Sete bairros receberam aplicação de asfalto nesta terça-feira (14.01) dando continuidade as ações de resposta da prefeitura às fortes chuvas. Na próxima quinta (16) começam a trabalhar mais três equipes de manutenção de calçamento. Além disso, outras obras de maior porte também fazem parte do cronograma de recuperação das áreas atingidas. Todos esses serviços estão incluídos na força tarefa do governo municipal na recuperação da normalidade da cidade.

A Secretaria de Obras estima um investimento entre R$ 2,5 milhões e R$ 4 milhões nestes serviços. Também estão sendo realizados serviços de limpeza, atendimento das famílias e das ocorrências registradas desde o dia 2 de janeiro até hoje – são 540 chamados. O efetivo nas ruas chega a quase 200 homens e ainda será reforçado, como o prefeito anunciou na segunda-feira (13.01).

A aplicação de asfalto aconteceu em diversas ruas de Itaipava, Mosela, Nogueira, Centro, Quitandinha, Castelânea, Bataillard. Oito equipes foram mobilizadas nesta terça.

A Comdep atuou nesta terça-feira (14.01) fazendo a retirada de barreiras na Av. Piabanha (Centro), ruas Minas Gerais, Mato Grosso e Rio Grande do Sul (Quitandinha) e na comunidade do Contorno; a limpeza e raspagem de terra no Parque São Vicente; e a remoção manual de detritos no extravasor que fica na Rua Pedro Ivo (Morin).

Além desses serviços, a prefeitura fará a recomposição do calçamento danificado em ruas de bairros como Valparaíso, Mosela, Duarte da Silveira, Dr. Thouzet, Duques, Quitandinha, Carangola e Bingen. Também serão necessárias obras de contenção, como por exemplo, na Rua Modesto Guimarães, no Carangola, e recuperação de pontes, como na Paulo Hervê, no Bingen, e margens de rios, como na Av. Piabanha (altura da Montecaseros), no Centro.

Desde o dia 2 de janeiro até hoje são 540 ocorrências cadastradas na Defesa Civil. O órgão trabalha para que o atendimento seja feito da melhor maneira no menor tempo possível. Os técnicos estiveram em vistorias nas Ruas Bahia, Ceará e Mato Grosso, todas no Quitandinha, acompanhados pelo prefeito .

São 19 imóveis interditados pela Defesa Civil, sendo oito na Rua Piauí, cinco na Rua Alagoas e mais um na Rua Rio de Janeiro, todos esses no Quitandinha. Também estão interditadas casas na Rua Atílio Marotti, no Retiro, Rua dos Ferroviários, no Alto da Serra, Estrada da Saudade, Alto Independência e Mosela.

Equipes da Secretaria de Assistência Social estão atendendo esses moradores. Até o momento, 53 famílias foram atendidas no ponto de apoio do Quitandinha, na Rua Amazonas, que fica na Escola Municipal Stefan Zweig. E outras oito famílias em bairros como Mosela, Alto Independência e Estrada da Saudade. Todas as famílias estão alojadas em casas de parentes.

A prefeitura montou um plano de ação para recuperar o prédio do Centro Administrativo para que o atendimento à população volte ao normal o mais rapidamente possível, seguindo o laudo técnico emitido pela Defesa Civil. O objetivo é permitir a reabertura de parte do espaço em uma semana – a área mais atingida pelo fogo ficará isolada e cercada por tapumes. Além da limpeza, que está sendo feita desde a semana passada, também está sendo feita a neutralização da corrente elétrica do prédio. O local ainda vai passar por revisão das instalações elétricas, começando pela área que foi afetada pelo incêndio.

Técnicos da Defesa Civil e do Departamento de Iluminação Pública vistoriaram o prédio nesta terça-feira (14.01). O prédio está seguro, não foi constatado nenhum comprometimento estrutural. Por isso, os funcionários que atuam no local foram autorizados a entrar para fazer a retirada de documentos e de objetos pessoais. Ao mesmo tempo, seguem sendo realizadas as ações de limpeza com equipes da Comdep e da Secretaria de Serviços. Todo material queimado, incluindo computados e eletrodomésticos, estão sendo removidos.

A rede elétrica, incluindo cabeamentos, quadros de distribuição, tomadas e iluminação, serão refeitos, primeiramente, na área afetada, e em seguida, no restante do prédio. Também será feita uma reforma geral nas duas salas da Superintendência de Atenção à Saúde, que foram atingidas pelo fogo.

O atendimento ao público segue acontecendo em outros locais ou pela internet. Confira onde encontrar os serviços oferecidos no Centro Administrativo pelas secretarias de Assistência Social, Saúde, Administração e Recursos Humanos, Desenvolvimento Econômico, Departamento de Iluminação Pública, Obras e Meio Ambiente:

Os atendimentos referentes ao Cartão Imperial e Aluguel Social estão sendo realizados no CRAS Centro, que fica na Rua Dr. Sá Earp, 39. Já os sobre Bolsa Família foram levados para o CRAS Itaipava, na Estrada União e Indústria, 12.860.

Na Secretaria de Saúde, novos cadastros para transporte de pacientes para tratamentos fora do município podem ser pedidos no Protocolo Geral, na Rua Moreira da Fonseca, 33 – Centro.

Atendimentos do setor de Recursos Humanos aos servidores também foram levados para o Protocolo Geral. As licitações presenciais vão acontecer, temporariamente, na Casa dos Conselhos Augusto Ângelo Zanatta (Av. Koeler, 260 – Centro). Já as licitações por pregão eletrônicas serão realizadas a partir do Departamento de Tecnologia, também na sede da prefeitura.

Os pedidos de manutenção de iluminação pública continuam sendo feitos pela internet, através do site da prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br) e pelo aplicativo disponível para celulares com sistema operacional Android (Petrópolis IP) – ambos os caminhos permitem o acompanhamento da solicitação. O Departamento de Iluminação Pública também disponibilizou um número de telefone temporário para pedidos: 9 8188-5507.

O Espaço do Empreendedor está fechado temporariamente, mas alguns dos serviços podem ser obtidos por outros caminhos. O Alvará Online pode ser obtido pelo site da prefeitura; a Nota Fiscal Eletrônica também está disponível no site da prefeitura; também pelo endereço online da prefeitura é possível cadastrar currículos, buscar profissionais ou consultar vagas disponibilizadas no Balcão de Empregos; também pela internet, é possível dar entrada na abertura de empresas por meio da Junta Comercial do Estado do Rio de Janeiro (www.jucerja.rj.gov.br); o registro de Microempreendedor Individual (MEI) está disponível no Portal do Empreendedor (www.portaldoempreendedor.gov.br). Outras informações estão disponíveis no site: www.petropolis.rj.gov.br/espaco-empreendedor.

Os atendimentos ao público da Secretaria de Obras e da Secretaria de Meio Ambiente estão suspensos.

Contribuintes que quiserem aproveitar os descontos para pagamento em cota única do Imposto Predial Territorial e Urbano têm ainda duas possibilidades: 7% de desconto para pagamentos efetuados até o dia 6 de fevereiro e 5% para aqueles que quitarem a cota única até 6 de março. O IPTU é uma das principais fontes de arrecadação do município. São recursos fundamentais para mantermos o abastecimento de medicamentos nas unidades de saúde, a qualidade da merenda para os alunos das nossas escolas e creches, melhorias na infraestrutura da cidade, como a pavimentação de ruas, iluminação pública, entre tantos outros serviços que são fundamentais no dia a dia das pessoas. É muito importante que aqueles contribuintes que puderem, façam o pagamento do IPTU em cota única.

Para facilitar a vida daqueles que precisam emitir a segunda via do boleto, a Secretaria de Fazenda mantém até o dia 6 de março o funcionamento da Central de Atendimento aos Contribuintes, montada em um espaço no térreo do Centro de Cultura Raul de Leoni. O espaço conta com seis guichês e equipe treinada para atender os contribuintes. A Central de Atendimento abriu as portas no dia 02 e funciona de segunda a sexta das 9h às 17h.

Os contribuintes encontram no espaço uma estrutura com seis baias de atendimento, espaço para 30 pessoas aguardarem sentadas, recepção com orientação, distribuição de senhas, computadores e impressoras. Além de retirar o boleto para pagamento em cota única, o contribuinte pode fazer no local a atualização de endereço.

A retirada do boleto via internet deve ser feita diretamente no site da prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br). Para imprimir o boleto de pagamento, o interessado precisa informar apenas o número de inscrição do imóvel.

Quem quiser marcar uma reunião de mediação para a Câmara de Prevenção e Resolução de Conflitos em Petrópolis agora pode solicitar o serviço pela internet, nas redes sociais do Petrópolis da Paz, no Facebook, Instagram, e também no Whatsapp pelo número 24 -988584891.

A sede que fica na Rua Ipiranga, 193, faz parte da Coordenadoria de Relações Institucionais através do Programa Petrópolis da Paz, que começou em 2017, após uma iniciativa do prefeito por meio da Lei n° 7.532. O programa tem a finalidade de executar a justiça social por meio do desenvolvimento da comunidade, contando com o envolvimento dos cidadãos nas suas próprias questões e conflitos, permitindo que as pessoas encontrem suas próprias soluções criativas.

“Abrimos mais estes canais para a população com o intuito de ampliar e facilitar o atendimento. Petrópolis possui de forma pioneira um espaço que oferece a mediação de forma gratuita para quem deseja conciliar e qualificar suas relações”, destacou a coordenadora do Programa Petrópolis da Paz, Elsie-Elen Carvalho.

A Câmara possui 15 mediadores judiciais e voluntários, que têm a missão de promover a Cultura de Paz através da formação individual e sistemática do entendimento da relação como um todo, baseada no respeito, amor e dignidade. Com todo trabalho, é possível desafogar as ações no judiciário, com acordos que beneficiam as duas partes envolvidas.

Uma das principais premiações culturais do estado, que leva o nome do de um importante compositor erudito brasileiro, o petropolitano César Guerra-Peixe, já tem definidos os seus 41 indicados. Artistas e produções culturais que mais se destacaram no ano de 2019 serão homenageados pelos seus trabalhos realizados em Petrópolis. A solenidade de entrega desta 11ª edição do prêmio, que é organizado pela prefeitura, através do Instituto Municipal de Cultura Esportes (IMCE), revelando os vencedores, será no dia 18 de março, data de nascimento do patrono.

Em 2019, o número de produções aumentou em função do estímulo dado pelo Instituto através de dois editais de projetos culturais, que somaram um investimento de R$ 450 mil, do Fundo Municipal de Cultura, para ajudar a custear quase 30 atrações musicais, de teatro, artes visuais, cinema, entre diversos outros segmentos.

Após os editais lançados pela prefeitura, houve uma enxurrada de eventos, festivais, mostras, espetáculos e shows. Muitos artistas contemplados puderam mostrar suas obras e o público também foi beneficiado com livre acesso à entrada. Por outro lado, quem sofreu foi a Comissão Julgadora do Prêmio para definir apenas 41 indicados.

“Durante o ano chegamos a ter 12 nomes pré-indicados em algumas categorias. Foi uma fartura. Que continue assim, como nos velhos tempos de boa safra cultural”, aponta Marco Aurêh, coordenador da premiação.

O corpo de jurados foi formado por Cocco Barçante (artista plástico e produtor cultural); Gabriel Saito (ator e estilista); Inês Petri (atriz, cenógrafa e produtora cultural); Luís de Mello (ator e professor); Marcelo Fernandes (escritor e professor); Nelson Kuster (jornalista e pesquisador musical); Silvia Marques (bailarina e coreógrafa) e Thiago Alves (músico, ator e compositor).

A Categoria Notório Reconhecimento, que premia o conjunto da obra ao longo dos anos, nesta edição presta uma homenagem a atriz petropolitana Myriam Pérsia, que ao longo dos seus 84 anos de idade construiu uma carreira notável atuando em diversas novelas, como “Sangue e Areia”, “Irmãos Coragem” e “Véu da Noiva”, além de filmes como “O esquadrão da morte”, “Banana mecânica” e “Um edifício chamado 200”, entre outros trabalhos. “Fiquei muito feliz pela lembrança vinda de minha querida terra natal”, enalteceu a atriz.

Confira a lista dos indicados por categoria:

1.         Música Popular: Café Bordel; Metabrisa; Nego Preto; Pestana.

2.         Música Erudita: Canarinhos de Petrópolis; Orquestra de Câmara de Petrópolis (ASMB); Orquestra de Câmara do Palácio Itaboraí; Orquestra Filarmônica de Petrópolis.

3.         Teatro: Cia Plúmbea (O diário do último ato); Coletivo Foco de Teatro (Mesma Reza); Paulo Marcos (direção de Morte e Vida Severina); Corpo poético (Poemas Possíveis para Sorôco).

4.         Dança: Cia Movimento (Tributo a Michael Jackson); Pedrinho Alves; Thaynara Silveira & Larissa Guimarães; Tiago Cunha.

5.         Artes Visuais: Betto Pereira (As Bikes de Betto); Família Bortolotti (Coragem e Fé); Coletiva Gesto de Barro (Arte Cerâmica); Helena Morani (Você não precisa dizer mais nada).

6.         Literatura: Álvaro Assis (Eutros); Drica Madeira (Lei Maria da Penha, entre a teoria e a prática); Fátima Argon e Bruno Cerqueira (Alegrias e Tristezas); Sylvio Adalberto (Coração na boca).

7.         Comunicação: Carolina Freitas (Petrópolis sob Lentes – matéria jornalística - blog); Cordas e Música (site); Esquinas da Cidade (programa audiovisual); Sou Petrópolis (site).

8.         Audiovisual: Aline Castella (O menino do Cine Paradiso); Bia Galvão (Nos jardins do Museu Imperial); Grégori Bastos e Dalí (Halloween – videoclipe); Lorran Kasesky (Rolezinho).

9.         Produção Cultural: Grafite (10 anos); Lilia Olmedo; Neblina Rock; Renata Garcia.

10.      Categoria Especial: Casa Stefan Sweig; Heloisa Schanoel (50 anos); Piccola Arena; Um Sarau Imperial.

11.      Notório Reconhecimento: Myriam Pérsia.

O secretário de Defesa Civil e Ações Voluntárias, participou de uma audiência pública na Câmara Municipal nesta terça-feira (14.01) e apresentou os resultados do trabalho de recuperação realizado pela prefeitura após as fortes chuvas da semana passada. Os serviços de limpeza, manutenção viária, atendimento das famílias e também nas ocorrências registradas estão sendo realizados por mais de 200 homens do governo municipal.

Desde o dia 2 de janeiro até esta terça-feira são 540 ocorrências cadastradas na Defesa Civil. São 19 imóveis interditados pela secretaria, sendo oito na Rua Piauí, cinco na Rua Alagoas e mais um na Rua Rio de Janeiro, todos esses no Quitandinha. Também estão interditadas casas na Rua Atílio Marotti, no Retiro, Rua dos Ferroviários, no Alto da Serra, Estrada da Saudade, Alto Independência e Mosela.

Equipes da Secretaria de Assistência Social estão atendendo esses moradores. Até o momento, 53 famílias foram atendidas no ponto de apoio do Quitandinha, na Rua Amazonas, que fica na Escola Municipal Stefan Zweig. E outras oito famílias em bairros como Mosela, Alto Independência e Estrada da Saudade. Todas as famílias estão alojadas em casas de parentes.

O secretário de Defesa Civil e Ações Voluntárias destacou que todo o efetivo da Defesa Civil, com 55 agentes, segue de plantão para o atendimento da população.

Por conta das férias escolares, as unidades educacionais da rede municipal estão fechadas neste mês de janeiro, no entanto, os setores administrativos da Secretaria de Educação funcionam normalmente. A Secretaria de Educação fica no prédio Frei Memória – Avenida da Imperatriz, nº 193, Centro.

Os atendimentos nos setores administrativos ocorrem de segunda a sexta-feira, das 9h30 às 18h30. Os pais ou responsáveis que quiserem tirar dúvidas sobre o funcionamento das escolas e Centros de Educação Infantil devem procurar atendimento no Departamento de Inspeção Escolar. O setor é responsável pela emissão de declarações e documentos relativos às escolas municipais, além de históricos escolares para matrícula nas escolas da rede estadual.

Ao longo do ano, o setor de Inspeção Escolar acompanha o trabalho pedagógico das escolas da rede e também o processo de autorização para funcionamento das unidades que atendem educação infantil da rede particular.

Os pais que tiverem dúvidas com relação à matricula e transferências devem procurar atendimento no Departamento de Matrículas – neste período o setor está efetivando a matricula daqueles que fizeram a inscrição pelo sistema online. Na segunda fase da matrícula – dias 29, 30 e 31 de janeiro, a Secretaria de Educação vai atender aqueles que se inscreveram na pré-matrícula, mas não conseguiram vaga em uma das três opções de escolas citadas. Quem perdeu o prazo da pré-matrícula deverá esperar e procurar atendimento na primeira semana de fevereiro.

Dúvidas podem ser esclarecidas na Secretaria de Educação – que fica na Rua da Imperatriz, nº 193, Centro - e no Polo de Educação de Itaipava - na Estrada União e Indústria, nº 11.590, sala 105.

O Procon Petrópolis realizou nesta segunda-feira (13.01) uma fiscalização em 27 lojas de 8 redes de supermercados da cidade para verificar se estão cumprindo a determinação do Ministério da Agricultura, Agropecuária e Abastecimento sobre a suspensão da venda dos lotes L1 1348 e L2 1348 da cerveja pilsen (Backer) da marca "Belorizontina". De acordo com a perícia criminal da Polícia Civil do Estado de Minas Gerais, a bebida contém a presença da substância dietilenoglicol, que ingerida teria causado insuficiência renal e alterações neurológicas em oito pessoas. Durante a fiscalização, a equipe encontrou a cerveja para venda, porém não referente aos lotes proibidos.

Em Petrópolis, a equipe de fiscalização encontrou o produto em uma loja do mercado Multimix, mas de lotes que não estão proibidos pelos órgãos responsáveis. Foram fiscalizadas: três lojas da Bordeaux; duas do MultiMix; sete do Terê Frutas; seis do Armazém do Grão; quatro do Tá no Gosto; quatro do Extra; uma do Supermarket e uma da MelClem.

A comercialização dos lotes do produto também foram suspensos preventivamente pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que publicou no Diário Oficial da União, que a empresa “infringiu os seguintes dispositivos legais: art. 10 da Lei 6437, de 20 de agosto de 1977”. A lei trata de infrações à legislação sanitária federal.

Denúncias sobre irregularidades podem ser feita na unidade do Procon que funciona na Rua Dr. Moreira da Fonseca 33, no Centro, ao lado da Câmara dos Vereadores. Os telefones para contato são o 2246-8469 / 8470/ 8471 / 8472 / 8473 / 8474 / 8475 / 8476 e 8477. Há, ainda, a unidade de Itaipava, que fica na Estrada União e Indústria 11.860, no Centro de Cidadania. Os usuários também têm como opção o WhatsApp Denúncia pelo 92257-5837 e o site www.petropolis.rj.gov.br/procon e o serviço de mensagens da página Procon Petrópolis no Facebook.

Notícias por data

« Janeiro 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31    

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo