de transparência. O encontro permite a atualização de informações e possibilita que os municípios estejam adequados às normas do Tribunal de Contas, à Lei de Responsabilidade Fiscal e à Lei Nacional de sobre contabilidade e orçamento público”, pontua o controlador Fábio Alves.

Na parte da manhã o Controlador-Geral do Município de Barra do Piraí Wendel Barbosa Caruzo apresentará experiências da Controladoria de Barra do Piraí e falará sobre Gestão de Riscos e Ordem Cronológica de Pagamento, assunto que será colocado em debate na sequência.

Às 14h, terão início as discussões sobre Matriz de Saldos Contábeis – Experiência da CGM-Rio, com os palestrantes: Ricardo Ferraz de Lima - Contador-Geral da CGM-Rio; Márcio Martins Loureiro - Coordenador de Contabilidade da Contadoria Geral da CGM-Rio.

A programação do evento prevê ainda a apresentação de providências para formalização do Conselho Estadual de Órgãos de Controle Interno do Poder Executivo dos Municípios do Estado do Rio de Janeiro - CONEOCIM-RJ.

A Banda Marcial Profª. Leila de Souza Castro será a responsável por fechar esta temporada do Circuito Imperial de Bandas Marciais. A apresentação acontece no próximo sábado (10.11), às 16h, nas escadarias dos Correios, no Centro Histórico. O festival, que este ano começou em agosto, contou com a apresentação de 11 bandas da Associação Petropolitana de Bandas Marciais (Apeban) em diversos espaços públicos, como praças do Centro e o CEU da Posse. Mas os grupos ainda terão muito trabalho este ano, já que o Natal Imperial, que vai de 30 de novembro a 20 de janeiro, também terá na programação apresentações de bandas marciais da cidade.

Desde o ano passado, a prefeitura, através do Instituto Municipal de Cultura e Esportes (IMCE), vem incentivando e valorizando o segmento, tradicional no município. Essa é uma forma de oferecer uma programação gratuita para a população e ainda manter as tradições no município. Petrópolis tem na cultura a presença muito forte das bandas marciais, elas nos remetem às lembranças de colégio. Por isso é fundamental o incentivo e a ajuda no fortalecimento desse importante segmento, para que ele continue formando novos músicos.

Formada por alunos da Escola Paroquial Nossa Senhora da Glória, no Morin, a Banda Marcial Prof. Leila de Souza Castro tem sua história desde 1984, quando o professor Amadeu Guimarães deu início às primeiras noções demúsica para os alunos do colégio. Desde então, o grupo mudou de nome algumas vezes, até que em 2013 passou a homenagear a diretora da escola. O grupo já participou de festivais, desfiles cívicos, festas, entre outros, e promete encantar o público que estiver passando pelo Centro Histórico.

“O Circuito Imperial de Bandas Marciais surgiu no ano passado, com a missão de fomentar a cultura e ainda criar uma programação permanente e gratuita na cidade. As duas edições foram um sucesso e sem dúvida é um festival que veio para ficar, assim como o Circuito Imperial de Corais. Estamos fechando esta edição com chave de ouro”, explica o diretor-presidente do IMCE, Leonardo Randolfo.

A partir de 30 de novembro,o público vai poder continuar acompanhando o trabalho das bandas marciais de Petrópolis, já que elas estarão na programação do Natal Imperial. Serão apresentações em bairros e comunidades, sempre em locais públicos.

Os aplicativos de transporte serão discutidos pelo poder público e a população em audiência pública marcada para a próxima terça-feira (13.11), a partir das 18h, na sede da CPTrans. O assunto é mais um tema discutido dentro do Plano de Mobilidade Urbana, que está sendo desenvolvido pela companhia de trânsito. A regulamentação dessa modalidade de transporte será o tema central do encontro. A companhia fica na Rua Alberto Torres, 115, Centro.

Esta será a primeira Audiência Pública do PlanMob. Até aqui, foram quatro consultas públicas realizadas: Transporte Não Motorizado, Transporte Coletivo, Patrimônio Histórico e Feiras e Cargas e Fretamento. Os assuntos discutidos ainda podem receber sugestões: até agora mais de 400 pessoas deram suas opiniões on-line, pelo site da CPTrans (www.petropolis.rj.gov.br/cptrans). Ao acessar, é só clicar em Pesquisas PlanMob, responder às questões e fazer a sugestão.

“Estamos avançando com o plano para que possamos conclui-lo até abril do ano que vem. As consultas públicas e audiências fazem parte desse processo. A discussão para a regulamentação do serviço é mais um tema importante onde a população deve participar para saber como irá funcionar todo o processo”, explica o diretor-presidente da CPTrans, Luciano Moreira.

Até a conclusão do Plano de Mobilidade serão discutidos os temas educação e segurança no trânsito, turismo e grandes eventos, transporte escolar, eixos de crescimento urbano, LUPOS e leis de planejamento. Após as consultas por modal serão feitas novas consultas públicas, só que por eixos: infraestrutura de trânsito; operação de trânsito, que inclui segurança viária, fiscalização e uso do solo; além de acessibilidade universal e sustentabilidade ambiental.

Ao final dessas consultas, será feita mais uma audiência com a apresentação das propostas e, depois, a última etapa de consultas públicas ocorrem nos bairros. Pelo cronograma três consultas: a primeira inclui a área do primeiro distrito; a segunda, do segundo distrito e a terceira do terceiro, quarto e quinto distritos.

A confecção do Plano de Mobilidade atende à Política Nacional de Mobilidade Urbana (Lei nº 12.587/2012) na qual há exigência de elaboração de planos de mobilidade urbana para todos os municípios com população acima de 20 mil habitantes, assim como os demais obrigados ao plano diretor. Neste sentido, o Ministério das Cidades incluiu no programa Avançar Cidades – Mobilidade Urbana a possibilidade de financiamento dos planos de mobilidade para municípios acima de 100 mil habitantes.

A queda de galhos de árvores na Praça D. Pedro, no Centro, interdita um trecho da Rua da Imperatriz, no entorno da praça. O local foi colocado provisoriamente em meia pista para evitar acidentes. Equipes da Defesa Civil isolaram, também, parte da praça. Agentes de trânsito estão no local orientando os motoristas. Equipes da Comdep foram acionados para fazer a remoção dos galhos.

Quatro vans farão transporte dos moradores
Assistência Social apoia famílias
CPTrans concentra estacionamento para moradores na Barão do Rio Branco
Comdep faz limpeza na região
Águas do Imperador atua para manter abastecimento na região

Equipes das secretarias de Defesa Civil, Assistência Social, Obras, CPTrans, Comdep e Águas do Imperador estão concentradas no Atílio Marotti onde uma obra de contenção cedeu com a chuva da madrugada desta quinta-feira (08.11).  O acumulado de 120 milímetros de chuva em menos de 24 horas fez com que manilhamento no local sofresse novo rompimento. O plantão na comunidade será ininterrupto e até que a situação se normalize.

Engenheiros da Defesa Civil, Obras e da empresa que está fazendo a obra no local estão reavaliando as condições do terreno e atuando para estabilização da área. Saturação do solo e condições do manilhamento serão reavaliados.

No local, uma garagem que estava sendo usada como canteiro de obras foi atingida. O imóvel, no entanto, estava desabitado. Não há registros de casas atingidas e nem de vítimas.

A via que havia sido desinterditada parcialmente na quarta-feira à noite voltou a estar interditada no trecho. Duas vans farão o percurso do alto da comunidade até o local da obra. Após a baldeação dos moradores, outras duas vans levam os passageiros até a Barão do Rio Branco. O sistema vai funcionar com horários ampliados.

Carros de serviço da Saúde e Assistência Social darão apoio no local para transporte de pessoas doentes e que necessitem de deslocamento. A Assistência Social vai apoiar as famílias para que mantenham suas rotinas.

O projeto inicial vai precisar ser modificado em função das novas condições apresentadas. A prioridade é desvio do curso de água e estabilização do terreno.

A previsão é de mais chuvas para os próximos dias e a Defesa Civil está em alerta para esta região, em especial.

O Liceu Municipal Carlos Chagas e a Escola Municipal Nossa Senhora do Carmo estão com aulas suspensas nesta quinta-feira. No Liceu o pátio da instituição está sendo limpa pela Comdep. Já na Escola do bairro, que não sofreu danos, as aulas foram suspensas porque alunos tiveram dificuldade no acesso.

A Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias registrou duas ocorrências por conta do acumulado de chuva na madrugada desta quinta-feira (08.11). No Atílio Marotti, parte da rua cedeu por conta do acumulado de mais de 12 horas de chuvas incessante no município – o dobro do esperado. A via está interditada no momento e equipes da Defesa Civil, Obras, CPTrans e Guarda Civil estão no local orientando os moradores. A prioridade é a segurança das famílias. As aulas da E.M. Nossa Senhora do Carmo foram suspensas. No Siméria, houve um deslizamento de terra nos fundos de uma casa, que não atingiu o imóvel. Não houve vítimas em nenhum dos casos.

Nas últimas 24 horas, o maior índice pluviométrico acumulado está registrado no Independência, onde choveu 120 milímetros. No Duques, foram registrados 117 milímetros e, na Av. Barão do Rio Branco, são 46,75 em 24h e 63,5, considerando as últimas 96 horas. Na Coronel Veiga, houve transbordamento do rio Quitandinha por cerca de 10 minutos durante a madrugada. A Defesa Civil permanece em estágio de atenção, já que a chuva é continua em algumas regiões da cidade e existe previsão de chuva permanente ao longo do dia. A orientação da Defesa Civil é para que a população redobre a atenção em função do acumulado que deixa o solo encharcado.

Em caso de qualquer sinal de instabilidade no imóvel ou terreno, o morador deve ligar para o telefone 199 e pedir uma vistoria preventiva à Defesa Civil. A ligação e o serviço são gratuitos.

Notícias por data

« Novembro 2018 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30    

Alvará Online - BANNER

DO

loa 2018

iptu

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

cpge

gabinete cidadania.fw

selo acesso_informacao.fw

EOUVmunicipios

cmv-logo