A unidade móvel da Caixa Econômica Federal (CEF) encerrou seus atendimentos na Praça Dom Pedro, no Centro, na manhã desta quinta-feira (13/06). Foram quase dois meses de atendimento e um saldo bem positivo: três mil micro e pequenos empresários petropolitanos atendidos, mais de 500 empresas avaliadas, sendo que 100 dessas já tiveram seus créditos aprovados ou estão em fase de contratação.    

O secretário de Fazenda, Paulo Roberto Patuléa esclarece que os empresários prejudicados pelas chuvas de março deste ano poderão continuar contando com a linha de crédito especial do Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES), que está sendo disponibilizada pela CEF.

“Não haverá descontinuidade do serviço. Os empresários poderão procurar qualquer uma das agências da Caixa para solicitar a linha de financiamento especial”, afirmou Patuléa. O secretário avaliou como positiva a estada da unidade móvel na Praça Dom Pedro. 

“O Prefeito Rubens Bomtempo teve uma visão muito empreendedora ao colocar a agência móvel na praça, um lugar de fácil acesso para todos”, disse Patuléa. Para ele, o atendimento foi muito além do esperado. 

O gerente geral da agência Imperial da CEF, Petronio Policiano Garcia, afirmou que a parceira com a Prefeitura foi fundamental para o sucesso do trabalho. “A Prefeitura de Petrópolis foi determinante para o sucesso da ação, pois viabilizou meios para a Caixa cumprir o seu papel na recuperação da atividade econômica na cidade”, afirmou Garcia.

A unidade móvel, que iniciou o atendimento no dia 17 de abril, partiu para o Rio de Janeiro para atender às demandas da ação “Minha Casa Melhor”, do Governo Federal. Os micro e pequenos empresários petropolitanos poderão continuar a se inscrever para a linha de crédito especial e/ou acompanhar seus processos em uma das agências da CEF da cidade. 

A previsão é a de que o crédito fique disponível até novembro. Segue os endereços das agências da CEF em Petrópolis:

Ag. Imperial

Rua do Imperador, 149/153, Centro, Petrópolis/RJ

Tel: (24) 2244-1550

 

Ag. Petrópolis

Rua do Imperador, 745, Centro, Petrópolis/RJ

Tel: (24) 2231-1781

 

Ag. Itaipava

Est. União e Indústria, 10.040, Itaipava, Petrópolis/RJ

Tel: (24) 2244-2100

A partir desta segunda-feira (23/9), moradores da Vila Rica poderão contar com um Centro de Inclusão Digital-CID em pleno funcionamento. A inauguração do espaço está marcada para 19 horas, na sede da Associação de Moradores, onde toda a estrutura foi montada, e visando favorecer ainda mais a região, será a segunda comunidade beneficiada com o programa Sala do Empreendedor na Comunidade - Secom.

O objetivo é cadastrar profissionais autônomos que trabalham na informalidade, como micro empreendedores individuais, por meio da Lei 7058 - Microempreendedor Individual – MEI. As inscrições começam ainda na manhã de segunda-feira, de 10h às 17h.

Trabalhadores de mais de 400 profissões de diferentes áreas, como manicures, esteticistas, cabeleireiras, serralheiros e mecânicos, por exemplo, terão a oportunidade de se legalizar sem precisar se deslocar do bairro. A ideia é que, com a formalização do serviço, a mão de obra desses profissionais seja utilizada pelo município.

“O prefeito Rubens Bomtempo determinou que seja dada preferência a profissionais do bairro para prestarem pequenos serviços em postos de saúde, escolas e outras repartições públicas”, explicou o secretário de Fazenda, Paulo Roberto Patuléa, lembrando que o incentivo ao empreendedorismo é um compromisso de campanha de Bomtempo. “Estamos inovando em uma política pública importante para o desenvolvimento socioeconômico do município”, completou Patuléa.

No local, será feito o cadastro no MEI com a oferta de serviços como a emissão de alvará e treinamento para a Nota Fiscal Eletrônica. Além da Fazenda, a ação envolve ainda as secretarias de Obras, Trabalho, Assistência Social e Cidadania, Planejamento, Ciência e Tecnologia, Saúde e Educação.

A cada dia, novas empresas são abertas no cenário nacional. São empreendedores que buscam mostrar suas habilidades e capacidade de liderança para se destacar no mercado. Essa tendência é fortalecida pelos números: nos últimos 17 meses, de acordo com levantamento da Jucerja, Petrópolis somou 1.684 novos negócios entre empresas e empreendedores individuais e já emitiu mais de 400 alvarás on- line através do sistema Regin. Os avanços econômicos, as vocações da cidade e o suporte que o governo oferece aos empresários foram apresentados para os alunos do curso de técnico em estética do Senac, durante uma palestra realizada nessa segunda-feira (21.05) pelo diretor do Departamento de Desenvolvimento Econômico da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Dalmir Caetano.

O encontro ocorreu no Senac. “A intenção foi a de mostrar os conceitos de empreendedorismo mostrando que o verdadeiro empreendedor é aquele que inicia algo novo, que realiza antes, aquele que sai da área do sonho, do desejo, e parte para a ação”, explicou Dalmir, salientando a importância das leis de incentivo que facilitam a vida dos petropolitanos que buscam empreender na cidade.

“O governo sancionou em dezembro de 2017 a Lei Geral do Empreendedor, revisada e atualizada e em outubro do mesmo ano, criou a Lei de incentivo às Microcervejarias e Brewpubs, ou seja, os mecanismos legais que auxiliam os empreendedores estão valendo e a tendência é que novos negócios sejam criados ao longo do ano. Esse encontro foi importante para trocarmos ideias e dividir conhecimento. Para quem está buscando oportunidade é importante criar atrativos para o ambiente de inovação. Fora isso, um atendimento diferenciado e um serviço de qualidade podem ser fortes atrativos para o sucesso”, contou Dalmir.

As participantes da palestra estão há dois anos no curso – elaborando o plano de negócios que poderá ser colocado em pratica no término das aulas. “Elas estão concluindo o curso e a elaboração do plano de negócios faz parte da grade. Elas estão fazendo o plano dentro da realidade delas e a palestra foi importante porque falou sobre o ambiente de negócios na nossa cidade. Muitas querem ser microempreendedoras e puderam tirar dúvidas durante a palestra”, disse Vanessa Terezinha Gomes, contadora e instrutora do curso de técnica em estética.

Outro ponto destacado na palestra foi o Espaço Empreendedor. Local que materializa a simplificação dos processos de abertura, alteração, baixa e funcionamento das empresas. No EE, os empresários podem ter informações e solucionar problemas relativos a seus processos.

“O objetivo do Espaço Empreendedor é o de facilitar e apoiar o surgimento e fortalecimento de empreendimentos locais, promovendo condições favoráveis para que as empresas gerem resultados positivos e desenvolvimento da sociedade”, explica.

O EE fica no Centro Administrativo Frei Antonio Moser. O funcionamento é de segunda a sexta, das 10 às 17h. No EE os empresários têm acesso aos serviços das secretarias de Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente e Obras. Em abril, foram computados 985 atendimentos no EE. Em comparação a dezembro de 2017, o número de atendimentos cresceu 133%.

No EE são oferecidas, ainda, as orientações para micro e pequenos empresários (MEI), emissão da Nota Imperial, formalização, alteração e baixa de empresas cadastradas como Micro Empreendedores Individuais. Também pode ser feito no EE o estudo de viabilidade para empresas, autenticação de Livros mercantis e a solicitação de incentivos fiscais. Um posto do Departamento de Trabalho e Renda – DETRA – também funciona no EE. No local, podem ser cadastradas e anunciadas as vagas de emprego disponíveis nas empresas.

Levantamento é feito pela empresa de consultoria Urban Systems

Infraestrutura. Esse foi o quesito destaque de Petrópolis no levantamento “Melhores cidades para se fazer negócios”, realizado pela empresa de consultoria Urban Systems e divulgado nesta quinta-feira (31.10). Na análise geral de 317 municípios, Petrópolis ficou na colocação 91ª, única cidade da Região Serrana a aparecer no ranking final. Essa é a primeira vez em que a cidade é citada no ranking, que foi realizado a partir da analise de dados sobre os eixos: desenvolvimento econômico, desenvolvimento social, capital humano e infraestrutura.

A prefeitura fez desburocratização dos serviços, implantação de leis de incentivo e acolhimento aos novos empreendedores. Estar nesse ranking é uma ótima notícia que mostra que o município está no caminho certo. Petrópolis tem destaque em vários setores produtivos e vem mostrando aumento no número de empresas principalmente no comércio e serviços. Agora, a cidade continuar incentivando os novos negócios para mostrar que Petrópolis tem o ambiente favorável para quem deseja empreender.

O estudo é feito para a revista Exame, especializada em economia, negócios, política e tecnologia e tem como base sete indicadores. No quesito infraestrutura, Petrópolis ficou na 72ª posição.

Esse é mais um resultado positivo para a cidade. Em setembro, Petrópolis se destacou também no Ranking ConnectedSmartCities -  que analisa 70 indicadores em todas as cidades com mais de 50 mil habitantes, em 11 eixos temáticos, identificando as cidades mais inteligentes.

Nesse ranking, de conectividade, Petrópolis ficou em 3º lugar no estado, ficando atrás apenas de Niterói e da capital. Entre as 100 cidades avaliadas, Petrópolis ficou na 35ª colocação.

O resultado do ranking “Melhores cidades para se fazer negócios” reforça o positivismo no setor econômico. Apesar de todos os problemas financeiros enfrentados pelo Estado, Petrópolis vem mostrando uma expectativa positiva com relação aos novos negócios. Prova disso é a quantidade de atendimentos no Espaço Empreendedor, que recebe as pessoas que desejam aumentar os seus negócios ou, até mesmo, abrir uma empresa. Desde janeiro, 11.263 atendimentos já foram realizados no EE.

Desde o início da atual gestão a Secretaria de Fazenda vem investindo em modernização - seja na implementação ou na atualização de sistemas - para dar mais agilidade aos serviços e facilitar a vida de quem quer empreender na cidade. A prefeitura implementou ainda no primeiro ano de governo o sistema de Alvará online e este ano avançou para o sistema de alvará eletrônico automatizado, que dá ainda mais agilidade a legalização de um negócio, pois em muitos casos permite que no mesmo dia o empresário esteja com o alvará em mãos.

Vale salientar que as ações de desburocratização também renderam a Petrópolis o 2º lugar no game Cidades Empreendedoras, do Sebrae.

O ranking

A pesquisa pioneira se originou de um estudo inovador realizado pela Urban Systems e também publicado pela Revista Exame, em 2011, que apontou as principais microrregiões que seriam os novos vetores de desenvolvimento do Brasil.

Pagina 34 de 34

Notícias por data

« Setembro 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30        

Prestação de conta COVID-19

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo