Equipes médicas confirmam que grande parte dos casos tinha histórico de doenças pré-existentes. Até o momento, 42 pessoas morreram devido à COVID-19 na cidade

Mais oito (08) óbitos foram confirmados na tarde desta sexta-feira em Petrópolis. A Vigilância Epidemiológica emitiu as notificações após o recebimento dos resultados dos exames de laboratório e atestados de óbito dos pacientes.

1 – Paciente do sexo masculino com 68 anos e morador do bairro Duarte da Silveira. Internação datada em 06/05 e falecimento em 20/05 no HCC. Equipe médica confirma histórico de hipertensão arterial e diabetes.

2 – Paciente do sexo masculino com 67 anos e morador do bairro Quitandinha. Internação datada em 11/05 e falecimento em 13/05 na UPA Centro. Equipe médica confirma histórico de hipertensão arterial.

3 – Paciente do sexo masculino com 65 anos e morador do bairro São Sebastião. Internação datada em 05/05 e falecimento em 18/05 no SMH. Equipe médica confirma histórico de hipertensão arterial e diabetes.

4 – Paciente do sexo masculino com 37 anos e morador do bairro Carangola. Internação datada em 12/05 e falecimento em 19/05 no HST. Equipe médica confirma que paciente era portador de doença neurológica grave (paraplegia).

5 – Paciente do sexo masculino com 34 anos e morador do Centro da cidade. Internação datada em 12/04 e falecimento em 22/05 no HMNSE.

6 – Paciente do sexo masculino com 40 anos e morador do bairro Alto Independência. Internação datada em 05/05 e falecimento em 21/05 no HNSA. Equipe médica confirma que paciente era portador de doença neurológica grave.

7 – Paciente do sexo feminino de 79 anos e moradora do bairro Alto da Serra. Internação datada em 13/05 e falecimento em 19/05 no HNSA. Equipe médica confirmou quadro de imunodeficiência.

8 – Paciente do sexo feminino com 70 anos e moradora do bairro Alto da Serra. Internação datada em 07/05 e falecimento em 19/05 no HNSA. Equipe médica confirma hipertensão arterial e glaucoma.

Um bar no Castelo São Manoel foi multado em R$ 800 depois de ter sido flagrada com as portas abertas pela segunda vez em três dias pelas equipes de fiscalização da prefeitura. Este estabelecimento tinha sido intimado a interromper a funcionamento como determina o decreto municipal 1.103, de 21 de março. A Fiscalização de Posturas, que atua ao lado da Vigilância Sanitária, Meio Ambiente e Procon, esteve no local na última quarta e retornou nesta sexta (22.05), quando a irregularidade foi constatada novamente.

Outros estabelecimentos do mesmo tipo foram intimados a fechar as portas no próprio Castelo São Manoel (dois casos), na Rua 24 de Maio e na comunidade Pedras Brancas (Mosela). Em caso de reincidência, eles também serão multados. Ainda no Castelo São Manoel, um salão de cabeleireiro também foi fechado.

O decreto 1.103 estabelece que só estão autorizados a funcionar os estabelecimentos como mercados, padarias açougues e peixarias, farmácias, lojas de materiais hospitalares e serviços de saúde, postos de combustíveis, oficinas mecânicas e borracharias, distribuidoras de água e gás e lojas de ração e produtos veterinários. Também estão autorizadas a funcionar, pelo decreto 1.108 (26 de março), as lojas de material de construção. As demais lojas podem atuar em sistema de entregas, assim como restaurantes.

A fiscalização quanto ao cumprimento dos decretos municipais acontece há mais de dois meses e, nesse período, 62 estabelecimentos foram intimados a fechar as portas por serem de atividades consideradas como não essenciais e outras 24 por terem causado aglomerações – 86 no total. Foram aplicadas 22 multadas a estabelecimentos abertos sem autorização e 24 para as que causaram aglomeração – 46 no total.

O serviço higienização de ruas com hipoclorito de sódio a 0,5% foi realizado nesta sexta-feira (22.05) em ruas do Quitandinha. O trabalho executado pela concessionária Águas do Imperador passou por locais como Amazonas, Alagoas, Rio de Janeiro e Espírito Santo. Essa é uma medida de prevenção ao coronavírus.

Segundo a concessionária, o serviço já percorreu mais de 550 km na cidade toda, com 1,3 milhão de produto aplicado. Só nesta semana, a concessionária esteve em Vale dos Esquilos, Atílio Marotti e Duarte da Silveira.

Além disso, também houve higienização de ruas feita pela Comdep. Na noite de quinta, o serviço passou pela Rua Teresa. Já nesta sexta, foi usado água, sabão e cloro para fazer a limpeza dos terminais de Correas e Itaipava, no entorno da UPA e de supermercados em Itaipava e na área externa da UPA de Cascatinha.

Esse trabalho é complementado com outras ações de desinfecção de prédios públicos, unidades de saúde e veículos da prefeitura – feito pela CPTrans –, ambulâncias e carros de transporte de pacientes – executado pelo Samu.

 

Donos de estabelecimentos comerciais e industrias podem pedir refaturamento se a cobrança tomar como base a média de outras faturas.

Em função das reclamações que vem recebendo de donos de estabelecimentos comerciais e industriais sobre a cobrança abusiva nas tarifas de energia elétrica, o Procon/Petrópolis-RJ orienta que os consumidores busquem o refaturamento. Ou seja, que contestem o valor cobrado e peçam que a Enel, concessionária responsável pela distribuição de energia elétrica no município, faça nova leitura sobre o consumo real. 

Segundo os empresários que tem procurado o Procon municipal desde o fim do mês de abril, mesmo com os estabelecimentos fechados, em função das ações de enfrentamento à Covid-19, a tarifa de energia cobrada não tem levado em consideração o consumo do mês, mas uma média que tomou como base meses anteriores à pandemia.

O inciso V do artigo 39 do CDC, esclarece o que é caracterizado como prática abusiva por parte do prestador de serviço. No texto da lei, significa “exigir do consumidor vantagem manifestamente excessiva”. Nesse caso, cobrar do consumidor um valor que não corresponde ao que foi consumido no período da cobrança.

A Secretaria de Meio Ambiente recebeu a doação de três abafadores de fogo, um kit de GPS, uma câmera fotográfica e um notebook nesta sexta-feira (22.05). Os equipamentos serão usados nas ações de preservação realizadas na Unidade de Conservação (UC) Monumento Natural da Pedra do Elefante, que fica na Estrada do Taquaril. O local é classificado como UC de Proteção Integral pelo Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza (SNUC).

O material é fruto do projeto Biodiversidade e Mudanças Climáticas na Mata Atlântica, coordenado pelo Ministério do Meio Ambiente, que fez a doação de material para a Secretaria de Estado do Ambiente e Sustentabilidade (SEAS). O órgão estadual distribuiu os equipamentos de acordo com a necessidade de cada um dos 18 municípios que integram o Mosaico Central Fluminense.

A segunda etapa da campanha “#Petrópolis no combate ao coronavírus. Seja Solidário” – que começou no último dia 13 – já arrecadou mais três toneladas de alimentos. A Secretaria de Assistência Social entregou 190 cestas básicas a famílias em vulnerabilidade social. No total, desde o início da ação (no fim de março), foram 1.259 cestas, com o total de 21 toneladas de alimentos doados. A campanha é uma parceria entre a prefeitura, o Covida (Grupo Remir) e a Associação Petropolitana dos Pacientes Oncológicos (APPO).

Os atendimentos para as famílias necessitadas estão sendo feito pelos números: 08000242526/ 2233-8108/ 2233-8110. Todas as solicitações passam por análise de técnicos da Secretaria de Assistência ou visita domiciliar. O Ministério Público também vem acompanhando o trabalho da campanha.

As doações continuam sendo recebidas nos pontos de coleta, espalhados por mercados, farmácias e petshops. Estão sendo recolhidos alimentos, produtos de higiene pessoal e ração para os animais. E elas também podem ser feitas em dinheiro, através da conta da APPO: Banco Itaú, agência 9244, conta corrente 24940-6, CNPJ: 36.548.949/0001-78. Uma porcentagem das doações fica para ajuda dos pacientes oncológicos e outra é revertida em compras para as famílias em vulnerabilidade social

Durante a campanha, novos parceiros têm surgido, como a Pizzaria Sottile’s, o Armazém do Grão e a DIB, além da sociedade civil. Os pontos de coleta estão nos seguintes estabelecimentos: Armazém do Grão; Terê Frutas; DIB; Megadelli e Grandelli; Super Market; Super Bingen; Super Serra; Mercado Delei; Empório Multimix; Multimix; Xodó de Minas; Super Bingen; Rede Economia; Tá no Gosto, Bread Fruit, Green Fruit e Petro Verde.

Quem precisa de uma alimentação especial deve conferir o novo box que foi montado no Hormecado Municipal José Carneiro Dias, em Itaipava, o Moringa Imperial. No local podem ser encontrados produtos sem glúten, além de geleias e molhos de pimenta. O Horto está funcionando com atendimento ao público as sextas, sábados e domingos – com os cuidados necessários para a prevenção ao coronavírus: uso de mascaras, álcool em gel e distanciamento.

O box é um dos 35 que funcionam no local.

No box 9 os petropolitanos encontram produtos como: Shitake desidratado, cúrcuma pura em pó, ora-pro-Nobis em pó, óleo de coco Palmiste, moringa Oleifera em pó, linha de produtos sem glúten e geleias com toque de pimenta e molhos de pimenta. Estão atuando no espaço Sâmara Schaper, Cristina Félix e Ana Beatriz Rezende.

“Estamos com boa aceitação no Horto. No primeiro final de semana já fomos prestigiados até pelo Thiago Lacerda que comprou nosso óleo de coco! Acredito que à medida que o comércio for voltando a funcionar, o movimento aumentará e as vendas também”, conta Samara.

Vale salientar que o Hortomercado também está funcionando com atendimento ao público nas sextas, sábados e domingos. “Com os cuidados necessários para garantir a prevenção. Os consumidores são alertados sobre a necessidade do uso de máscaras, nos boxes os vendedores ficam em uma distância segura e a venda também é feita com todo cuidado”, explica José Mauricio Soares, responsável pelo Departamento de Agricultura.

O Hortomercado está funcionando nas sextas e sábados, das 8h às 15h e nos domingos, das 8h às 13h.

Inscrições das equipes acontecem entre os dias 25 de maio e 3 de junho

Na quarentena causada pela pandemia do coronavírus, os petropolitanos terão a opção de participar de uma competição inédita de esportes eletrônicos (e-Sports) gratuitamente. No próximo mês, o governo municipal irá promover a Copa Imperial de e-Sports de League Of Legends (LOL). As inscrições das equipes começam na próxima segunda-feira (25.05) e seguem até 3 de junho na página do Facebook da Prefeitura de Petrópolis. O torneio será disputado nos dias 6 e 7 de junho.

O regulamento da competição prevê sete jogadores (cinco titulares e dois reservas) por equipe, sendo que um, obrigatoriamente, precisa ser de Petrópolis. As partidas serão realizadas no tipo “mata-mata”, ou seja, quem perder será desclassificado. O mapa escolhido é o Summoner’s Rift. Cada jogador só poderá estar inscrito em um único time.  Será permitido o uso de “pause” no caso de problemas técnicos, ou caso contrário, será avaliado a situação pela comissão de organização.

A Copa Imperial de e-Sports será uma oportunidade para as escolas treinarem suas equipes para o Jogos Estudantis Unificados de Petrópolis (Jeups). Além disso, os professores de educação física do Agita Petrópolis irão gravar vídeos com dicas de alongamentos e exercícios para os cyber atletas.

Cada partida de LOL dura, em média, de 30 até 40 minutos. Segundo Vinícius Verly, Ceo da Good Gamers - equipe de Petrópolis parceira da prefeitura na iniciativa - o mercado do e-Sports está em expansão e em meio ao coronavírus é uma opção de distração. Um grupo de WhatsApp de jogadores de LOL está sendo disponibilizado pela Good Gammers para os atletas interessados em participar. As transmissões das partidas serão realizadas pela internet (https://m.twitch.tv/goodgamers_br).

"É um mercado que está crescendo não apenas no Brasil, mas em todo o planeta. Petrópolis está seguindo esse mercado mundial. O nosso trabalho é muito além de jogar vídeo game, oferecendo também exercícios, alongamentos, além de acompanharmos os atletas", destacou Vinícius. "Dúvidas sobre a Copa podem ser tiradas por direct no Instagram da equipe: goodgamers_br", completou. 

A Copa Imperial de e-Sports promovida pela prefeitura em parceria com a Good Gamers terá a premiação patrocinada pela Sumicity. Não há restrição de nível, contanto que o jogador possua 16 personagens habilitados. Diferenças existentes por conta das novas runas reforjadas e de nível são de exclusiva responsabilidade do jogador.

Banner INFOS ATUAIS2

Notícias por data

« Maio 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31

Prestação de conta COVID-19

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo