Segunda, 10 Setembro 2018 - 10:47

Academia da Saúde atende 200 pessoas

Inscrições estão abertas para novos interessados nas 4 unidades

A prática da atividade física como aliada na saúde trabalhando o corpo e a mente. Incentivar a mudança de hábitos e conscientizar a comunidade a prevenir doenças por meio dos exercícios têm sido o objetivo das Academias da Saúde, que atendem cerca de 200 pessoas, nas quatro unidades de Petrópolis: no Parque Cremerie, Vale do Carangola, Castelo São Manoel e Parque de Itaipava.

É importante conscientizar a população sobre a importância da mudança de hábitos alimentares e práticas regulares de exercícios para a redução dos quadros de hipertensão, diabetes e obesidade, por exemplo. As Academias da Saúde têm a meta de proporcionar atividades para toda família, da criança ao idoso.

Nas Academias de Saúde, são oferecidas aulas de ginástica, alongamento, karatê, capoeira e zumba,entre outras atividades, de segunda a sexta-feira, de 8 às 17h (no Cremerie, de terça a sexta-feira). As inscrições para novos alunos estão abertas em todas as unidades.

“Para participar basta o interessado apresentar atestado médico e documento de identidade.Cada Academia da Saúde conta com um fisioterapeuta e um profissional de educação física. Ao todo, há ainda mais oito voluntários, que promovem aulas de atividades variadas buscando a integração entre os atendidos pelos equipamentos”,diz a superintendente de Atenção à Saúde, Fabíola Heck.

As quatro academias contam com o trabalho fortalecido por estes professores voluntários. Algumas das atividades disponibilizadas trabalham, inclusive, a arte como forma de promover a interação. São exemplos a dança de salão, teatro, hip hop, artesanatos e até oficinas de embelezamento. Quem quiser colaborar, compartilhando conhecimentos, pode procurar uma das academias e obter mais informações.

“Temos, nas academias, locais preparados para atender os usuários, com sala de convivência, espaços amplos, materiais específicos e equipes especializadas. Muita gente acaba confundindo a Academia da Saúde com os equipamentos de ginástica que são mantidas pela prefeitura em alguns pontos dos bairros”, explica a coordenadora da Academia da Saúde, Márcia Verônica Ferreira.

No próximo dia 12 de setembro a Academia do Cremerie vai dar início às aulas de teatro. As orientações serão às quartas e sextas, das 13h30 às 15h. As inscrições podem ser feitas diretamente na unidade.A aposentada Marlene de Oliveira, de 65 anos, tem sentido os benefícios dos exercícios praticados na Academia da Saúde do Cremerie. As atividades têm a auxiliado, inclusive, na postura, reduzindo os desconfortos nas costas.

“Estou participando das atividades desde o começo da Academia da Saúde. Tenho sentido que as dores na coluna vêm diminuindo, e, com certeza, isto é fruto das fisioterapias que fazemos aqui. Estou muito feliz”, conta dona Marlene, que é moradora da Rua Honduras.

Academia da Saúde inicia projeto “Cuidando de Quem Cuida”

A Academia da Saúde deu início, em agosto, ao projeto Cuidando de Quem Cuida, que leva atividades físicas para dentro dos setores da Secretaria de Saúde. O objetivo, é integrar as equipes que trabalham nos bastidores pelo bom fluxo dos processos que mantém os serviços em andamento.

“Ficamos muito felizes com a participação dos servidores da Saúde, que tem sido muito grande. São apenas 15 minutos que podem mudar o dia e a semana de toda a equipe, trazendo mais bem-estar e alegria à rotina de trabalho”, conta Márcia Verônica. A integração entre os departamentos acontece três vezes por semana, sempre na parte da manhã.

O Programa Academia da Saúde foi criado pela Portaria Ministerial nº 719 e tem como principal objetivo contribuir para a promoção da saúde da população a partir da implantação de polos com infraestrutura, equipamentos e quadro de pessoal qualificado para a orientação de práticas corporais, atividades físicas e de lazer e modos de vida saudáveis.

Nova terapia visa melhor qualidade de vida dos usuários será praticada em atividade especial do Dia dos Namorados

Melhoria da qualidade de vida através do riso. É isso que pretende a nova terapia alternativa oferecida na Academia da Saúde de Itaipava. A Yoga do Riso é uma das Práticas Integrativas Complementares (PICs) que passou a fazer parte do cronograma de atividades da unidade, que realiza um trabalho de promoção e manutenção da saúde. E é à base de muito riso, que a nova técnica vai ser apresentada em aula especial do Dia dos Namorados, na próxima quarta-feira (12.06), das 10h30 às 11h30. A participação é gratuita, assim como todas as atividades oferecidas na unidade, que fica no Parque de Exposições de Itaipava.

O curso de Yoga do Riso tem o objetivo de trabalhar o otimismo, resgatando a alegria de viver através de exercícios respiratórios e atividades lúdicas. O método, nascido na Índia em 1994 hoje já é praticado em mais de 100 países e possui cerca de 4 mil entidades no mundo voltadas para a aplicação das técnicas, que proporcionam a melhoria da qualidade de vida. O objetivo é treinar o riso, até que ele se torne um hábito para o dia a dia, ajudando as pessoas a terem uma postura mais positiva para as adversidades da vida.

A terapia começou a ser oferecida na Academia da Saúde através de uma iniciativa voluntária, que tem aos poucos conquistado adeptos.

E com o lema “rir é o melhor remédio”, a terapeuta holística, Gleidys Cantini, dedica parte do seu tempo para trazer a técnica, que é inédita em Petrópolis, voluntariamente para quem se interessar. Ela explica que o Yoga do Riso pode ser praticado por pessoas de todas as idades. Durante as aulas, ministradas uma vez por semana, são trabalhados exercícios que unem o lúdico com técnicas respiratórias e exercícios teatrais com o objetivo de mudar o estado de ânimo dos participantes. “Já tive pessoas que chegaram para as aulas dizendo que não conseguiam rir e no final da atividade, estavam em gargalhadas. A prática deste método tem o potencial de nos devolver o estado natural de alegria, saúde e realização”, conta a terapeuta.

            De acordo com o criador do método, o médico Dr kataria o riso incondicional com respiração resulta em variados benefícios físicos e mentais, como recuperação das doenças e dos desequilíbrios emocionais.  Apesar de não ser uma atividade física, traz benefícios semelhantes. A terapeuta holística explica que o Yoga do Riso libera a endorfina, mesma substância química gerada pela prática de atividades físicas e o cortisol, hormônio responsável pela sensação de prazer. “Dar gargalhadas ajuda a diminuir o estresse e até mesmo perder peso”, destaca a terapeuta, ressaltando que observa uma nova geração ri cada vez menos: “Precisamos rir no mínimo 400 vezes por dia. A prática deste método tem o potencial de nos devolver o estado natural de alegria, saúde e realização”.

A prática ajuda no combate a doenças cardiovasculares; tonifica músculos; elimina dores; fortalece sistema imunológico; melhora as habilidades cognitivas; minimiza o estresse; entre outros benefícios. Para o Dia dos Namorados, a terapeuta prepara uma aula temática. “Vamos fazer uma aula para quem tem namorado se motivar para comemorar a data e quem não tem, vai se preparar para encontrar um amor”, destaca. 

Academias da Saúde registram maior procura pelas PICs

Atividades alternativas como a Yoga do Riso têm atraído o público para as Academias da Saúde, em busca de formas preventivas com o cuidado da saúde. O aumento da demanda pelas Práticas Integrativas 

Complementares demonstra a adesão dos usuários da rede pública ao serviço. De janeiro a abril desse ano, 1251 pessoas foram atendidas com alguma das terapias alternativas, o que representa um aumento de 24% comparado aos últimos quatro meses de 2018. As academias atuam junto com as unidades da rede de atenção básica do município, de forma a melhorar a qualidade de vida, conseguindo muitas das vezes, que os usuários consigam reduzir a quantidade de medicamento usados no dia a dia. “Estamos sempre buscando novidades para atrair o público e mostrar a importância de manter o corpo em movimento e a mente saudável”, frisa Márcia Verônica Ferreira, coordenadora das Academias da Saúde.

No município, as PICs são oferecidas nas quatro unidades da Academia da Saúde, que ficam no Castelo São Manoel, no Cremerie, em Itaipava e no Vale do Carangola. Juntas, as unidades realizam cerca de 400 atendimentos por mês.  O público tem acesso gratuito a tratamentos com acupuntura, shiatsu, yoga, shantala, fitoterapia, florais, entre outros. Algumas práticas também podem ser encontradas em outras 17 unidades de saúde da rede de Atenção Básica. 

Atividades físicas são oferecidas de segunda a sexta-feira de 8 às 17h

Unidade localizada no parque conta com 300 alunos

A Academia da Saúde do Parque Cremerie foi reaberta nesta quarta-feira (02.05) após a desinterdição do espaço. O local que recebe em média 12 mil frequentadores por mês passou por manutenção e uma série de melhorias, como troca de lixeiras, pinturas dos bancos e recuperação do piso. Com o retorno das atividades, a prefeitura quer ampliar o número de alunos da academia que atualmente é de 300 pessoas reforçando umas das vertentes da promoção em saúde, prevenção de doenças e melhora na qualidade de vida que é a prática regular de atividades físicas.

O Parque Cremerie foi fechado preventivamente em março, por conta de um macaco encontrado morto por Febre Amarela em uma rua próxima ao parque. Agentes da Secretaria de Saúde reforçaram as estratégias de imunização durante este período e o local pôde ser aberto para a população com segurança.

Relembra que o local – que no ano passado recebeu 144 mil visitantes - volta a abrir seus portões para que os petropolitanos e turistas aproveitem sua extensa área verde, o parquinho infantil, quadra esportiva, Academia da Terceira Idade e da Saúde, churrasqueira, entre outras atividades que o espaço oferece. 

O Cremerie conta com 12 mil frequentadores por mês, além dos 300 alunos da Academia da Saúde. A prefeitura quer ampliar esses números para que a população usufrua de toda a estrutura do parque que é de 40 mil m² com extensa área verde, parquinho, quadra esportiva. A meta é estimular a adoção de hábitos saudáveis e o turismo ecológico.

Promovendo a divulgação das atividades das Academias da Saúde, a Secretaria de Saúde reforça que as inscrições para as aulas das quatro unidades das Academias da Saúde estão abertas para que adultos e crianças possam participar das atividades oferecidas de segunda a sexta-feira, de 8 ás 17h.

As academias possuem esse papel importante de manter o fortalecimento dos vínculos dentro das comunidades. As atividades são importantes para as crianças terem opções de diversão e entretenimento, mas também para os pais e frequentadores do parque. A Secretaria de Saúde está reforçando junto às equipes dos postos de Saúde a conscientizar os usuários sobre a importância da mudança de hábitos alimentares e práticas regulares de exercícios para a redução dos quadros de hipertensão, diabetes e obesidade.

Academias da Saúde promovem ações de prevenção e promoção da Saúde

O município conta com quatro Academias da Saúde: nos parques Cremerie e de Itaipava, além do Vale do Carangola e Castelo São Manoel onde são oferecidas aulas de ginástica, alongamento, danças, karatê, capoeira, artesanatos entre outras atividades, de segunda a sexta-feira de 8 às 17h. As inscrições para novos alunos estão abertas em todas as unidades. Para participar basta que o interessado apresente atestado médico, cartão do SUS e documento de identidade.

A coordenadora do programa Academia da Saúde, Márcia Verônica Ferreira explica que o trabalho das Academias da Saúde é fortalecido com o apoio de voluntários ampliando as atividades oferecidas com a realização de grupos de convivência, workshops e rodas de conversa.

“Contamos com o apoio de muitos voluntários que estão contribuindo para o crescimento das academias e na oferta das mais variadas atividades. Esperamos em maio oferecer as práticas integrativas como yoga, acupuntura, florais, entre outros. Além dos exercícios, há cursos de artesanatos e manicure, onde o público pode aprender as técnicas e ainda aumentar a renda familiar, então os interessados em ser voluntário ou aluno da nossa academia podem nos procurar para unirmos forças em prol de mais qualidade de vida e bem-estar”, convida Márcia Verônica Ferreira.

No município há 26.533 portadores de Hipertensão Arterial e 8.083 portadores de Diabetes cadastrados no Programa HiperDia da Secretaria de Saúde. Desses, 3.083 fazem uso de insulina. Para combater esses dados, o município tem reforçado a integração entre as unidades e postos de Saúde com as academias de Saúde. A adoção de hábitos saudáveis com uma alimentação saudável e a prática regular de atividades físicas são essenciais para a Saúde do coração.

Há 143 mil pessoas cadastradas na Estratégia de Saúde da Família, destas, 12,13% são hipertensas, por conta disso, é importante diagnosticar precocemente e as equipes das unidades fortalecer as ações de prevenção e promoção à saúde, incluindo a integração junto às academias da Saúde que estão promovendo a assistência, através das atividades físicas, aos grupos de hipertensos.

Grupo conscientizou sobre a adoção de hábitos saudáveis na promoção da saúde

A prática de atividades física é uma aliada para saúde do corpo e garantia de mais qualidade de vida e por conta disso, a Secretaria de Saúde reformulou o projeto das Academias da Saúde que estão mais integradas às unidades de Saúde. Na semana em que se comemorou o Dia Mundial de combate ao Diabetes o Centro de Saúde recebeu nesta sexta-feira (17.11) um grupo de alunos que levou, além da disposição, incentivo às práticas de exercícios às pessoas que estão sedentárias.

Em Petrópolis há 143 mil pessoas cadastradas na Estratégia de Saúde da Família, destas, 12,13% são hipertensas. Há ainda 4.768 diabéticos que são assistidos pelos grupos de apoio dentro das unidades de saúde por conta disso, a superintendente de Atenção à Saúde, Fabíola Heck reforça a importância da integração entre as unidades e as academias de Saúde. A proposta é incentivar a adoção de uma dieta equilibrada e a prática regular de atividades físicas.

“Temos quatro academias da saúde no município com inscrições abertas para novos alunos e atividades para toda família. A hipertensão e diabetes são controladas com uma mudança de hábitos e pode atingir do adulto aos adolescentes”, destaca Fabíola Heck.

Nos últimos 10 anos, o número de brasileiros obesos aumentou em 60%, e mais da metade da população está acima do peso, segundo dados do Ministério da Saúde. Hoje, a cada cinco brasileiros, um está obeso. A Organização Mundial de Saúde (OMS) aponta a obesidade como um dos maiores problemas de saúde pública no mundo: a projeção é que, até 2025, mais de 700 milhões de adultos estejam obesos e cerca de 2,3 bilhões com sobrepeso.

Nas Academias de Saúde são oferecidas aulas de ginástica, alongamento, danças, karatê, capoeira, artesanatos entre outras atividades, de segunda a sexta-feira de 8 às 17h no Parque Cremerie, Parque Municipal de Itaipava, Castelo São Manoel e Vale do Carangola. Em todas as unidades há vagas para novos alunos. Os interessados devem apresentar o atestado médico e documento de identidade.

“Nossa meta é formar uma equipe multiprofissional atuante e criar metas e estratégias para aumentarmos o número de alunos por unidades. Todas as unidades estão com vagas para novos alunos. Nós também temos um trabalho fortalecido com professores voluntários que realizam grupos de convivência, workshops e rodas de conversa”, informa Márcia Verônica Ferreira.

A diretora do Centro de Saúde, Elida Marta dos Santos, gostou da iniciativa e pretende criar um grupo de convivência voltado para atividades no próximo ano.

“Vamos aproveitar essa integração e proporcionar essas aulas de alongamento e exercícios aos nossos pacientes. Espero que no próximo ano possamos criar um grupo especial aqui na nossa unidade”, anuncia Elida Marta.

Exercícios proporcionam a melhora da saúde do corpo e da mente

A mudança de hábitos não tem idade para começar. Prova disso é a aposentada Sonia Maria Ribeiro, 72 anos, moradora de Corrêas que diariamente frequenta a academia da saúde de Itaipava.

“Para mim melhorou tudo, eu tinha problema de coluna e quando comecei as aulas eu via que ia melhorando. Hoje tenho mais disposição durante todo o dia”, afirma.

Já a aposentada Maria José de Freitas, 70 anos, moradora do Roseiral procurou a academia da saúde para fazer novas amizades e controlar o problema de hipertensão.

Hoje eu mudei a minha alimentação, cuido mais de mim e da minha família. Sou hipertensa, mas levo uma vida muito mais saudável estando com a rotina de exercícios em dia. Quem não conhece a academia da Saúde deveria ir a uma unidade e fazer uma aula experimental”, convida.

O fisioterapeuta Leonardo Delarioili trabalha na academia da Saúde do Castelo São Manoel e sempre integra as atividades de alongamento nas aulas da unidade.

“O alongamento é fundamental, nós trabalhamos dentro da fisioterapia os problemas ortopédicos, neurológicos entre outros problemas de saúde e de locomoção. É importante que independente da idade, as pessoas procurem uma atividade física que lhe agradem e assim contribua para melhora da sua qualidade de vida”, avalia.

Yoga, acupuntura, shiatsu e floral estão entre as atividades oferecidas

As academias da Saúde do município já estão contando com as Práticas Integrativas e Complementares de Saúde (PICS), que são procedimentos terapêuticos baseados em conhecimentos tradicionais oferecidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Na terça-feira (18.09), as atividades começaram pela Academia da Saúde do Vale do Carangola e, nesta quarta (19.09), no Castelo São Manoel.

A implantação do serviço acontece graças ao convênio firmado pela Secretaria de Saúde com a Associação Petropolitana de Profissionais de Práticas Integrativas Complementares de Saúde (APPPics). As inscrições estão abertas nas quatro unidades do município. Para participar, basta procurar uma das quatro unidades do município com documentos pessoais (RG ou CPF).

São exemplos destas práticas atividades como yoga, acupuntura, shiatsu e shantala. Estes tratamentos ajudam a melhorar quadro de doenças e dar mais qualidade de vida. A ideia é que cada uma das quatro academias tenha um dia reservado para estas práticas. Nesta quinta (20.09), as atividades serão levadas à unidade do Parque Cremerie e, na sexta (21.09), para o Parque de Itaipava.

 “A Associação está disponibilizando os profissionais para atendimento nas Academias. Caberá a nós das Academias acompanhar todo o processo para oferecer aos usuários do SUS essas alternativas inovadoras na promoção da Saúde Desejamos estimular essas práticas socialmente contribuitivas ao desenvolvimento sustentável de comunidades, ampliando o acesso às PICS, garantindo qualidade e eficiência”, declarou a coordenadora das Academias da Saúde, Márcia Verônica.

A terapeuta Denise Campinho, de 64 anos, participou da primeira aula de yoga na Academia da Saúde do Castelo São Manoel. Ela soube do trabalho através da equipe de Saúde da Família do Posto de Saúde do bairro e ficou animada para participar. A terapeuta disse que vai compartilhar a notícia na comunidade, principalmente, entre amigos e parentes.

“É magnífico! Por trabalhar na área, sei bem da importância e o quanto faz bem estas práticas. Poder vê-las disponíveis à população é uma grande felicidade. É questão de prevenção à Saúde. Sou moradora do bairro, conheço toda a equipe e sei do comprometimento de todos eles. Espero que mais e mais pessoas conheçam o trabalho e participem também. Meu marido já se inscreveu para participar do shiatsu”, disse Denise.

Estão sendo oferecidos, também, terapias florais, fitoterapia e terapias comunitárias. Os usuários que participarem das atividades de floral nas academias da Saúde vão contar com descontos na aquisição de essências que ajudam no tratamento. A APPPics selou um acordo com duas clínicas de homeopatia, que vão oferecer as composições com valores mais acessíveis. A terapeuta especialista, Valéria Borges, conta que os benefícios deste tipo de tratamento na prevenção de doenças são inúmeros.

“Estou há 22 anos nesta área e é um prazer muito grande ver as pessoas sendo beneficiadas com o nosso trabalho. Por 15 anos atuei como voluntária em uma pastoral, atendendo pessoas que não tem condições de pagar pelos trabalhos, e sei do quanto isto é importante para o acesso da população. A cada sucesso que obtenho com meus pacientes mais me sinto fortalecida em seguir neste caminho”, contou a terapeuta floral.

 

Com as férias chegando, começa a busca dos pais por atividades que ocupem o tempo da garotada. Nesse período, entre as alternativas estão as Colônias de Férias realizadas nas Academias da Saúde. Durante o recesso escolar, a partir da segunda quinzena de janeiro, haverá programação especial de esporte e lazer voltada para crianças e adolescentes. O município conta com quatro unidades que funcionam de segunda a sexta-feira, em Itaipava, no Castelo São Manuel, no Vale do Cuiabá e no Cremerie (esta, de terça a sexta-feira).

As atividades são gratuitas, necessitando apenas apresentar o cartão do Sistema Único de Saúde (SUS) no dia da colônia, sem prévia inscrição. As academias contam com dois profissionais, um de Educação Física e um de Fisioterapia, que fazem o acompanhamento dos usuários. As unidades atendem pessoas de todas as idades e mantêm uma programação contínua.

A programação das academias é específica para cada unidade e, durante as férias, serão realizadas atividades coletivas diversas. De acordo com a idade dos jovens, poderão ser realizados jogos de futebol, futsal, handebol, além de recreações lúdicas, com brincadeiras que fazem parte da tradição como, os piques, queimada, pula-corda, amarelinha entre outras. Também são promovidas aulas de pintura e palestras com orientação e promoção à saúde.

“Fazemos todas essas atividades com a abordagem adequada para crianças e adolescentes. Nosso objetivo é não deixar as crianças e adolescentes na ociosidade e educá-los para uma vida saudável. Queremos levar valores para a vida desses jovens através das brincadeiras que desenvolvemos”, destaca a coordenadora das Academias da Saúde, Márcia Verônica Ferreira, ressaltando que os jovens atendidos são agentes multiplicadores dos saberes disseminados nas ações realizadas.

De acordo com Márcia, as Colônias de Férias contribuem para desmistificar a ideia de que as Academias da Saúde são apenas para atender idosos. A coordenadora destaca que as atividades são voltadas e adaptadas para todas as idades. “Realizamos atividades para todo o público e as unidade recebem público de todas as regiões da cidade, sem delimitação de área. Basta ter o cartão do SUS”, frisa.

A programação das Academias da Saúde pode ser consultada por telefone ou comparecendo diretamente às unidades, que localizam nas regiões:

Academia da Saúde Geraldo Mendes da Silva – Castelo São Manuel (Rua Valter Bichtluf São Coutinho, 711). Tel.: 2243-9901

Academia da Saúde Jacob José Hammes – Cremerie (Estrada Independência, s/nº). Tel.: 2243-4153

Academia da Saúde Telê Santana – Itaipava (Estrada União e Indústria, nº 10.000). Tel.: 2233-8882

Academia da Saúde Armando da Silva Gonçalves -  Vale do Carangola (Rua Waldemar Vieira Afonso, 7). Tel.: 2291-8310

Durante toda a manhã desta sexta-feira (29/1), equipes do Posto de Saúde da Estrada da Saudade percorreram os bairros da região orientando os moradores sobre o combate ao mosquito Aedes Aegypti, responsável pela transmissão da dengue, da chikungunya e do zika vírus. A atuação foi realizada pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde com parceria da Secretaria de Trabalho, Assistência Social e Cidadania (Setrac), da Comdep, da Vigilância Sanitária e da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (Fase).

Os profissionais distribuíram folhetos explicativos sobre o combate do mosquito nas comunidades, além de fazerem uma inspeção nas residências como forma de prevenção. Uma retro escavadeira e quatro caminhões foram disponibilizados pela Comdep para recolherem os entulhos na região. Um carro de som também foi utilizado para incentivar os moradores no combate ao Aedes aegypti.

A enfermeira e coordenadora da ação, Eliane Pinheiro, destacou a importância da mobilização para evitar a proliferação do mosquito. “É importante que exista este tipo de conscientização nas comunidades, nós estamos orientando as pessoas para que não deixem água parada em calhas, vasos de planta, piscinas e caixas d’águas. Nós também estamos aproveitando para enfatizar a prevenção do Zika vírus em gestantes, devido à microcefalia que pode afetar os bebês. Estaremos trabalhando pesado para eliminar ao máximo os focos do mosquito e contamos com o apoio de toda a população”, ressaltou Eliane.

“Estou sempre limpando as calhas, a piscina e também colocando cloro na caixa d’água aqui de casa, tudo para não deixar que o mosquito da dengue se reproduza, acho interessante esse trabalho de conscientização para que as pessoas façam a sua parte”, disse o motorista, Antônio Carlos, morador da Comunidade do Fragoso.

A dona de casa, Ana Maria, também moradora do local, disse estar fazendo a sua parte na prevenção do mosquito. “Procuro não deixar água parada evitando assim um criadouro. Usamos repelente diariamente como forma de prevenção, além de estarmos sempre limpando os locais onde água da chuva se acumula”.

Sigas as dicas para evitar focos do mosquito:
- Não deixar a água se acumular em recipientes como, por exemplo, vasos, calhas, pneus, cacos de vidro, latas e etc.
- Manter fechadas as caixas d’água, poços e cisternas.
- Não cultivar plantas em vasos com água. Usar terra ou areia nestes casos.
- Tratar as piscinas com cloro e fazer a limpeza constante. O ideal é deixá-las cobertas ou vazias quando não for usar por um longo período.
- Manter as calhas limpas e desentupidas.
- Avisar um agente público de saúde do município caso exista alguma situação onde há o risco de proliferação da doença.

Aconteceu na última terça-feira (22/11) na Academia da Saúde do Parque Cremerie uma ação de conscientização e sensibilização a população sobre a importância de diagnosticar e controlar a diabetes. A mobilização promovida pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, lembrou o Dia Mundial do Diabetes, no dia 14 de novembro. Foram oferecidos testes gratuitos de glicemia (taxa de açúcar no sangue), aferição de pressão arterial, medição de Índice de Massa Corporal (IMC), atividades físicas e palestras.

“O importante é a prevenção dessa doença, tendo o controle desses pacientes que já têm a doença para não terem complicações graves, estimulando a atividade física e melhorando o estilo de vida e os seus hábitos”, alertou a coordenadora do Programa de Hipertensão e Diabetes (HiperDia), Adriana Papinutto. O coordenador das Academias da Saúde, Oldair da Silva Baltar também ressaltou a importância do evento na sensibilização da população. “A mobilização junto à população traz um grande aprendizado para as pessoas que sofrem com essa doença”.

A aposentada Oneida Nogueira, de 63 anos, participou das atividades. “Frequento há 15 dias a Academia de Saúde e é uma melhora para a saúde de cada um. É importante conscientizar as pessoas sobre isso”, disse. A funcionária pública Eneida Farias de Sá também elogiou a iniciativa. “Tenho hérnia de disco na cervical e na lombar. Descobri há um ano e o médico recomendou que eu fizesse hidroginástica. Tive melhoras significativas, com redução do remédio. Hoje sinto menos dor. Estou há três meses frequentando a Academia de Saúde. Eventos como este são importantes Eu acho muito importante num âmbito geral, a celebração desse dia e não só prevenir, mas também para promover a saúde. De um todo fortalece a saúde”.

Em Petrópolis, todas as 44 equipes de Saúde da Família contam com grupos  de Hipertensão e Diabetes. Atualmente, 7.553 pacientes estão inscritos no Hiperdia, de acordo com dados da Secretaria de Saúde.

No Dia Mundial da Saúde e Dia Estadual do Diagnóstico Precoce do HIV, foi lançada nesta segunda-feira (7/4), na Praça da Inconfidência, no Centro, a campanha de conscientização e realização do teste rápido para detecção do vírus HIV. A mobilização é uma parceria entre a Prefeitura, por meio do Programa Municipal de DST/Aids e Hepatites Virais B e C com a Pastoral da Aids e o Grupo Assistencial SOS Vida. A campanha segue até o próximo domingo (13/4) e irá ocupar locais com referência católica.

“O Programa Municipal de DST/Aids e Hepatites Virais B e C é uma referência e consolida uma política de controle e combate a Aids”, ressaltou o secretário de Saúde, André Pombo. O bispo da Diocese de Petrópolis, Dom Gregório Paixão também participou do lançamento da campanha e ressaltou a união entre o governo e as igrejas na luta contra a Aids. “A igreja tem que estar mobilizada para quebrar o preconceito e estar presente neste momento fundamental. Milhares de pessoas, por não fazer o exame precoce, acabam morrendo”, frisou o bispo.

Durante a mobilização, a previsão é que 300 testes rápidos sejam realizados. A campanha segue durante toda a semana, entre 10h e 16h, e estará nas seguintes paróquias: terça-feira (8/4), Paróquia do Sagrado Coração de Jesus (Rua Montecaseros); quarta-feira (9/4), Paróquia Santo Antônio, Alto da serra; quinta-feira (10/4), Paróquia São Pedro, em Pedro do Rio; sexta-feira (11/4), Paróquia São João Batista, Posse; sábado (12/4), Paróquia São Sebastião, bairro São Sebastião; e domingo (13/4), Paróquia Nossa Senhora Aparecida, Quitandinha.

Profissionais de diferentes áreas mobilizados para levar serviços à comunidade

Com serviços de profissionais de diferentes secretarias, a prefeitura realizou, por meio da Secretaria de Assistência Social, neste sábado (15.06) a segunda edição, do ano da Ação Social. Cerca de 400 pessoas estiveram na Escola Municipal Senador Mário Martins, no Caxambu, onde tiveram acesso a serviços de saúde, retirada de documentos, corte de cabelo, recreação infantil, entre outros atendimentos gratuitos - disponibilizados das 9h  às 14h.

"Procuro participar dos eventos que oferecem para a população. É importante para ter acesso a atendimento de saúde, corte de cabelo e diversão para as crianças. É uma forma de tirar as crianças da rua. Essa uma boa iniciativa", avalia a moradora, Virgínia dos Santos, de 48 anos, que esteve no evento com o neto, Bernardo, de 6 anos.

Para as crianças, foram realizadas atividades recreativas e pedagógicas. O corte de cabelo também atraiu a criançada. O grupo Tindolelê fez animação, jogos e levantou o público com muita música.

Moradores tiveram também acesso a atendimento para a emissão de documentos. A moradora Bianca Pimentel, de 27 anos, levou a filha Stefany de 8 anos para emitir a primeira via do documento de identidade. "Muito bom ter esse serviço aqui pertinho de casa. Se não fosse assim teria que me deslocar e seria mais difícil", destacou. 

Na área de saúde, a população pôde contar com o serviço de aferição de pressão arterial, glicose e avaliação dentária. As pessoas que apresentavam alterações foram orientadas a procurar atendimento nas unidades de urgência ou na rede de atenção básica, a partir de segunda-feira.

"Muito importante ter esses atendimentos que aproximam a população e incentivam a terem um cuidado preventivo com a saúde", destacou a dentista, Maristela Lenz.

A professora aposentada, Cátia de Oliveira Borges, de 54 anos, aferiu pressão e glicose. "Eventos como esse são de grande importância, para fazer atendimentos de saúde, serviços sociais. A população muitas vezes tem dificuldade no acesso a alguns serviços básicos”, disse.

A Secretaria de Assistência Social realizou o Cadastro Único, que dá acesso a benefícios sociais do município e do governo federal. Também foram oferecidas orientação jurídica; emissão de primeira via de documento de identidade e carteira de trabalho; orientações sobre o combate a violência contra mulheres e crianças; e esclarecimentos de como acessar o balcão de empregos do município.  

Em 2018 foram realizadas 16 Ações Sociais em diferentes bairros da cidade. Ao todo, 10 mil pessoas foram atendidas pelos serviços oferecidos durante os eventos. Outras seis ações já estão programadas para acontecer todos os meses, até setembro, nos bairros Pedro do Rio, Meio da Serra, Boa Vista, Atílio Marotti, Amazonas e Duques.

Pagina 9 de 159

Notícias por data

« Agosto 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31  

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

iptu

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

cmv-logo

Relatorio CMVP