Produção fará parte dos incentivos ao aleitamento materno

O Agosto Dourado, mês dedicado à intensificação das ações de promoção, proteção e apoio ao aleitamento materno, teve sequência, nesta quarta-feira (01.08), com a produção de fotos de mães de recém nascidos no Hospital Alcides Carneiro (HAC). As imagens vão estampar os corredores da maternidade do hospital, uma forma de incentivo à amamentação. Sete mulheres participaram da ação.

A Secretaria de Saúde está reforçando junto à população a importância do gesto, que, é fundamental para o crescimento saudável do bebê, além de ser um gesto de muito amor. A ideia é levar as ações a diversas unidades de Saúde, iniciando pelo Hospital Alcides Carneiro, única do município a realizar partos pelo SUS. A pasta quer falar sobre os benefícios do aleitamento materno. Quanto maior o período de tempo em que as crianças são amamentadas, maior a resistência delas às doenças.

No dia 6, uma programação especial está prevista no HAC, com apresentação musical, massagem, pintura corporal e palestras. As participantes da campanha puderam contar com um tratamento especial, com serviço de maquiagem, elevando a auto estima. As fotos vão integrar uma exposição que será aberta no dia.

“Nossa unidade realiza, em média, 275 partos por mês, sendo a referência, inclusive, para outros municípios. Poder dar sequência a esta campanha é fomentar um gesto de maior amor existe: a amamentação. Nossa equipe está empenhada em incentivar o gesto, que pode ser fundamental no desenvolvimento da criança”, destaca o diretor presidente do HAC, Filipe Furtuna.

Estão previstas, também, orientações durante toda a semana nas unidades básicas de Saúde (UBS) e nos postos de Saúde da Família (PSF) do município, além do Centro de Saúde Coletiva. As equipes estão sendo orientadas a difundir a ideia da Campanha, esclarecendo dúvidas e incentivando a amamentação.

 “Estamos promovendo ações que despertem e sensibilizem a população para a importância deste gesto. Para isso, nossas equipes vão estar nas unidades com diversas ações”, conta a superintendente de Atenção à Saúde, Fabiola Heck.

A vendedora Stephanie da Cunha, de 21 anos, deu à luz, nesta semana, ao Murilo. Ela conta que o gesto é muito importante e ela não abre mão de amamentar e ajudar no desenvolvimento do filho.

“Acho que é o gesto mais bonito e importante que tem. Com isso, posso ajudar meu filho em seu crescimento, para que ele esteja imune de várias doenças. Mesmo estando doendo um pouquinho agora no começo (risos), não deixarei de fazer este esforço por ele”, conta Stephanie.

Um mês após a implementação o novo sistema de Nota Fiscal de Serviço Eletrônica – Nota Imperial -  contabiliza mais de 82,3 mil notas emitidas. O sistema está em operação desde o dia 1º de julho. Somado às 226.174 notas referentes ao mês de junho, que migraram do antigo para o novo sistema, a Secretaria de Fazenda verificou que nos últimos dois meses 308.481 notas foram emitidas. A implementação de um sistema mais moderno para a Nota Imperial faz parte das ações da atual gestão com o objetivo de dar mais agilidade e segurança aos contribuintes, ao mesmo tempo em que contribui para o fortalecimento da arrecadação do município.

“O novo sistema permite que o município acompanhe e tenha mais controle sobre as movimentações, uma vez que é possível termos acesso às informações atualizadas. O sistema está funcionando muito bem. A Secretaria de Fazenda continua monitorando o funcionamento para adotar as providências caso seja necessário algum ajuste”, explica a titular da pasta, Elaine Nascimento, lembrando que contabilistas da cidade passaram por um treinamento antes da implementação do sistema.

“Tanto os clientes quanto os funcionários do escritório já estão adaptados ao novo sistema e estão tendo mais facilidade com ele. Estamos em contato permanente com a Secretaria de Fazenda, que está atenta a todas as demandas”, aponta a presidente da Associação de Profissionais de Contabilidade de Petrópolis, Rosângela Inocêncio

A mudança no sistema permitiu ainda que a Secretaria de Fazenda, identificasse um aumento de 4.206 contribuintes autorizados a emitir a NFSe. O sistema anterior da Nota Imperial registrava 13.601 empresas prestadoras de serviços, Microempreendedores Individuais (MEIS), autônomos e profissionais liberais cadastrados para a emissão. Nesta quarta-feira (1º.08) o sistema já contabilizava 17.807 contribuintes autorizados a emitir as notas.

Antes da implementação do novo sistema, em maio, a Secretaria de Fazenda reuniu mais de 200 contabilistas em um treinamento, para explicar passo a passo a emissão da Nota Imperial. O novo sistema seria implantado em junho, mas teve a data adiada pela Secretaria de Fazenda e funcionou em caráter de teste por mais 30 dias para que usuários e empresários se familiarizassem ao novo formato. Durante este período o sistema pôde ser acessado em uma plataforma de testes.

Intenção é reiniciar as intervenções em Rua Brigadeiro Castrioto (Floresta), Rua Eugênio Werneck (Morin) e Rua Amaral Peixoto (Quitandinha)

A prefeitura está trabalhando para que três obras do PAC Encostas sejam retomadas no segundo semestre. Durante uma reunião com representantes das empresas responsáveis pelos lotes 2 e 3 do programa, nesta quarta-feira (01.08), ficou acertada que serão priorizadas intervenções que tiveram andamento no ano passado ou já estão com estágio de conclusão um pouco mais avançado. A retomada é possível após ser quitada a devolução de R$ 11,8 milhões que foram arrestados de contas do programa para o pagamento do funcionalismo pelo governo passado em dezembro de 2016 e de dívidas do mesmo ano.

Na semana passada, a prefeitura esteve em Brasília e conseguiram autorização do Ministério das Cidades para o reinício dos trabalhos. O objetivo é que a mobilização de funcionários, maquinário e equipamentos das empresas seja feita o mais rápido possível para voltar com o serviço na Rua Brigadeiro Castrioto (Floresta), Rua Eugênio Werneck (Morin) e Rua Amaral Peixoto (Quitandinha).

Essas obras são extremamente importantes para a cidade e não poderiam ter sido deixadas de lado como aconteceu. Desde que o governo começou, a prefeitura assumiu o compromisso de fazer a reposição e isso foi possível após um acordo para pagar de forma parcelada, o que foi feito até junho. Agora falta pouco para que essas obras recomecem.

Essas obras são uma prioridade para a prefeitura, que conseguiu um novo cronograma junto ao Ministério das Cidades e agora vai trabalhar com as empresas no realinhamento financeiro para a sequência do programa.

O PAC Encostas tem investimento de R$ 60 milhões em 14 obras, divididas em três lotes. Até agora, apenas duas foram concluídas: no Vale do Carangola (barreira dinâmica e cortina atirantada) e na Rua Capitão Paladini, São Sebastião (barreira dinâmica).

Das demais, três intervenções do lote 1 estão próximos de 80% de conclusão - Rua Casemiro de Abreu (Floresta), Rua Antônio Soares Pinto (Centro) e Rua Alexandre Fleming (São Sebastião). Ainda integra esse lote, de responsabilidade da Civil Master, a obra da Rua Henrique Paixão (Floresta).

As obras do lote 2 são realizadas pela Erwil no Rua Atílio Marotti (Floresta), Rua Brigadeiro Castrioto (Floresta) e Comunidade do Neylor (Retiro).

Já o lote 3 é feito pelo Consórcio Construir com intervenções Comunidade dos Ferroviários (Alto da Serra), Alto Bataillard (Mosela), Rua Eugênio Werneck (Morin) e Rua Amaral Peixoto (Quitandinha). Apenas na Comunidade do Veludo (Bingen), o trabalho ainda não teve início.

Atração faz parte da programação do Bunka-Sai, que vai até domingo (05.07) no Palácio de Cristal

Um dos maiores eventos de verão no Japão, o Festival Bon Odori é conhecido por sua dança típica. Com mais de 600 anos de tradição, Petrópolis vai sentir um pouco da energia dessa festa durante toda a programação do Bunka-Sai, que vai até domingo (05.08) no Palácio de Cristal. As apresentações da dança folclórica são promovidas pela Associação Nikkei de Petrópolis e o público será convidado a vestir um yukata – o kimono de verão – e entrar na dança junto com os japoneses e descendentes. Nesta quinta-feira (02.08), a atração encerra a programação cultural do dia às 19h.

No Japão, o festival acontece entre os meses de julho e agosto, mas diferente daqui, esse é o período do verão para os orientais. “Fazemos lá sempre em dias quentes, a gente faz festa, dança. Aqui vamos fazer uma demonstração da dança e o objetivo é promover a interação. Vamos chamar o público para participar”, explica o japonês Kiyoshi Ami, presidente da associação, que, junto com a prefeitura de Petrópolis e o Consulado Geral do Japão no Rio de Janeiro, são responsáveis pelo Bunka-Sai.

A dança do “Bon Odori” ou “Obon” também acontece na sexta-feira (03.08), às 19h; no sábado (04.08), às 14h; e no encerramento da festa, domingo (05.08), às 19h, fechando a programação do Bunka-Sai. Apesar de ser um festival que tem origem em um evento budista chamado “Urabon'e” (Festival dos Fantasmas), com a crença de que os espíritos dos antepassados voltam durante o Obon, são tocadas músicas alegres. É uma tradição entre os japoneses, com clima de jovialidade, gratidão e participação geral.

“Vamos conhecer um pouquinho da cultura japonesa em cada atração do Bunka-Sai. Seja na dança, na música, na comida, nas artes marciais, ou seja, é uma forma de valorizar e preservar essa cultura na cidade”, destaca o diretor-presidente do Instituto Municipal de Cultura e Esportes, Leonardo Randolfo.

O Bunka-Sai este ano conta com mais de 40 atividades, entre danças folclóricas, shows de música japonesa, oficinas de mangá, pipa, ikebana (arranjos florais) e origami, além de artes marciais, palestras, gincanas, concurso de fotografia e Festival de Cosplay. O evento conta ainda com 10 barracas com comida típica, produtos alimentícios japoneses parar levar pra casa, doces, além de outros produtos japoneses. Nesta quinta-feira o funcionamento será de 18h às 22h, na sexta e no sábado de 10h às 22h e, no domingo, de 10h às 20h. A entrada é gratuita.

Imunização terá 11 postos e a meta é imunizar sete mil animais

Cães e gatos do primeiro e segundo distritos deverão ser imunizados contra a raiva animal, neste sábado (04.08), em 11 postos de vacinação, das 9 às 17h. A campanha, que teve início em maio, chega ao fim em novembro. Dividida em sete etapas, os moradores que não conseguiram vacinar os seus animais de estimação nas quatro primeiras poderão encaminhá-los neste sábado para receber a imunização. Em Petrópolis não há casos registrados de raiva em animais domésticos há mais de 30 anos. 

A quinta etapa da campanha vai atender moradores de do Floresta, Bairro Esperança, Itamarati, Bairro da Glória, Samambaia, Bonfim, Corrêas, Águas Lindas, Nogueira e Castelo São Manoel. A expectativa da Secretaria de Saúde é que mais de 7 mil animais domésticos destes locais estejam protegidos contra a doença por um ano. A raiva é uma doença grave de origem viral transmitida, em geral, por mordidas de animais infectados, arranhões ou mesmo lambidas. A meta é imunizar, pelo menos, 28,6 mil animais em todo o município.

São mais de 30 anos sem registro da doença em animais e Petrópolis nunca teve casos em humanos. Para manter a doença afastada do município, é preciso conscientizar a população que imunize os seus animais de estimação. Se a pessoa não conseguiu acompanhar o cronograma no seu bairro na primeira etapa, ela pode procurar esses postos para que eles recebam as doses. Se a campanha ainda não chegou ao seu bairro, pode aguardar, pois ainda terá outras duas etapas e todas as regiões serão atendidas. O importante é que todos os cães e gatos sejam vacinados contra raiva que é uma doença que pode ser transmitida para pessoas e levar a morte.

O cronograma segue a programação iniciada no ano passado, ou seja, os animais serão imunizados na mesma época obedecendo ao intervalo de aplicação das doses que é de um ano.  A Coordenação de Vigilância Ambiental também promoveu capacitação às equipes fornecendo as orientações a serem adotadas durante a campanha, como, por exemplo, não vacinar animais doentes ou debilitados. A vacinação é aplicada em animais a partir dos 3 meses de vida e em plenas condições de saúde.

“Só não iremos fazer a imunização caso eles estejam debilitados ou doentes como, por exemplo, com diarreia ou vômitos. A vacina não apresenta contraindicação e para aplicá-la é preciso levar o comprovante anterior. Basta apresentar um documento de identidade do dono do animal”, explica a coordenadora da Vigilância Ambiental, Maria Beatriz Fagundes Pellegrini.

A coordenação de Vigilância Ambiental também orienta os proprietários dos animais a realizarem o transporte de forma adequada com coleiras ou caixas de transportes. Os que tiverem histórico de agressividade precisam estar utilizando focinheira.

“É importante que os adultos conduzam os animais no dia da vacinação. É muito arriscado colocar crianças para realizar esse transporte ou imobilização por ser uma situação de estresse para o animal e ele pode ficar agressivo ou até mesmo fugir. Outro ponto importante é quanto às fêmeas que estiverem amamentando ou grávidas, elas também podem ser vacinadas, no entanto elas precisam ser conduzidas para vacinação com conforto e tranquilidade”, ressalta Maria Beatriz.

Confira os locais da vacinação:

Posto 1:

  • Capela São João Batista (Castelo São Manoel) – das 9 às 17h

Posto 2:

  • Escola Municipal Prof. Nilton São Thiago (Nogueira) – das 9 às 17h

Posto 3 (volante):

  • PSF Águas Lindas – das 9 às 12h30
  • Rua Dr. Bina, s/nº - das 13h30 às 17h

Posto 4:

  • Escola Municipal Professor Josemar Contage (Corrêas) – das 9 às 17h

Posto 5:

  • Escola Municipal Odete Young Monteiro (Bonfim) – das 9 às 17h

Posto 6 (volante):

  • Escola Municipal Marieta Gonçalves (Bairro da Glória) – das 9 às 12h30
  • Estrada Mineira (Corrêas) – das 13h30 às 17h

Posto 7 (volante):

  • Praça do Humberto Rovigatti (Samambaia) – das 9 às 12h
  • Escola Paroquial Loteamento Samambaia – das 13 às 17h

Posto 8:

  • Centro de Saúde do Itamarati – das 9 às 17h

Posto 9 (volante):

  • Garagem Adão Hilário (Alcobacinha) – das 9 às 12h30
  • Escola Paroquial São Francisco de Assis (Bela Vista) – das 13h30 às 17h

Posto 10 (volante):

  • Garagem do Meira (Bairro Esperança) – das 9 às 12h30
  • Largo Provisória – das 13h30 às 17h

Posto 11:

  • Escola Municipal Joaquim Daister (Floresta) – das 9 às 17h

Os números referentes à política de austeridade adotada pela atual gestão desde os primeiros dias de governo frente à crise econômica nacional e de dívidas acumuladas por gestões passadas - que alcançam R$ 766 milhões – foram pontuadas para os diretores das 184 unidades educacionais da rede municipal – 114 escolas e 70 Centros de Educação Infantil – nessa quarta-feira (01.08) durante uma reunião no Theatro Dom Pedro. O encontro, que contou com a participação da equipe financeira do governo, teve como intenção retirar dúvidas e pontuar as ações do governo para garantir os salários dos servidores em dia e os estudos de impacto que estão sendo realizados para pagar direitos dos servidores como triênios e quinquênios, além da liberação de licenças prêmio.

O encontro pontuou as dificuldades financeiras do governo e também fez um apelo para que as aulas sejam retomadas e os alunos não tenham prejuízos. A folha de pagamento de julho quitada e a antecipação de 25% do 13º salário nesta terça-feira (31.08) foram citados como esforços do governo em preservar o funcionalismo.

O cenário ideal seria estar concedendo reajuste merecido não só pelos professores, mas todos os servidores, mas diante da crise  a prioridade é manter salários em dia. Em todos os meses até o final do ano, entre os dias 20 e 30, o governo para com os pagamentos a todos os fornecedores e segura toda a arrecadação para quitar a folha. A prefeitura marcou esse encontro para mostrar os esforços como, por exemplo, liberando as licenças prêmio gradativamente e a confecção dos estudos com relação aos triênios e quinquênios, com o objetivo de ajustar esse pagamento o mais breve possível.

O objetivo é o de avançar com responsabilidade. A prefeitura conhece todos os direitos dos servidores e está lutando para garantir que todos possam ser atendidos, mas, sempre com responsabilidade econômica para não comprometer os salários dos servidores e o pagamento de serviços essenciais. As contas da prefeitura continuam fechando no vermelho, por causa da queda na arrecadação municipal e, diante desse quadro, o governo não descarta realizar mais cortes como os que já foram feitos como a redução dos alugueis e licitações.

Na ocasião, Roberto Rizzo, responsável pela Coordenadoria de Planejamento e Gestão Estratégica, destacou o momento econômico vivido pelo município. “O cenário é o pior dos últimos 40 anos por conta da negligência de gestões passadas, como o não pagamento de precatórios, que ocasionou o bloqueio nas contas municipais. O desvio de verbas da educação no último governo também é uma realidade que acarreta problemas sérios para a atual gestão. Não adianta criar expectativas e não conseguir cumpri-las, por isso, o governo está avançando, mas com muita responsabilidade”, disse.

A secretária de Educação, Samea Ázara, solicitou que as unidades escolares continuem abertas para receber os alunos. “Estamos passando por um momento delicado, mas, sabemos que as crianças também precisam de atendimento, por isso é importante que as escolas funcionem. Esta é uma reunião em que apelamos aos diretores que mantenham as escolas abertas para que os professores possam retomar as aulas”, ressaltou.

Com relação aos dias sem aula, a reposição será programada pela Secretaria de Educação através do Departamento de Inspeção Escolar. “Os diretores conhecem o procedimento e a Secretaria de Educação estará sempre de portas abertas para resolver essas questões pontuais”.

Caso a greve persista e os alunos fiquem muitos dias sem atendimento, o governo estudará a possibilidade de contratação emergencial de novos profissionais.

A prefeitura lembrou que a poder público está com o canal de conversa aberto com os servidores. O executivo municipal continuará conversando com a categoria e de portas abertas para conversar e pontuar as questões econômicas. A continuidade do serviço é uma das preocupações do governo que, mesmo com as dificuldades financeiras, está aos poucos conseguindo colocar em dia as contas do município”.

“Esse encontro mostrou o comprometimento e a responsabilidade do poder público com relação à despesa pública e à receita. A prioridade é a de manter os serviços básicos em dia, como saúde e educação e honrar com a folha de pagamento”, explicou a secretária de Fazenda, Elaine Nascimento.

Trabalho foi realizado nesta semana e coletou 320 toneladas de resíduos

A equipe regional da Comdep em Itaipava finalizou nesta quarta-feira (01.08) o trabalho de remoção de entulho feito esta semana. Foram coletadas 320 toneladas de resíduos volumosos, como restos de obras, lixo verde, móveis e eletrodomésticos velhos.

O serviço começou na segunda-feira (30.07) e contou com quatro funcionários, uma retroescavadeira e dois caminhões. A Comdep passou pelas ruas Visconde de Taunay, Mercedes, Paquita, José Joaquim Viana, Paulista, Ricardo Otelo, Gesner Pinto Monteiro, Martinho José Santana e Capitão Amâncio de Souza Coutinho. Na semana passada, todas elas já haviam recebido o serviço de capina e roçada.

A Comdep faz coleta de entulho constantemente, dividindo o trabalho com a Secretaria de Serviços. No caso do Castelo São Manoel, foi um complemento da atuação que começou na semana passada com a capina e deixou o bairro com maior limpeza. Mas é importante ressaltar a necessidade de não fazer o descarte irregular de entulho.

O Código de Posturas do município proíbe o despejo de restos de obras, mato, móveis e eletrodomésticos e de lixo sobre ruas e calçadas. O descarte correto é feito no aterro de Pedro do Rio. Em caso de flagrante, quem comete a irregularidade é intimado a fazer a remoção imediata e recebe multa de R$ 800. A Fiscalização de Posturas pode ser acionada pela população para coibir a prática pelo telefone 2246-9042.

Quem precisa fazer o descarte de resíduos volumosos e tiver dificuldade pode contar com o Disque Entulho. O serviço faz a coleta até 20 sacos de forma gratuita. Basta ligar para 2243-7822 para fazer o agendamento. Apesar de possuir rotas fixas de segunda a sexta, os moradores de qualquer bairro podem pedir atendimento (os locais fora do cronograma serão atendidos de acordo com a disponibilidade).

Nesta quarta-feira (01.08), também houve coleta de entulho pela Comdep em Rua Conde D'Eu, Cristóvão Colombo, Sargento Boenning (Castelânea), Rua Itatiaia, Rua São Paulo (Quitandinha) Rua dos Ferroviários (Alto da Serra), Independência e Castelo São Manoel.

Cidade bem cuidada: prefeitura trabalhando nos bairros

A Comdep fez capina e roçada em Rua Washington Luiz, Coronel Veiga (Centro), Irineu Corrêa, Romeu Suter (Alto da Serra), Flávio Cavalcante, Bartolomeu Sodré (Caxambu), Pedras Brancas (Mosela), Estrada Ministro Salgado Filho (Vale do Cuiabá), Parque São Vicente, Rua Alagoas e Rua São Paulo (Quitandinha) – esta última com uma miniescavadeira.

A varrição ocorreu em Centro, Quitandinha, Coronel Veiga, Valparaíso, São Sebastião, Castelânea, Alto da Serra, Morin, Quissamã, Itamarati, Cascatinha, Retiro, Carangola, Quarteirão Brasileiro, Av. Barão do Rio Branco, Mosela, Bingen, Monoel Torres e Capela.

Ainda foi feita limpeza manual do Rio Quitandinha, na Rua Saldanha Marinho (Castelânea).

Foi feita lavagem com caminhão-pipa no Cetro Histórico e no Quitandinha, e verificação dos chafarizes de das praças da Liberdade, da Inconfidência, do Bosque e no Palácio do Cristal.

A Secretaria de Obras fez manutenção de rede em Euclides da Cunha (Castelânea), Dias de Oliveira (Duarte da Silveira), Getúlio Vargas (Quitandinha), 29 de Junho (Valparaíso) e Madre Francisca Pia (Quarteirão Ingelheim). Também houve manutenção de calçamento nas ruas Dias de Oliveira (Duarte da Silveira), Pará, Amaral Peixoto, Espírito Santo e Alagoas (Quitandinha).

A manutenção de iluminação pública ocorreu em Vila Militar, Bela Vista, Duarte da Silveira, Bairro Castrioto, Mosela, Castelânea, Carangola, Alto da Serra, Bingen e Posse.

Aulas serão na Casa da Educação Visconde de Mauá

Promover a reflexão dos professores sobre as temáticas que envolvem a programação pedagógica nas turmas do 4º e 5º ano do ensino fundamental. Esse é o objetivo do minicurso "O lugar de cada um no ensino fundamental" que será realizado no 2º semestre pela Secretaria de Educação.

As aulas são destinadas aos professores regentes que atuam nessas turmas específicas. A inscrição pode ser realizada através do telefone 2246-8678. Dois grupos serão formados – com 35 integrantes cada.

“Esse é um dos minicursos oferecidos pela Equipe de Formação da Secretaria de Educação. Para os professores é uma ótima oportunidade para trocar informações e experiências com outros profissionais que atuam com alunos da mesma idade. A inscrição prévia é necessária”, disse a secretária de Educação, Samea Ázara.

O objetivo é o de possibilitar aos docentes a reflexão acerca de temáticas como: avaliação diagnóstica, BNCC, jogo como intervenção didática e outras situações de ensino nas áreas de língua portuguesa e matemática.

Vale salientar que, nessa etapa, serão contemplados os docentes que não participaram da proposta formativa no primeiro semestre de 2018.

Os encontros ocorrerão na Casa da Educação Visconde de Mauá. O grupo 1 terá aulas os dias 09.08, 06.09, 11.10 e 29.11, das 8h30 às 11h30. Já o grupo 2 terá aula nos mesmos dias, mas, no período da tarde: 13h30 às 16h30.

Instituto conta com salas novas para presidência, procuradoria e Comprev

O médico Fernando Fraga dá nome às novas salas, que funciona no mesmo prédio

O médico Fernando Fraga, que há mais de 50 anos se decida à saúde do município, foi homenageado nesta quarta-feira (01.08) durante a abertura do novo espaço do Instituto de Previdência e Assistência Social do Servidor Público do Município de Petrópolis (Inpas). O tributo se deve à sua intensa atuação no município. O novo espaço fica ao lado da atual sede, no edifício Cinda, e vai abrigar a sala da presidência e chefia de gabinete.

Com a reorganização, a procuradoria do Instituto ocupa, agora, um espaço mais amplo e adequado às suas funções. E a equipe do Comprev também tem um local exclusivo para exercer uma das funções mais importantes do instituto, que é Compensação Previdenciária. Na prática, esse grupo que atua no Inpas busca cerca de R$ 30 milhões para os cofres do Inpas, provenientes de pessoas que contribuíram para o INSS antes de se tornarem servidores – recurso que, de acordo com a legislação deve ser compensado.

A homenagem ao Dr. Fernando Fraga dando nome a esses novos espaços demonstra o respeito pela sua atuação e carreira. O trabalho que está sendo desenvolvido atualmente pelo Inpas visa exatamente isso: valorizar cada servidor, por isso a prefeitura está atuando de maneira efetiva na busca da recuperação financeira do Inpas. Isso será importante porque vai garantir a todos os servidores de hoje que tenham sua aposentadoria garantidas.

O homenageado do dia, Fernando Fraga, relembrou sua trajetória. Do extenso currículo, passou pela diretoria do Procon Socorro, onde atua até os dias de hoje, também foi professor na Fase. “Receber essa homenagem é uma honra, mas também reflexo de um trabalho feito com toda dedicação à cidade. Estou muito feliz com isso”, destacou.

A equipe do Inpas vem buscando recuperar o patrimônio do Instituto. O órgão está trabalhando para tornar viável a utilização das salas da Rua Teresa. Também está alugando estes espaços, mas a intenção é adquirir para o Inpas. Isto é uma forma de buscar restaurar o patrimônio do instituto, que durante anos foi sendo fragmentado.

O Procon Petrópolis notificou a agência dos Correios da Rua do Imperador por conta da não aceitação de pagamento em dinheiro de encomendas despachadas. De acordo com denúncias que chegaram ao órgão de defesa do consumidor e constatada em fiscalização, a instituição só aceitava o pagamento com cartões. Ocorre que esse tipo de prática é irregular e fere o Artigo 39 do Código de Defesa do Consumidor, que estabelece que todos os estabelecimentos no país devem aceitar a moeda nacional como forma de pagamento.

Ainda segundo o Artigo 39 é vedado ao fornecedor de produtos ou serviços, dentre outras práticas, “recusar a venda de bens ou a prestação de serviços, diretamente a quem se disponha a adquiri-los mediante pronto pagamento, ressalvas os casos de intermediação regulados em leis especiais”. Desta forma, os Correios terão 20 dias para esclarecer o motivo da irregularidade e apresentar um prazo para a solução do problema.

“A não aceitação de cartão de crédito ou débito é comum em vários estabelecimentos, mas não receber os pagamentos com dinheiro é uma situação atípica e irregular. Embasamos a notificação no Código de Defesa do Consumidor e o que queremos é a volta da cobrança com dinheiro em espécie”, explica o coordenador do Procon, Bernardo Sabrá.

Consumidores podem denunciar irregularidades ao Procon no endereço Rua Dr. Moreira da Fonseca 33, no Centro, ao lado da Câmara dos Vereadores, e em Itaipava, na Estrada União e Indústria 11.860, no Centro de Cidadania. Os telefones para contato são o 2246-8469 / 8470/ 8471 / 8472 / 8473 / 8474 / 8475 / 8476 e 8477. Os usuários também têm como opção o WhatsApp Denúncia pelo 92257-5837 e o site www.petropolis.rj.gov.br/procon e o serviço de mensagens da página Procon Petrópolis no Facebook.

Até novembro, 11 bandas da Apeban vão se apresentar em espaços públicos

A edição deste ano do Circuito Imperial de Bandas Marciais começa neste sábado (04.08), com apresentação da Banda Marcial Wolney Aguiar, às 16h, na Praça Dom Pedro. Sediada no Colégio Estadual D. Pedro II e formada por estudantes, a banda é um das mais antigas da cidade – foi fundada em 1957. O grupo será responsável por abrir o segundo ano de Circuito, que foi sucesso em 2017. Até novembro, 11 bandas da Associação Petropolitana de Bandas Marciais (Apeban) vão se apresentar em espaços públicos, sempre nos fins de semana.

As apresentações acontecem em locais como a Praça da Inconfidência, escadaria dos Correios e Praça da Liberdade, no Centro Histórico. Em outubro, o CEU da Posse ainda vai contar com um mini festival, com a participação de três grupos. A ideia é proporcionar uma programação musical permanente, gratuita, e que valorize a cultura local e os espaços públicos de Petrópolis. O segmento, que é uma tradição no município, é importante para a formação de novos músicos e para a memória cultural da cidade.

“É muito importante a continuidade dos projetos, como esse. Estamos muito felizes de abrir mais uma temporada do Circuito Imperial de Bandas e vamos começar essa edição com o pé direito, com uma das bandas que viraram patrimônio da cidade”, frisa Leonardo Randolfo, diretor-presidente do Instituto Municipal de Cultura e Esportes, responsável pelo Circuito.

Embora o repertório abranja clássicos, música popular e marchas militares, a Banda Marcial Wolney Aguiar adotou para si a característica escocesa, que pode ser percebida nos trajes dos componentes. Com mais de duas mil apresentações, o grupo já percorreu todos os estados brasileiros, passando por suas principais cidades. Entre os pontos fortes da banda estão os homens de kilt e suas gaitas. A banda é uma das principais representantes do segmento, que está por todos os cantos do município.

Neste segundo semestre, serão três apresentações em agosto e três em setembro. Já em outubro, haverá a apresentação de três bandas juntas, no CEU da Posse. E em novembro, haverá apresentações nos dois primeiros sábados do mês, antecedendo o Natal Imperial, que começa no dia 14 e deverá contar também com o segmento na programação.

Confira a programação do mês:

Agosto

Dia 04 (sábado) – 16h – Praça Dom Pedro – Banda Marcial Wolney Aguiar

Dia 11 (sábado) – 16h – Praça da Inconfidência – Banda Marcial Johann Noel

Dia 25 (sábado) – 16h – Escadaria dos Correios – Banda Marcial Frei Aniceto

A etapa regional do Campeonato Carioca de Futsal para Surdos da Taça Rio, que estava marcada para este sábado (04.08), na Fábrica do Saber, em Cascatinha, foi adiada. A alteração foi solicitada pela Federação Desportiva dos Surdos do Estado do Rio de Janeiro, organizadora do evento. A nova data para o campeonato será divulgada tão logo a Federação defini-la.

Está marcado para o próximo sábado (04.08), na sede da Coordenadoria de Esportes, na Praça Visconde de Mauá, 305 Centro, no prédio do Centro de Cultura Raul de Leoni, de 9h às 11h, a troca dos Kits dos atletas que se inscreveram para a Copa Imperial de Mountain Bike (MTB), que acontece no domingo (05.08) em Secretário. Os Kits contêm um chaveiro, placa com o número de identificação do participante e um squeeze. A novidade é que os kits que não forem retirados, serão cancelados e convertidos em novas inscrições que serão feitas na própria sede até 12h. A inscrição é gratuita.

O campeonato tem 300 inscritos, sendo 200 participantes para a prova de distância de 50Km e 100 para a prova de 25km. A largada será às 7h30 na Praça de Secretário, com chegada no mesmo local. Os percursos da Copa passam por trilhas em Secretário, Madrugada, Gambá, Sardual, Amil, Anápolis, Fagundes.

Petrópolis tem toda estrutura para sediar um evento do porte da Copa Imperial de MTB. É uma competição de alto nível, que reúne grandes atletas de todo país. A Superintendência de Esporte e Lazer está pensando já em outras opções de lugares para realizar as próximas provas.

Com o objetivo de incentivar o esporte no município, a Copa Imperial de MTB, entrou para o calendário esportivo da cidade como modalidade fixa, assim os atletas e admiradores da categoria terão um evento especial na cidade. O calendário esportivo da cidade conta com mais de 90 eventos em 2018. Além do apoio oferecido, a prefeitura realiza diversas atividades, como o Agita Petrópolis, o Festival das Comunidades e os jogos estudantis.

A pasta oferece várias atividades para a população da cidade para que todos estejam mais ativos. Tem modalidades contínuas para que a cultura da prática da atividade física seja inserida nas comunidades.

Notícias por data

« Agosto 2018 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31    

Alvará Online - BANNER

DO

loa 2018

iptu

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

cpge

gabinete cidadania.fw

selo acesso informacao.fw

cmv-logo