Manutenção de estradas vicinais e intervenções no sistema de drenagem estão entre as principais demandas da população local

O prefeito recebeu nesta quarta-feira (04.03) um grupo de moradores do Brejal para ouvir reivindicações de melhorias para a comunidade que fica no distrito da Posse. Entre as principais demandas estão intervenções nas estradas vicinais e no sistema de drenagem para proporcionar melhores condições de acesso tanto para quem vive na região quanto para os produtores rurais. Na próxima segunda (04.03), o prefeito e diversos secretários vão fazer uma vistoria para identificar os pontos que demandam intervenções de maior porte.

A equipe regional da Posse recebeu máquinas e material para realizar o serviço, que não foram suficientes para evitar que as estradas fossem castigadas pelas chuvas. O prefeito Bernardo Rossi afirmou que o mais importante é “olhar para frente” e que tem um “compromisso assumido de reverter esse quadro junto ao Brejal. 

Cerca de 30 moradores estiveram na sede da prefeitura e foram recepcionados pelo coordenador Especial de Articulação Institucional e pela coordenadora do programa Petrópolis da Paz. Uma comissão com 13 representantes do Brejal se reuniu com o prefeito para apresentar as demandas – a reunião contou com a presença também dos secretários de Defesa Civil e de Educação. Outros pontos que foram comentados foram melhorias para as escolas e posto de saúde da região. Tudo será vistoriado no local por cada secretaria responsável na segunda-feira.

“A reunião foi ótima. O prefeito nos recebeu, passamos as nossas reivindicações e ele vai juntar os secretários responsáveis por Obras, Educação, Saúde, além da regional da Posse, para fazer uma reunião na segunda-feira, dia 9, lá no Brejal, e vai levar o que pode nos ajudar e nós vamos mostrar o que precisamos para juntar essas metas e fazer um plano de governo”, destacou o morador do Brejal e membro do Comitê das Estradas da Posse, Fernando Cassinelli.

O distrito da Posse recebeu ações de melhoria do acesso com aplicação de material asfáltico no ano passado em locais como estradas vicinais Arnaldo Dycherhoff, Caboclos, Contrões e Taquaril. Neste ano, a chuva vem prejudicando as condições de estradas vicinais e, por isso, a equipe regional da prefeitura vem realizando intervenções pontuais com raspagem da rua e aplicação de brita corrida em locais como Taquaril, Albertos, Caboclos, Xingu e Cachoeirinha. Essa é uma primeira etapa do serviço, que será complementada com a manutenção das vias.

Levantamento mostra que deve ser levado em consideração na modelagem da nova concessão da rodovia

Mais uma vez a prefeitura solicitou ao governo federal celeridade no processo para nova concessão da BR-040, a necessidade da retomada da obra da Nova Subida da Serra e a redução do valor do pedágio com cobrança proporcional para os petropolitanos. Os assuntos nortearam uma reunião realizada nessa quarta-feira (04.03) na sede do Ministério da Infraestrutura – Minfra - em Brasília. Um levantamento com todos os pontos que devem ser considerados durante o processo da modelagem da nova concessão da rodovia e que foi feito pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico em parceria com a Novamosanta, foi entregue pelo vice-prefeito do município e pelo secretário de Desenvolvimento Econômico para Marcello Costa – secretário responsável pelo MINFRA.

A prefeitura reforçou a necessidade de revisão na questão do pedágio na BR-040 para os petropolitanos. Vale salientar que os dados também foram levados pela prefeitura para representantes do IFC - Internacional Finance Corporation - World Bank Group - O IFC está atuando na estruturação das novas concessões das rodovias do Estado, junto com a EPL - Empresa de Planejamento e Logística e Minfra. Em setembro de 2019 a prefeitura também entregou à ANTT e à EPL, documento com as mesmas sugestões de intervenções que devem ser previstas no novo edital para concessão da BR-040.

Também participaram do encontro Fabio Carvalho - representando a Natalia Marcassa - Secretária de Fomento, Planejamento e Parceria (MINFRA), diretor do DEAP Minfra; Luciano Lourenço - Coordenador Geral do DTROD / Minfra e Issa Miguel - coordenador do DTROD / Minfra.

Levantamento solicita novos acessos e manutenção

O estudo feito pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Novamosanta relaciona as intervenções no trecho da BR-040 compreendido entre seu entroncamento com a Avenida Brasil (km 124) e a Praça de Areal, situada no km 45.

Entre os pontos apresentados no levantamento estão: importância da retomada da obra da Nova Subida da Serra, melhoria do acesso da BR-040 para a Avenida Brasil e Linha Vermelha, viabilização da estrada Parque (quando a atual pista de subida parar de funcionar), eliminação de cruzamentos em nível em Araras/Vale das Videiras e Fazenda Inglesa; criação de vias marginais para tráfego local no trecho de Itaipava; criação e melhoria de acessos interligando os dois lados da rodovia nos acessos - Duarte da Silveira; acesso à comunidade Leonardo Boff; acesso ao Carangola; acesso à Feirinha de Itaipava - rotatória de Bonsucesso; acesso à BR-040 (Bramil) / BR-495; acesso à ponte do Aranha Céu; acesso ao Castelo de Itaipava; acesso ao Condomínio Industrial da Posse - Revisão dos acessos à Av. Brasil e Linha Vermelha; manutenção da atual Subida da Serra na futura concessão e uso do túnel, compatibilizando com uso misto de Estrada Parque no futuro; transferência do local da praça de pedágio e adoção de tecnologia (free flow), a fim de melhorar a isonomia do uso da tarifa da rodovia e a incorporação de medidas sugeridas pelo MPF quanto a postos de Polícia Rodoviária Federal, em especial no Belvedere, com disponibilização de informações, imagens, comunicação, bem como outros apoios que se fizerem necessários para a garantia da segurança na rodovia.

Ao todo, 111 servidores foram beneficiados

A prefeitura liberou nesse início de mês mais 111 enquadramentos para servidores da Educação, sendo 41 por progressão funcional – quinquênio – e outros 70 por formação. Desde que o quinquênio começou a ser liberado – em outubro de 2018 – após seis anos de congelamento, mais de 3 mil servidores já tiveram quinquênio liberado e mais de mil o enquadramento por formação.

Vale destacar que os enquadramentos representam um aumento real nos salários dos servidores.

O acréscimo pode ser entre 10% e 35% - até R$ 400. Alguns terão o quinquênio incorporado aos salários; outros o enquadramento por formação e, em alguns casos, o servidor terá os dois enquadramentos somados ao vencimento.

A relação com os nomes dos servidores está nos Diários Oficiais dos dias 2 e 3 de março.

Até a próxima terça, beneficiários poderão fazer vistorias nas unidades habitacionais

Cada vez mais próximo da entrega das 776 unidades, os futuros moradores do conjunto habitacional do Vicenzo Rivetti terão uma etapa importante a partir desta quinta-feira (05.03): as vistorias das unidades. Além da chance de conhecer as casas onde vão viver, eles poderão verificar cada detalhe dos apartamentos e constatar se está tudo pronto para receber as chaves. O calendário de vistorias vai até a próxima terça-feira (10.03).

A inauguração do conjunto habitacional está prevista para o próximo dia 16 de março e os últimos ajustes estão sendo realizados nesta reta final. São intervenções nas áreas comuns dos três blocos, além do trabalho feito pela prefeitura em ruas laterais.

O conjunto habitacional tem 776 unidades divididas em 18 blocos em três condomínios. As vistorias vão se dividir em dois horários. Nesta quinta, por exemplo, os beneficiários dos blocos 1, 2 e 5 do condomínio 3 poderão vistoriar os apartamentos pela manhã, de 7h30 às 12h. Já na parte da tarde (13h às 16h), será a vez de quem vai morar nos blocos 3, 4 e 7 também no condomínio 3. O calendário vai até a próxima segunda-feira (09.03). Quem perder o dia correto da vistoria por algum motivo terá uma segunda oportunidade na terça (10.03), de 7h30 às 12h – confira as datas no quadro.

É importante ressaltar que essa vistoria deve ser feita de forma cuidadosa e técnica e, por isso, apenas o próprio beneficiário do apartamento deve comparecer para que ele possa verificar os apartamentos com calma e passar todas as informações necessárias para a equipe da empresa responsável pela obra, a AB Construtora, e da prefeitura que estará no conjunto habitacional até o dia 10.

Os apartamentos possuem 49 m² e contam com dois quartos, sala, cozinha/área de serviço e banheiro. Os condomínios ainda vão contar com áreas de lazer infantil e salão de festas.

O município trabalha na infraestrutura de entorno como o arruamento e construção da rede de esgoto; na implantação equipamentos comunitários – creche e UBS; e ainda com o trabalho na área social de capacitação profissional dos futuros moradores e orientação para gestão dos condomínios.

 

Calendário de vistorias do conjunto habitacional do Vicenzo Rivetti

Data

Horário

Bloco

Condomínio

05.03 (quinta)

07h30 às 12h

1, 2 e 5

Vicenzo Rivetti 3

05.03 (quinta)

13h às 16h

7, 3 e 4

Vicenzo Rivetti 3

06.03 (sexta)

07h30 às 12h

6

Vicenzo Rivetti 3

06.03 (sexta)

07h30 às 12h

1 e 2

Vicenzo Rivetti 2

06.03 (sexta)

13h às 16h

3, 4 e 6

Vicenzo Rivetti 2

07.03 (sábado)

08h às 12h

5 e 7

Vicenzo Rivetti 2

09.03 (segunda)

07h30 às 12h

1 e 2

Vicenzo Rivetti 1

09.03 (segunda)

13h às 16h

3 e 4

Vicenzo Rivetti 1

10.03 (terça)

07h30 às 12h

Data para quem não puder comparecer no dia correto

 

Jogos acontecem no CIE do Caxambu a partir de 31 de março

O futsal será a primeira modalidade em disputa nos Jogos Estudantis Unificados de Petrópolis (Jeups) deste ano. As partidas da fase classificatória começam no dia 31 de março e acontecem no Centro de Iniciação ao Esporte (CIE) de Petrópolis, que fica no bairro Caxambu. No mês seguinte, serão realizadas as eliminatórias de vôlei, basquete e de handebol.

As escolas ainda podem se inscrever no Jeups. Os responsáveis pelas instituições de ensino devem pegar a ficha para o cadastro no site da prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br) e entregar preenchida na Superintendência de Esportes e Lazer, que fica no Centro de Cultura Raul de Leoni, na Praça Visconde de Mauá, no Centro.

O prazo de inscrição das escolas era até o dia 9 de março, mas será prorrogado. Dessa maneira, os colégios ganham mais tempo para decidirem as modalidades que irão participar.

Para 2020, o governo municipal quer superar o número de escolas participantes do ano passado, quando 50 unidades escolares se inscreveram – o maior número da história do Jeups. São 12 modalidades esportivas garantidas no torneio estudantil. As três novidades são o pump track, e-sports e taekwondo.

O Centro Cultural Celina de Oliveira Barbosa, em Pedro do Rio, recebe nesta sexta-feira (06.03), a partir de 9h30, o projeto Memórias Fotográficas Liebe Na Hora do Conto. Voltado não só para as crianças como também para os pais, o escritor Leandro Leffer comanda uma contação de sua mais nova obra para o público infantil, cujos temas transversais do livro narram uma história que colabora para o desenvolvimento socioemocional dos pequenos. O projeto é um dos aprovados no edital de seleção de projetos lançado pelo Instituto Municipal de Cultura (IMCE) e conta com patrocínio do Fundo Municipal de Cultura.

Durante o evento, que já aconteceu em Nogueira e depois de Pedro do Rio segue para a Posse (13.03), o autor também fará uma apresentação musical com canções autorais que completam a narrativa da história, com voz, violão e gaita. Além disso, as páginas do livro serão exibidas em uma tela por meio de projeção com fundo instrumental. E ainda serão sorteados para os participantes, livros autografados.

“A história fala sobre um menino que narra a sua vida através de fotografias. O projeto é uma forma de incentivo tanto na parte literária quanto cultural. E, com o sorteio, eles saem com os livros e motivados a ler. O projeto tem uma interação muito grande tanto das crianças como dos pais. É um evento aberto ao público, qualquer pessoa pode participar”, explica Leandro Leffer.

O autor ainda lembra da importância do Fundo Municipal de Cultura para projetos como este. “É muito bacana porque incentiva a cultura em diversas áreas. Isso é um presente”, destaca.

No ano passado, o IMCE lançou dois editais para seleção de projetos – de pequeno e médio porte - dos mais diversos segmentos, totalizando quase R$ 500 mil em investimentos do Fundo. Foram selecionados projetos de música, dança, teatro, cinema, entre diversos outros.

Os trabalhos de março do projeto “Obras do Mês” já estão em exposição no Centro de Cultura Raul de Leoni. Nesta edição, o público vai poder conferir as obras de duas artistas petropolitanas: Bia Penna, que traz uma tela pintada em tecido padronado, deixando suas texturas em diálogo constante com o fundo que permeia todo o trabalho, e Shirley Henaut, que apresenta uma tela pintada em lona plástica por meio de carimbos de folhas verdes, com delicados toques e texturas. A mostra tem entrada gratuita e fica até o dia 28 de março.

Criado no ano passado, o projeto “Obras do Mês” tem como objetivo expor os trabalhos dos participantes do Atelier Aberto, que acontece gratuitamente na Sala Etiènne Demonte, sempre às quartas-feiras. Artistas plásticos de todas as tendências estéticas e formações usam o espaço do Centro de Cultura para a criação de suas obras. E, a cada mês, trabalhos de dois artistas são expostos ao público.

Em relação às artistas do mês, Shirley Henaut fez cursos de pintura com Paulo Campinho em Processos Criativos Módulos I e II no Sesc Quitandinha e no Centro de Cultura de Petrópolis. Fez também curso de aquarela com Bia Penna na Casa Cláudio de Souza. Além disso, participou de mostras coletivas promovidas por esses cursos. Já Bia Penna é formada pela EBA-UFRJ e ministra cursos de aquarela em Petrópolis. Participou de diversas mostras coletivas e individuais. É restauradora de obras de arte.

A visitação é de segunda a sexta-feira, das 10h às 17h, e sábados, das 13h às 17h.

 

Secretaria de Saúde de Petrópolis

04 de março 2020

Dos quatro (4) notificados de Coronavírus no município, três já foram descartados após resultado negativo de exame e um continua aguardando resultados laboratoriais. Nenhum novo caso foi notificado até a presente data. 

Sinais clínicos e epidemiológicos:

Segundo protocolo do Ministério da Saúde, são pacientes suspeitos de Coronavírus pessoas que apresentem sintomas como febre, tosse, falta de ar e dor no corpo e que tenham viajado para países onde foram confirmados casos da doença.

Prevenção ao Coronavírus:

Lavar as mãos com água e sabão com frequência e evitar levar as mãos aos olhos, nariz e boca;

Quando não for possível lavar as mãos, usar o álcool gel 70º para a higienização;

Não compartilhar objetos pessoais como toalha, copos, talheres, pratos e garrafas;

 Ao tossir ou espirrar, cobrir a boca e o nariz. Usar lenço descartável;

Evitar locais aglomerados e sem ventilação;

Evitar contato próximo com pessoas com sintomas da doença.

As comemorações pelo aniversário de Petrópolis – 16 de março – já começaram. Esta semana, o Instituto Municipal de Cultura e Esportes (IMCE), em parceria com a Secretaria Municipal de Educação, promoveu uma Oficina de Educação Patrimonial no CEU da Posse, ministrada pela museóloga Ana Carolina Maciel Vieira, para os estudantes da rede. O projeto, que tem como objetivo a sensibilização dos alunos para a importância do Patrimônio Cultural local, busca trazer diferentes ferramentas para uma maior reflexão crítica sobre a diversidade, a beleza e a riqueza do patrimônio cultural e natural brasileiro.

“E ao mesmo tempo, as atividades e dinâmicas propostas buscam configurar uma agradável surpresa e consequente motivação para uma importante tarefa de reconhecimento pelos alunos da sua identidade cultural, a partir da consciência e orgulho de sua própria origem. Afinal é preciso conhecer para cuidar. Como dizia Aloísio Magalhães, presidente do Iphan na década de 1980: ‘Só se preserva aquilo que se ama, só se ama aquilo que se conhece’”, explica a museóloga.

Depois do bate papo nesta segunda-feira (03.03), os alunos serão estimulados a fazer roteiros experimentais do patrimônio local. Os jovens serão multiplicadores dessa rica história para as presentes e futuras gerações. Através de papel e caneta, lápis de cor ou giz de cera, farão roteiros do patrimônio que são os locais, casas, prédios e paisagens; personalidades, pessoas e animais e coisas como objetos, comida, danças e etc., que eles consideram e reconhecem como importantes para a história e a memória, principalmente dos distritos e que precisa ser preservada como patrimônio cultural local. Depois irão fotografar para uma exposição chamada "Amo minha cidade, amo meu distrito".

Participaram da oficina alunos das escolas municipais Beatriz Zaleski, Moyses Furtado Bravo, Taquaril e Avelino de Carvalho.

Banner INFOS ATUAIS2

Notícias por data

« Março 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31          

Prestação de conta COVID-19

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo