Durante reunião ordinária do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim), realizada no dia 13/8, foi aprovado o encaminhamento à Câmara Municipal de um projeto de lei criando o Dia Municipal de Luta Contra o Câncer de Mama e Colo Uterino. A data escolhida pelas conselheiras é 29 de abril, Dia Nacional de Combate ao Câncer de Mama.

Além do mês de outubro - quando a cidade participa de atividades de conscientização para a detecção precoce do câncer de mama, por meio das ações realizadas pela Associação Petropolitana dos Pacientes Oncológicos - e de novembro, quando também há atividades alertando para os diversos tipos da doença, a intenção é dedicar também o mês de abril para falar de prevenção. A aprovação do Comdim será levada ao prefeito Rubens Bomtempo para que possa se transformar em projeto de lei.

Outro ponto abordado na reunião do conselho foi a colocação em pauta na Câmara, do projeto que cria o Dia Municipal do Laço Branco. A data é comemorada mundialmente em dezembro e tem como objetivo sensibilizar e mobilizar os homens na luta contra a violência doméstica. A expectativa é de que sejam realizadas atividades de promoção da equidade de gênero com ações em saúde, educação, trabalho, justiça, segurança pública e direitos humanos. “Vamos mobilizar as conselheiras para acompanhar a votação na Câmara”, disse a presidente do Comdim, Luciane Bomtempo.

As conselheiras também discutiram o sucesso da I Semana de Combate à Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, como forma de valorizar as ações do Conselho e receberam informações sobre as ações na área de educação, como o projeto Pro Jovem Urbano, apresentado pela secretária de Educação, Monica Freitas.

A Prefeitura e o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim) estão preparando uma programação especial para celebrar o Dia Internacional da Mulher, no dia 8 de março. As comemorações terão início pela manhã, com a Corrida da Mulher, e se estenderão ao longo do dia, com atividades para toda a família na Praça da Liberdade. A celebração será encerrada com uma atração musical.

Os detalhes da programação serão discutidos na próxima terça-feira (24/20), em reunião da comissão formada dentro do conselho para organizar os eventos alusivos à data. “Queremos a participação das mulheres e também de suas famílias. Será uma homenagem mais do que justa a todas”, antecipou a presidente do Comdim e secretária chefe de Gabinete, Luciane Bomtempo.

A Corrida da Mulher, além de servir de estímulo à adoção de hábitos mais saudáveis e à prática de atividades físicas com a família e os amigos, terá, neste ano, cunho social. Ao invés de pagar a taxa de inscrição, os participantes deverão levar uma lata de leite em pó. Tudo o que for arrecadado será doado a instituições de atendimento a menores carentes.

Luciane lembra que, além dos eventos que serão realizados no próprio dia 8, Prefeitura e conselho estão preparando uma homenagem às servidoras públicas, com o II Concurso Mulher Destaque da Prefeitura de Petrópolis. “É mais uma forma de homenagear as mulheres que dão sua importante contribuição à administração pública municipal”, lembra Luciane.

A criação de uma comissão para a realização do Fórum dos Direitos da Mulher, para a escolha dos novos conselheiros e posterior eleição da nova presidência do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim) foi definida na última reunião da entidade, realizada na terça-feira (08/04), no gabinete do Prefeito.

Atualmente, a presidência do Comdim é ocupada pela secretária Chefe de Gabinete Luciane Bomtempo, que representa o governo. Agora, o cargo passará para a sociedade civil. “No Fórum serão escolhidos oito representantes da sociedade civil, sendo quatro entidades e quatro associações de moradores”, explica a presidente do Comdim. A expectativa é que a nova diretoria do conselho seja eleita em maio.

Também ficou decidido na reunião que será elaborado um ofício para encaminhar ao prefeito Rubens Bomtempo, com as cerca de 300 assinaturas contra a portaria 1.253, que restringe a realização de mamografias. “Sempre tivemos o apoio do prefeito e o objetivo é que esse documento seja encaminhado a Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio a Saúde da Mama (Femama)”, complementa Luciane Bomtempo. Pela nova regra do Ministério da Saúde, apenas mulheres entre 50 e 69 anos terão prioridade para fazer o procedimento mamografia bilateral de rastreamento.

Durante a reunião, a presidente do Comdim destacou que os 15 meses do governo Rubens Bomtempo foi positivo para o conselho. “Tivemos muitas atividades e através do conselho conseguimos a participação efetiva da sociedade civil. A programação do Dia Internacional da Mulher de 2014, por exemplo, superou a realizada no ano passado. Tivemos corrida, shows e a primeira edição do Prêmio Mulher Destaque da Prefeitura”, lembra Luciane, adiantando que o objetivo é, no próximo ano, expandir a premiação para todas as servidoras, como as agentes de saúde, por exemplo.

A nomeação da radialista e pedagoga Rosemarie Serafim, como nova coordenadora do Centro de Referência e Atendimento a Mulher (Cram), também foi anunciada durante a reunião. Antes o cargo era ocupado por Drica Madeira. “O trabalho vai continuar seguindo na mesma direção. Nosso objetivo é ajudar e orientar as mulheres que vivem em situação de violência doméstica”, garante Rosemarie.

As petropolitanas vão ganhar um dia especial dedicado a elas: o Dia Municipal da Mulher, que será comemorado no dia 18 de outubro, foi instituído durante reunião ordinária do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim), realizada na última quarta-feira (28/10) na Casa dos Conselhos Municipais Augusto Ângelo Zanatta. Durante o encontro, que contou com a presença do prefeito Rubens Bomtempo, também foi eleita a nova presidência do conselho.

“Temos que parabenizar as conselheiras pelo trabalho realizado nestes últimos três anos. Este conselho é um exemplo da força popular, de como governo e sociedade civil, junto, podem avançar”, lembrou o prefeito, dando também as boas vindas às novas conselheiras do Comdim.

A data escolhida para comemorar o Dia Municipal da Mulher é em homenagem à conselheira municipal Pedentrina de Araújo Fernandes, que nasceu nesta data no ano de 1924. Hoje com 90 anos, dona Pedentrina é atuante nos conselhos e sindicatos de Petrópolis e desde os nove anos já participava do controle social daquela época. Em 1962, passou a atuar no conselho do sindicato têxtil de Petrópolis e chegou a ir aos Estados Unidos para participar de conferências e ser voluntária em projetos sociais. Atualmente, ela compõe o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa (CMDDPI).

“É uma mulher de garra, de fibra e que tem uma linda trajetória pública na cidade”, disse, destacando a importância do conselho para a cidade. “Este conselho é um espaço de luta e união e que deu voz às mulheres. Aqui dentro tivemos debates francos e abertos”, destacou a ex-presidente do Comdim, Luciane Bomtempo, que agora assume a vice-presidência do conselho.

Pedentrina agradeceu a homenagem e destacou que a solidariedade é o caminho para uma sociedade mais justa. “Podemos fazer muito, se estivermos unidas e de mãos dadas. Somos mulheres e mulheres têm fibra. Dar amor às crianças e ensiná-las o que é o amor é uma forma de termos uma sociedade melhor”, ressaltou.

Nova presidência - A conselheira Luciana Périco foi eleita presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim). Em seu discurso de posse, ela destacou o trabalho desenvolvido por Luciane Bomtempo durante os três anos em que presidiu o conselho. “Vou continuar o trabalho que foi iniciado pela Luciane. Eu agradeço a confiança das conselheiras e espero contar com o apoio de vocês, porque só vamos conquistar ainda mais se estivermos unidas”, disse.

Durante a reunião também foi apresentado pela secretária de Trabalho, Assistência Social e Cidadania (Setrac), Fernanda Ferreira, o relatório da 4ª Conferência de Políticas para as Mulheres, realizada em setembro. No documento constam as propostas aprovadas e que serão levadas para a conferência estadual.

O Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim) entregou ao prefeito Rubens Bomtempo o abaixo-assinado contra a Portaria nº 1.253 do Ministério da Saúde (MS), que reduz o acesso das mulheres ao exame de mamografia. Bomtempo, agora, encaminhará o documento, com 5.297 assinaturas, ao Governo Federal. O movimento de repúdio contra a portaria ministerial foi lançado pelo conselho em fevereiro deste ano, na Praça Dom Pedro.

No documento encaminhado ao prefeito, a presidente do Comdim, Luciane Bomtempo ressalta que a portaria ministerial é “um retrocesso ao atendimento à saúde da mulher”. “Em pleno século 21, com tantos avanços na medicina, com 25 anos de promulgação da Constituição Federal, cm avanços e conquistas dos direitos sociais, está sendo tirado da progenitora do lar, da família, do elo entre os seres, da mulher, da mãe e da avó o direito de prevenir-se do grande vilão que é o câncer de mama”, enfatiza.

Com a portaria, o Ministério da Saúde restringe o repasse de verbas da união aos municípios para o exame bilateral das mamas, que será realizado apenas em pacientes na faixa etária de 50 a 69 anos. Na prática, a portaria retira o financiamento do exame de rastreamento para mulheres entre 40 e 49 anos. Para essas mulheres, o Ministério da Saúde irá financiar apenas a mamografia unilateral (realizada em uma mama). Porém, os especialistas avaliam que esta é a fase onde a doença tende a ser mais agressiva. Estima-se que, em Petrópolis, 15 mil mulheres estejam nesta faixa etária.

14 mil exames em 2014 – Desde abril de 2013, quando o prefeito Rubens Bomtempo inaugurou o aparelho de mamógrafo no Hospital Alcides Carneiro (HAC), que estava encaixotado há quatro anos, o número de exames realizados no município vem crescendo a cada mês. Entre abril de 2013 e fevereiro de 2014 foram 1.075 mamografias no HAC. Por mês, o hospital oferece 400 exames.

Em toda a rede municipal de saúde são ofertados 1.200 exames de mamografia por mês, distribuídos no Hospital Alcides Carneiro e em duas clínicas conveniadas. Em janeiro deste ano foram realizadas mais de 800 mamografias. A meta da Prefeitura para 2014 é ofertar 14 mil exames.

A última reunião do ano do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim) foi marcada por muita comemoração. No encontro, realizado na última terça-feira (9/12) no Cine Humberto Mauro, no Centro de Cultura Raul de Leoni, cerca de 60 mulheres relembraram as principais ações do conselho em 2014 e participaram da abertura da exposição “Mulheres de Fibra”, em comemoração ao Dia Internacional dos Direitos Humanos. Na data o grupo também encerrou a campanha “16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher”, promovida pela Prefeitura e pelo Comdim.

Presidente do conselho, Luciane Bomtempo se emocionou ao falar durante a reunião. “Essa retrospectiva mostra o quanto o conselho se manteve unido e o quanto isso é importante para a concretização de projetos em prol de bens maiores. Foram muitas as ações realizadas neste ano. Trabalhamos muito e conseguimos o apoio do prefeito Rubens Bomtempo. Tenho muito orgulho disso”, ressaltou. Vice-presidente do conselho, Luciana Périco, que representa a sociedade civil, destacou que a união entre o poder público e a sociedade civil foi determinante para os resultados alcançados pelo grupo. “Essa união, que também acontece aqui dentro do conselho, mostra que estamos prontas para lutar mais. Se tivermos a mesma garra que tivemos este ano vamos conquistar ainda mais para as mulheres da nossa cidade”.

A conselheira e presidente da Associação Petropolitana de Pacientes Oncológicos (APPO), Ana Cristina Mattos, agradeceu o apoio do conselho na luta contra o câncer de mama e a parceria do governo municipal nas ações e projetos da APPO. “A sensibilidade de todos, em especial do prefeito Rubens Bomtempo e da presidente do conselho, Luciane Bomtempo, com essa causa é algo que nos motiva. Temos muito a agradecer a todos aqui”, declarou. A parceria e o empenho do conselho também foi destaque na fala da coordenadora do projeto Recicla Tecido, Claudia Martins. “Só é possível mudar uma cidade se todo mundo se envolver. Todos, juntos, podem sim transformar a realidade”, disse.

Entre as ações realizadas em 2014 citadas com destaque na reunião estava a realização da II Semana de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher, o abaixo assinado contra a Portaria nº 1.253 do Ministério da Saúde (MS), que reduziu o acesso das mulheres ao exame de mamografia, e a criação do Dia do Laço Branco, além de eventos em comemoração aos dias das Mães e das Mulheres e a participação no Outubro Rosa.

“Conseguimos também implantar a Rádio Mulher, programa semanal na rádio que existe na Rua Teresa, e estamos mudando a realidade do Hospital Alcides Carneiro, única unidade que conta com maternidade da rede pública”, destacou Luciane, acrescentando que novos projetos devem acontecer em 2015. “Ainda temos muito que fazer. Temos sonhos e projetos para colocar em prática. Entre eles está a implantação da Rede Solidariedade”, lembrou. Durante a reunião, a presidente do Comdim recebeu uma homenagem e Ana Caroline Lopes, integrante do Coral Dó Ré Mi – coro modelo do Programa Canta Petrópolis, desenvolvido em escolas municipais – fez uma apresentação que emocionou os presentes.

Exposição Mulheres de Fibra – Realizada pela Prefeitura, em parceria com o Centro de Referência e Atendimento à Mulher (Cram), com a Fundação de Cultura e Turismo e a Secretaria de Saúde, a exposição Mulheres de Fibra também foi aberta na terça-feira. As telas foram pintadas por mulheres de várias comunidades, dentro dos Postos de Saúde da Família. “O objetivo é que elas passem mensagens sobre a luta em defesa da mulher”, explicou a coordenadora do Cram, Drica Madeira. A mostra ficará no Espaço Alternativo do Centro de Cultura Raul de Leoni até o dia 22 de dezembro. A visitação é aberta ao público de segunda a sábado, das 13h às 18h.

Sexta, 11 Outubro 2013 - 12:16

Comdim faz entrega de leite em pó

Cinco instituições foram beneficiadas hoje com a doação de 213 latas de leite em pó. A iniciativa faz parte de mais uma ação do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim) que deliberou que as arrecadações das inscrições do Projeto Ciranda das Artes fossem para cinco entidades que prestam importantes serviços sociais no município. A presidente do conselho e secretária chefe de Gabinete, Luciane Bomtempo, realizou a entrega pessoalmente na tarde desta quinta-feira (10/10) para a Assojyô, Saúde da Criança, APPO, Pastoral da Criança e SOC.

Domingo, 07 Dezembro 2014 - 08:20

Comdim faz retrospectiva no Centro de Cultura

Como parte das ações de encerramento da campanha “16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher”, o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim) realiza uma retrospectiva das ações realizadas ao longo de 2014. A apresentação será feita durante a última reunião ordinária do conselho, na próxima terça-feira (9/12), a partir das 17h30 no Centro de Cultura Raul de Leoni.

“Várias ações consolidaram o trabalho realizado pelo conselho, que está cada vez mais atuante na luta pelos direitos das mulheres. Criamos, por exemplo, o Dia do Laço Branco e realizamos do II Seminário de Enfrentamento a Violência Contra a Mulher, entre outras ações”, ressaltou a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, Luciane Bomtempo. “O conselho fez uma indicação ao prefeito Rubens Bomtempo sobre a criação do Dia do Laço Branco. Ele abraçou a causa e, em outubro de 2013, sancionou a lei nº 7106, instituindo 6 de dezembro como o dia de mobilização dos homens pelo fim da violência contra as mulheres”, lembrou.

Após a reunião será aberta a exposição “Mulheres de Fibra”, em comemoração ao Dia Internacional dos Direitos Humanos. A mostra faz parte da uma parceria entre o Centro de Referência e Atendimento à Mulher (Cram) e a Secretaria de Saúde. “As telas foram pintadas por mulheres da comunidade, dentro dos Postos de Saúde da Família. O objetivo é que elas passem mensagens sobre a luta em defesa da mulher”, disse a coordenadora do Cram, Drica Madeira.

A exposição ficará exposta no Centro de Cultura Raul de Leoni até o dia 22 de dezembro. A visitação é aberta ao público de segunda a sexta-feira 9h às 18h30, e aos sábados e domingos de 13h às 18h.

Uma homenagem especial à mulher petropolitana que trabalha pela cidade marcou a celebração de duas importantes datas para o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim): o mês da mulher e o aniversário de 172 anos de Petrópolis. A entrega da premiação Mulher Destaque 2015 da Prefeitura aconteceu durante reunião do Comdim na noite da última terça-feira (17/3) e contou com a presença do prefeito Rubens Bomtempo. Depois de uma votação entre os servidores municipais, 23 mulheres que atuam na administração direta e indireta foram agraciadas pelo conselho.

“Esse é um momento especial para todas nós. Contamos com a sensibilidade do prefeito Rubens Bomtempo, que tem em sua equipe muitas mulheres, inclusive no primeiro escalão do governo. Hoje, nós, do Comdim, temos a felicidade de homenagear essas mulheres que fazem tanto pela cidade e nos ajudam a construir uma Petrópolis melhor, mais justa e humana”, disse a presidente do Comdim e secretária Chefe de Gabinete, Luciane Bomtempo.

O prefeito Rubens Bomtempo aproveitou a oportunidade e também fez uma homenagem especial às secretárias - Luciane Bomtempo (Chefe de Gabinete), Mônica Freitas (Educação), Rosângela Stumpf (Controle Interno), Fernanda Ferreira (Setrac) e Thaís Ferreira (Fundação de Cultura e Turismo).

“Quero agradecer o esforço de todas as mulheres que trabalham por Petrópolis, que conciliam o trabalho, as atividades de casa, o cuidado com os filhos. Fazem tudo com amor, doçura e comprometimento. É através desse olhar feminino que buscamos governar a cidade. Quero destacar também o trabalho que vem sendo desenvolvido pelo Conselho da Mulher, que tem levantado bandeiras importantes para esse público”, afirmou o prefeito Rubens Bomtempo, ao também agraciar a subsecretária Chefe de Gabinete, Jorgina Souza Francisco; a subsecretária de Educação, Rosilene Ribeiro; a coordenadora do Centro de Referência em Atendimento à Mulher (Cram), Drica Madeira; a coordenadora da Igualdade Racial, Lourdes Petronilho; e a vice-presidente do Comdim, Luciana Périco.

As Mulheres Destaque 2015 foram: Sumara Castro Damião Haubrich (Gabinete do Prefeito), Alda Regina de Castro Pereira (Secretaria de Administração), Luciana Caminha da Silva (secretaria de Ciência e Tecnologia), Shirlei Souza Ramos (Secretaria de Controle Interno), Marilza Gomes (Fundação de Cultura e Turismo), Sonia Maba (Secretaria de Esportes e Lazer), Maria da Penha Rodrigues de Veras (Secretaria de Governo), Solange Albergaria da Silva (Secretaria de Habitação), Lucia Fernandes Ribeiro (Secretaria de Obras), Marilene Rodrigues Cunha (Procuradoria), Claudia da Conceição (Secretaria de Segurança Pública), Maria Sueli Costa Borges (Secretaria de Trabalho, Assistência Social e Cidadania), Sonia Regina de Aquino Reis (Comdep), Vania Lopes Badin Werneck de Carvalho (Secretaria de Saúde), Rosali Georgina de Oliveira Duarte (Secretaria de Educação), Ana Lucia Janiques (Secretaria de Planejamento), Margarida Luiza Rodrigues (Inpas), Ana Alzira Gomes dos Santos (Secretaria de Proteção e Defesa Civil), Fátima Regina de Jesus Almeida (Secretaria de Fazenda), Fabiana Oliveira Bastos (CPTrans), Rosane Hingel (Secretaria de Agricultura), Cleide do Nascimento (Subprefeitura), Márcia Rosane Machado (Secretaria de Meio Ambiente).

Representando as mulheres homenageadas, a servidora da Secretaria de Segurança Pública, Cláudia da Conceição, falou sobre a importância de ter o trabalho reconhecido. “Tenho certeza de que este dia ficará marcado na memória de cada uma de nós, que mata um leão por dia para dar conta de tantos afazeres. Temos a sensibilidade de nos colocar no lugar do outro e isso torna o nosso trabalho diferente. Somos todas vencedoras”.

Durante o evento, o conselho apresentou as principais ações realizadas no ano passado, como a II Semana de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher; o abaixo assinado contra a Portaria nº 1.253 do Ministério da Saúde (MS), que reduziu o acesso das mulheres ao exame de mamografia; e a criação do Dia do Laço Branco, além de eventos em comemoração aos dias das Mães e das Mulheres, a participação no Outubro Rosa, a implantação da Rádio Mulher e ainda melhorias na maternidade do Hospital Alcides Carneiro, em andamento pela Prefeitura.

“O nosso clamor foi acolhido pelo prefeito Rubens Bomtempo. Sem o aval dele não chegaríamos a lugar algum. Entre as nossas vitórias também precisamos destacar o fim das filas para mamografia e cirurgias de câncer de mama. Somos guerreiras e juntas faremos muito mais”, ressaltou a vice-presidente do Comdim, Luciana Périco.

O Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim) realiza nesta sexta-feira (14/2) uma ação de repúdio a Portaria nº 1.253 do Ministério da Saúde (MS) que reduz o acesso das mulheres ao exame de mamografia. O assunto foi pauta da reunião do conselho realizada na última segunda-feira (10/2) e causou indignação entre as conselheiras.

A mobilização acontece na Praça Dom Pedro a partir das 9 horas. Na ação de repúdio, as conselheiras estarão realizando um abaixo assinado que será enviado ao Ministério da Saúde. O Comdim também enviará ao Ministério uma moção de repúdio pela publicação da portaria.

No texto do documento, o Ministério da Saúde restringe o repasse de verbas da união aos municípios para o exame bilateral das mamas, que será realizado apenas em pacientes na faixa etária de 50 a 69 anos. A medida contraria a Lei 11.664/08 que garante o acesso e o direito a mamografia a todas as mulheres.

Na prática, a portaria retira o financiamento da mamografia de rastreamento para mulheres entre 40 e 49 anos deixando a critério dos municípios se estes irão pagar para rastrear câncer nesta faixa etária. Para essas mulheres, onde o índice da doença é maior, o Ministério da Saúde irá financiar apenas a mamografia unilateral (realizada em apenas uma mama).

“O Ministério da Saúde está contrariando o direito de toda mulher para a detecção precoce do câncer de mama. Além desse ato contra a vida, a portaria onera os municípios. Se hoje em dia o índice da doença é alto, mesmo com a realização do exame bilateral, com essa determinação pode haver um crescimento no número de casos”, destacou a presidente do Comdim, Luciane Bomtempo.

Mais de 700 mamografias em 2013 – Desde abril de 2013, quando o prefeito Rubens Bomtempo inaugurou o aparelho de mamógrafo no Hospital Alcides Carneiro (HAC), que estava encaixotado há três anos, o número de exames realizados no município vem crescendo a cada mês. Entre abril de dezembro do ano passado foram 761 mamografias.

“Não existe fila para a realização do exame no município, pelo contrário estamos com vagas sobrando no Hospital Alcides Carneiro”, informou o secretário de Saúde, André Pombo, explicando que das 400 vagas disponibilizadas por mês no HAC cerca de 200 são utilizadas. “Estes dados tranqüilizam o município, que cumpre o seu papel de prevenção, porém, a portaria pode mudar essa realidade”, disse o secretário.

Pagina 7 de 31

Notícias por data

« Agosto 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31  

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

iptu

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

cmv-logo

Relatorio CMVP