Terça, 13 Setembro 2022 - 10:53

Prefeitura amplia vacinação de adolescentes contra meningite e HPV

A Prefeitura ampliou a vacinação do público juvenil contra meningite e HPV, seguindo recomendação do Ministério da Saúde. Veja quem deve ser vacinar.

 

O público alvo das vacinas contra o HPV e Meningite está sendo ampliado. A partir de agora, como já acontecia com as meninas, os meninos com idade acima de nove anos até os 14 anos já podem receber o imunizante, que protege contra o papilomavírus humano (HPV). Já a meningocócica, que antes era destinada a apenas adolescentes de 11 e 12 anos, até junho de 2023, está sendo estendida aos grupos de 13 e 14 anos.

As ampliações das faixas etárias foram recomendadas pelo Ministério da Saúde (MS) e já estão valendo em Petrópolis. O HPV, que é uma das infecções sexualmente transmissíveis (ISTs), é o responsável por uma série de doenças, como câncer do colo do útero, vulva, vagina, região anal, pênis e orofaringe. Já a meningite meningocócica, causa infecção das membranas que recobrem o cérebro. É causada pela bactéria Neisseria meningitidis (meningococo) e é mais grave quando atinge a corrente sanguínea, provocando a infecção generalizada.

“A vacina fornece proteção contra o HPV, por isso é uma importante ferramenta de prevenção. É fundamental que pais e responsáveis levem seus filhos aos postos. Meninos e meninas devem ser imunizados. É importante destacar que as doses são seguras”, frisa o prefeito Rubens Bomtempo.

O HPV é uma das infecções sexualmente transmissíveis mais comuns no mundo e geralmente é contraído e transmitido durante relação sexual ou contato sexual pele a pele com alguém que tem o vírus. “A maneira mais eficaz de imunização contra o HPV, por exemplo, é antes do início da vida sexual. Por isso, quanto mais cedo receberem as doses, mais protegidos estarão”, destaca o secretário de Saúde, Marcus Curvelo.

As vacinas contra o HPV e a Meningocócica estão disponíveis nas 13 salas de vacina do município. São elas: Centro de Saúde Coletiva, Centro de Saúde do Itamarati, UBS Araras, UBS Pedro do Rio, PSF Posse, UBS Alto independência, UBS Itaipava, Ambulatório Escola, Hospital Alcides Carneiro, UBS Quitandinha, UBS Mosela, UBS Morin e PSF Alto da Serra.