Tradicionalmente, quem visita a Festa do colono Alemão, a Bauernfest, já está acostumado a presenciar os concursos que encantam os visitantes e petropolitanos: Chapéu Mais Enfeitado e Chopp a Metro. Neste ano, a programação não será diferente: as disputas ocorrerão no Palácio de Cristal e os ganhadores receberão brindes. A Bauernfest começa nesta sexta-feira (14.06) e seguirá até o dia 30 de junho, exceto dia 20, feriado de Corpus Christi. Já os concursos começam a ser realizados a partir deste sábado (15). A inscrição é gratuita.

O Concurso do Chapéu mais enfeitado vai ocorrer nos três sábados da festa e ganharão brindes, no final de cada apresentação, as pessoas que apresentarem os chapéus com mais broches. O Concurso do Chopp a Metro será realizado por bateria: o ganhador de cada competição vai participar da grande final, no dia 30 de junho. Será considerado vencedor quem tomar o chopp, mais rapidamente, sem desperdício. 

Confira os horários das competições: 

Palco EngelbertPalácio de Cristal

Sábado - 15 de junho

17h - Concurso Chapéu mais Enfeitado

19h - Concurso Chopp a Metro

Domingo - 16 de junho

19h - Concurso Chopp a Metro

Segunda-feira - 17 de junho

20h - Concurso de Chopp a Metro

Terça-feira - 18 de junho

20h - Concurso de Chopp a Metro

Quarta-feira - 19 de junho

20h - Concurso de Chopp a Metro

Sexta-feira - 21 de junho

20h - Concurso de Chopp a Metro

Sábado - 22 de junho

18h - Concurso Chapeu Mais Enfeitado

19h - Concurso de Chopp a metro

Domingo - 23 de junho

18h30 - Concurso de chopp a metro

Segunda-feira - 24 de junho

20h - Concurso de Chopp a metro

Terça-feira - 25 de junho

20h - Concurso de Chopp a Metro

Quarta-feira - 26 de junho

20h - Concurso de Chopp a Metro

Quinta-feira - 27 de junho

20h - Concurso de Chopp a Metro

Sexta-feira - 28 de junho

20h - Concurso de Chopp a Metro

Sábado - 29 de junho

16h - Concurso Chapéu mais Enfeitado

19h - Concurso de Chopp a Metro

Domingo - 30 de junho

18h30 - final do Concurso de Chopp a Metro

Em duas semanas mais de 200 funcionários da Prefeitura realizaram acordos com a agência da Caixa Econômica Federal

Com um montante de R$ 1.035.968,55 em débitos negociadas, a campanha Quita Dívida Servidor terminou nesta sexta-feira (14.06) contemplando 216 servidores da prefeitura que aproveitaram as condições da campanha para regularização de suas vidas financeiras junto à Caixa Econômica Federal. Com os descontos oferecidos, o montante acumulado caiu para R$ 186.474,33 mil, uma redução média de 82%. A ação é uma iniciativa da Prefeitura, por meio do Procon em parceria com a Caixa.

Os descontos superaram a expectativa e, no maior deles, foi registrado queda de 98% de abatimento numa dívida de cartão, que passou de R$ 22.912,40 para R$ 467,10, dívidas em três parcelas de R$ 155,70. Uma dívida de um outro servidor de R$ 28.944,44 caiu para R$ 1.152 – um abatimento de 96,02% no montante acumulado referente a cartão de crédito, cheque especial e empréstimo consignado. Débitos de valores menores também foram reduzidos: uma conta de um servidor no valor de R$ 7.832,34 caiu para R$ 320 – um abatimento de 95,91% referente a um empréstimo de CDC.

Os acordos realizados para abatimento durante a campanha foram referentes a débitos como renovação dos contratos para o aumento de prazo, unificação de dividas diversificadas, débitos de cartões de crédito, cheque-especial e créditos consignados.

Quem não conseguiu aproveitar a campanha, ainda pode aproveitar os benefícios oferecidos numa campanha realizada pelo próprio banco, a “Você no Azul”.   O gerente geral da Caixa, Petrônio Garcia, avalia a campanha como positivamente. “Conseguimos negociar débitos e auxiliar que as pessoas tivessem seus nomes limpos com ótimos descontos e condições de pagamentos”, disse.

Quita Dívida Servidor para funcionários da Câmara dos Vereadores

O sucesso da Campanha Quita Dívida Servidor foi expandido e também vai chegar aos servidores que atuam na Câmara Municipal de Petrópolis. A ação, que está beneficiando os profissionais da Prefeitura com renegociações e descontos em débitos com a Caixa Econômica Federal, será realizada na sede do legislativo na próxima semana, nos dias 17 e 18, entre 10h e 16h. A ação vai ocorrer nas Sala das Comissões da câmara com estrutura para atendimentos dos profissionais do local.

Mudanças acontecem Centro e na reta de Itaipava 

A segunda etapa do trabalho para instalar luminárias de LED na cidade vai começar nesta segunda-feira (17.06). Nesta fase, a prefeitura vai instalar 661 luminárias em 24 ruas, um trabalho que vai tornar a rede de iluminação pública mais eficiente por três aspectos: reduz o consumo de energia, demanda menos manutenções e iluminam mais que as lâmpadas atuais, de vapor de sódio. O Departamento de Iluminação Pública estima uma economia anual de quase R$ 120 mil com uso do LED.

O trabalho dará sequência ao serviço iniciado no segundo semestre do ano passado. Entre agosto e setembro, foram trocadas 340 lâmpadas comuns por luminárias de LED em 15 ruas do Centro. Agora, além da área central da cidade, a colocação do LED também chegará a Itaipava.

O serviço vai ocorrer sempre no período noturno, entre 22h e 5h30, mobilizando uma equipe da empresa Vitorialuz, que também é responsável pela manutenção de toda rede. Todo trabalho será feito em contato com a CPTrans, para caso de necessidade de alterações do trânsito e para impedir o estacionamento nas áreas onde os funcionários vão atuar.

O serviço de extensão da rede também está acontecendo paralelamente. Desde maio até próxima semana, a cidade vai ganhar 104 novos pontos, alcançando um total de 41.108 pontos em todo município. Na semana que vem, Itamarati, Corrêas, Cascatinha e Vale do Carangola também receberão a extensão da iluminação.

Luminárias de LED

O uso do LED traz dois benefícios: consome menos energia e tem maior durabilidade. Essas luminárias alcançam duração de 10 mil horas, enquanto as lâmpadas comuns, feitas de vapor de sódio, funcionam durante duas mil horas – ou seja, demandam pelo menos cinco trocas no mesmo período de funcionamento de uma luminária. Além disso, os pontos de luz comuns demandam ainda trocas de reatores, que são danificados principalmente por causa de chuva e raios.

A segunda etapa do projeto de tornar a rede de iluminação pública mais eficiente vai começar pela Rua Washington Luiz, no trecho entre a Cel. Veiga e a UPA Centro. Por lá estão previstas as trocas de 28 lâmpadas de 150 watts de potência por luminárias de LED de 104 watts.

“Em alguns casos, a gente consegue dobrar ou até triplicar a iluminação de onde é instalado o LED. O caso mais recente é o da Rua do Imperador, onde nós trocamos 15 pontos. Antes, o índice de iluminação era de 14 lux (unidade de medida do sistema internacional de unidades, que aponta a intensidade de iluminação por metro quadrado) e foi para 28 lux. Na Roberto Silveira, que foi o primeiro local onde a gente colocou o LED para fazer testes há mais de dois anos, nós saímos de 20 lux para 59 lux. E com luminárias de menor potência, ou seja, menor gasto de energia”, explica um dos responsáveis pelo Departamento de Iluminação Pública, Leônidas Mattos.

Para cada local, o Departamento de Iluminação Pública estudou quais tipos de luminárias deveriam ser colocadas naquela rua, variando entre 30, 104 ou 180 watts e ainda serão colocadas luminárias diferenciadas nos postes com formato de lampião.

O cronograma da primeira semana de trabalho prevê a instalação de 147 luminárias nas ruas Washington Luiz, Marechal Deodoro, General Osório, Aureliano Coutinho, Visconde de Bom Retiro, Paulo Barbosa, Dr. Porciúncula, Caldas Viana, Travessa Prudente Aguiar, Oscar Weinschenck, Irmãos D’Ângelo, Dr. Moreira Fonseca e entorno da Praça da Águia.

O planejamento ainda inclui as ruas Frei Leão, Ferroviários, Nilo Peçanha, Joaquim Moreira, Barão de Teffé, Ipiranga, Dom Pedro, Floriano Peixoto, Alberto Torres, Barão do Rio Branco e a reta de Itaipava.

Casa também tem vagas para outros cursos gratuitos 

As cores vermelha, amarela e preto enfeitando os pórticos, pontos turísticos e até casas em Petrópolis exaltam a cultura alemã, nesta que é uma das épocas mais apreciadas pelos moradores e visitantes: a Bauernfest. Mas não é só na cultura que a tradição está mostrando o seu valor. A educação também está engajada em exaltar em perpetuar as origens da história: aulas de alemão estão sendo oferecidas gratuitamente, para alunos da rede municipal de Educação, na Casa da Educação Visconde de Mauá. E o mais importante: ainda há vagas para alunos de 7 a 17 anos. Além do alemão, a Casa, que é referência na oferta de cursos e atividades no contraturno escolar também tem vagas para as aulas de Informática, Musicalização Infantil, Teatro, Ballet e violão.

As aulas são ministradas por servidores da rede municipal de Educação.Os pais interessados devem fazer a matricula na secretaria da Casa da Educação, que funciona de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h, na Avenida Barão do Rio Branco, nº 03. Para a inscrição é necessário levar declaração escolar e cópias da certidão de nascimento, comprovante de residência, RG e CPF do responsável.

As aulas de alemão ocorrem às sextas-feiras. Podem participar alunos entre 7 e 17 anos. As aulas são resultado de uma parceria com Marcos Carneiro, integrante de um Grupo que exalta a cultura alemã em Petrópolis.

“A oferta do ensino do idioma alemão na Casa da Educação é a porta aberta para que ele venha a ser disponibilizado nas escolas municipais de tempo integral. A iniciativa surgiu no momento que o interesse por nossa história cultural está em alta. A Semana da Língua Alemã, a Bauernfest com três semanas de duração e com 13 grupos folclóricos se apresentando e o envolvimento da embaixada alemã, da Fundação Humboldt e do Colégio Cruzeiro como apoiadores, mostram quão importante foi essa decisão. Mais gratificante ainda foi ser parado na cidade pela mãe de um aluno da Casa e ouvir o agradecimento. Segundo ela, o filho sonhava com isso e agora está podendo realizar seu sonho", conta Marcos Carneiro.

As aulas são dinâmicas. Os alunos do curso de alemão foram convidados, inclusive, a participar do desfile da Bauernfest. “Em todas as aulas, uma descoberta diferente. Tanto nas aulas de alemão, quanto nos demais cursos, os alunos participam de atividades teóricas e praticas, com acompanhamento do professor. O objetivo da Casa é garantir que o aprendizado seja levado para resto da vida desses estudantes”, afirma a diretora da Casa da Educação, Maria Fernanda Secco.

Informática, musicalização infantil ballet, teatro e violão

Além do alemão, ainda há vagas na Casa para as aulas de informática, ballet, teatro e violão. Um dos destaques para as crianças menores – de 4 a 7 anos, são as aulas de musicalização: criatividade, memorização e atenção. Esses são alguns dos benefícios da musicalização para as crianças.

“Nessas aulas, além de ter um contato rico com o fazer musical, ainda trabalham a expressão corporal, coordenação motora, foco, enriquecimento cultural, desenvolvimento da memória e criatividade e aprimoramento da linguagem”, conta o professor Lucas Gotelip.

A musicalização infantil também favorece o desenvolvimento da sensibilidade, senso rítmico, imaginação, memória, concentração e atenção, além de ampliar as experiências no campo do ritmo, audição e expressão corporal. “As aulas de música têm a particularidade de trabalhar áreas do cérebro que nenhuma outra disciplina trabalha. Além de ampliar seus conhecimentos musicais específicos, os alunos aprendem a importância do trabalho em grupo, desenvolvem a coordenação motora e expressividade”, explica Lucas.

Já o ballet favorece a coordenação motora e disciplina, enquanto o teatro, exalta a segurança e autoestima. “São aulas dinâmicas e os professores ficam atentos a cada movimento. Procuramos sempre mostrar para os pais e responsáveis tudo o que esses alunos estão aprendendo. As últimas apresentações ocorreram durante a festa junina na Casa, realizada no início de junho”, completa Maria Fernanda.

Os interessados nas aulas de violão podem participar, inclusive, da Orquestra de Violões Raphael Rabello, iniciativa da produtora Bem Cultural produções em parceria com a Casa da Educação Visconde de Mauá, tem como objetivo ensinar violão para crianças e jovens, como forma de homenagear Raphael Rabello, petropolitano e um dos maiores violonistas do Brasil de todos os tempos, falecido precocemente aos 32 anos no ano de 1995. 

A campanha de doação da Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias arrecadou 12 litros de sangue, garantindo que até 96 vidas sejam salvas nesta sexta-feira (14.06), data em que é comemorado o Dia Mundial do Doador. A ação foi organizada para contribuir com a normalização do estoque do Banco de Sangue do Santa Teresa, no Bingen, que estão abaixo da média esperada. As reservas dos sangues O+, O -, B - e A - estão em níveis mais críticos.

Com a queda da temperatura na cidade, diminui também o número de doações. O Banco de Sangue atende as duas UPAs da cidade, o CTO, o Hospital Unimed e o próprio Hospital Santa Teresa, que é referência em atendimento de feridos de acidentes de trânsito. A parceria com a Defesa Civil teve o objetivo de contribuir com os estoques do banco.

“O inverno é o período em que as doações mais caem, então esse apoio da Defesa Civil é muito importante para o banco. Além disso, na semana que vem tem o feriado de Corpus Christi, que também é um período crítico, já que muita gente aproveita para viajar”, explica Vinicius Paulo Neves Pereira, captador do Banco de Sangue.

A ação faz parte do eixo humanitário do Plano Inverno municipal, lançado na última quarta-feira pela prefeitura. Além dela, segue acontecendo a campanha do agasalho na Praça Dom Pedro e na sede da Defesa Civil, na Rua Buarque de Macedo, 128, no Centro, até o dia 4 de julho. Até o momento, mais de 200 peças foram recebidas.

Um único doador pode ajudar até quatro pessoas com a bolsa de sangue. Isso porque o material colhido é separado e podem ser usadas plaquetas, hemácias, plasma e criopreciptado – cada um com uma função diferente. Como o tempo de armazenagem também varia (por exemplo, as plaquetas, usadas para coagulação, podem ser armazenadas por apenas cinco dias), é necessário que as doações sejam frequentes para atender toda a demanda.

Podem doar todas as pessoas entre 18 e 60 anos, em bom estado de saúde e que pesem mais de 50 quilos. Jovens de 16 a 17 anos também podem doar acompanhados dos responsáveis. Não é necessário fazer jejum, mas é importante não ingerir alimentos gordurosos três horas antes da doação. Também não se deve consumir bebidas alcoólicas 12 horas antes.

As únicas restrições são a diabéticos e pessoas que fizeram tatuagem ou colocaram piercing há menos de um ano. Pessoas que fizeram algum procedimento, como endoscopia, só podem doar após seis meses da realização da intervenção. O banco de sangue funciona todos os dias, de 7h às 18h, na Rua Paulino Afonso, 477 – Bingen – ao lado do HST.

Uma barraca da Coordenadoria de Bem-estar Animal (Cobea) vai receber doações de ração e de medicamentos na Praça da Liberdade durante a 30ª edição da Bauernfest. O material arrecado será usado para atender animais carentes, sejam eles de protetores ou de particulares que comprovem estar passando por dificuldades financeiras. O recolhimento será feito de segunda a sexta-feira, de 9h às 18h.

O objetivo é reunir medicamentos em geral, como por exemplo, contra carrapatos e pulgas que não foram utilizados até o final ou que estão próximos ao vencimento. Também será recolhido ração para animais adultos e filhotes. A distribuição do material arrecadado será realizada em conjunto com a vistoria de uma equipe da Cobea, que vai verificar as condições do solicitante.

A Cobea mantém ainda campanhas periódicas de recolhimento de ração e medicamentos, contribuindo para o atendimento dos protetores pela cidade. 

A arrecadação é mais uma ação da prefeitura em apoio às ONGs e aos protetores. Desde o início da gestão, a Cobea mantém uma parceria com os protetores de animais, que contam com barracas permanentes no Centro e em Itaipava para realizarem brechós e bazares com a arrecadação voltada para as ações que são desenvolvidas. Os interessados em participar podem ligar para o (24) 2291-1505 ou pelo e-mail:  O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Cerca de 100 alunos da Escola Maestro Guerra Peixe puderam ouvir as orientações dos agentes da Guarda Civil 

O serviço de Ronda Escolar mantido pela Guarda Civil busca não apenas atender ocorrências registradas nas escolas, mas realizar um trabalho preventivo junto aos estudantes. Uma das ações para isso é a realização de palestras para orientar os alunos, dentre outros assuntos, sobre bullying. Nesta sexta-feira (14.06), cerca de 100 jovens de 10 a 14 anos do Ciep Municipalizado Maestro Guerra Peixe puderam ouvir sobre o tema.

Essas palestras já aconteceram em diversas escolas da rede municipal, particular e estadual. Já receberam esse tipo de atividade as escolas Hercília Moret, Jandira Bordignon, Rubens de Castro Bomtempo, Rotary, São Geraldo, Santo Antônio, José Fernandes da Silva, São João Batista, Loteamento Samambaia, Papa João Paulo II, Nossa Senhora da Glória, Lápis de Cor, Comac e Princesa Isabel.

“Depois que a gente começou esse período de ciclo de palestras, o índice de ocorrências tem diminuído, tem acontecido com menos intensidade. Estamos levando mais informações para sala de aula e os alunos estão absorvendo muito bem”, afirma a coordenadora da Ronda Escolar, Cláudia da Conceição.

Dois agentes ministraram a palestra e apresentaram as características que levam um adolescente a cometer bullying na escola, as consequências psicológicas de quem sofre e legais para quem pratica, o ciberbullying (realizado pela internet), entre outros tópicos.

O agente Célio Pereira Ramos falou com os alunos sobre a importância de agir com respeito em relação aos colegas, professores e também as pessoas fora da escola.

“Você deve fazer ao outro o que quer para você. Deve se colocar no lugar do outro. Quem quer respeito tem que dar respeito. O professor e todos os funcionários da escola precisam de vocês, precisam que vocês entendam que estão fazendo o melhor deles porque espera que vocês façam uma sociedade melhor”, disse o agente.

Diretora da escola há três anos, Márcia Cristina Ribeiro lembra que essa palestra já foi realizada em outra oportunidade no colégio e planeja que eles retornem para que os alunos do período da tarde também possam ser orientados sobre o assunto.

“O efeito que a gente vê sobre esses alunos é imenso. Primeiro, eles levam essas informações para casa, para os pais. A gente recebe esse retorno dos pais, dizendo como foi produtivo e o filho chegou com novas informações. E quando ocorre alguma coisa em sala que eles discordem, eles mesmo já vêm e falam que “a Ronda já falou sobre isso”. Então é realmente importantíssimo e a gente gosta muito dessa palestra”, falou.


Evento vai reunir profissionais de diferentes setores do poder público para levar os serviços para a comunidade 

A comunidade do Caxambu vai ser a segunda região do município a receber a Ação Social promovida pela Secretaria de Assistência Social. O evento aberto a toda a população, vai ser realizado neste sábado (15.06), na Escola Municipal Senador Mário Martins - Rua Flávio Cavalcante, Caxambu. Entre 9h e 14h, vários serviços serão oferecidos gratuitamente na iniciativa que conta com a união de diferentes setores do poder público. A primeira ação, realizada na Comunidade do Alemão, atendeu cerca de 500 pessoas.

O evento tem como objetivo levar até as comunidades serviços básicos oferecidos pela rede pública do município, como atendimento para aferição de pressão arterial, glicose e avaliação nutricional; realização do Cadastro Único, que dá acesso a vários benefícios sociais do município e do governo federal; orientação jurídica; emissão de primeira via de documento de identidade e carteira de trabalho; orientações sobre o combate a violência contra mulheres e crianças; e esclarecimentos de como acessar o balcão de empregos do município.  Para dar entrada em documentações é necessário levar foto 3x4.

Além dos serviços de setores públicos, a iniciativa voluntariosa da população também marca presença na Ação Social. O corte de cabelo para homens, mulheres e crianças é um dos exemplos. Para essa atividade a Secretaria e Assistência Social conta com profissional próprio, mas voluntários e estudantes de cursos de cabeleireiro e barbeiro se juntam para o atendimento à população, que muitas das vezes, não têm recursos para pagar pelo serviço.

Em 2018 foram realizadas 16 Ações Sociais por vários bairros da cidade. Ao todo, 10 mil pessoas foram atendidas pelos diferentes serviços oferecidos durante os eventos. Outras seis ações já estão programadas para acontecer todos os meses, até setembro, nos bairros Pedro do Rio, Meio da Serra, Boa Vista, Atílio Marotti, Amazonas e Duques.

Prestes a receber um investimento de R$ 97 milhões na área de saneamento básico, Petrópolis foi conhecer em Niterói um pouco do bom trabalho realizado na área por lá. De acordo com o Ranking do Saneamento de 2018, divulgado pelo Instituto Trata Brasil, Niterói é a melhor cidade do estado na área, com Petrópolis aparecendo logo em seguida.

Uma visita foi feita na sede da empresa Águas de Niterói nesta sexta-feira (14.06), que pertence ao mesmo grupo da Águas do Imperador, onde o poder público pôde verificar mais do investimento que está sendo feito no município, para universalizar o tratamento de esgoto, e conversar com o diretor-presidente do Grupo Águas do Brasil, Cláudio Abduche.

Edição especial reuniu 40 atletas na EM Monsenhor João de Deus Rodrigues 

Nesse ano, a 4ª edição dos JEDs – Jogos Estudantis dos Distritos, promovido pela Secretaria de Educação – teve uma novidade: a realização do ParaJeds. Quarenta alunos do ISE – projeto de Inclusão Social Esportiva, participaram nessa sexta-feira (14.06) das competições de natação, bocha e atletismo, na EM Monsenhor João de Deus Rodrigues, em Pedro do Rio.

O ISE teve inicio em 2017 com a oferta de natação para alunos especiais, na EM Monsenhor João de Deus Rodrigues. Atualmente, mais de 40 alunos participam das aulas, no contraturno escolar.

“Percebemos o quanto a natação fez diferença na vida desses alunos e por isso os incluímos nas competições do JEDs, para que eles também possam mostrar para toda a comunidade, o talento de cada um deles. O esporte os ajuda na coordenação motora, disciplina e na interação com os demais estudantes. Agradecemos a Secretaria de Educação pelo apoio”, disse o diretor da EM Monsenhor João de Deus Rodrigues e coordenador do JEDs, Ney Marcos de Paula Júnior.

Tânia Kling é mãe de Guilherme Kling, 15 anos, aluno da Escola Municipalizada Moysés Furtado Bravo. Guilherme foi diagnosticado com autismo e as aulas de natação foram, segundo Tânia, um divisor na vida escolar do adolescente.

“Impressionante como ele melhorou em tudo, não só no comportamento e na relação com os amigos e professores, mas, também, na coordenação motora e em casa. Ele adora a natação e eu, como mãe, quero só o melhor para o meu filho e por isso faço questão de participar e acompanhar todas as atividades”, contou.

Cristina Rosário, zeladora da EM Dr. Theodoro Machado, acompanha os alunos da escola nas aulas de natação. “Eu faço questão de prestigiar cada aula, me ofereci porque eles são os meus anjinhos. Eles torcem para chegar logo o dia da natação e eu também. Na escola percebemos a cada dia o quanto a atividade física faz bem para eles”. 

Competições dos JEDs reuniram mais de 700 alunos da rede municipal

Os jogos dos JEDs começaram em maio. Mais de 700 alunos de escolas da rede municipal participaram das competições que ocorreram nas próprias escolas: Futsal, handebol, voleibol, basquete, futebol de campo, tênis de mesa e queimada. No dia 19 de junho ocorrerá a cerimônia de encerramento dos JEDs, às 9h, na sede social do esporte clube Pedro do Rio.

Participaram da edição 2019 dos JEDs alunos das escolas: Theodoro Machado, Amélia Antunes, Paula Buarque, Celina Schechner, Augusto Pugnaloni, Liceu São José de Itaipava, Santa Teresinha, Dr. Barros Franco, Monsenhor João de Deus Rodrigues, Beatriz Zaleski, Moyses Furtado Bravo, Nilton São Thiago e Avelino de Carvalho. Vale salientar que a competição tem o apoio da Superintendência de Esportes e Lazer da prefeitura.


Tema: "Faça o que é certo, ainda que ninguém veja" 

Para despertar nos estudantes o interesse por temas como controle social, ética e cidadania, a Controladoria Geral da União – CGU – lançou o 11º Concurso de Desenho e Redação, que está com inscrições abertas até o dia 23 de agosto de 2019. As escolas da rede municipal já podem se inscrever. O tema nesse ano é: "Faça o que é certo, ainda que ninguém veja".

Para participar é necessário que as unidades escolares realizem a inscrição eletrônica em link disponibilizado no site: educacaocidada.cgu.gov.br.  Mais informações pelo telefone (21) 3805-3750.

O concurso já mobilizou mais de 3 milhões de participantes e é direcionado a estudantes matriculados em escolas públicas e privadas de todo o Brasil, sendo dividido em 14 categorias. O público-alvo são estudantes do ensino fundamental e ensino médio e educação de jovens e adultos.

Nas categorias de 1º ao 5º ano do ensino fundamental, os alunos podem concorrer com trabalhos do tipo “Desenho”. Nas categorias de 6º ao 9º ano do ensino fundamental, 1º ao 3º do ensino médio, incluindo a modalidade de educação de jovens e adultos (EJA), os alunos podem participar com trabalhos do tipo “Redação”. As escolas também podem participar na categoria Escola-Cidadã, com trabalho do tipo “Plano de Mobilização”

No site há material de apoio como guia do professor, tutorial de inscrição e formulários que podem ajudar as escolas no ato da inscrição

Desde sua primeira edição em 2007, o concurso já contabilizou 3.036.744 estudantes mobilizados; 108.985 professores envolvidos e inscrições de 17.422  escolas de todo o país.

O atleta petropolitano de bocha adaptada Roberto Saul Wigoda, o Betinho, participa neste fim de semana do Regional Leste de bocha adaptada na Arena Carioca no Rio de Janeiro. Ele vai disputar o torneio na BC2, categoria para jogadores com paralisia cerebral e que não é permitido o apoio de membros da comissão técnica aos deficientes. Caso fique entre os três primeiros colocados, vai estar classificado para o Campeonato Brasileiro da modalidade. Betinho faz parte do time da Associação Petropolitana dos Deficientes Físicos (APDEF), que conta com o apoio do governo municipal desde o início da atual gestão.

A preparação do atleta aconteceu no Centro de Cultura Raul de Leoni, espaço que está disponível para a equipe desde 2017, graças a uma parceria da associação com a prefeitura. O treinamentos acontecem todas as terças e quintas-feiras, entre 14 e 17h. Segundo Marcelo Corrêa, treinador e coordenador da APDEF, Betinho está preparado para mais uma competição.

“Ele está treinando muito bem. Na seletiva, teve um grande desempenho, mostrando que a preparação foi bastante eficaz. A expectativa é que ele possa trazer um grande resultado para a cidade”, disse Marcelo Corrêa.

Além da parceria com a APDEF no time de bocha adaptada, a prefeitura também realiza outras ações esportivas para os deficientes. No ano passado, aconteceu a I Copa Imperial de futsal para surdos - em parceria com a Associação Petropolitana de Surdos (APES) - e o campeonato municipal de futsal para surdos. O Dia de Convivência, dentro da programação dos jogos estudantis, também foi implementado pela atual gestão.

Houve também a capacitação gratuita para estudantes e professores de educação física que desejam trabalhar com pessoas com deficiência intelectual e um treinamento, também de graça, para árbitros de futebol e futsal. No calendário esportivo deste ano, estão previstos, mais uma vez, as competições de futsal e o Dia de Convivência.

O reforço no esquema de trânsito da Bauernfest começa nesta sexta-feira (14.06) com o fechamento de novas ruas durante o evento – que vai até o próximo dia 30 de junho. Esquemas para ônibus de turismo, estacionamento rotativo, ônibus urbanos, entre outros, estão sendo implementados pela CPTrans nos dias de evento. Veja como fica: 

Ruas fechadas

- Alfredo Pachá, onde acontece a Bauernfest;

- Walter Bretz, Domingo de Souza Bastos, Almirante Tamandaré, Machado de Assis e José Bonifácio, liberada, apenas para moradores.

Rua com novas configurações

-  Padre Siqueira, mão invertido no sentido Roberto Silveira;

- Montecaseros, trecho entre a Paulino Afonso e Piabanha permitido apenas sentido bairro.

- Vila Militar, terá as ruas Duque de Caxias e 29 de Junho abertas até a meia-noite para a passagem de veículos.

Rotas Alternativas

- Itaipava x Bingen via Mosela;

-  Bingen x Quitandinha via Vila Militar e Valparaíso;

- Itamarati x Quitandinha via Alto da Serra;

- Valparaíso via Fabrício de Mattos.

Ônibus urbanos extras

- Reforça médio de 15% nas viagens com destino à Bauernfest, incluído os ‘corujões’;

- Média de 60 a 80 viagens a mais aos sábados e domingos de veículos com itinerário Terminal Bingen x Bauerfest;

- Ônibus saindo, em médica, a cada 8 minutos do Terminal Bingen.

Ônibus de turismo

- Embarque e desembarque: Praça 14 Bis (idosos e deficientes), Avenida Tiradentes, Barão do Amazonas (em frente ao Relógio das Flores) e Montecaseros;

- Estacionamento: 250 vagas no entorno do Palácio Quitandinha, Rua Bingen, Barão do Rio Brando a partir da Moageira e estacionamentos da Petroita e Cidade Real.

Estacionamento carro de passeio

- Segundas e terças de 8h às 19h e quarta a domingo, de 8h às 22: lado par da Rua Imperatriz, lado ímpar da Avenida Tiradentes, Rua Raul de Leoni, Rua São Pedro de Alcântara, Praça Princesa Isabel, Rua Dr. Nelson de Sá Earp, Rua Engenheiro Miguel Desti, Rua Roberto Silveira, Rua Barão do Amazonas, Rua 7 de Abril, Rua Montecaseros, Rua Padre Siqueira, lado ímpar da Avenida Koeler, Avenida Presidente Kennedy, Rua Frei Rogério, Rua 13 de Maio e Praça da Liberdade;

- Estacionamento extra sextas a partir das 18h e sábado e domingo de 8h às 22h: lado par da Avenida Koeler, Rua da Imperatriz estendida e Avenida Barão do Rio Branco – até a altura da ponte da Moageira;

- 39 estacionamentos privados no Centro Histórico com horário ampliado para atendimento do público da festa.

Homem que atirou para o alto na noite de quinta-feira (13.06) foi preso pela Polícia Militar 

Imagens do Centro Integrado de Operações de Petrópolis (Ciop) ajudaram na prisão em flagrante de um homem que deu um tiro para o alto na Praça Pasteur, na Castelânea. O disparo foi feito em meio a uma confusão no local, por volta de 22h30. As imagens registraram a ação e a Polícia Militar levou o suspeito para a 105a DP. Em um ano, o Ciop já contribuiu com pelos menos 15 prisões..

Apenas no ano passado, as imagens ajudaram na prisão de quadrilhas responsáveis por assaltos a residências em Itaipava e Pedro do Rio, a um estabelecimento comercial no Retiro, a postos de gasolinas na cidade e também para recuperar um veículo roubado na Cel. Veiga. Também ajudou a descobrir três falsas comunicações de crimes (casos de estelionatos).

Em fevereiro, o monitoramento contribuiu para a prisão de um suspeito por assalto a uma joalheria e outros dois homens também por assalto a um bar, ambos no Centro. Além disso, ajudou a localizar o suspeito por disparar um tiro em um ônibus.

No mês de março, as câmeras ajudaram a identificar o veículo usado por uma quadrilha acusada de aplicar o golpe da “saidinha de banco”. Com as informações do monitoramento, foi possível avançar com a investigação que terminou com a prisão de três pessoas.

Em maio, um homem suspeito de tráfico de drogas foi preso na Av. Barão do Rio Branco, após ser localizado pelas câmeras.

A Secretaria de Assistência Social realiza a segunda edição, do ano, da Ação Social. O evento aberto à comunidade será realizado neste sábado (16.06), das 9h às 14h, na Escola Municipal Senador Mário Martins - Rua Flávio Cavalcante, Caxambu. Na ocasião, vários serviços serão oferecidos gratuitamente. A iniciativa que conta com a união de diferentes setores do poder público. 

Serviço: 

Ação Social – Caxambu

Local: Escola Municipal Senador Mário Martins - Rua Flávio Cavalcante, Caxambu

Horário: 9h às 14h

Palácio de Cristal se transforma em burgo alemão de 14 a 30 de junho

Petrópolis se transforma em um pedaço da Alemanha a partir desta sexta-feira (14.06) com a abertura da Bauernfest -  segunda maior festa do segmento no Brasil. Entre as atrações que fazem parte da programação estão 13 grupos de dança folclórica – locais e convidados, os tradicionais bailões com a Banda Germânica, desfiles, oficinas e atividades para crianças, concursos de chope a metro e chapéu mais enfeitado, jogos germânicos. A festa, tradicional no calendário da cidade serrana, é uma celebração ao legado cultural deixado pelos colonizadores, que começaram a chegar à região em 1945. O objetivo era fazer com que eles colonizassem o município e ajudassem a construir a cidade idealizada pelo Imperador D. Pedro II.

A 30ª edição do evento, será aberta pelo prefeito ao lado da presidente do Clube 29 de Junho, Emygdia Hoelz, às 19h, no Palácio de Cristal. O atrativo é coração da festa, mas ela acontece também nos arredores, como a Rua Alfredo Pachá, a Praça da Liberdade e a Praça Visconde de Mauá (Praça da Águia), esta última com o Biergarten – no coração do Centro Histórico. A novidade é que este ano, a Festa do Colono Alemão foi estendida e irá até o dia 30 de junho -  com exceção do dia 20, feriado de Corpus Christ.

Nesta sexta-feira - primeiro dia de evento -  o público poderá assistir à apresentação da Associação dos Grupos Folclóricos Alemães de Petrópolis (AGFAP), às 20h, no Palco Koblenz (Palácio), e, em seguida, com o grupo convidado de Blumenau-SC, Grupo Folclórico Teutônia, além dos grupos locais Blumenberg Volkstanz e Bauerngruppe Danças Folclóricas Alemãs de Petrópolis. Às 20h também acontece, dentro do Palácio, o bailão com a Banda Germânica. Simultaneamente, em outro ponto do Centro Histórico – a Praça da Liberdade -  a animação fica por conta da Bauernband que se apresenta no Palco Koeler.

A gastronomia é outro ponto alto da festa e ganha destaque com as barraquinhas espalhadas por todo o evento. Mais de 8 toneladas de salsichão devem ser consumidos no evento, além de outra paixão alemã: a cerveja, com mais 130 mil litros.

No ano passado, mais de 350 mil pessoas passaram pela Bauernfest. O evento emprega mais de 350 pessoas diretamente e, em 2018, movimentou R$ 43 milhões na economia da cidade. É uma das principais festas do calendário turístico do município, junto com o Natal Imperial.

Intensa programação durante todo o fim de semana

Até o dia 30 de junho a programação é intensa no Palácio de Cristal – que ser transforma em um burgo alemão. Já neste primeiro fim de semana o público que participar da Bauernfest encontrará tanto no sábado quanto no domingo as atividades, que começam já pela manhã e vão até o fim do dia. Entre as atrações estão apresentações de grupos folclóricos, recreação infantil, concurso de chope a metro e chapéu mais enfeitado, banda marcial, contação de história, teatro, além, claro do tradicional bailão com a Banda Germânica. No sábado, haverá ainda o Desfile de Lanternas, saindo às 19h da Avenida Ipiranga (em frente à Igreja Luterana) e no domingo o Desfile Folclórico, com as famílias de colonos germânicos, saindo às 10h da Rua da Imperatriz (em frente ao Museu Imperial).

A programação completa está disponível no site da festa: https://www> https://www.bauernfestpetropolis.com.br e na página do evento no Facebook: https://www.facebook.com/bauernfest/.

Festa da cultura alemã começa nessa sexta-feira (13.06)

Está na etapa final a montagem das estruturas da 30ª edição da Bauernfest, que será aberta oficialmente na sexta-feira (14.06), às 19h no Palácio de Cristal. As barracas já estão montadas, bem como o palco das apresentações. Todo o espaço está sendo decorado com as tradicionais cores preta, vermelha e amarela, tudo para compor o cenário típico da festa alemã. Os cervejeiros artesanais, que marcarão presença na festa por mais um ano, também estão preparando o espaço separado para as vendas: a expectativa é de que mais de 30 mil litros de cervejas artesanais sejam vendidos na festa.

Em 2018, os microcervejeiros venderam, cada um deles, de 2 a 3 mil litros de cervejas durante o evento. Nesse ano, com a festa mais extensa, a expectativa é de aumento nas vendas. Serão 18 marcas disponíveis para o público.

“Vendemos mais de 30 mil litros no ano passado e foi uma experiência incrível. Mostramos todo o potencial das nossas cervejas e conquistamos clientes cativos. Nesse ano a animação está maior, já que a festa terá mais dias, incluindo fins de semana. Agradecemos a parceria da prefeitura que reconhece o potencial produtivo e econômico das microcervejarias e vem, desde a criação da Lei de Incentivo, apoiando a participação das cervejarias artesanais nas festas da cidade”, afirmou o presidente da Associação das Cervejarias Artesanais de Petrópolis, José Renato Romão.

Leandro Leal, da cervejaria Colonus vai participar, pela primeira vez da festa. A microcervejaria, tem a expectativa de vender até 4 mil litros de cerveja na festa.

“Estamos animados e ansiosos. Será uma ótima oportunidade de dar visibilidade à marca. Temos orgulho dessa festa, que traz um movimento importante para a nossa cidade e estamos felizes em fazer parte do grupo das microcervejarias artesanais. Não foi à toa que a cidade recebeu o título de Capital Estadual da Cerveja e todos os visitantes terão a oportunidade de conferir isso na nossa Bauernfest”, disse Leandro.

No ano passado, cerca de 350 mil pessoas passaram pelo evento, com uma movimentação de R$ 43 milhões na economia.

Petrópolis possui hoje, 21 marcas, distribuídas entre fábricas e ciganas. São nove plantas (fábricas) em pleno funcionamento. Em 2018, o setor investiu diretamente R$ 10 milhões no município e produziu 1 milhão de litros de cervejas artesanais. A lei de incentivo à instalação de Microcervejarias Artesanais e de Brewpubs (bares que produzem e vendem a própria cerveja foi sancionada em outubro de 2017 pelo prefeito Bernardo Rossi. A lei estabelece maior simplificação de licenças ambientais e agilidade na instalação dos novos negócios.

Festa seguirá até o dia 30 de junho

A 30ª edição da Bauernfest terá início nessa sexta-feira, às 19h e seguirá até o dia 30 - exceto dia 20, feriado de Corpus Christi. Ao todo serão 40 barracas. Nos jardins da Casa Barão de Mauá, onde vai ficar o restaurante do evento, a barraca também está sendo finalizada. Na Praça da Liberdade já está quase tudo pronto. Já a Praça Visconde de Mauá - Praça da Águia, também já começou a receber os preparativos para o Biergarten, que vai fazer parte da programação da 30ª Bauernfest com programação cultural e cerveja artesanal.

A festa terá centenas de atrações. Entre elas estão 13 grupos de dança folclórica – locais e convidados, os tradicionais bailões com a Banda Germânica, desfiles, oficinas e atividades para crianças, concursos de chope a metro e chapéu mais enfeitado, jogos germânicos, teatro, entre outras.

Dois dos desfiles folclóricos ocorrem já neste fim de semana

O trânsito será alterado neste sábado (15.06) à noite e domingo (16) pela manhã nas ruas do Centro. As mudanças ocorrem provisoriamente para concentração e é liberada após a passagem dos desfilantes. Outros dois desfiles estão programados para ocorrer durante a Bauernfest, nos dias 29 e 30. Agentes de trânsito farão o balizamento e irão fechar as vias e orientar os motoristas durante o evento.

O primeiro desfile, das Lanternas, terá concentração a partir das 18h, na Avenida Ipiranga, que ficará em meia pista da altura da Igreja Luterana e por todo o trecho do desfile. O grupo sai às 19h em direção à Avenida Koeler, passa pela Roberto Silveira e termina dentro do Palácio de Cristal, por volta das 20h15. Essas ruas serão liberadas após a passagem das pessoas que vão desfilar. Qualquer pessoa pode participar dos dois desfiles, desde que chegue, no mínimo, com meia hora de antecedência.

Já nos desfiles do domingo, a concentração será a partir de 9h entre a Nilo Peçanha (ao lado do Theatro D. Pedro) e Rua da Imperatriz. A via, porém, deverá ser fechada uma hora antes e terá o estacionamento de veículos proibido para a festa. Os desfilantes passam pela Rua da Imperatriz, em frente ao Museu Imperial, segue pela Avenida Koeler e tem dispersão ao final da Roberto Silveira. A via liberada após a passagem do último grupo folclórico. No período da manhã, a Avenida Tiradentes que funciona com área de embarque e desembarque para veículos de turismo fica desativada.

A CPTrans já enviou ao Waze as modificações que ocorrem no trânsito da cidade durante a Bauernfest e orienta que o usuário use o aplicativo caso tenha como destino algum local que precise passar por uma das ruas interditadas. O aplicativo de navegação utiliza a localização do celular para mostrar as rotas mais rápidas até o destino escolhido pelo portador do aparelho. Com ele é possível que o usuário escolha, entre outras opções, chegar no destino pelo menor percurso ou pelo menor tempo. Ou seja, utilizando as condições do trânsito em tempo real, ele pode sugerir rotas fugindo das áreas onde o fluxo é intenso, fazendo com que o usuário chegue mais rápido ao seu destino.

O primeiro dia de funcionamento da UBS Posse registrou a procura de cerca de 100 pessoas na nova unidade de saúde. Inaugurada nesta quarta-feira (12.06), a procura por serviços consultas, vacinas, curativos, entrega de medicações, entre outros procedimentos, demonstra o potencial de utilização pelo espaço, que vai beneficiar os 12 mil moradores do quinto distrito. Em Araras, a população também aprovou a nova UBS.

Com melhor estrutura para acomodar os pacientes, o funcionamento da UBS da Posse está sendo aprovado. “Eu fiquei muito feliz com essa outra unidade, fazia muita falta para os moradores. Estamos conseguindo melhorias muito boas para nós aqui”, conta o morador Jurandir Lopes, de 60 anos que foi à unidade nesta quinta-feira levar o neto para vacinar.  

O morador Antônio Marques da Silva, de 68 anos, acompanhava a esposa para consulta médica e também ficou satisfeito com a estrutura e atendimento que encontrou na nova unidade. “Agora ficou muito melhor o atendimento e o espaço”, destacou.

A UBS da Posse conta com 9 consultórios, incluindo os de enfermagem e odontologia, além da sala de curativos, vacinas e de realização de procedimentos entre os quais aferição de pressão arterial e glicose. São 3 médicos, 3 dentistas, 3 enfermeiras, 3 técnicos de enfermagem, equipe de administrativo e 15 agentes da saúde.

“A nossa nova unidade veio trazer para a população uma melhoria muito grande, com melhor estrutura para o acolhimento ao paciente”, destaca a técnica de enfermagem, Jane Migueis.

Em Araras, moradores elogiam o atendimento

O esforço da prefeitura é reforçar a rede de atenção básica do município. Em Araras, por exemplo, uma Unidade Básica de Saúde também foi inaugurada, a cerca de um mês e já beneficia os cerca de 8 mil moradores da área           

Em Araras, a UBS conta com 4 consultórios, 1 sala de curativos, 1 sala de procedimento e 1 sala de vacinas. A nova unidade funciona com um médico clínico, um pediatra, um dentista, um enfermeiro, dois técnicos de enfermagem, um auxiliar de consultório dentário e dois agentes de Saúde.

A moradora de Araras, Eliane Inácia, de 44 anos, buscou o atendimento na UBS pela primeira vez nesta quinta-feira (13.06). “Estou achando muito boa a estrutura e o acesso”, destaca a moradora. A dona de casa, Débora Aparecida da Silva, de 42 anos, também aprovou a localização da UBS. “Estou achando ótimo ter uma unidade como essa perto de casa. Melhorou para todo mundo, para os pacientes e profissionais que têm um lugar melhor para trabalhar”, destaca a moradora.

Município teve aumento da cobertura vacinal entre grupo de risco após a prorrogação da campanha

Com 79% da população grupo prioritário imunizada contra a gripe, a Campanha da Vacinação contra Influenza termina nesta sexta-feira (14.06). Desde o dia 10 de abril, 78.130 pessoas compareceram às salas de vacina do município. A partir de segunda-feira (17.06) a imunização vai estar liberada para toda a população nas mesmas 40 unidades de saúde que funcionaram durante a campanha.

O município conseguiu ampliar a cobertura vacinal entre o público de maior risco após a prorrogação determinada pelo Governo do Estado. A meta da cidade, de acordo com o estabelecido pelo Ministério da Saúde, é vacinar 98.550 pessoas inseridas no grupo prioritário. Dos que comparecem aos postos de saúde, 103% foram professores, que apresentaram maior índice vacinal da campanha.  Entre os idosos, houve o comparecimento de 86%; 82% foram trabalhadores da saúde; 78% foram mulheres no pós-parto; 73% doentes crônicos; 66% crianças; e 63% foram gestantes. Foram destinadas ainda 391 doses a militares.

Do grupo prioritário ainda restam 20.420 pessoa a se vacinarem, que ainda poderão comparecer às unidades, que agora vão disponibilizar a vacina para toda a população. Até o momento, o município registrou 29 casos suspeitos de H1N1, seis aguardam resultados, 21 foram descartados para o vírus H1N1 e em dois casos - cujos pacientes foram a óbito - foi confirmado H1N1. A vacina influenza trivalente imuniza a população contra os dois tipos de influenza A (H1N1 e H3N2) e um tipo de influenza B.

As salas de vacina estão abertas no município de acordo com o horário de atendimento. A aplicação das vacinas é encerrada 30 minutos antes do fechamento das unidades. Dessa forma, a Secretaria de Saúde alerta para que as pessoas fiquem atentas ao horário de funcionamento das unidades. A maioria das unidades de saúde do município funciona das 8h às 17h. Algumas unidades que funcionam com o horário estendido, onde são feitos atendimentos até às 20h, o horário para a aplicação da vacina é até às 19h.

Em quatro unidades – Centro de Saúde, do Centro; as UBSs Retiro, Quitandinha e Mosela – a vacinação ocorre em período estendido, até às 19h. A UBS Mosela funciona em horário estendido toda segunda, quarta e quinta-feira. As demais seguem o horário de segunda a sexta-feira. Nesses locais, pode ocorrer um intervalo nos atendimentos de vacina, entre 16h30 e 17h para que seja realizada a troca de equipes plantonistas. Entre as unidades que a vacina está sendo aplicada estão:

Centro de Saúde Itamarati - Rua Bernardo Proença, n.º 32, com horário de funcionamento das 8h às 17h.

PSF Caxambú - Estr. José de Almeida Amado s/n, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF 24 de Maio - Rua 24 de maio, 197 – Centro, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

UBS Morin - Rua Pedro Ivo, n.º 81, com horário de funcionamento das 8h às 16h.

PSF Vila Felipe - Rua Ermínio Schimidt, s/n, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF São Sebastião - Rua São Sebastião, nº 625, com horário de funcionamento das 8h às 16h.

PSF Alto Siméria - Rua Manoel Francisco de Paula s/n, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Dr. Thouzet - Rua. Dr. Thouzet, 609 – Quitandinha, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Alto Independência - Rua José Lino s/nº, com horário de funcionamento das 8h às 16h.

PSF Vila Saúde - R. Santa Catarina, Lt 24 - Qd 41, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Santíssima Trindade - Rua Lopes de Castro – Bingen, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Bairro Castrioto - R. Santa Rita de Cássia, 114 – Castrioto, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Comunidade São Jõao Batista – Rua Luís Winter, 560 - Duarte Silveira, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Moinho Preto - Rua João Xavier, 2109 - Moinho Preto, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Pedras Brancas - Rua Pedras Brancas, 1190 – Mosela, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

Ambulatório Escola FMP/FASE - Rua Hivio Naliato, 899, Cascatinha, com horário de funcionamento das 8h às 16h.

Hospital Alcides Carneiro - Rua Vigário Correa, 1345 – Corrêas, com horário de funcionamento das 8h às 16h.

PSF Castelo São Manoel - R. Capitão João Amâncio de Souza Coutinho, 436, com horário de funcionamento das 8h às 17h.

PSF Jardim Salvador - Rua juiz Castro e Silva, 33 - Jardim Salvador, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Carangola - Estrada do Carangola, 860 – Carangola, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Fazenda Inglesa - Estr. Fazenda Inglesa, s/n – Mosela, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Vale das Videiras - Estr. Almirante Paulo Martins, 8201, com horário de funcionamento de 7:30 às 15h

PSF Bonfim - Estrada do Bonfim s/n – Bonfim, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Águas Lindas - Estrada do Palmital, 768 – Nogueira, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

UBS Itaipava - Estrada Philúvio Cerqueira Rodrigues, com horário de funcionamento das 8h às 16h.

PSF Comunidade Primeiro de Maio - Rua Norival Braga da Silva, S/N, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Boa Esperança - Estr. Ministro Salgado Filho s/n – Cuiabá, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

UBS Pedro do Rio - Estr. União Indústria, com horário de funcionamento das 8h às 16h.

PSF Posse - Estr. União Indústria, n.º 33.530, com horário de funcionamento das 8h às 16h.

PSF Brejal - Estrada do Brejal, Km 06, com horário de funcionamento das 8h às 15h.

PSF Secretário – Rua Visconde de S. Bernardes, 320 – Secretário, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

Vila Rica - Rua A (Ao lado da Quadra 28) - Vila Rica, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

Meio da Serra - Estrada Velha da Estrela, s/n - Alto da Serra, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

Alto da Serra - Rua Tereza, 2024 - Alto da Serra, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

Carangola - Estrada do Carangola, 860 – Carangola, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

UBS Araras - Estr. Bernardo Coutinho, 3435 – Araras, com horário de funcionamento de 8h às 17h

Unidades com funcionamento em horário estendido:

Centro de Saúde Coletiva - Rua Santos Dumond, 100, com horário de funcionamento das 8h às 19h.

UBS Quitandinha - Rua General Rondon, nº 400 e 490, com horário de funcionamento das 8h às 19h.

UBS Mosela - Rua Mosela, 744, com horário de funcionamento das 8h às 19h (segundas, quartas e quintas-feiras).

UBS Retiro - Av. Barão do Rio Branco, 3027(ao lado da 105ª DP, com horário de funcionamento das 8h às 19h.

Cerca de 200 atletas de mountain bike participam da Rocky Biker no Vale das Videiras no próximo domingo (16.06). A largada será às 9h na Arena Amavale com todos os participantes atrás do ‘carro madrinha’ até a reta de dispersão. Quem furar o comboio, será automaticamente desclassificado da corrida. A prova será realizada em dois percursos, um de 20 e outro de 40 quilômetros, com postos de hidratação com 5 e 14 km. O evento terá premiação geral e por faixa etária de cinco em cinco anos. A iniciativa é do Grupo Ecomaverick Esportes de Aventura e conta com o apoio da prefeitura, por meio da Superintendência de Esportes e Lazer.

A Rocky Biker existe desde 2016 e já contou com a presença de atletas ilustres, como o campeão mundial e atual e 2º colocado no ranking da União Ciclística Internacional (UCI), Henrique Avancini. Além de ser uma oportunidade para os atletas iniciantes na modalidade, a prova também serve de preparação para os mais antigos.

Desde o início da gestão, a prefeitura vem planejando ações para estimular a prática do mountain bike no município. O governo municipal fez uma parceria com Avancini, que recomendou quatro pistas na cidade - que estão sendo chamadas de “polos”, onde serão feitas ciclorrotas: em Secretário, Vale do Cuiabá, Vale das Videiras e Vale Florido.

Os locais vão receber sinalização específica para fortalecer o esporte e ainda atrair visitantes. Além disso, no ano passado, foi criada a primeira prova da modalidade permanente no calendário esportivo: a Copa Imperial de MTB. Mais de 400 atletas participaram do evento, que foi realizado em Secretário.

Neste ano também foi realizada em Petrópolis uma etapa da Copa Internacional de Mountain Bike no Vale do Cuiabá. O evento contou com a presença de mais de 5 mil pessoas e 700 atletas inscritos. Participaram corredores de 12 Estados do país em 31 categorias - entre amadoras e profissionais - movimentando a economia.

Além do patrulhamento preventivo, agentes também vão garantir que visitantes da Bauernfest possam usar o estacionamento voltado para eles

Corporação também possui agentes que podem prestar informações em inglês e espanhol

O serviço da Guarda Civil para a Bauernfest, a partir desta sexta-feira (14.06), terá não apenas o patrulhamento preventivo. A corporação também terá atenção para os visitantes da cidade até o próximo dia 30. Os agentes farão a fiscalização, junto à CPTrans, das vagas que serão utilizadas pelos ônibus para embarques e desembarques de turistas. Serão deslocados homens para pontos como a Catedral São Pedro de Alcântara, a Praça da Liberdade, entrada da Barão do Rio Branco, Quitandinha, entre outros.

A Guarda vai usar em média 30 homens por dia em diversos pontos em torno dos palcos da festa: Palácio de Cristal, Praça da Liberdade e Praça da Água. Entre eles, a corporação escalou agentes para trabalhar durante a Bauernfest e que podem atender turistas estrangeiros em inglês e espanhol.

A Praça 14 Bis será usada exclusivamente para o embarque/desembarque de grupos com mobilidade reduzida – idosos e pessoas com deficiência. Os demais veículos poderão utilizar a Av. Tiradentes, a Av. Barão de Amazonas e a Montecaseros. Depois disso, os ônibus deverão seguir de volta para o Bingen ou Quitandinha ou então para a Barão do Rio Branco (a partir da Moageira) e os estacionamentos das empresas de ônibus urbanos Petroita e Cidade Real.

Equipes da CPTrans estarão nos pórticos do Quitandinha e Bingen fazendo a triagem dos veículos que já entrarão na cidade sabendo onde desembarcar os turistas, estacionar e pontos de embarque para a volta, bem como o local ideal para deixar à cidade. Para o evento, a Companhia Petropolitano de Trânsito e Transportes vai disponibilizar 250 vagas para estacionamento.

O esquema de segurança da Bauernfest ainda vai contar com participação do canil, o ônibus de videomonitoramento e o uso das câmeras do Ciop, tanto em diferentes pontos do Centro quanto no circuito entre os palcos da Festa e as entradas da cidade – Bingen e Quitandinha.

Em quase cinco meses e meio de 2019, a prefeitura já promoveu 229 ações de manutenção de rede de águas pluviais na cidade. O trabalho já passou por 37 bairros neste período. Nesta quinta-feira (13.06), a Secretaria de Obras fez a substituição de seis manilhas danificadas na Rua Silva Jardim, no Centro. A situação foi identificada um dia antes, na quarta (12.06), após surgir um buraco na via.

O buraco mais fundo na rua foi um indicativo da necessidade de manutenção da rede pluvial. A rede geralmente é danificada por ação da chuva e também é consequência do aumento da população e da corrosão das manilhas causada por reagentes químicos presentes na água.

Em caso de necessidade, como ao constatar um buraco na rua, a população pode pedir o serviço para a equipe de manutenção viária pelos telefones: 2246-8620 / 2246-8621 (Centro e arredores); 2246-8701 / 2246-8625 (Distritos); ou 2246-8702 (Posse).

Na Silva Jardim, o trabalho foi executado por seis funcionários e contou com apoio de uma retroescavadeira e um caminhão. Por isso, o fluxo de ônibus precisou ser alterado nesta quinta e as linhas 302 (Floresta), 316 (Floresta - Via Francisco Scali), 323 (Ponte de Ferro - Via Bairro Esperança), 324 (Bairro Esperança - Via Brigadeiro Castrioto) e 360 (Terminal Itamarati x Alto da Serra) utilizaram as ruas Floriano Peixoto, Alberto Torres e Fonseca Ramos para no sentido bairro e Fonseca Ramos, Ipiranga, Imperatriz, Imperador e Paulo Barbosa no sentido Centro, parando na Praça Duque de Caxias.

A Rua Silva Jardim já está liberada para o fluxo de veículos, mas a Secretaria de Obras ainda fará a manutenção viária com asfalto no trecho.

Desde o início do ano, o trabalho já passou por Alto da Serra, Araras, Bairro Castrioto, Bairro da Glória, Bairro Esperança, Bairro Mauá, Bingen, Capela, Carangola, Cascatinha, Castelânea, Caxambu, Centro, Chácara Flora, Comunidade do Alemão, Dr. Thouzet, Estrada da Saudade, Floresta, Independência, Itaipava, Itamarati, Morin, Mosela, Pedro do Rio, Quarteirão Brasileiro, Quarteirão Ingelheim, Quissamã, Quitandinha, Retiro, Roseiral, Samambaia, São Sebastião, Sargento Boening, Siméria, Valparaíso, Vila Felipe e Vila Militar.

Percentual é menor possível permitido pela legislação

Alíquota, já praticada, oficializa a porcentagem após revogação de lei anterior

A Prefeitura enviou à Câmara de Vereadores, nesta quinta-feira (13.06), o Projeto de Lei que fixa em 11% a contribuição social dos servidores ativos, inativos e pensionistas. O percentual é o menor possível autorizado pela legislação e não altera o que hoje já é praticado pelo Regime Próprio de Previdência Social. A proposta da prefeitura com a fixação do percentual em lei, garante a não alteração da mesma e ocorre após revogação de legislação que previa a mesma alíquota anteriormente.

A proposta apenas inclui no artigo primeiro da Lei Municipal 7.793 o percentual de contribuição dos servidores do executivo e legislativo. A lei em questão é que está valendo desde 30 de maio, que dispõe sobre a contribuição social dos servidores e que revogou a lei anterior que previa o percentual. O objetivo é que não haja distorções na legislação vigente tranquilizando os mais de 12 mil servidos públicos.

Segundo a prefeitura, ao contrário de outras cidades e estados que tem aumentado a alíquota, o poder público está mantendo o menor percentual, lembrando que diversos municípios aplicam ou já aplicaram percentual de 14% de desconto.

Em Petrópolis, o regime de previdência adotado, além de não alterar a alíquota de contribuição também não altera a idade de aposentadoria dos servidores. A mudança é apenas de ordem financeira e contábil e visa garantir as aposentadorias no futuro, tendo em vista que, hoje, a insuficiência de recursos no Inpas para cobertura dos compromissos das futuras aposentadorias, o chamado déficit atuarial, é de mais de R$ 2 bilhões.

A Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias realiza nesta sexta-feira (14.06), Dia Mundial do Doador, mais uma campanha no Banco de Sangue do Santa Teresa, no Bingen. A ação antecede o feriado de Corpus Christi, no 20 de junho, data sensível para o local, que recebe menos doadores neste período. A meta é ajudar a abastecer os estoques do banco, que estão abaixo da média esperada. As reservas dos sangues O+, O -, B - e A - estão em níveis mais críticos. 

O Banco de Sangue atende as duas UPAs da cidade, o CTO, o Hospital Unimed e o próprio Hospital Santa Teresa, que é referência em atendimento de feridos de acidentes de trânsito. Segundo Vinicius Paulo Neves Pereira, captador de doações, as doações diminuem por causa da temperatura e também por conta do feriado.

“Neste período, por conta das gripes e resfriados, o número de doações são menores. Além disso, na semana que vem tem o feriado de Corpus Christ, que também é um período mais crítico. A iniciativa da Defesa Civil pode contribuir bastante neste sentido”, disse Vinícius.

A ação faz parte do eixo humanitário do Plano Inverno municipal, lançado na última quarta-feira pela prefeitura. Além dela, segue acontecendo a campanha do agasalho na Praça Dom Pedro e na sede da Defesa Civil, na Rua Buarque de Macedo, 128, no Centro, até o dia 4 de julho.

Um único doador pode ajudar até quatro pessoas com a bolsa de sangue. Isso porque o material colhido é separado e podem ser usadas plaquetas, hemácias, plasma e criopreciptado – cada um com uma função diferente. Como o tempo de armazenagem também varia (por exemplo, as plaquetas, usadas para coagulação, podem ser armazenadas por apenas cinco dias), é necessário que as doações sejam frequentes para atender toda a demanda.

Podem doar todas as pessoas entre 18 e 60 anos, em bom estado de saúde e que pesem mais de 50 quilos. Jovens de 16 a 17 anos também podem doar acompanhados dos responsáveis. Não é necessário fazer jejum, mas é importante não ingerir alimentos gordurosos três horas antes da doação. Também não se deve consumir bebidas alcoólicas 12 horas antes.

As únicas restrições são a diabéticos e pessoas que fizeram tatuagem ou colocaram piercing há menos de um ano. Pessoas que fizeram algum procedimento, como endoscopia, só podem doar após seis meses da realização da intervenção. O banco de sangue funciona todos os dias, de 7h às 18h, na Rua Paulino Afonso, 477 – Bingen – ao lado do HST.

Município foi destaque mais uma vez na competição: uma medalha de ouro e duas de bronze

Petrópolis marcou presença na Cerimônia Regional de Premiação de Medalhistas de Prata e bronze da OBMEP 2018 – parte II – Escolas do Rio de Janeiro, realizada esta semana, no Rio de Janeiro. A cerimônia marcou a entrega de duas medalhas de bronze para alunos da rede municipal: Julia Costa Freitas, aluna da Escola Paroquial Nossa Senhora da Glória e Miguel Ismael Pires, do Colégio Padre Corrêa. Ganhador da medalha de ouro pelo segundo ano consecutivo, Álan Câmara, da Escola Municipalizada Hercilia Moret participará, em julho, da cerimônia dos medalhistas de ouro, em Salvador.

A solenidade também contou com a premiação de dois professores da rede municipal pela participação dos seus alunos na OBMEP: Paula Tavares de Souza, da Escola Paroquial Nossa Senhora da Glória e Juremi Celestino Egydio, da Escola Municipalizada Hercília Moret.

Na cerimônia foram homenageados 223 alunos das escolas das redes estaduais, municipais e privadas do Rio de Janeiro: 59 alunos receberam medalhas de prata e 164 medalhas de bronze. Os 223 alunos pertencem a 139 escolas. Vale salientar que os alunos das escolas públicas concorreram com quase 18 milhões de estudantes de todo o Brasil.

“Fiquei muito feliz, fiquei surpresa em receber a medalha, não esperava. Agora, vou continuar estudando muito porque eu gosto de matemática”, disse Júlia Costa Freitas.

Miguel Ismael agradeceu o apoio da escola e dos pais. “Estou me sentindo realizado. Nunca imaginei que chegaria até a premiação. Agradeço muito meu pai e mãe pelo incentivo. Poucos conseguem ganhar medalhas, então, para mim, é uma realização muito grande. Não foi fácil. Mas meus professores me estimularam e meus pais me deram muito apoio. Sem isso, eu não conseguiria”, contou.

A professora Juremi, que leciona na Escola Municipalizada Hercilia Moret, e vem acompanhando a evolução do aluno medalhista de ouro, Álan, ficou emocionada pela homenagem recebida durante a premiação. “Graças aos incentivos, o Álan vem conquistando bons resultados na competição e isso é maravilhoso. Quando recebi o prêmio fiquei muito feliz. A premiação representa apoio ao trabalho dedicado aos alunos. Tenho prazer em estar em sala de aula e ter o trabalho reconhecido é muito gratificante”, disse Juremi.

A professora destaca a importância da premiação para a rede municipal de Educação. “Procuro sempre inovar, fazer coisas diferente e conto com uma equipe muito boa na escola, isso faz toda a diferença. Fiquei muito feliz, foi um momento importante também para o município, que pela terceira vez é destaque na OBMEP. Eu acredito nessa educação que ultrapassa os muros da escola, que transforma e promove esperança e melhorias na vida do aluno. Isso é genial”, completa.

Sobre a OBMEP

A Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas - OBMEP é um projeto nacional dirigido às escolas públicas e privadas brasileiras, realizado pelo Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada - IMPA, com o apoio da Sociedade Brasileira de Matemática – SBM, e promovida com recursos do Ministério da Educação e do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações – MCTIC. Criada em 2005 para estimular o estudo da matemática e identificar talentos na área, a OBMEP tem como objetivos principais: Estimular e promover o estudo da Matemática; Contribuir para a melhoria da qualidade da educação básica, possibilitando que um maior número de alunos brasileiros possa ter acesso a material didático de qualidade; Identificar jovens talentos e incentivar seu ingresso em universidades, nas áreas científicas e tecnológicas; Incentivar o aperfeiçoamento dos professores das escolas públicas, contribuindo para a sua valorização profissional; Contribuir para a integração das escolas brasileiras com as universidades públicas, os institutos de pesquisa e com as sociedades científicas e promover a inclusão social por meio da difusão do conhecimento.

O prazo para os servidores da prefeitura aproveitarem as condições de renegociações com a Caixa Econômica Federal com taxas especiais e atendimento exclusivo termina nesta sexta-feira (14.06). As oportunidades de acordo chegam a superar os 95%, dependendo da modalidade do contrato, e os servidores do município devem procurar uma das quatro agências da rede bancária, de 10h às 16h, para negociar suas dívidas. Até agora, quase R$ 800 mil em dívidas já foram negociadas na campanha realizada pela Prefeitura, por meio do Procon.

Nos bancos, o servidor é direcionado a um gerente exclusivo que irá analisar seus débitos e propor os acordos. O benefício é válido para todos os mais de 12 mil servidores públicos, incluindo os aposentados e pensionistas do INPAS. As agências da Caixa para negociação são: Imperial (Rua do Imperador 149/153 – Centro), Petrópolis (Rua do Imperador, 745 – Centro), Alta da Serra (Rua Teresa, 1380 – Centro) e Itaipava (Estrada União e Indústria, 10.040).

Nas agências da Caixa, estão sendo negociados dívidas de servidores negativados ou com alguma pendência junto ao banco, que está oferecendo descontos para pagamentos, seja à vista ou parcelado. As dívidas que podem ser negociadas são de vários tipos, como renovação dos contratos para o aumento de prazo, unificação de dividas diversificadas, débitos de cartões de crédito, cheque-especial e créditos consignados, por exemplo.

Uma dívida de CDC de R$ 48.042,37 caiu para R$ 5 mil com pagamento sendo realizado no próximo mês. Um outro acordo referente a pagamento com cartão de crédito, de R$ 4.471,23 teve redução de 81,7% caindo para R$ 873,08 com prazo para pagamento. Uma outra dívida de cartão de crédito de R$ 1.413,08 foi reduzida para R$ 389,46. A maior redução registrada até agora, no entanto, foi uma dívida de R$ 28.944,44 caiu para R$ 1.152 – um abatimento de 96,02% no montante acumulado de dívidas de cartão de crédito, cheque especial e empréstimo consignado.

Quita Dívida Servidor é expandido e vai beneficiar servidores da Câmara

O sucesso da Campanha Quita Dívida Servidor foi expandido e também vai chegar aos servidores que atuam na Câmara Municipal de Petrópolis. A ação será realizada na sede do legislativo na próxima semana, nos dias 17 e 18, entre 10h e 16h. A inciativa atende a uma solicitação da própria Câmara e ocorrerá na Sala de Comissões com gerentes do banco e equipe do Procon homologando os acordos dos servidores do legislativo.

Foram realizadas 302 partidas de quatro modalidades esportivas em 190 horas de atividades na primeira fase dos Jogos Estudantis Unificados de Petrópolis (JEUPs). Os últimos jogos foram de futsal e aconteceram nesta quinta-feira (13.06) no Centro de Iniciação ao Esporte (CIE) no Caxambu. São 50 escolas inscritas e cerca de 3 mil alunos participando da competição, números que transformam a edição deste ano como a maior de toda a história dos jogos. Em 2016, apenas 19 instituições de ensino participaram. Em 2017 foram 41 e no ano passado 44.

São oito equipes classificadas em cada categoria dos esportes em quadra para a fase final dos Jeups, que começa em agosto. Somente no futsal, na categoria sub-18 masculina, serão 12 times na segunda fase. A tabela com toda a programação das modalidades pode ser encontrada no site da prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br).

Ao todo são nove modalidades em disputa nos jogos, sendo cinco coletivas: futebol de campo, futsal, basquete, handebol e vôlei; e quatro individuais: tênis de mesa, xadrez, judô e atletismo. Além delas, o apoio ao Banco de Sangue Santa Teresa é a novidade para 2019. As instituições de ensino que levarem o maior número de pessoas para a mobilização ganharão pontos equivalentes aos esportes em disputa.

Segundo Vinicius Paulo Neves Pereira, captador de doações, o banco recebe em média 50 doadores por dia e o ideal seriam 70 pessoas voluntárias. “Como as escolas podem conseguir pontos com a doação, a gente acredita que a campanha vai aumentar o número de doações diárias. Neste período, por conta das gripes e resfriados, o número de doações são menores. A parceria pode contribuir bastante neste sentido”, disse.

Outra novidade é o projeto Selecionados Jeups. Serão formadas seleções com os principais atletas das categorias sub-15 e 18 no basquete, handebol, vôlei e futsal (apenas no feminino, já que no masculino a Liga Petropolitana de Desportos representa a cidade).

A segunda fase e as modalidades individuais acontecem no segundo semestre. O evento de encerramento com a premiação dos alunos e das escolas vai acontecer no mês de outubro no Sesc Quitandinha.

O cuidado com a saúde bucal das crianças atendidas pela rede pública de saúde foi foco do trabalho feito pela Secretaria de Saúde em parceria Faculdade de Medicina de Petrópolis/Faculdade Arthur de Sá Earp Neto (FMP/FASE). Com o apoio da Secretaria de Educação, foi realizado um levantamento sobre os índices de prevalência de cárie em dentições de leite e permanente, em crianças de 5 a 12 anos de idade. A pesquisa, feita em 26 instituições de ensino, envolveu 1025 crianças e o resultado segue a tendência nacional.

O levantamento mostra que, entre as crianças com dentição de leite, 60% das que tinham cinco anos de idade já apresentavam cáries; entre as crianças de 8 anos, esse índice ficou em 69%. Das análises das crianças com dentes permanentes, o maior número de casos de cárie está entre as crianças de 12 anos, entre as quais, 60% apresentou algum tipo de alteração. A partir desse levantamento solicitado pela Secretaria de Saúde, vai ser traçado um plano para oferecer maior orientação e, consequentemente, qualidade no que se refere à saúde bucal das crianças.

O mapeamento proposto pela Secretaria de Saúde contou com o apoio da Secretaria de Educação que abriu as portas das instituições de ensino, para que os alunos de Odontologia da FMP/FASE realizassem a pesquisa. Uma equipe de 17 alunos e dois professores, realizaram todas as análises que vão possibilitar planejamento de ações.

De acordo com a coordenadora do curso de Odontologia da FMP/FASE, Vera Soviero, os resultados identificados na pesquisa não ficam longe do que é observado nacionalmente. “Uma das principais causas para os casos que identificamos é a pouca ação preventiva adotada pela população e isso ocorre muitas vezes por falta de orientação”, destaca Vera, ressaltando que alguns casos mais graves identificados em crianças avaliadas na pesquisa, já estão sendo tratados no Ambulatório Escola.

Um dos passos para a ampliação do atendimento odontológico adotados pelo município é a criação de mais oito equipes de Estratégia de Saúde Bucal da Rede de Atenção Básica. Três foram implantadas nesta quarta-feira (12.06) com a inauguração da nova Unidade Básica de Saúde da Posse. As próximas serão nas unidades de saúde do Amazonas (Quitandinha), São Sebastião e Alto Siméria.

A partir do primeiro semestre de 2019 o projeto de Tratamento Restaurador Atraumático (TRA) será implantado nas instituições de ensino da rede pública. Atualmente, o município tem o serviço de saúde bucal implantando com 30 equipes que atuam em unidade com Estratégia da Saúde da Família; 8 em Unidades Básicas de Saúde; uma equipe em cada Centro de Saúde – Centro e Itamarati; uma em cada Unidade de Pronto Atendimento; além dos tratamentos especializados no Hospital Alcides Carneiro e nos dois Centros de Especialidades Odontológica, no Centro e em Corrêas.

Notícias por data

« Junho 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

iptu

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo