Uma solenidade realizada nessa terça-feira (13.08) marcou a assinatura de convênio de renovação da parceria entre e UFF e o município de Petrópolis realizada no campus da universidade, no Quintandinha. O prefeito e o reitor da Universidade Federal Fluminense, Antonio Claudio Lucas da Nóbrega, reforçaram a cooperação entre a instituição e a prefeitura e anunciaram outras parcerias, como o incentivo à criação de projetos acadêmicos com soluções inovadoras elaborados por estudantes sobre os desafios enfrentados no município.

O convênio, com validade de 60 meses, prevê a realização de projetos acadêmicos do curso de graduação em Engenharia de Produção, da Escola de Engenharia da UFF. Os projetos deverão promover, com os estudantes, atividades de aprendizagem social, profissional e cultural, compatíveis com a disciplina que estiverem cursando, por meio da participação em situações reais da vida e do trabalho profissional.

Segundo o convênio, a prefeitura manterá a disponibilização de recursos humanos e materiais, em quantidade e qualidade, necessários à execução das atividades e continuará dando suporte no campus da UFF como o auxílio na limpeza do espaço, além de arcar com despesas como água e iluminação. A ideia é que os estudantes auxiliem o município na construção de projetos e soluções que são desafios como a questão das inundações em algumas regiões e da fraca conectividade em alguns pontos da cidade

“Esse é um momento importante para a UFF e para a cidade. Sempre fomos muito bem recebidos na cidade pela prefeitura. Esse é um campus pioneiro, estamos cumprindo com a nossa tarefa de formar profissionais atentos a necessidade do mercado e da sociedade. A UFF tem relação próxima com o desenvolvimento do Estado e estamos muito felizes com essa parceria. Agora, junto com auxílio da prefeitura, vamos estimular ainda mais a aproximação dos estudantes com as empresas da cidade”, contou Antonio Claudio Lucas da Nóbrega.

O campus da UFF foi a primeira universidade pública federal instalada na cidade. Toda a infraestrutura do campus foi montada pela Prefeitura de Petrópolis. A condição para a criação do curso foi a oferta, pela administração municipal, de toda a estrutura física necessária ao seu funcionamento, com o fornecimento de mobiliário, equipamentos, acervo de biblioteca e as reformas e adaptações necessárias a um curso de ensino superior.

Também participaram da solenidade o diretor do campus da UFF em Petrópolis, Anibal Alberto Vilcapoma Ignacio, professores e estudantes da UFF.

O aumento no número de turistas em Petrópolis e o maior interesse dos brasileiros pela cultura nos últimos tempos são os principais motivos pelos quais os museus e atrativos da cidade têm apresentado taxas de visitação cada vez melhores. No primeiro semestre de 2019, os principais museus históricos e culturais da Cidade Imperial registraram crescimento no número de visitantes. O Museu Casa do Colono e o Museu Casa de Santos Dumont, por exemplo, administrados pela prefeitura, tiveram aumento de 23,7% e 14,3%, respectivamente, entre janeiro e junho deste ano se comparado ao mesmo período de 2018.

Os eventos, como Natal Imperial e Bauernfest, a cada ano batendo recordes de visitação, também ajudam a atrair mais visitantes para os pontos turísticos do município.

Principais atrativos como o Museu Imperial, a Casa Stefan Zweig, a Igreja Luterana, o Palácio Amarelo, o Parque Nacional da Serra dos Órgãos (Parnaso), o Centro Cultural Estação Nogueira, entre outros, computaram aumento na visitação do primeiro semestre. O Museu Casa do Colono contou com a visitação de 7.697 pessoas entre janeiro e junho, 23,7% a mais do que em 2018, quando o número foi de 6.223. O Museu Casa de Santos Dumont recebeu 69.887 pessoas no mesmo período, 14,9% maior do que o ano anterior, com 61.155 visitantes.

Além das festas, a prefeitura vem investindo na divulgação de Petrópolis, como a participação de feiras e eventos voltados para o setor. O próximo será a Salão Estadual de Turismo do Rio de Janeiro 2019, que acontece na capital entre os dias 22 e 25 deste mês.

Com 7.895 atendimento até julho de 2019, o Espaço Empreendedor já se tornou referência para quem deseja empreender ou aumentar o seu negócio em Petrópolis. Atendimento sem necessidade de agendamento prévio e acesso a serviços diferenciados em um só local são os destaques do EE, tudo para reforçar a desburocratização dos serviços, necessária para o incentivo aos novos negócios. O prefeito fez questão de conferir o atendimento no EE nessa terça-feira (13.08).

O local onde os empreendedores podem fazer consultas e ter acesso a dados da cidade. Mas o atendimento presencial no EE continua a todo vapor, inclusive com aumento em todos os meses. Em julho, por exemplo, 1.839 pessoas procuraram o EE.

Do total de atendimentos no mês de julho, 1.418 são referentes aos atendimentos da Jucerja - Junta Comercial do Rio de Janeiro: MEI, alvará, Nota Fiscal Eletrônica, Autenticação de livro e consultoria jurídica. Os demais, 421, são referentes a outras secretarias como Incentivos Fiscais, Protocolo Geral e Solicitação de Microcrédito da AgeRio.

Comparando o número de atendimentos nos primeiros sete meses do ano passado, com os 7.895 registrados nesse ano, houve um aumento de 39% no atendimento .

Na ocasião, o prefeito conversou com os funcionários que atuam no EE e conversou com Benito Paret, presidente da TI Rio – Sindicato das Empresas de Informática do Rio de Janeiro, entidade que mantém parceria com a prefeitura e realiza palestras para empresários do setor mensalmente no EE.

“Adorei conhecer o Espaço Empreendedor. Petrópolis vem se destacando no quesito desburocratização e esse lugar representa bem isso, consolida a vocação de Petrópolis como ambiente inovador para novos negócios”, disse, na ocasião, Benito Paret.

Vale salientar que, no EE os empresários também têm acesso a outros serviços como: Informações sobre alvará, Autenticação de livro, Mais Valia (Secretaria de Obras), Departamento de Trabalho e Renda, Incentivos fiscais (Secretaria de Desenvolvimento Econômico), Posturas e IPTU (Secretaria de Fazenda), atendimento ao produtor rural, Protocolo Geral, Secretaria de Assistência Social e Secretaria de Meio Ambiente. Um serviço que é bastante procurado é o de cadastro de vagas no Balcão de Empregos.  O atendimento no EE ocorre de segunda a sexta-feira, das 10h às 17h, no Centro Administrativo Frei Antonio Moser – Avenida Barão do Rio Branco, nº 2846.

Os moradores do bairro da Glória receberam os técnicos do programa da Defesa Civil na Sua Casa para vistorias e demandas para prevenções de desastres no bairro. O prefeito  acompanhou a equipe de atendimento com o objetivo de realizar melhorias no local. A ação tem a finalidade de trabalhar com a prevenção e atender as comunidades durante todo o período de estiagem, para tentar diminuir as consequências geradas pelas chuvas de verão.

Os técnicos da Defesa Civil vistoriaram o local conhecido como “Buracão” uma antiga demanda da região. A equipe emitiu 10 laudos com necessidades avaliadas no bairro, que serão encaminhados para as pastas responsáveis. A equipe também realizou uma ação de orientação aos moradores sobre os riscos de deslizamentos, preservação das fontes de águas, construções irregulares entre outros.

Segundo o morador Marco Antonio Diniz de Souza, a presença da equipe no bairro é muito importante para a segurança de todos. “Só vejo melhorias com a presença da Defesa Civil aqui no bairro. Conseguimos mostrar para a equipe todas as nossas necessidades e isso é muito importante”, explicou o morador.

O Conselho Municipal de Assistência Social realiza nesta quarta-feira (14.08), às 9h, a audiência pública anual, na Casa dos Conselhos – Avenida Koeler, 260, no Centro. O evento é aberto a toda a população que se interessa em debater as políticas públicas. Para a ocasião são esperados representantes dos poderes executivo e legislativo, além das 45 entidades sem fins lucrativos que participam do conselho e da sociedade civil. O evento antecede e levará os temas debatidos para a XII Conferência Municipal de Assistência Social, que será realizada nos dias 20 e 21 de setembro.

O tema central das discussões esse ano é “Assistência Social: o direito do povo com financiamento público e participação social”.

As audiências públicas são realizadas anualmente e esse ano segue o tema da conferência que vai ser discutido em âmbito municipal, estadual e federal. A proposta é promover maior entendimento sobre os programas de assistência social que já é um direito da sociedade, estabelecido pela Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS), que normatiza a política pública.

O tema apresentado para a discussão pretende debater sobre a garantida do direito da população com o financiamento público e participação social por meio das entidades representativas da sociedade civil.

A audiência antecede a Conferência que estará com inscrições abertas no entre os dias 19 de agosto e 13 de setembro O evento terá abertura no dia 20 de setembro, às 19h, na Casa dos Conselhos e realizará os debates no dia 21 de setembro, no Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC), no Quitandinha. A participação é aberta a toda população.

A população abraçou a causa do Procon ajudando com a doações de cobertores e agasalhos neste terceiro ano da Campanha Aqueça um Coração. Como reflexo, mesmo após o fim da campanha, as doações não param de chegar e, nesta terça-feira (13.08), a equipe do órgão fez a entrega de 180 itens para o Núcleo de Integração Social, o NIS, no Alto da Serra. Com mais essa remeça, o órgão bate o recorde de doações dos anos anteriores, com 808 itens entregue a instituições do município.

O NIS é um equipamento da Prefeitura que conta com instalações para o acolhimento e pernoite da população em situação de rua. No local são fornecidas roupas limpas e o usuário é direcionado a um dos leitos disponibilizados. Durante o dia, após o café da manhã, são orientados a buscarem atendimento no Centro Pop localizado na Rua Souza Franco. No espaço também é disponibilizada estrutura para banho, alimentação e local para o armazenamento de pertences do acolhidos.

A Operação Inverno é realizada anualmente com o apoio da Defesa Civil e Ações Voluntárias. Há, ainda, as abordagens sociais feitas diariamente de 9h às 21h e durante o inverno, o serviço se estende até às 22h. Os agentes oferecem todo o suporte para que as pessoas em situação de rua aceitem o acolhimento no NIS, mas o auxílio só pode ser feito a partir do consentimento dos usuários.

Está marcada para esta sexta-feira (16.08), na Praça de Nogueira, das 9h às 17h, mais uma etapa da Campanha de recolhimento de lixo eletrônico. A ação, que está em sua sétima edição, é uma realização permanente da Secretaria de Meio Ambiente em parceria com a Recicla Ambiental – empresa de reciclagem que vai receber o material – além da Comdep e da Secretaria de Desenvolvimento Econômico. Os moradores poderão descartar computadores, câmeras digitais, notebooks, tablets, televisões, baterias entre outros.

A campanha começou no ano passado, em uma iniciativa do projeto Inteligência Ambiental do setor de educação ambiental, e acontece mensalmente em bairros diferentes. Até o momento já foram recolhidos mais de quatro toneladas de materiais eletrônicos.

O objetivo da campanha é conscientizar a população da importância do descarte correto de lixo eletrônico, além de proporcionar esta ação de forma mais fácil para os moradores.

Na primeira metade do ano, cemitério do Centro criou outras 160 sepulturas e gavetas

O Cemitério Municipal está passando por obras para receber 120 novas sepulturas no segundo semestre de 2019. Dessas, 80 já estão em execução e começam a ser liberadas nesta semana – o restante terá início em novembro. Os serviços são feitos em parceria pela prefeitura com as funerárias da cidade e acontecem na quadra 11. Na primeira metade do ano, foram abertas 160 sepulturas e gavetas na quadra 20.

Além do Centro, também foi feito trabalho em Itaipava, onde foram abertas 10 novas sepulturas e serão feitas mais 10 ainda esse ano. Todo trabalho é feito com as funerárias de Petrópolis, que fornecem o material necessário, enquanto o município entra com a mão-de-obra.

A construção das novas estruturas tem o objetivo de suprir a demanda que existe desde 2008, quando 315 gavetas foram interditadas por causa de um deslizamento de terra. Em dois anos e meio, a prefeitura ampliou em 327 a capacidade de sepultamentos em Petrópolis com a construção de gavetas e sepulturas municipais.

Com o turismo em alta em Petrópolis, a presença do município em feiras e eventos voltados para o setor é cada vez mais frequente e ajuda a divulgar as belezas e os circuitos turísticos oferecidos para os visitantes. O próximo será o Salão Estadual do Turismo do Rio de Janeiro, que tem como objetivo o estímulo à ampliação da oferta turística fluminense e a integração de ações entre os setores público e privado. O evento, que acontece entre os dias 22 a 25 de agosto, no Píer Mauá, vai contar com a participação da Turispetro no estande da Serra Verde Imperial, que inclui outras cidades da região.

A cidade recebe hoje mais de 2 milhões de turistas por ano, é categoria A no Mapa do Turismo Brasileiro e uma das principais indutoras de turismo no estado do Rio.

O Salão Estadual do Turismo do Rio de Janeiro vai contar com atrativos turísticos, artesanato, produtos típicos, dança, música, entre outras atividades. Além da folheteria e prestar informações sobre o que o município oferece, Petrópolis também vai participar com uma atração cultural. Um dos objetivos do evento será também despertar o público visitante para as diversas alternativas que o estado do Rio de Janeiro apresenta no turismo, valorizando a riqueza dos segmentos, identidades e peculiaridades regionais.

A feira será um importante canal de divulgação dos atrativos turísticos do Estado. O evento contará com área de encantamento, onde os visitantes poderão conhecer os atrativos; balcões das regiões turísticas em que o público poderá conhecer mais detalhes dos destinos; local para comercialização, onde estarão empresários do turismo e artesãs; e no auditório acontecerá o “núcleo do conhecimento”, onde haverá um ciclo de palestras durante os quatro dias de evento. No palco acontecerão as apresentações culturais e no telão de led serão exibidos vídeos e fotos das cidades do interior. O Salão tem como público alvo profissionais do setor, jornalistas especializados no segmento, estudantes, turistas e a população em geral. A estrutura montada para o evento ocupará uma área de 3.500 m2 e a entrada é gratuita.

Renato Couto de Carvalho assume a Coordenadoria de Bem-estar Animal em substituição à Elizabeth Amorim. A nomeação do novo coordenador foi publicada no Diário Oficial desta segunda-feira (13.08). Ambientalista, Renato é presidente dos conselhos consultivos do Parque Natural Padre Quinha e do Monumento Natural Pedra do Elefante. Formado em filosofia, atuou como gerente de fiscalização na Secretaria de Meio Ambiente de janeiro de 2017 até setembro de 2018, quando se tornou secretário titular da pasta até o início de julho de 2019. Renato ingressou no setor público após 15 anos na iniciativa privada nas áreas de gestão e desenvolvimento de negócios em diversas áreas. Ele também é o representante da Secretaria de Meio Ambiente nos conselhos da Rebio Tinguá e da Rebio Araras.

Alvará Online - BANNER

Notícias por data

« Agosto 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31  

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo