Serviço será disponibilizado no site da CPTrans a partir de sexta-feira (10)

A Prefeitura, por meio da CPTrans, começará, a partir desta sexta-feira (10), a emitir pela internet o cartão de estacionamento para idosos e pessoas com deficiência. A medida busca agilizar a emissão dos cartões, evitando o deslocamento dos usuários até a sede da companhia.

O cartão funciona como uma credencial, que dá gratuidade nos estacionamentos rotativos da cidade.

“Por meio da tecnologia, iremos trazer mais celeridade nesse processo e conforto aos usuários”, disse o diretor-presidente da CPTrans, Jamil Sabrá.

Para viabilizar a lei, a CPTrans criou uma plataforma em seu site (petropolis.rj.gov.br/cptrans/) para que o usuário envie os documentos necessários escaneados e, quando pronto, imprima o cartão sem sair de casa, trazendo mais comodidade aos usuários. A validação será realizada por meio de um QRcode, que poderá ser escaneado pela autoridade de trânsito no ato da fiscalização.

A CPTrans continuará a emitir o cartão de maneira presencial.

“O usuário que preferir ou tiver facilidade de comparecer à CPTrans pode continuar a fazê-lo. Nossa intenção é dar mais uma opção ao usuário”, disse Sabrá.

O governo municipal entregou, na tarde desta quarta-feira (08), na Câmara Municipal, um projeto de lei adequando à lei federal o piso salarial dos agentes comunitários de saúde (ACSs) e de combate às endemias (ACEs). Acompanhado de uma comissão dos servidores dos setores e de representantes da Secretaria de Saúde, foi solicitado que o documento fosse incluído na pauta do dia, sendo votado e aprovado pelos vereadores.

A lei federal – promulgada em 5 de maio - prevê equiparação a pelo menos dois salários mínimos, ou seja, a partir da sanção, os vencimentos terão reajuste superior a 56,3% por cento. Atualmente, o salário dos agentes é de R$ 1.550,00 e com a medida o valor passa a ser R$ 2.424,00. “Além disso, também passam a ter direito ao adicional por insalubridade e a aposentadoria especial. É uma grande e importante conquista desses profissionais, que se dedicam a nossa população. Não tínhamos dúvidas de que os vereadores seriam sensíveis e aprovariam a medida”, disse o prefeito Rubens Bomtempo. Foram 14 votos favoráveis e uma abstenção.

“Esse é um momento muito feliz para toda a categoria. Hoje, temos 286 agentes comunitárias de saúde e outros 139 agentes de combate a endemias atuando no município. Essa medida é um importante reconhecimento do trabalho que realizam em nossa cidade. Elas são o vínculo direto que temos com a população e se tornaram fundamentais dentro do sistema público de saúde”, destaca o secretário de Saúde, Marcus Curvelo.

A representantes dos ACEs e ACSs, Cláudia Renata Ramos, destacou o empenho para garantir o benefício aos mais de 400 agentes de combates a endemias e comunitárias de saúde. “A ação mostra, mais uma vez, que a Prefeitura tem compromisso conosco, disse.

A Secretaria de Saúde recebeu, na tarde desta quarta-feira (8/6), um lote de 5,5 mil doses da vacina contra a covid-19, enviados pela Secretaria de Estado de Saúde. Com isso, os estoques de todos os postos de vacinação estarão normalizados a partir das 8h desta quinta-feira (9). Postos com terceiro turno e o Centro de Saúde Coletiva também foram reforçados com doses do imunizante.

Foram entregues duas mil doses da vacina Jansen, três mil AstraZeneca e 500 Pfizer pediátricas. Há a previsão de entrega de outras 17.796 vacinas na próxima segunda-feira (13). De acordo com o secretário de Saúde, Marcus Curvelo, desde o aumento do número de casos relacionados a síndromes respiratórias gripais, que nem sempre estão ligados a infecções por covid-19 ou influenza, houve um aumento da procura pelos imunizantes. Apenas entre os dias 1 e 7 de junho foram aplicadas 10.315 doses, desde a primeira a quarta dose (segundo reforço)

“Provavelmente por conta da queda do número de casos de covid-19, muitas pessoas relaxaram e deixaram de procurar os postos para dar prosseguimento ao esquema vacinal. Além disso, não estávamos recebendo as doses com a mesma frequência, apesar de elas estarem sendo pedidas semanalmente”, explica Curvelo. Além disso, segundo o secretário, houve mudança na logística para a entrega dos imunizantes.

Desde o início do mês de abril, o município passou a ser submetido ao agendamento para a entrega das vacinas. “Ou seja, com essa nova logística, a retirada começou a ser realizada na Coordenação Geral de Armazenagem, em Niterói, ficando assim o município sujeito a liberação de acordo com a disponibilidade de agendamento do órgão, uma vez que o mesmo faz a distribuição de vacinas para todo o estado”, explica o secretário de Saúde.

De acordo com Thayene Varella, chefe da Divisão de Imunização, a solicitação é feita toda quarta-feira pelo município, conforme fluxo de orientação da Secretaria Estadual de Saúde. No entanto, foi registrado um atraso na entrega no mês de maio. “A última solicitação foi feita na quarta-feira passada e nova solicitação, nesta quarta-feira. Além disso, por recomendação da Secretaria Estadual de Saúde, os municípios foram orientados a não pedir grandes quantidades de vacinas, para que não houvesse o risco de perda, pois as vacinas que estavam sendo entregues estavam próximas do prazo de vencimento”, esclarece.

Na última semana houve aumento da faixa etária de aplicação de vacina, que passou a ser ofertada para maiores de 50 anos e profissionais de saúde, o que também contribuiu para o crescimento da demanda. “Porém não houve liberação de cota extra para acompanhar esse aumento”, conclui a chefe da Divisão de Imunização.

O Busca Ativa Petrópolis vai contar com concurso de vídeo nas escolas

"Fora da Escola não Pode" é o foco da campanha de Busca Ativa que a Prefeitura iniciou nesta semana. A iniciativa foi apresentada aos diretores e diretoras das escolas da rede municipal de ensino e vai contar com concurso de vídeo e encontros com representantes de diversos setores e da comunidade escolar. O objetivo da mobilização é reduzir a evasão e reinserir crianças e adolescentes ao ambiente escolar.

“Com a pandemia tivemos um aumento nos casos de evasão, principalmente entre os adolescentes, o que foi agravado com as chuvas de fevereiro e março. Essa campanha tem a finalidade de reverter esse cenário e garantir a esses adolescentes o retorno às salas de aula. Vamos fazer uma grande mobilização e sensibilização nas escolas e com toda a comunidade escolar para reduzirmos ao máximo esses números e retornar com esses alunos para o ambiente lugar. Lugar de criança e adolescente é na escola”, ressaltou o prefeito Rubens Bomtempo.

Dados da Secretaria de Educação mostram que em 2021, 532 alunos estavam fora das escolas na rede municipal de ensino. “A situação é mais grave na Educação de Jovens e Adultos, a EJA, onde tivemos uma evasão de aproximadamente 243 alunos em 2021. Nossa intenção com a campanha é mostrar a importância de concluir os estudos, como isso pode mudar a vida deles, criar possibilidades e fazer com que realizem sonhos”, disse a secretária de Educação Adriana de Paula.

O encontro com as diretoras e diretores aconteceu na terça-feira (7) na Faculdade Arthur Sá Earp Neto (Fase). Eles receberam instruções sobre a campanha e o concurso de vídeo. “Cada escola tem até o dia 21 deste mês para enviar os vídeos, curtos, feitos pelos próprios alunos e pelas equipes falando da importância de retornar às salas de aula e retomar os estudos. Nada mais válido do que os estudantes falaram dessa importância. A mensagem vai ser transmitida pelo mesmo público, dos adolescentes para os adolescentes”, explicou a secretária de Educação.

Todos os vídeos devem ter a hastag: #buscaativaescolarpetropolis e devem começar com as seguintes frases: “Minha escola é importante porque....” e “Sinto falta dos colegas da escola quando....”. No dia 30 serão apresentados os vídeos que foram selecionados.

Além desse concurso, a campanha também vai promover no dia 15, o “Dia B na Escola", onde cada unidade irá realizar encontros com toda a comunidade escolar e representantes de diversos segmentos para debater a evasão. “A proposta é envolver todos – líderes comunitários, religiosos, representantes dos postos de saúde, as famílias – para juntos apresentarem propostas para reduzir os números de evasão e reinserção na vida escolar. Todos pensando juntos, é essa a proposta”, frisou a secretária de Educação.

O trabalho da Busca Ativa Escolar acontece o ano inteiro. Os profissionais junto com as unidades tentam contato com os pais e responsáveis pelos alunos para entender as causas da infrequência escolar e tentar sensibilizar para o retorno às salas de aula. O Busca Ativa é formado por representantes das secretarias de Educação, Saúde, Assistente Social; do Conselho Tutelar e do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA).

Para o fim de semana, pode haver declínio na temperatura em função da passagem de frente fria

As condições do tempo no município sofrerão alterações a partir de hoje (8/6), com previsão de chuva fraca a moderada, de forma isolada, nos períodos da tarde e noite. Nesta quinta e sexta-feira (9 e 10/6) os dias permanecem com céu variando entre parcialmente nublado a nublado, com tempo chuvoso. De acordo com o Boletim Meteorológico da Defesa Civil, neste período a temperatura vai variar entre a máxima de 13°C e 23°C.

A instabilidade no tempo se estende até sexta-feira (10/6), em função da passagem de uma frente fria, que aumentará a nebulosidade e mantém a condições favoráveis para a ocorrência de chuva. Para sábado (11), pode haver declínio na temperatura.

As equipes da Defesa Civil mantêm o acompanhamento das condições meteorológicas para o município e novos informes podem ser enviados ao longo do período.

Para receber os avisos por SMS, basta cadastrar o CEP por meio de mensagem de texto para o número 40199. O acesso aos avisos também é possível por meio de grupos por aplicativo, através do link https://t.me/defesacivilpetropolis.

O acompanhamento diário da previsão do tempo também pode ser feito pelo Boletim Meteorológico, acessado pelo link https://bit.ly/3vmRgZ2 e disponível no site da Defesa Civil https://www.petropolis.rj.gov.br/dfc/.

Quarta, 08 Junho 2022 - 10:53

Prefeitura trabalha para reativar NIS

A Prefeitura segue trabalhando para reativar o Núcleo de Integração Social (NIS), no Alto da Serra. Para isso, mais de 30 caminhões de terra já foram retirados do local. Para as próximas semanas, estão previstas ações de limpeza, pintura, pequenos reparos e acabamento no equipamento.

O NIS é a principal unidade de abrigamento de pessoas em situação de rua em Petrópolis, com capacidade de receber cerca de 150 pessoas. No desastre das chuvas de 15 de fevereiro, o terreno foi atingido por deslizamento de terra e por queda de árvores. Na ocasião, não houve feridos. Alguns pontos no telhado foram atingidos e danificados.

Desde então, a unidade encontra-se fechada. Nesse período, a população em situação de rua é atendida na Unat (Unidade de Acolhimento Temporário), no Retiro, e no Centro Pop, no Centro.

"Nesses quase quatro meses após o maior desastre das chuvas da história de Petrópolis, muita coisa aconteceu. A Prefeitura estruturou abrigos para as famílias que perderam suas casas, conseguiu aluguel social para mais de três mil famílias, esvaziou as escolas para que pudessem voltar a receber os alunos. Paralelamente a isso, viemos atendendo diariamente a população em situação de rua na Operação Inverno e trabalhando para reativar o NIS o quanto antes", disse o secretário de Assistência Social, Fernando Araújo.

A recuperação do NIS é um trabalho que envolve a Comdep, a Secretaria de Assistência Social, a Secretaria de Defesa Civil e a Secretaria de Meio Ambiente.

Após as chuvas, a Defesa Civil interditou o imóvel e recomendou o corte das árvores na encosta no terreno acima. Após esse laudo da Defesa Civil, a Secretaria do Meio Ambiente autorizou o corte das árvores ali, serviço que vem sendo realizado pela Comdep.

A procura pelas vacinas contra a covid-19 já apresenta aumento significativo, em Petrópolis nos últimos dias. Na segunda-feira (06), 2.463 pessoas procuraram os postos disponibilizados pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, para garantir a proteção e completar o esquema vacinal. Os números se referem a aplicação da primeira até a quarta dose (segundo reforço) do imunizante.

Esse crescimento, para o secretário de Saúde, Marcus Curvelo, se deve ao aumento do número de casos relacionados às síndromes respiratórias gripais, registradas nos últimos dias, na cidade. Neste momento, a Divisão de Imunização da Secretaria de Saúde está reforçando as equipes para agilizar o atendimento de todos os públicos, tanto para a vacinação contra a covid-19 quanto para a influenza.

“Existe a preocupação de um possível desabastecimento dos imunizantes contra o coronavírus nesta quarta-feira, dia oito. Estamos aguardando o envio de doses pelo Ministério da Saúde, o que não tem acontecido com a frequência necessária. Estamos cobrando do ministério e a entrega de um novo lote está prevista para este mesmo dia. Se um novo lote chegar, já na quinta-feira, os imunizantes deverão estar disponíveis em todos os pontos”, explicou o secretário de Saúde, acrescentando que no momento não há falta das vacinas.

A partir desta quarta-feira (08), a vacina contra influenza (gripe) será disponibilizada para toda a população. O anúncio foi feito na tarde desta terça-feira (7), pelo prefeito Rubens Bomtempo junto com o secretário de Saúde Marcus Curvelo. Crianças maiores de seis meses, adolescentes, adultos e idosos sem comorbidades devem procurar uma das unidades de saúde mais próxima, das 8h30 às 15h30. Já nas unidades localizadas na área rural o atendimento vai até 14h30. E as que fazem terceiro turno, o horário da vacinação se estende até 19h.

Pais e responsáveis das crianças com idade de cinco e 11 anos precisam ficar atentos ao intervalo de 15 dias entre as vacinas da gripe e covid. “A campanha nacional foi iniciada em abril para os grupos prioritários. Porém, a ampliação neste momento é importante, principalmente porque estamos nos aproximando do inverno e o número de casos relacionados a síndromes respiratórias gripais já tem apresentado elevação no município. É fundamental que todos procurem as salas de imunização para receber a sua dose e se protejam contra o vírus da gripe”, destaca o prefeito Rubens Bomtempo.

O secretário de Saúde, Marcus Curvelo, explica que a vacina contra a influenza está sendo ofertada em 34 unidades de saúde da cidade. “A intenção é garantir o acesso de toda a população. As vacinas são seguras e salvam vidas. Porém, é importante que todo o público prioritário continue procurando as salas de imunização e garantindo a sua dose”, frisa Curvelo.

Documento foi apresentado as diretoras e diretores das unidades escolares da rede municipal

As secretarias de Saúde e Educação apresentaram as diretoras e diretores das unidades escolares da rede municipal o novo protocolo escolar para a covid-19 e influenza 2022. O documento foi revisado levando em consideração ao novo quadro epidemiológico da cidade, que apresenta aumento nos casos de síndromes gripais.

A apresentação aconteceu na manhã desta terça-feira (7) na Faculdade Arthur Sá Earp Neto (Fase) e contou com a participação das equipes das secretarias de Educação e Saúde. O novo protocolo conta com as medidas sanitárias que devem ser seguidas dentro das escolas e centros de Educação Infantil. Entre elas estão a higienização das mãos com álcool em gel e/ou água e sabão, uso obrigatório e correto de máscaras, etiquete de espirro e tosse usando sempre o braço para proteção da boca e nariz, a triagem antes de acessar a unidade ou o transporte escolar com aferição de temperaturas.

“Esse protocolo terá que ser constantemente revisado, sempre seguindo a evolução do quadro epidemiológico. Neste momento da pandemia estamos com um aumento na quantidade de casos de síndromes gripais e por isso a necessidade de reforçar as medidas sanitárias de prevenção nos ambientes escolares”, disse o prefeito Rubens Bomtempo, reforçando também a importância da vacinação. “Apesar do aumento dos casos, a maioria é considerada leve graças ao avanço da imunização”.

O protocolo já foi encaminhado para as diretoras e diretores de toda a rede municipal de ensino. “A vacinação avançou bastante, mas ainda precisamos manter os cuidados ainda mais nesta época de ano mais fria e que as síndromes gripais são mais comuns”, ressaltou a secretária de Educação, Adriana de Paula.

O documento revisado, o quadro epidemiológico atual e as formas de notificações dos casos no ambiente escolar foram apresentados pelas equipes da Secretaria de Saúde. “É preciso reforçarmos essas medidas dentro das escolas e vamos também iniciar os trabalhos conjuntos com a Educação, entre elas a testagem”, disse a superintendente da Rede de Atenção Básica, Claudia Respeita.


Trabalho de terapia facilitado por cães é realizado pela Guarda Civil Municipal

A cadela Jujuba, da cinoterapia da Guarda Civil Municipal, vai visitar as repartições da Prefeitura de Petrópolis nos próximos dias guiada pelo grupamento de cães da corporação. Nesta terça-feira (7), foi a vez do Palácio Sérgio Fadel, sede do governo municipal, na Avenida Koeler, receber a ilustre presença.

Jujuba foi ao gabinete do prefeito onde também foi recebida pela secretária-chefe de gabinete. Passou ainda na Secretaria de Fazenda, Articulação Institucional e Coordenadoria de Comunicação Social.

“Que alegria receber a Jujuba em nosso gabinete! A cadelinha tem feito um belo trabalho de cinoterapia com pacientes do Centro de Tratamento Oncológico (CTO), além de instituições de longa permanência para idosos e escolas. Para os nossos servidores, percebemos um momento de desestresse e alegria com a presença dela”, afirmou o prefeito Rubens Bomtempo.

Jujuba e o irmão Chico fazem parte da cinoterapia da Guarda Civil Municipal, que retomou os trabalhos em abril no CTO, após um período de pausas devido às chuvas. A cadela está há quatro anos na corporação e dá continuidade ao trabalho que começou com sua mãe, Lola.

“Percebemos que a presença dela faz muito bem a quem recebe. Nas escolas, por exemplo, as crianças ficam mais calmas. Em locais de trabalho, como aqui na Prefeitura, percebemos que todos terminam a visita sorrindo”, afirmou o inspetor da Guarda Civil, Rafael Viana.

Pagina 1 de 1811