Unidade móvel do Procon também realiza atendimento à população na Praça Dom Pedro 

Por determinação do prefeito, o Procon está com uma série de ações para coibir a cobrança de valores abusivos de materiais e medicamentos relacionados ao combate do coronavírus em Petrópolis, como o álcool gel e máscaras hospitalares. Uma equipe atuou nesta quarta-feira (18.03) nos bairros e distritos, em conjunto com policiais da 105ª D.P e 106ª D.P. A unidade do Procon Móvel também está estacionada na Praça Dom Pedro, das 12h às 17h, recebendo denúncias e promovendo esclarecimento da população sobre os preços dos produtos.

A equipe do Procon que atuou em Nogueira, Itaipava, Pedro do Rio e Posse visitou 29 estabelecimentos, entre farmácias, mercados, lojas de manipulação, em conjunto com equipes da 106ª. Uma outra equipe, em conjunto com a policiais da 105ª, visitou 21 locais em diversos bairros do primeiro e segundo distrito.

Todos os locais fiscalizados receberam oficio para apresentar as notas fiscais de compra e venda dos últimos três meses. Com a apuração dessas notas será possível estabelecer se houve abuso na margem de lucro dos estabelecimentos. A equipe do Procon encontrou o álcool gel em apenas um mercado, mas o preço estava dentro da faixa que era cobrado antes da disseminação da pandemia do coronavírus.

Em dois estabelecimentos existe a suspeita de abuso, que será confirmado por intermédio da comprovação das notas fiscais. Caso seja confirmado o abuso, os comércios sofrerão penalidades previstas em lei. O Procon também vai oficiar as fornecedoras, por meio de unidades fiscalizadoras de outros municípios, para coibir a cobrança abusiva. A Polícia Civil também vai abrir inquérito administrativo para apurar todas as denúncias.

 “Vale ressaltar que grande parte das farmácias e demais unidades comerciais não tinham mais o produto. A falta do álcool em gel, em especial, foi detectada desde a nossa ação durante a última terça-feira (17.03), onde percorremos todas as farmácias e lojas de manipulação de medicamentos na área central da cidade”, atesta a fiscal do Procon, Fernanda Tesch. 

Procon Móvel também está na rua 

A unidade do Procon Móvel também está estacionada na Praça Dom Pedro, das 12h às 17h, para tirar dúvidas e receber denúncias da população sobre a cobrança de preços abusivos de álcool gel e máscaras hospitalares. Essa foi mais uma deliberação do prefeito para agilizar o atendimento da população.

Medida atinge comércio da Rua Teresa e Centro Histórico
Feira livre terá número de barracas reduzida e o Horto restringirá o número de trabalhadores por box
Mercados e farmácias funcionarão normalmente

 A partir de quinta-feira (19.03) as lojas da Rua Teresa e Centro Histórico terão horário diferenciado de atendimento. A decisão ocorreu após uma reunião com representantes do comércio das duas localidades realizada nessa quarta-feira (18.03). O comércio do Centro Histórico vai funcionar das 12h às 18h e a Rua Teresa (incluindo a Rua Aureliano Coutinho) vai funcionar das 10h às 16h. A medida não afeta o funcionamento das farmácias e restaurantes – esses poderão continuar funcionando normalmente. Com relação a feira livre, o número de barracas será reduzido pela metade – a partir da próxima terça-feira - e o espaçamento entre as barracas também vai aumentar. No Hortomercado, o número de funcionários atendendo em cada box terá que ser reduzido para duas pessoas.

A ideia de se estabelecer horários diferenciados foi uma sugestão dos representantes do comércio que participaram da reunião com o prefeito.

“É uma ação preventiva. Fizemos questão de chamar essas pessoas e conversar antes de tomar qualquer decisão. Sabemos que o cenário poderá mudar, estamos acompanhando tudo o que está acontecendo e entendemos a necessidade de proteger nossos funcionários e clientes”, disse Heitor Carneiro, representante do Sicomércio e dos lojistas da Rua 16 de Março.

O prefeito salientou que o cenário poderá mudar, ou seja, funciona como uma medida provisória.

O secretário de Desenvolvimento Econômico e presidente do Sicomércio, destacou a necessidade da prevenção. “É um cenário preocupante para todos, mas, através da união, conversando com todos os representantes, estamos tentando nos ajustar essa realidade”, destacou. 

Feiras Livres 

Com relação a feira livre, após uma reunião entre a Associação dos Feirantes, Sindicato Rural e Secretaria de Desenvolvimento Econômico, também realizada nessa quarta-feira, ficou acordado a diminuição no número de barracas: a feira livre conta com 327 barracas e o número terá que ser reduzido em 50% a partir da próxima terça-feira. Os feirantes também terão que disponibilizar álcool gel nas barracas e toalhas de papel para uso dos clientes. O espaçamento entre as barracas também será maior. A divisão com relação as barracas serão feitas pela Associação dos Feirantes. 

Hortomercado Municipal em Itaipava 

O Hortomercado em Itaipava terá restrição com relação ao número de pessoas atendendo em cada box: poderão ser duas pessoas em cada box. Álcool gel também deverá ser colocado à disposição dos clientes. Com relação ao Bar do Horto, o número de clientes atendido no espaço terá que ser reduzido a 30% e o atendimento. 

Ferinha de Itaipava 

Com relação a feirinha de Itaipava, a recomendação é a suspensão do atendimento provisoriamente.

Ônibus que chegam de cidades da Região Metropolitana do estado com casos de coronavírus, com suspeita ou que tenham declarado situação de emergência – incluindo o Rio de Janeiro - não poderão entrar em Petrópolis por 15 dias. O anunciou foi feito pelo prefeito nesta quarta-feira (18.03), como parte das medidas que estão sendo tomadas contra a propagação do vírus na Cidade Imperial. Um novo decreto municipal será publicado e as medidas valem a partir desta quinta (19), além disso, também está valendo no município a proibição da entrada de veículos de turismo.

Desde terça (17) um decreto estadual já determinava a proibição da circulação de linhas intermunicipais entre a Região Metropolitana (na qual Petrópolis foi considerada) e os demais municípios, e que também suspendeu por 15 dias a entrada de linhas interestaduais de coletivos com origem em estados que já tenham casos confirmados de coronavírus ou que tenham decretado situação de emergência. Hoje, uma equipe da prefeitura, liderada pelo prefeito, acompanhou o cumprimento do decreto do governador Wilson Witzel na Rodoviária do Bingen.

A Guarda Civil e CPTrans vão ficar na Rodoviária acompanhando isso. E estamos indo além desse decreto, a partir de amanhã (19), outros municípios como Belford Roxo, Niterói, São Gonçalo, Itaboraí, Maricá, Rio Bonito e a cidade do Rio, também estão proibidos de entrar em Petrópolis. Sabemos que é uma medida dura, mas o mais importante agora é proteger a população, salvar vidas.

A Rodoviária do Bingen é a principal entrada da cidade para quem chega de ônibus vindo de outros municípios, um movimento de cinco mil pessoas por dia – sendo 4 mil só para o Rio de Janeiro. No total, entre ônibus urbanos e intermunicipais, passam pelo local mais de 20 mil pessoas, de acordo com a Sinart. As restrições com a chegada e saída dos ônibus valem por 15 dias. 

Unidades estão em montagem final no novo Hospital Nossa Senhora de Aparecida, antiga Casa da Providência, no Valparaíso 

A cidade de Petrópolis vai receber, ainda este mês, mais 37 leitos especiais de UTI (Unidade de Terapia Intensiva). A ajuda chega no momento em que o município passa por duras medidas na intenção de barrar a entrada do coronavírus. Os leitos já estão em fase final de montagem no novo Hospital Nossa Senhora de Aparecida, antiga Casa da Providência, no bairro Valparaíso. A unidade, ainda em obras, tem previsão de entrega para o mês de abril deste ano e vai contar com 50 leitos clínicos, na primeira fase, e um total de 150 para a inauguração.

Na manhã desta quarta-feira (18.03), o prefeito e a Secretária de Saúde estiveram visitando as obras.

O novo hospital vai contar, também, com setores de imagem, análises clínicas e emergências em geral. A parte interna está sendo reformada com pintura nas paredes, teto e instalação de aparelhagem e piso novo. Os leitos de emergência que serão disponibilizados ao município ficam no segundo andar da unidade, com obras em conclusão previstas para uma semana. A instituição também já providenciou a compra de novas camas e colchões.

Vale lembrar que Petrópolis possui, hoje, 18 casos suspeitos de coronavírus sendo investigados. Destes, quatro se encontram internados em hospitais particulares na cidade e o restante mantém isolamento domiciliar. Todos os pacientes permanecem aguardando o resultado dos exames laboratoriais realizados pelo Estado. Até o momento, nenhum caso foi confirmado no município.

As medidas de higiene e o isolamento social temporário, como previsto pelos decretos estabelecido pelo município e pelo governo do Estado, devem ser seguidos por todas as pessoas como forma de prevenção ao novo coronavírus (que causa a Covid-19). A prefeitura, por meio da Vigilância em Saúde da Secretaria de Saúde, recomenda que a população procure permanecer em casa e continue usando o álcool gel e lavando as mãos. 

O setor de Fiscalização Sanitária e a Fiscalização de Posturas receberam denúncias sobre uma escola de idiomas que estava funcionando e um condomínio com as áreas de lazer cheias. 

Outro caso informado foi de um hotel onde os hóspedes estavam usando a piscina – a prefeitura entrou em contato com os responsáveis, que afirmaram que iriam fechar as áreas comuns e faria o confinamento dos visitantes até que eles consigam retornar para as cidades de origem. O hotel ainda informou que iria ajudar a providenciar transporte para aqueles tivessem dificuldade e que já estava restringindo o acesso de petropolitanos. 

Caso surjam novas denúncias sobre pessoas ou estabelecimentos descumprindo o decreto, elas serão informadas para que a Polícia Militar adote providências necessárias para garantir que não haverá aglomerações na cidade. 

“A recomendação é que quem não precisa sair, que fique em casa. Só saia em caso de necessidade ou quem precisa trabalhar, como o caso dos profissionais de saúde e assistência social”, reforça a diretora da Vigilância em Saúde, Elisabeth Wildberger.

 Na última sexta-feira (13.03), o prefeito já havia tomado medidas para evitar aglomerações como a suspensão de aulas, eventos esportivos, shows, atividades de cinema e teatro por 30 dias. Na segunda (16.03), o governo do Estado divulgou novas medidas, como restrição de circulação de linhas interestaduais, chegada de cruzeiros e voos nacionais e internacionais, e recomendações, como fechamento de academias e shoppings, e de frequentar praias, lagoas, rios e piscinas públicas. Outra recomendação é restrição ao funcionamento de bares e restaurantes, com orientação de que o atendimento aconteça preferencialmente de forma delivery.

Cerca de 30 placas de sinalização serão instaladas pelas ruas de Petrópolis para orientar a população sobre a localização do ponto de apoio aos suspeitos de infecção e pacientes do novo coronavirus. A iniciativa faz parte dos esforços do prefeito em atender a população nesse período, mostrando a direção do atendimento específico para a COVID-19.

A Companhia Petropolitana de Trânsito e Transportes (CPTrans) vai, a partir desta quinta-feira (19), iniciar a instalação do material que vai apontar a localização e a distância para o ponto de apoio para atendimento a pacientes com suspeita de coronavírus. Localidades como Quitandinha, Retiro, Alto da Serra, Mosela entre outras, serão sinalizadas mostrando a direção da UPA do Centro, onde está montado o atendimento especializado da doença.

Serão 20 placas orientando sobre a distância e a direção. Além desse material, sinalizações específicas no entorno dos hospitais da cidade também serão instaladas, sendo essas de características diferentes, orientando as pessoas com sintomas da COVID-19 a procurar o ponto de apoio.

Para o diretor técnico da CPTrans, Luciano Moreira, o objetivo é evitar o contato com pacientes que não são suspeitos de infecção pelo coronavirus. “Não só os pacientes suspeitos da COVID-19 precisam de atendimento e para evitar que esses pacientes tenham contato com quem possui o vírus, teremos essas placas para indicar o local correto da patologia”.

O prefeito vem mobilizando todas as secretarias, para cada uma em sua área de atuação, adotarem medidas para minimizar os danos causados pelo novo coronavirus. Vale lembrar que se trata de um vírus altamente contagioso e é importante que a população siga todas as orientações das autoridades visando evitar uma propagação ainda maior da COVID-19.

Aulas continuam suspensas 

A Secretaria de Educação está realizando reuniões com diretores dos Centros de Educação Infantil e escolas da rede municipal de Educação para tirar as dúvidas dos gestores com relação as ações de prevenção do coronavírus. Uma das orientações é de que seja feito nessa semana uma limpeza bruta em todas as unidades escolares.

As reuniões foram divididas em grupos e algumas dúvidas também foram esclarecidas de forma online. .

Com o auxílio de duas funcionárias da Secretaria de Saúde, os gestores também receberam dicas de prevenção como o evitar aglomerações, lavar as mãos com frequência e suspender visitas aos idosos e pessoas que se encaixam no grupo de risco.

Na última sexta-feira (13.03) o prefeito anunciou a suspensão das aulas nas instituições públicas. No mesmo dia, um decreto do governo do Estado determinou a suspensão em todas as redes de ensino por 15 dias - o pacote de medidas do governador Wilson Witzel, prevê ações temporárias de prevenção ao contágio e enfrentamento de emergência em saúde pública estadual e internacional decorrente do novo coronavirus no âmbito do Estado. O decreto suspende por 15 dias as aulas, sem prejuízo da manutenção do calendário recomendado pelo Ministério da Educação nas unidades da rede pública e privada de ensino, inclusive nas unidades de ensino superior.

Nessa semana o prefeito anunciou que a prefeitura estuda aulas em EAD para os alunos da rede de ensino e a entrega de kits alimentação para crianças - a Secretaria de Educação está fazendo um levantamento sobre a necessidade das famílias e a escola entrará em contato para explicar como vai funcionar o fornecimento dos kits. 

Ao contrário do informado ontem, secretário Chefe de Gabinete, Renan Campos, não ficou à frente do Procon interinamente. O cargo estava vago desde a saída do antigo titular. Como o Procon é uma coordenadoria ligada ao gabinete do Prefeito.

A partir de hoje (19.03) a advogada e psicóloga Raquel Motta é a nova coordenadora do Procon Petrópolis. Até o início desta semana ela era a subsecretária de Obras.

Raquel da Cunha Motta é formada em Direito e Psicologia pela UCP, com especialização em Administração de Empresas pela Universidade Estácio de Sá. Como advogada, atuou na área de defesa do consumidor.

Ela estava na Secretaria de Obras desde o início do governo do prefeito Bernardo Rossi, exercendo os cargos de assessora jurídica, diretora de projetos e subsecretária.

Prefeito destaca que as medidas buscam o combate da propagação do coronavírus

O prefeito anunciou - em coletiva de imprensa nesta terça-feira (17.03) - um novo pacote de medidas de restrição por causa do risco de contaminação pelo coronavírus. Vans e ônibus de turismo estão proibidos de entrar na cidade e os pontos turísticos permanecerão fechados pelos próximos 15 dias. Parques Municipais (Itaipava, Av. Ipiranga e Cremerie), além das cachoeiras, também não poderão ser acessados pelo mesmo período. Um ponto de apoio para os moradores dos distritos, próximo à Upa de Itaipava, será montado para atendimento 24 horas das pessoas com suspeita da doença. Com o apoio da iniciativa privada, serão disponibilizados novos 49 leitos de UTI no município para possíveis casos de coronavírus. Em Petrópolis, não há casos confirmados, há 15 casos suspeitos. Desses, dois exames deram inconclusivos e serão feitos novamente.

As cirurgias eletivas estão suspensas por 15 dias. Na próxima semana, será feita uma campanha de vacinação contra a gripe para os idosos. Os que tiverem mais de 80 anos serão atendidos em casa, ou pelas equipes das Unidades de Saúde de Família ou mediante marcação pelo telefone: 0800-921234. Nos asilos da cidade também haverá a vacinação. Nas unidades de saúde que fazem atendimento ambulatorial como UBSs, Centro odontológico, Centro de saúde terão dois funcionários capacitados para acolhimento de casos suspeitos e posterior encaminhamento para o ponto de apoio. Outra novidade é que os medicamentos para idosos poderão ser retirados por familiares.

Até a próxima sexta-feira (13.03), serão mais 10 leitos no HCC e os demais na Providência em um prazo de 15 dias para ficarem prontos. São leitos exclusivos para os que necessitarem de atendimento por conta do coronavírus. Neste período de dificuldades, o prefeito solicitou que seja impedido o corte de água por falta de pagamento pelos próximos 15 dias. O chefe do executivo também pediu auxílio ao vice-governador, Cláudio Castro, e ao deputado estadual, Gustavo Tutuca, para que a solicitação também se estenda à concessionária de energia.

A prefeitura suspendeu as férias e licenças dos servidores da saúde por prazo indeterminado. Também será criado um banco de dados de profissionais da área de saúde para caso tenha que reforçar os atendimentos. Além disso, o governo municipal recomenda o funcionamento de bares e restaurantes até às 22h. Os comerciantes também devem colocar álcool gel nestes comércios.

Com relação à feira livre, o executivo ainda estuda o que será feito nos próximos dias. Haverá conversa com os donos de academias para o fechamento destes locais. Com relação ao Procon, o atendimento ao público está suspenso, no entanto, caso a população encontre preços abusivos de álcool em gel ou de outros produtos pode solicitar a fiscalização pelo telefone: 2246-8469.

Veículos das Secretarias de Defesa Civil e da Saúde serão usados para avisar a população do risco de aglomeração. A prefeitura estuda aulas em EAD para os alunos da rede de ensino e a entrega de kits alimentação para essas crianças - a Secretaria de Educação vai fazer um levantamento sobre a necessidade das famílias e a escola entrará em contato para explicar como vai funcionar o fornecimento dos kits.

 

Petrópolis vem se adiantando em medidas que podem garantir internações em casos mais graves. Iniciativa privada se mostrou solidária

Busca de acordos entre o município e a iniciativa privada do setor de saúde da cidade. Este foi o tema de mais uma reunião realizada entre o prefeito e representantes da área de saúde de Petrópolis, na manhã desta terça-feira (17/03). Neste momento, a prefeitura vem focando a prevenção e preparando o setor de saúde para uma possível disseminação do coronavírus na cidade.

Na reunião foram disponibilizados mais 101 leitos pelo Hospital Clínico de Corrêas (HCC) e Sociedade Médico Hospitalar (SMH). Destas, 47 leitos específicos de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) pelo HCC e 2 pelo SMH. O HCC ofertou, ainda, mais 52 leitos de clínica médica em casos de necessidade.

Além disso, quartos comuns em hospitais poderão ser transformados em leitos de UTI com a aquisição, por parte da prefeitura, de equipamentos específicos de acompanhamento total dos pacientes, como monitores cardíacos e máquinas de ventilação mecânica. Vale lembrar que Petrópolis tem, hoje, 15 casos suspeitos de coronavírus aguardando os resultados dos exames já realizados e nenhum caso confirmado.

 

Unidade emergencial será responsável pelo atendimento aos pacientes em Petrópolis. Montagem está praticamente concluída

O prefeito visitou na manhã desta terça-feira (17/03) a unidade emergencial que irá atender os pacientes com suspeita de coronavírus ao lado da UPA Centro, que começou a ser montado na manhã desta segunda-feira (16/03) e deverá ser entregue na quarta-feira (18.03). O trabalho contou com cerca de dez funcionários. O ponto de apoio servirá de unidade especializada no atendimento aos pacientes suspeitos de contaminação pelo coronavírus. O prefeito estava acompanhado pela secretária de Saúde.

Ações da prefeitura de Petrópolis e de veículos de comunicação vêm sendo reforçados no pedido para que os petropolitanos permaneçam em casa.

Com a entrega do ponto de apoio, ao lado da UPA Centro, o objetivo é realizar o direcionamento da população ao local. Devem ir até o ponto de apoio todas as pessoas que apresentem os três principais sintomas da doença, como febre alta, tosse e dificuldades de respiração.

Durante a semana o prefeito vem se reunindo com todas as secretarias e passando novas determinações contra a disseminação do coronavírus na cidade. O prefeito esteve reunido com o governador do Estado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, nesta segunda-feira (16/03) para discutir as novas medidas tomadas pelo Estado.

 

Museus, atrativos e parques de Petrópolis ficarão fechados por 15 dias, além disso, ônibus e vans de turismo estão proibidos de entrar no município. Equipes da Guarda Civil estarão, a partir desta quarta (18), de prontidão nos pórticos do Bingen e do Quitandinha para evitar a entrada dos grupos. As medidas fazem parte do novo decreto do prefeito Bernardo Rossi, publicado em Diário Oficial nesta terça-feira (17.03), para prevenção do coronavírus. Até os pontos turísticos naturais, como cachoeiras, também não poderão ser frequentados.

As ações foram anunciadas durante coletiva de imprensa nesta terça. Além das novas medidas, o município já tinha cancelado eventos públicos e particulares – como as comemorações pelo aniversário de Petrópolis -, além de outros exemplos, como a paralisação do funcionamento do parque de diversões instalado no Parque Municipal, em Itaipava. Este, inclusive, foi totalmente fechado para qualquer atividade.     

Em relação aos parques: além de Itaipava, Parque da Ipiranga, e Cremerie ficarão fechados. Sobre os grupos de turismo, equipes com dois guardas civis estarão nos pórticos impedindo a entrada dos ônibus e vans de ônibus.

Em mais uma medida para combater o avanço da Covid-19, – infecção pelo novo coronavírus –, as empresas de transporte público que atuam na cidade estão reforçando as ações de limpeza e higienização dos veículos. O prefeito acompanhou na tarde desta terça-feira (17.03) esse serviço sendo realizado na garagem da viação Cidade Real e quer que esse trabalho seja ainda mais ampliado.

Juntas, as empresas Cidade Real, Petro Ita, Cidade das Hortênsias, Cascatinha e Turb Petrópolis possuem uma frota de quase 400 veículos. Só na Cidade Real, são 82 veículos que passam a receber limpeza externa e interna com água e sabão todos os dias – antes, o intervalo era de 48 horas. Na parte de dentro, há um cuidado ainda maior com bancos, balaústres e os suportes “pega mão”. Esse trabalho leva de 15 a 30 minutos.

“Nossos carros já andam limpos no dia a dia. É um trâmite normal que já fazemos e que intensificamos agora”, conta o gerente da Cidade Real, Miguel Ângelo Vianna.

De acordo com o Sindicato das Empresas de Transportes Rodoviários de Petrópolis (Setranspetro), as linhas de ônibus seguem operando normalmente com horário de dia útil, sem redução de frota rodando na cidade para atender a população.

O prefeito vai publicar um decreto para determinar a suspensão das atividades em academias e similares, por 15 dias. A medida faz parte das ações do município contra a proliferação do coronavírus. Nesta terça-feira (17.03), prefeito e cerca de 30 empresários e representantes do setor se reuniram para discutir o assunto. Boa parte dos estabelecimentos já havia decidido por paralisar temporariamente o funcionamento. A ação visa evitar aglomerações.

Durante o encontro, o prefeito determinou também que o Procon oriente as academias e os alunos em relação aos planos contratados. Além disso, a secretária de Saúde, também atualizou a situação do município e orientou os profissionais do setor.

Para o vice-presidente do Conselho Regional de Educação Física, André Fernandes, a decisão em conjunto com o setor é fundamental. “Em uma situação inédita, conseguimos reunir mais de 90% dos empresários do ramo do fitness da cidade de Petrópolis, junto com o prefeito e toda a sua equipe, no intuito de decidir tudo que vai ser feito nos próximos dias perante essa situação do coronavírus. E a decisão foi um decreto no qual sejam fechadas todas as academias no intuito de garantir a segurança não só das equipes, mas de todos aqueles que praticam as atividades físicas sob orientação de profissionais de educação física”, explica.

Órgão vai atender a população pelos próximos 15 dias apenas por canais digitais devido a situação do coronavírus

Por determinação do prefeito, o Procon deu início nesta terça-feira (17.03) a fiscalização dos valores do álcool gel repassados aos consumidores nas farmácias, lojas de manipulação de medicamentos e supermercados, que se estenderão para os distritos. Devido a situação do coronavírus, o Procon também vai manter o atendimento presencial suspenso por 15 dias, mas as denuncias podem ser feitas por intermédio do número de whattsapp: 98857-5837 e pelas redes sociais do órgão.

A equipe do Procon identificou que o preço proveniente dos fornecedores do insumo aumentou muito e os comerciantes não conseguem repor seus estoques. Foram mais de 20 farmácias fiscalizadas. 

Em uma farmácia visitada pela equipe do Procon, o proprietário Idércio Zirondi, afirmou que “diversos fornecedores de álcool em gel só vendem o produto em uma espécie de combo, com a obrigação de adquirir outros medicamentos. Isso é absurdo, além do ágio no preço das máscaras de proteção”, afirma.

A fiscal do Procon, Fernanda Tesch, disse que “que grande parte das farmácias estão encontrando esse problema de aumento de preço dos fornecedores. Em uma primeira fiscalização, não identificamos nenhum tipo de abuso, mas o monitoramento será constante para protegermos o consumidor de qualquer abuso. Vamos procurar oficiar os órgãos fiscalizadores de outras cidades, onde estão localizados esses fornecedores, para que façam esse trabalho de coibir essa situação, já que nós só podemos atuar em Petrópolis”.

O trabalho de fiscalização vai se estender aos distritos nessa quarta-feira (18.03). “Recebemos algumas denúncias de preços abusivos provenientes de farmácias de Itaipava. Vamos percorrer diversos locais dos distritos para averiguar essas informações”, completou Fernanda.

Quarta, 18 Março 2020 08:22

Comunicado CPTrans

Representantes das principais empresas de ônibus da cidade e Setranspetro estiveram presentes na reunião

Novas orientações a respeito das medidas tomadas contra a disseminação do coronavírus na cidade foram passadas, na tarde desta terça-feira (17/03), a empresários do setor de transporte de Petrópolis. Em mais um encontro para a busca de parcerias em benefício da cidade, o prefeito avaliou o quadro atual da doença e lembrou os perigos aos quais os petropolitanos podem ser expostos.

De acordo com representantes do Setranspetro, cartazes e adesivos serão colocados em todos os veículos na intenção de alertar a população a respeito do contágio e de como as pessoas podem se prevenir contra a doença. Toda a frota vai receber, ainda, mais atenção em relação à higienização diversas vezes ao dia. Outra preocupação do Setranspetro, que já adotou o ritmo de quarentena, é em relação à saúde de seus colaboradores, uma vez que grande parte deles se encontra, hoje, no grupo de risco para o coronavírus devido à idade.

A prefeitura reforçou a ideia de que, mesmo com o movimento reduzido de pessoas nas ruas e crianças em férias antecipadas, não vai permitir a redução das frotas para que não haja lotação nos coletivos.

Os empresários se mostraram preocupados em relação ao tema e dispostos a oferecer apoio à cidade no momento de crise atual. Bernardo Rossi terminou a reunião lembrando que, diante do problema, a prefeitura não pode permitir que os ônibus da cidade sejam vistos como fonte de disseminação da doença.

Ação preventiva contra o coronavirus

O atendimento presencial no Espaço Empreendedor (EE) da Secretaria de Desenvolvimento está suspenso por 15 dias. A ação de prevenção visa evitar aglomeração de pessoas na sede do espaço, que fica na Rua Teresa. Dois telefones serão disponibilizados para tirar dúvidas da população: MEI: 2242-8536 e JUCERJA: 2242-6415.

Vale salientar que todas as informações sobre a cidade e como abrir um negócio estão concentradas em um espaço específico no site da Prefeitura, na página do Espaço Empreendedor. Informações sobre MEI, alvará on-line, Nota Fiscal Imperial, Incentivos Fiscais e Junta Comercial do Rio de Janeiro – Jucerja – são apenas alguns dos serviços oferecidos no site do Espaço Empreendedor e que está disponível para consultas: www.petropolis.rj.gov.br/espaco-empreendedor.

No site também há informações sobre a consulta Processo Fácil e links da Jucerja, Balcão de Empregos e site do Sebrae. A página também mostra informações sobre a cidade: turismo, economia, transporte e segurança e o link para o Balcão de Empregos da prefeitura.

Ação preventiva contra o coronavírus

O atendimento ao público realizado na Secretaria de Educação será feito, a partir de quarta-feira (17.03), através de agendamento. A intenção é a de evitar aglomeração de pessoas nos setores que mais atendem a população.

Quem desejar atendimento no Departamento de Inspeção Escolar deverá ligar para: 2246-8675 / Matricula: 2246-8683 / 8585; Núcleo Administrativo / Gestão de Pessoas: 2246-8657 e Financeiro: 2246-8668.

Vale salientar que a Secretaria manterá o horário normal de funcionamento – 8h30 às 18h30 – para resolução dos processos administrativos internos. Apenas o atendimento ao público será agendado, neste momento.

As inscrições das escolas, no entanto, continuam e pode ser feita pela internet

O início dos Jogos Estudantis Unificados de Petrópolis (Jeups) está adiado por tempo indeterminado. A medida é de prevenção e tem como objetivo evitar a propagação do coronavírus (Covid-19). As inscrições das escolas para a competição, no entanto, continuam normalmente. Os responsáveis pelas instituições de ensino devem pegar a ficha para o cadastro no site da prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br) e entregar preenchida na Superintendência de Esportes e Lazer, que fica no Centro de Cultura Raul de Leoni, na Praça Visconde de Mauá, no Centro.

s eventos esportivos, em sua grande maioria, envolvem muitas pessoas. Neste momento, a prefeitura quer evitar as aglomerações. Também estão suspensas as atividades do Agita Petrópolis e dos outros programas regulares como forma de prevenção.

Para 2020, o governo municipal quer superar o número de escolas participantes do ano passado, quando 50 unidades escolares se inscreveram – o maior número da história do Jeups. São 12 modalidades esportivas garantidas no torneio estudantil. As três novidades são o pump track, e-sports e taekwondo.

Em 2016, só 19 escolas participaram dos jogos. Em 2017 foram 41 e em 2018 foram 44. No ano passado, os jogos bateram o número histórico com a inscrição de 50 escolas.

Com o crescimento do número de escolas, mais alunos também participam do Jeups. 

No ano passado, mais de três mil jovens participaram do Jeups. Somando as outras competições estudantis, como o Jogos Estudantis Municipais e o Jogos Estudantis dos Distritos, mais de cinco mil alunos estiveram envolvidos nas atividades.

Site da prefeitura é a ferramenta para os candidatos cadastrarem seus currículos

O Balcão de Empregos da Prefeitura, administrado pelo Departamento de Trabalho e Renda (Detra), da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, tem 14 vagas disponíveis nesta semana. Os candidatos devem cadastrar os seus currículos na prefeitura no site www.petropolis.rj.gov.br. Mais informações podem ser consultadas pelos telefones 2249-4337 / 2246-9019 / 2246-8942 e 2246-9009.

O balcão de empregos realiza a divulgação das vagas e os encaminhamentos dos candidatos para processo seletivo, sendo assim, fica a cargo do empregador a responsabilidade pelas entrevistas e possíveis contratações. O Detra fica na Rua Aureliano Coutinho, 203, no Centro. Confira as oportunidades:

Ajudante de entrega - 4 vagas - sexo masculino - Experiência
Atendente de lanchonete - 1 vaga - sexo masculino - Ensino médio e experiência
Cozinheiro - 1 vaga - ambos os sexos - Experiência
Promotor de vendas - 3 vagas - sexo masculino - Experiência, ensino fundamental e CNH categoria B
Vendedor - 3 vagas - sexo masculino - Experiência, ensino médio e CNH categoria B
Vendedor Externo - 2 vagas - ambos os sexos - Ensino médio, CNH A ou B e disponibilidade para viajar

 

Banner INFOS ATUAIS2

Notícias por data

« Março 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31          

Prestação de conta COVID-19

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo