Com o objetivo de apresentar todas as responsabilidades e os reais desafios de ser um Conselheiro Tutelar, o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), realiza neste sábado (06.07), às 10h, na Casa dos Conselhos – Av. Koeler, 260, um curso de capacitação para os 27 candidatos finalistas para as eleições. Será um dia com palestras com autoridades jurídicas e especialistas envolvidos na área. Todo processo da eleição é fiscalizado pelo Ministério Público.

Para as palestras, já estão confirmadas as presenças do o Juiz da Vara da Infância e da Juventude, Alexandre Teixeira; os promotores da 2ª Promotoria da Justiça da Infância e da Juventude de Petrópolis, Odilon Lisboa Medeiros e Vicente de Paula Mauro Junior, além do delegado André Prates representando a 105ª e 106ª Delegacia de Polícia, e da Capitã da Polícia Militar do 26ª Batalhão, Endgie. Estarão presentes também, representantes das secretarias de Saúde; Educação; Assistência Social; Serviços, Segurança e Ordem Pública e Guarda Civil.

Este encontro é muito importante para os candidatos. Eles terão o contato com todos os envolvidos com proteção da criança e do adolescente, que irão explanar sobre o compromisso, os desafios do dia a dia, o trabalho e deveres de um conselheiro. É uma posição de muita responsabilidade que se deve fazer valer o cumprimento do Estatuto da Criança e do Adolescente.

No dia 20 de julho acontece a etapa final do processo de escolha, onde a comissão eleitoral irá apresentar aos candidatos habilitados, e todas as regras eleitorais para a campanha, assim como, o nome e o número dos candidatos que concorrerão às vagas, também serão publicadas no Diário Oficial (DO). A Campanha começa no dia 22 de julho e a votação acontece no dia 06 de outubro, pela primeira vez com urnas eletrônicas.

Serão eleitos 10 Conselheiros titulares, sendo 5 para o primeiro distrito – Centro, e os outros 5 para os demais distritos (Cascatinha, Itaipava, Pedro do Rio e Posse) para quadriênio 2020-2024. Todas as informações estão disponíveis no Diário Oficial do dia 27 de fevereiro.

Termina nesta quarta-feira (10.04) o prazo para as inscrições no processo de escolha para a eleição dos novos membros dos Conselhos Tutelares de Petrópolis. Os interessados, devem comparecer na Rua do Imperador, 38, sala 10, Centro, de 9h30 às 15h. A principal função do Conselho Tutelar é garantir os direitos dos menores, cumprindo o Estatuto da Criança e do Adolescente. O pleito definirá 10 Conselheiros titulares, sendo 5 para o primeiro distrito – Petrópolis, e os outros 5 para os demais distritos (Cascatinha, Itaipava, Pedro do Rio e Posse) para o quadriênio 2020-2024. A votação acontece no dia 06 de outubro e é aberta para toda população.

O Conselho Municipal dos Diretos da Criança e do Adolescente (CMDCA) está realizando todo o processo da eleição, que será fiscalizado pelo Ministério Público. A função do Conselheiro é de extrema importância para o município, pois ele zela pelos direitos das crianças podendo promover suas decisões requisitando serviços públicos, ou fazer uma representação junto à autoridade judiciária em caso de descumprimento injustificado de suas deliberações. 

Saiba como participar:

Inscrições

Para fazer a inscrição os candidatos precisam apresentar no endereço: Rua do Imperador, 38, sala 101 – Centro de 9h30 às 15h, a certidão negativa de antecedentes cíveis e criminais no período de 10 anos; ser maior de 21 anos; residir em Petrópolis há pelo menos 5 anos; comprovação de escolaridade ( mínimo Ensino Médio); obrigações eleitorais em dia; quitações de obrigações militares ( para os homens); comprovante de experiência de pelo menos 3 anos em atividades que envolvam programa de atendimento à criança e adolescente e 2 fotos 5X7.

Processo seletivo

O processo de escolha possui quatro etapas. Após a inscrição, o candidato fará uma prova com 50 questões de múltipla escolha, em caráter eliminatório (local e horário ainda serão definidos), marcada para o dia 09 de junho. Em seguida, o CMDCA promove um curso de capacitação no dia 06 de julho.  A última etapa do processo de escolha, é a reunião onde a comissão eleitoral irá apresentar aos candidatos habilitados todas as regras eleitorais para a campanha, assim como, o nome e o número dos candidatos que concorrerão as vagas, também serão publicadas no Diário Oficial (DO). A Campanha começa no dia 22 de julho e a votação acontece no dia 06 de outubro.

Vale lembrar que todo cidadão pode participar votando, basta ter título de eleitor.  Todas as informações estão disponíveis no Diário Oficial do dia 27 de fevereiro.

Dentro das etapas da eleição dos novos membros do Conselho Tutelar do município, acontece no dia 06 de julho, às 10h, na Casa dos Conselhos - Avenida Koeler, 260, a fase de capacitação dos 27 candidatos finalistas. Será um dia de palestras com autoridades jurídicas e especialistas envolvidos na área, abordando a importância e responsabilidade da vaga de Conselheiro. A ação é uma realização do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), e todo processo da eleição é fiscalizado pelo Ministério Público (MP).

Entre os palestrantes, estão juízes, promotores, delegados, além de representantes da área da saúde, assistência social, educação e Polícia Militar. Todos os envolvidos com proteção da criança e do adolescente irão explanar sobre o compromisso, os desafios do dia-a-dia, o trabalho e deveres de um conselheiro. Serão seis palestras no turno da manhã e mais seis no da tarde. Caso o candidato não compareça ou saia no meio do evento, ele será eliminado da eleição.

A última etapa do processo de escolha, é a reunião no dia 20 de julho, onde a comissão eleitoral irá apresentar aos candidatos habilitados, e todas as regras eleitorais para a campanha, assim como, o nome e o número dos candidatos que concorrerão as vagas, também serão publicadas no Diário Oficial (DO). A Campanha começa no dia 22 de julho e a votação acontece no dia 06 de outubro, pela primeira vez com urnas eletrônicas.

Serão eleitos 10 Conselheiros titulares, sendo 5 para o primeiro distrito – Centro, e os outros 5 para os demais distritos (Cascatinha, Itaipava, Pedro do Rio e Posse) para quadriênio 2020-2024. Todas as informações estão disponíveis no Diário Oficial do dia 27 de fevereiro.

O Conselho Tutelar é um órgão permanente e autônomo, não jurisdicional, encarregado pela sociedade de zelar pelo cumprimento dos direitos da criança e do adolescente, seguindo as atribuições previstas nos artigos do estatuto da Criança e do Adolescente.

Mostra do artista plástico Robson Jordão já está em cartaz no Centro de Cultura Raul de Leoni.

Uma proposta de reciclagem de papéis que funcionam tanto como suporte e elementos para confecção de obras criadas a partir de colagens e técnica mista sobre papel. O resultado são peças de arte incríveis que podem ser conferidas na exposição, em cartaz na Galeria Van Dijk. A mostra do artista plástico Robson Jordão fica aberta ao público até dia 27 deste mês no Centro de Cultura Raul de Leoni. A visitação pode ser feita de segunda a sábado, de 10 às 17h com entrada gratuita.

Nos mais de 30 trabalhos de técnica mista, a colagem se mescla ao desenho e pintura e com a entrada das formas, linhas e campos de cores, a história ganha contornos mais abstratos. Os trabalhos bidimensionais são apresentados em pequenos e médios formatos. Como diz o próprio artista, é “coleção de memórias próprias e “roubadas”, organizadas como elementos que contam histórias numa poética pessoal”.

Bacharel em Pintura pela Escola de Belas Artes (UFRJ), Robson brinca com diversos materiais e descobre formas para dar vida ao papel até então inutilizável. “Me interessa a versatilidade e possibilidade de reciclagem do papel tanto como suporte quanto como elemento constituinte do trabalho. Existe uma relação entre o papel como suporte com a ideia de dar uma função plástica ao papel que seria descartado. Os processos e materiais utilizados são variados e não se repetem sistematicamente em todos os trabalhos. Eles são utilizados de acordo com as exigências e necessidades de cada um”, explica o artista.

Segundo ele, para sua arte não existe um tema claro que una os trabalhos, mas muitos são realizados em série. As peças, no entanto, conversam entre si naturalmente, já que todas são parte do mesmo processo criativo. A ação criativa é orientada pela matéria escolhida pelo artista, nesse caso o papel, e é transformada pelo fazer artístico, sem perder seu caráter.

“Não faço um só trabalho do começo ao fim, mas sim vários trabalhos simultaneamente. Eles não seguem um tema comum ou técnica única comum, como se tem geralmente em séries. A própria prática artística une as peças. A arte está no fazer artístico. Não há nenhuma “intenção” a priori. O trabalho acontece como consequência do fazer”, frisa.

No currículo de Robson Jordão o artista reúne participação em coletivas, no 13º Salão da Escola de Belas Artes, Rio de Janeiro; e exposições individuais, na Semana das Artes no Laboratório Nacional de Ciências da Computação e no Espaço EBA7 no Campus da UFRJ, tendo também sido contemplado com o Prêmio Belvedere de Arte Contemporânea – Paraty. Também se dedica ao aprimoramento do trabalho em cursos na Escola de Artes Visuais do Parque Lage e online. No mês de outubro, os petropolitanos e visitantes poderão conferir o resultado do trabalho do artista na Galeria Van Dijk.

Serviço
Exposição Papel – Nuance e Formação
Onde: Galeria Van Dijk, no Centro de Cultura Raul de Leoni
Quando: de 7 a 27 de outubro
Visitação: de segunda a sábado, de 10 às 17h
Quanto: Gratuita
Informações: 2233-1221

A reunião extraordinária do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), que aconteceu nesta segunda-feira (20.05), na Casa dos Conselhos, definiu os candidatos que irão fazer a prova seletiva, no dia 9 de junho. Serão 10 Conselheiros titulares eleitos, sendo 5 para o primeiro distrito – Centro, e os outros 5 para os demais distritos (Cascatinha, Itaipava, Pedro do Rio e Posse) para quadriênio 2020-2024. Todo processo da eleição é fiscalizado pelo Ministério Público (MP). A votação - que este ano será com urnas eletrônicas, é aberta para todos os cidadãos, e acontece no dia 06 de outubro.

Nesta segunda-feira, último dia para apresentação de recursos, foram definidos por votação da comissão e pelo MP os candidatos impugnados – que deixaram de apresentar algum documento exigido pelo edital, ou não apresentaram o documento de forma válida para o processo. A próxima etapa será a prova com 50 questões de múltipla escolha, em caráter eliminatório. O local e horário estão sendo definidos.

Em seguida, o CMDCA promove um curso de capacitação no dia 06 de julho, na Casa da Educação, também em caráter eliminatório.  A última etapa do processo de escolha, é a reunião onde a comissão eleitoral irá apresentar aos candidatos habilitados todas as regras eleitorais para a campanha, assim como, o nome e o número dos candidatos que concorrerão as vagas, também serão publicadas no Diário Oficial (DO). A Campanha começa no dia 22 de julho e a votação acontece no dia 06 de outubro.

O Conselho Tutelar é um órgão permanente e autônomo, não jurisdicional, encarregado pela sociedade de zelar pelo cumprimento dos direitos da criança e do adolescente, seguindo as atribuições previstas nos artigos do estatuto da Criança e do Adolescente.

Vale lembrar que todo cidadão pode participar votando, basta ter título de eleitor.  Todas as informações estão disponíveis no Diário Oficial do dia 27 de fevereiro e 14 de maio.

Instrumento que norteará a eleição dos futuros integrantes do Conselho Municipal de Inovação, o edital com as informações, prazos e regras da condução do processo estará disponível no site da prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br) a partir de terça-feira (02.07). O lançamento oficial do edital está marcado para o dia 3 de julho, às 17h, na sede do Sicomércio.

Deverão participar do lançamento entidades empresariais e de instituições de ensino e pessoas que se interessam pelas ações que envolvem a inovação e são essenciais para o desenvolvimento dos setores produtivos como agricultura, comércio, indústria, educação, entre outros.

O edital está previsto na Lei 7.799/2019, a Lei de Inovação, criada pela prefeitura para estimular o crescimento econômico de Petrópolis.  O evento é aberto à comunidade. O Sicomércio fica na Rua Irmãos D'Angelo, 48, Cobertura – Centro.

Na ocasião, a equipe da Secretaria de Desenvolvimento Econômico vai explicar como vai ocorrer a eleição dos integrantes do Conselho Municipal de Inovação, instrumento criado pela Lei da Inovação, com caráter deliberativo e que será responsável por formular, propor, avaliar e fiscalizar as ações e políticas públicas de promoção da inovação para o desenvolvimento do município.

O Conselho Municipal de Inovação - CMI - será composto por seis representantes do poder público municipal e seis representantes de entidades não governamentais. As inscrições dos interessados em participar do conselho deverão ser entregues entre 8 de julho e 31 de julho, das 9h às 18h de segunda à sexta feira, na Casa dos Conselhos. Vale salientar que toda a documentação necessária para inscrição será descrita durante o lançamento do edital. O Fórum de eleição será realizado no dia 16 de agosto, das 16h às 19h, na Casa dos Conselhos, com a votação entre os pares. A posse dos novos conselheiros será realizada no dia 28 de agosto.

O Conselho Municipal de Inovação vai ser eleito no dia 16 de agosto com inscrições iniciando na próxima segunda-feira (08.07). O Conselho, que terá cadeiras a serem ocupadas pela sociedade, vai nortear as políticas públicas para o setor. Petrópolis é pioneira no Estado na Lei de Inovação e o Conselho é mais um instrumento de fortalecimento para o setor de tecnologia com mais de 100 empresas R$ 355 milhões.

O edital que convoca a  eleição foi apresentado nesta quarta-ferira (03.07) na sede do Sicomércio pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico. O edital explica o funcionamento do conselho, suas atribuições e composição: o conselho contará com seis representantes do poder público municipal e seis representantes de entidades não governamentais. As inscrições dos interessados em participar do CMI deverão ser entregues entre 8 de julho e 31 de julho, das 9h às 18h de segunda à sexta feira, na Casa dos Conselhos. A documentação necessária também está disponível no endereço eletrônico www.petropolis.rj.gov.br/inovacao/conselho.

A apresentação do edital foi realizada para que as pessoas que se interessam pelas ações que envolvem a inovação e são essenciais para o desenvolvimento dos setores produtivos como agricultura, comércio, indústria, educação, entre outros, pudessem tirar as dúvidas sobre o Conselho.

O Conselho será deliberativo e terá como atribuições formular, propor, avaliar e fiscalizar as ações e políticas públicas de promoção da inovação para o desenvolvimento do município.

“A lei foi construída para consolidar o ambiente de inovação e fomentar a criação de ações que possam fortalecer diversos setores econômicos como cultura, turismo, educação e agricultura. A lei também prevê a criação de cinco pontos principais, como o selo da Inovação, que também vai fomentar o setor,  identificando as empresas que são inovadoras”, explicou o diretor do Departamento de Ciência e Tecnologia, Marcelo Simões.

De acordo com o estabelecido na Lei Municipal nº 7.799/2019, a Lei da Inovação, as seis entidades não governamentais deverão ser eleitas em Fórum próprio, nos seguintes segmentos: três membros representativos das  instituições de ensino superior, tecnológico, e profissionalizante estabelecidos no Município e três membros representativos de associações empresariais, entidades representativas de categoria econômica, agentes de fomento, instituições públicas e privadas que atuem em prol da ciência, tecnologia e inovação, representantes de parques tecnológicos, incubadoras de empresa, representantes de fundos de investimentos  e/ou empresas de iniciantes Startups.

“Acho muito importante as instituições de ensino participarem dessa construção. Temos que estar juntos fomentando a inovação que pode ser melhor incentivada a partir da participação de agentes de vários setores nesse processo”, disse Márcia Borges, coordenadora do curso de Moda da Universidade Estácio de Sá e especialista em economia criativa.

Eleição na Casa dos Conselhos

As inscrições dos interessados em participar do CMI deverão ser entregues entre 8 de julho e 31 de julho, das 9h às 18h de segunda à sexta feira, na Casa dos Conselhos. No dia 5 de agosto será realizada a análise da inscrição pela comissão eleitoral e homologação das entidades. Já entre os dias 6 e 8 agosto será o período para entidades entrarem com recursos. O Fórum de eleição será realizado no dia 16 de agosto, das 16h às 19h, na Casa dos Conselhos, com a votação entre os pares. A posse dos novos conselheiros será realizada no dia 28 de agosto.

Vale salientar que a condução do processo de eleição estará a cargo da Comissão Eleitoral para a eleição do Conselho Municipal de Inovação, formada a partir da Portaria nº 03/2019 da Secretaria de Desenvolvimento Econômico. A Comissão permanecerá em atividade desde a posse dos seus membros até a nomeação dos candidatos (as) eleitos (as) para o Conselho Municipal de Inovação – CMI, que será feita através de portaria do Prefeito.

Quem aprecia ópera e também quem ainda não conhece o gênero terá excelente oportunidade com a exibição da récita de “O Diletante”, no dia 2 de outubro, às 19h, no Theatro D. Pedro, com entrada franca. A direção é de André Cardoso, Marcelo Coutinho e José Henrique Moreira, com regência de Jean Molinari. Trata-se de uma parceria da Prefeitura de Petrópolis, por meio da Fundação de Cultura e Turismo, com a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), que todo ano viabiliza a exibição de um espetáculo de ópera na cidade. Nos anos anteriores foram exibidas na cidade “D. Quixote nas bodas de Comacho”, “Cosi fan tutte” e “Caso no Júri”, com grande sucesso.

O projeto Ópera na UFRJ está comemorando 20 anos de realização, desenvolvido pelas Escolas de Música, Belas Artes e Comunicação. Tem sido um dos mais antigos e bem sucedidos projetos de ensino, pesquisa e extensão desenvolvidos na Universidade. Com produção de José Mauro Albino e André Garcez, a montagem atual de “O Diletante”, de Martins Pena, é inédita, baseada em um clássico do teatro de comédia brasileiro, com libreto e música encomendados a João Guilherme Ripper - docente da UFRJ e compositor brasileiro contemporâneo com várias obras no gênero. Para os petropolitanos será também uma chance de ver uma orquestra no fosso do Theatro D. Pedro, o que só ocorre quando é apresentado algum espetáculo operístico.

A nova criação de Riper faz uma homenagem bem-humorada ao mundo e aos amantes da ópera. Mantendo a estrutura e o espírito do texto de Martins Pena, o autor adaptou a peça para a Copacabana dos anos 50. O cenário é a sala do apartamento de Quintino, rico comerciante italiano, que alimenta uma paixão desmedida por La Traviatta, de Verdi. Seu maior desejo é fazer com que toda sua família compartilhe de sua paixão pela música italiana, solicitando o tempo inteiro a sua filha, Josefina, e a sua esposa, Merenciana, cantarem trechos da obra com ele. Entre os pretendentes de sua filha procura um tenor para completar o elenco. É tão intenso seu estado delirante que as cenas do cotidiano de sua família sempre lhe remetem à ópera.

João Guilherme Ripper é o compositor brasileiro contemporâneo que mais vem se dedicando ao gênero operístico, com obras como Domitila, Anjo Negro, Piedade e Onheama. Ópera na UFRJ foi criado em 1994 e, desde então, já produziu 17 montagens envolvendo docentes, discentes e técnico-administrativos da universidade.

 A adaptação de “O Diletante” conta com estréia mundial na Sala Leopoldo Miguez, na Escola de Música da UFRJ, no Rio de Janeiro, com quatro récitas. Além de Petrópolis, será exibida também no Teatro Municipal de Niterói, no Auditório Horta Barbosa do Centro de Tecnologia da UFRJ e no Teatro Municipal de Macaé.

O Serviço Social Autônomo Hospital Alcides Carneiro (SEHAC) realiza a primeira convocação dos aprovados no processo seletivo, que teve provas realizadas em duas etapas, nos meses de fevereiro e março deste ano. Entre esta terça (23.07) e quarta-feira (24.07), 99 candidatos estão sendo chamados a comparecer para a última etapa de avaliação psicológica, exame admissional e apresentação de documentos. Após as avaliações dessa fase, os convocados estarão aptos a ocupar parte das 250 vagas abertas neste processo.

Nesta primeira etapa, estão sendo ocupadas as vagas de auxiliar de serviços internos e externos, bombeiro hidráulico, maqueiro, agente de apoio administrativo, auxiliar de recursos humanos, auxiliar de saúde bucal, auxiliar de segurança, eletricista, instrumentador cirúrgico, técnico de laboratório, técnico de eletrônica, técnico em enfermagem, técnico em informática, técnico em segurança do trabalho, analista de departamento pessoal, enfermeiro, farmacêutico, fonoaudiólogo audiologia, anestesista, cirurgião geral, cirurgião pediátrico, clínico geral, médico do trabalho, ginecologista obstetra, médico intensivista, pediatra, urologista e psicólogo hospitalar.

O processo de seleção pública atende ao Termo de Ajustamento de Conduta firmado entre a Prefeitura e o Ministério Público, que visa substituir os contratos temporários existentes para o atendimento das demandas do HAC e das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) do Centro e de Cascatinha.

Os demais aprovados no processo seletivo serão convocados de acordo com a necessidade do hospital e das UPAs. Os novos profissionais da unidade serão contratados em regime de CLT. O processo seletivo tem validade de dois anos, prorrogáveis pelo mesmo período. “São profissionais que vão suprir as necessidades das unidades nesse momento e conforme formos identificando novas demandas serão realizados novos chamamento. As vagas serão preenchidas para garantir o bom funcionamento dos serviços nas unidades”, destaca o presidente do Sehac, Filipe Furtuna.

A relação dos convocados nesta etapa pode ser conferida no Diário Oficial publicado no último dia 17 de julho.http://www.pmp.intranet/pmp/index.php/servicos-na-web/informacoes/diario-oficial/finish/243-julho/4535-5716-quarta-feira-17-de-julho-de-2019.html.

 

A abertura do processo começa na segunda-feira (11.03)

A partir de segunda-feira (11.03), os interessados em participar do processo de escolha dos novos membros dos Conselhos Tutelares de Petrópolis, poderão fazer a inscrição na Rua do Imperador, 38, sala 101 – Centro de 9h30 às 15h. Serão 10 Conselheiros titulares eleitos, sendo 5 para o primeiro distrito – Petrópolis, e os outros 5 para os demais distritos (Cascatinha, Itaipava, Pedro do Rio e Posse) para quadriênio 2020-2024. As inscrições podem ser feitas até o dia 10 de abril. A votação, que é aberta para todos os cidadãos, acontece no dia 06 de outubro.

Todo o processo da eleição é uma realização do Conselho Municipal dos Diretos da Criança e do Adolescente (CMDCA), com fiscalização do Ministério Público (MP). O Conselho Tutelar é um órgão permanente e autônomo, não jurisdicional, encarregado pela sociedade de zelar pelo cumprimento dos direitos da criança e do adolescente, seguindo as atribuições previstas nos artigos do estatuto da Criança e do Adolescente.

Para fazer a inscrição os candidatos precisam apresentar a certidão negativa de antecedentes cíveis e criminais no período de 10 anos; ser maior de 21 anos; residir em Petrópolis há pelo menos 5 anos; comprovação de escolaridade, mínimo Ensino Médio; obrigações eleitorais em dia; quitações de obrigações militares, para os homens; comprovante de experiência de pelo menos 3 anos em atividades que envolvam programa de atendimento à criança e adolescente e 2 fotos 5X7.

O processo de escolha possui quatro etapas. Após a inscrição, o candidato fará uma prova com 50 questões de múltipla escolha, em caráter eliminatório (local e horário ainda serão definidos), marcada para o dia 09 de junho. Em seguida, o CMDCA promove um curso de capacitação no dia 06 de julho, na Casa da Educação, também em caráter eliminatório.  A última etapa do processo de escolha, é a reunião onde a comissão eleitoral irá apresentar aos candidatos habilitados todas as regras eleitorais para a campanha, assim como, o nome e o número dos candidatos que concorrerão as vagas, também serão publicadas no Diário Oficial (DO). A Campanha começa no dia 22 de julho e a votação acontece no dia 06 de outubro.

Vale lembrar que todo cidadão pode participar votando, basta ter título de eleitor.  Todas as informações estão disponíveis no Diário Oficial do dia 27 de fevereiro.

Pagina 1 de 3

Alvará Online - BANNER

Notícias por data

« Novembro 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30  

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo