O prefeito Bernardo Rossi acompanhou na manhã de hoje (06.02) o andamento das obras de ampliação da maternidade e da enfermaria de pediatria do Hospital Alcides Carneiro (HAC). No sábado (01.02) foi inaugurado o Centro Obstétrico, já em pleno funcionamento.  As intervenções fazem parte do maior investimento na unidade, - R$ 20,8 milhões - uma parceria entre a Prefeitura de Petrópolis e a Fase/Faculdade de Medicina de Petrópolis.

O maior hospital público do município é referência no atendimento às gestantes. Além do novo Centro Obstétrico, que abriu novas vagas em leitos de observação e salas de pré-parto, parto e pós-parto (PPP), o número de leitos de enfermaria da maternidade também está crescendo. No setor, de 44 leitos, a unidade passará a contar com um total de 64. Já na pediatria serão 15 novos leitos, além da abertura de uma brinquedoteca. Também está em andamento o processo para a abertura de um banco de leite na unidade, compondo este bloco de obras.

Além da área do complexo hospitalar, foi construído um prédio anexo ao Instituto Médico Legal para o funcionamento da Sala Lilás, cujas obras estão na reta final. A Sala Lilás fará o acolhimento das vítimas de violência para a realização de exames de corpo de delito e atendimento especializado.

A visita foi acompanhada pelo vice-prefeito Baninho, pela supervisora geral da Fase/FMP, Maria Isabel de Sá Earp de Resende Chaves, pelo diretor da FASE/FMP, Afonso Chaves e pelos vereadores Silmar Fortes e Justino do RX, além de diretores do HAC, do Sehac e técnicos da Secretaria de Saúde.

Obra foi retomada e finalizada nessa gestão

O novo prédio da E.M Professora Jandira Bordignon será inaugurado no sábado (08.02), às 9h30. A obra, que foi retomada em 2018 após ter sido paralisada pela gestão passada em 2016, garantirá o aumento da capacidade de atendimento da escola de 400 para 700 alunos. No novo prédio, localizado na Avenida Getúlio Vargas, há 12 salas de aula, quadra poliesportiva e acessibilidade nos três andares.

Obra foi retomada em 2018

Em 2015, devido a precariedade do prédio da E.M Jandira Bordignon, a escola foi dividida e os alunos foram transferidos para duas casas no Quitandinha: o prédio estava tomado por mofo, infiltrações e vazamentos e, por isso, foi desativado. Em 2016 – gestão passada – a obra foi iniciada, porém, paralisada no mesmo ano. Em 2018, após uma avaliação da atual equipe da Secretaria de Educação, a obra na escola foi retomada.

Oficinas, atividades diferenciadas e reforço na merenda

Com 24 escolas já funcionando com a educação em tempo integral, a rede municipal de Educação já conta com 2.191 alunos que permanecem na escola durante todo o dia. O integral garante atividades diferenciadas e reforço na alimentação diária de crianças na faixa etária dos 4 aos 11 anos. Entre as escolas que passaram a oferecer a educação em tempo integral está a E.M Lúcia de Almeida Braga, no Carangola.

O prefeito Bernardo Rossi visitou a escola nesta quinta-feira (06.02) para conferir a adaptação dos alunos no período integral. Na E.M Lúcia de Almeida Braga são 190 alunos, matriculados da educação infantil ao 5º ano. Além do reforço em Língua Portuguesa e Matemática, na escola, os alunos também participarão nesse ano de oficinas como iniciação científica, psicomotricidade e artes.

A diretora da escola, Amanda Satyro, disse que as crianças estão adorando a novidade. “Eles amam a escola, adoram as atividades e o parquinho. Abraçamos essa novidade e estamos muito animados com o integral”, disse.

A escola ganhou no ano passado um parquinho e nesse ano, mais duas salas de aula estão sendo construídas, um reforço para o ensino integral. Durante as visitas nas escolas que iniciaram o período integral nesse ano, o prefeito conversa com alunos, funcionários e comunidade e faz questão de comentar, também, a questão do reforço na merenda.

Vale salientar que as estratégias do município para incentivar a educação integral superaram as expectativas: até 2025 o governo federal, segundo o Plano Nacional de Educação, estipula que 50% dos alunos da rede precisam estar em escolas de tempo integral. A meta 6 do PNE também prevê que o município tem que aumentar gradativamente, a cada ano, até 20% das escolas que trabalham anos iniciais do ensino fundamental com educação integral e o município já superou a meta: com 22% de unidades atendendo em tempo integral.

Passaram a oferecer o ensino integral – a partir do programa PIAC, em 2020 - as unidades: Em Oswaldo Costa Frias (Posse); E.M Antonio José de Lima (Posse); E.M Sebastião Lacerda (Rocio); E.M Américo Fernandes Ribeiro (Vale das Videiras); CIEP Brizolão 474 Maestro Guerra Peixe Municipalizado (Cascatinha); E.M Amélia Antunes Rabelo (Madame Machado); E.M Lúcia de Almeida Braga (Carangola); EM Professor Joaquim Deister (Floresta) e E.M Darcy Correa da Veiga (Itaipava).

Além dessas, já atendem de forma integral as escolas: E.M Johan Noel – educação infantil até o 5º ano do fundamental; E.M Luiz Carlos Soares (Morin) – educação infantil ao 4º ano do ensino fundamental; E.M Senador Mário Martins (Caxambu) – educação infantil até o 5° ano do ensino fundamental; EM Monsenhor Cirillo Calaon (Jardim Salvador) –educação infantil até o 3° ano do ensino fundamental; EM Magdalena Tagliaferro (Castelo São Manoel) – educação infantil até o 5° ano do ensino fundamental;  Ana Mohammad (Sargento Boening – educação infantil ao 5º ano), Soroptimista (Pedras Brancas – educação infantil ao 5º ano), Leonardo Boff (Duarte da Silveira / Contorno – educação infantil ao 5º ano), Colégio Gunnar Vingren (Valparaíso – educação infantil ao 5º ano), Professor Nilton São Thiago (Nogueira – 1º ao 5º ano), São Francisco de Assis (Moinho Preto – educação infantil ao 3º ano), São João Batista (Duarte da Silveira – educação infantil ao 5 º ano), Dom Pedro de Alcântara (BR-040 – educação infantil ao 5º ano). Além dessas, duas escolas oferecem atendimento integral a partir de projetos distintos: Escola Santo Antônio do Vale do Cuiabá / Padre Quinha e o Centro Educacional Comunidade São Jorge.

Os pais que quiserem informações sobre o funcionamento das escolas que funcionam integralmente podem procurar o Departamento de Inspeção Escolar da Secretaria de Educação pelo telefone 2246-8675.

Aulas de ritmos, step e de zumba estão na programação da Praça Dom Pedro II

O Circuito Imperial de Lazer na Rua do Imperador terá programação especial de Carnaval no próximo domingo (09.02). Serão oferecidas gratuitamente aulas de ritmos, step e de zumba, das 9h às 14h, na Praça Dom Pedro II. Os primeiros 140 participantes receberão um abadá do evento. Promovido pela prefeitura, o circuito neste fim de semana contará com o apoio da Universidade Cruzeiro do Sul.

O trecho entre a Praça Dom Pedro e o início da Rua Marechal Deodoro funciona aos domingos com atividades esportivas e de lazer. "Importante para o desenvolvimento motor, cognitivo, físico e social dos jovens, o esporte ganha cada vez mais espaço em todos os bairros da cidade", destacou o prefeito Bernardo Rossi, relembrando os avanços na gestão dele.

Além das atividades na Rua do Imperador, o novo percurso do Circuito Imperial de Lazer da Av. Barão do Rio Branco - começando na Av. Ipiranga, também vai funcionar das 7h às 12h. Também são opções de lazer o Parque Municipal, em Itaipava, e o Parque Natural, no Centro, para quem gosta de correr, andar de bicicleta ou de andar de skate. Também são parceiros da iniciativa o Sesc Rio, a Unopar, a academia Korper e a Estácio de Sá, que disponibilizam professores e estagiários para o espaço.

A Comunidade do Alemão é mais um local a receber o Mutirão do Bairro. Uma parceria entre a prefeitura e os moradores vai melhorar o acesso da Servidão Lavandeira. Um trecho de 300 metros receberá aplicação de raspa de asfalto e acerto de meio fio, um trabalho que vai beneficiar cerca de 200 pessoas que vivem na região. O serviço teve início nesta quinta-feira (06.02), quando foi feito nivelamento da rua, que hoje é de terra.

No Mutirão do Bairro, a prefeitura fornece os materiais necessários e faz a orientação técnica para promover melhorias como pavimentação em concreto, drenagem e colocação de meio-fio em uma servidão. Também é oferecido acompanhamento técnico para que a obra aconteça dentro dos padrões exigidos. Já os moradores entram com a mão de obra.

“Essa rua sendo asfaltada vai ser a realização de um sonho de 48 anos dos moradores, que vão deixar de pisar na lama. É uma conquista grande para a comunidade”, afirma o presidente da Associação de Moradores da Comunidade do Alemão, Cláudio Noronha.

O programa já passou por comunidades nos bairros Duarte da Silveira, Estrada da Saudade, Centro, Araras, Manga Larga, Mosela e Sargento Boening.

A Prefeitura abriu processo seletivo para a contratação temporária de profissionais para a Secretaria de Assistência Social (SAS). Estão sendo oferecidas 35 vagas para assistente social. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas até o dia 19 de fevereiro na sede da SAS, na Avenida Barão do Rio Branco, nº 2846, 2º andar, Centro.

O chamamento público foi publicado no Diário Oficial do dia 4 de fevereiro, onde estão discriminados todos os requisitos do processo. O documento pode ser acessado no endereço eletrônico da prefeitura: www.petropolis.rj.gov.br. Das 35 vagas, 21 são destinadas às cotas raciais e 7 para pessoas com deficiência. A avaliação procederá também com análise de currículo. Títulos e experiência profissional serão critérios de pontuação.

Os candidatos deverão fazer as inscrições de segunda à sexta, das 13h às 17h30. No ato, deverão apresentar original e cópia dos seguintes documentos: Documento de identidade;  CPF;  Título de Eleitor e do comprovante de quitação com a Justiça Eleitoral (última votação); Quitação com a obrigação militar (masculino); Comprovante de escolaridade, registro no Conselho de Classe, comprovante de Habilitação e comprovante de experiência prévia.  

O processo seletivo simplificado é fundamento na Lei nº 7.931 de 24/01/2020 do município de Petrópolis, que regulamenta as contratações de pessoal por prazo determinado para atender à necessidade temporária até a admissão dos aprovados no Concurso Público que está em processamento.

Atividade é uma das selecionadas no edital de Projetos Culturais do IMCE. Nogueira e Caxambu também estão no calendário

Um dos selecionados no edital de Projetos Culturais do Instituto Municipal de Cultura e Esportes (IMCE), o Roda Viva vai promover atrações artísticas e culturais gratuitas em três bairros da cidade. Neste mês, as atividades acontecem na Quadra do Bataillard, na Mosela, no sábado (08.02). Mas o projeto, financiado pelo Fundo Municipal de Cultura, também chega a Nogueira (07.03) e no Caxambu (04.04). São atrações musicais, da dança, skate, grafite, circo, entre outras.       

As atividades são voltadas para o público de todas as idades, desde crianças a adultos. O evento começa às 13h e vai até 22h. “A programação contempla várias expressões artísticas. Tem música, hip hop, batalhas de MC e também grafites sendo feitos ao vivo nos muros da comunidade. A proposta é ser uma expansão da roda cultural que acontece em frente ao Centro de Cultura Raul de Leoni”, explica Cristiane Monteiro, que faz parte do Coletivo Nação Hip Hop, que organiza o evento.

O projeto é um dos 13 aprovados pelo segundo edital de Projetos Culturais lançado pelo Instituto em 2019. No total, eles somam mais de R$ 200 mil para financiar atividades dos mais variados segmentos, como de música, dança, cinema, entre outros. No edital anterior, 20 projetos culturais também foram selecionados, com um investimento de R$ 320 mil. A previsão é de lançar outro edital ainda neste primeiro semestre do ano.

No Bataillard, as atividades começam com circo, às 13h. Em seguida tem Dj Roots Combo às 14h; Batalha de Break às 15h30; Aulão Movimento Hip Hop e a Cultura de Rua com Slow da BF às 16h; 1ª etapa de batalhas às 17h30; Nego Preto NP às 18h; 2ª etapa da batalha às 19h; Dalli às 19h30; Slow da BF às 20h; e 3ª etapa da batalha às 20h15. Todas as atividades são gratuitas.

Capacitação acontece nos dias 11 e 12 de fevereiro para até 240 profissionais de ensino

Começa na próxima terça-feira (11.02) a capacitação dos profissionais de ensino para o Defesa Civil nas Escolas na Casa de Educação. O treinamento acontece das 8h às 17h e também será realizado na quarta (12) no mesmo horário. A atividade irá atender até 240 pessoas e tem o objetivo de preparar os responsáveis pelos colégios para a inserção do programa em sala de aula. Os trabalhos serão desenvolvidos pelos alunos abordando as ameaças de cada estação: incêndios florestais e estiagem, no primeiro semestre, e deslizamentos de terra, inundações, rolamentos de blocos rochosos, vendaval e tempestades de raio, no segundo.

Em 2019, o Defesa Civil nas Escolas envolveu 212 instituições de ensino, sendo 180 da rede municipal, 30 particulares e outras duas estaduais, em 1.239 atividades. O objetivo da prefeitura é que o programa envolva ainda mais alunos neste ano. 

Também no ano passado, 49 instituições que produziram quatro ou mais atividades em cada semestre e são consideradas escolas ouro. Outras 17 fizeram três trabalhos e são prata e 19 são bronze, já que desenvolveram duas tarefas sobre as ameaças de cada estação. A Secretaria de Defesa Civil vai premiar as escolas que participaram efetivamente da política pública em março.

Programa pioneiro no país e referência no Estado do Rio de Janeiro na prevenção de catástrofes, o programa está alinhado à estratégia internacional de redução do risco de desastres das Organizações das Nações Unidas (ONU). Graças a proposta de abordar a Defesa Civil em sala de aula, Petrópolis é destaque nacional com o programa, que também já rendeu um prêmio para a atual gestão.

Outra novidade é que Petrópolis foi selecionada para sediar o encontro da ONU sobre escolas seguras e cidades resilientes no Brasil.

Banner INFOS ATUAIS2

Notícias por data

« Fevereiro 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29  

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo