Durante 15 dias, as equipes da Companhia Petropolitana de Trânsito e Transportes (CPTrans) realizaram várias ações no Independência como parte do programa Nosso Bairro. Foram substituídos 10 abrigos de ônibus, substituição e instalação de 28 placas de trânsito; além da sinalização em três quilômetros de vias.

“O Nosso Bairro foi criado para que a população sinta que a Prefeitura está na comunidade, fazendo as intervenções, iniciando os projetos e abrindo esse diálogo aberto com os moradores. Estamos de perto ouvindo as demandas da população e ajudando a criar uma nova realidade para o Independência”, disse o prefeito Rubens Bomtempo.

Também foram pintadas nove faixas de pedestres e 20 lombadas. “Além disso, intensificamos a proibição de estacionamento irregular em locais que atrapalham o fluxo de veículos, em especial, do transporte urbano. E as ações continuam no Independência, com a substituição de mais placas e revitalização da sinalização em alguns pontos”, disse o presidente da CPTrans, Fernando Badia.

A região do Independência também recebeu seis ônibus seminovos como parte do acordo da empresa com a Prefeitura em renovar a frota do transporte público. O Nosso Bairro é um programa da Prefeitura que leva ações integradas das secretarias para as comunidades.


Prefeitura vai iniciar operação regular de “Cata-treco” na região

Durante as ações do programa ”Nosso Bairro” na região do Independência, a Companhia de Desenvolvimento de Petrópolis (Comdep) retirou mais de 380m3 de entulhos e materiais inservíveis descartados em calçadas, esquinas e terrenos baldios.

Durante a operação de limpeza, mais de 60 caminhões carregados com materiais foram removidos da região. A ação contou também com o auxílio de uma pá carregadeira e uma retroescavadeira, que auxiliaram na retirada dos objetos.

Com o objetivo de intensificar a política pública de limpeza e preservação ambiental, a prefeitura vai iniciar de forma regular a operação Cata-treco no Independência. Para realizar o serviço, uma equipe da Comdep estará removendo os materiais inservíveis no bairro a cada 15 dias. Os locais de descarte e horários serão sinalizados e informados para a comunidade nos próximos dias.

“É muito importante a participação da população na manutenção da limpeza. Esses materiais quando descartados de forma irregular, além de gerar a proliferação de pragas urbanas, são vetores de doenças, e podem entupir as galerias, acarretando problemas de saneamento e infraestrutura. Vamos colocar o cata-treco passando na região de forma continua. Vamos trabalhar no processo de conscientização dos moradores”, destacou o prefeito Rubens Bomtempo.

Vale lembrar que o Código de Posturas do município proíbe o despejo de entulho em ruas e calçadas. Quem for flagrado cometendo a irregularidade é intimado a fazer a remoção imediata e pode ser multado. A população pode apresentar denúncia da irregularidade pelo telefone da Comdep: 2292-9500.

Para fazer o descarte correto e gratuito de entulho, basta ligar para o telefone 2243-7822 para agendar atendimento pelo Disque Entulho. O programa faz recolhimento de até 20 sacos, com até 25kg.

 

O emprego da tecnologia LED na iluminação pública assegura diversos benefícios aos moradores, que vão desde a garantia de sustentabilidade, segurança e melhor mobilidade urbana. Pensando nisso, a Prefeitura de Petrópolis, montou uma grande força-tarefa para substituir mais de 450 lâmpadas convencionais por LED, que são mais modernas, mais eficientes, econômicas e duráveis. O trabalho faz parte das ações do programa Nosso Bairro, que está levando ações integradas da Prefeitura à região do Independência.

“Sabemos das dificuldades vividas pelos moradores e avançamos com o trabalho de iluminação pública, atendendo às solicitações. Esse trabalho vai garantir mais eficiência energética, a valorização dos espaços públicos, além de aumentar a segurança dos moradores, explicou.

O secretário de Serviços, Segurança e Ordem Pública, Almir Schmidt, ressalta que o trabalho vai continuar por toda a região. “Vamos continuar com equipes trabalhando em algumas localidades do Independência nos próximos dias.

Moradores relataram os transtornos que sofriam com os anos que passaram sem iluminação adequada no bairro.

“Na minha rua havia apenas um poste com lâmpada acesa. A gente andava com medo e com cuidado para não pisar em falso ou cair”, disse Reginaldo, de 78 anos, ao relatar as dificuldades que enfrentava.

A moradora Vânia Maria de Souza explicou que a iluminação do bairro era ineficiente. " Moro com minha família no bairro e sofremos com iluminação precária. Era um transtorno ter lâmpadas que sempre apagam. Hoje eu agradeço muito à equipe da prefeitura, pelo serviço que está sendo feito aqui. Vamos ter mais tranquilidade e segurança para andar pela rua", afirmou a moradora.

 

A Prefeitura de Petrópolis está oferecendo, em seu Balcão de Empregos na internet, 130 oportunidades de trabalho em empresas do município. Para participar dos processos de seleção, os candidatos devem fazer o cadastramento de seus currículos no site do Balcão de Empregos da Prefeitura entre esta segunda-feira (30) a sexta-feira (3/2).

O Balcão de Empregos é um serviço da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, por meio do Departamento de Trabalho e Renda (Detra). Todos os candidatos concorrem nos processos seletivos, desde que atendam aos requisitos exigidos pelos empregadores. As empresas têm responsabilidade integral pelo recrutamento e pelas contratações.

Veja as oportunidades desta semana:

Ajudante de Eletricista - masculino - de 20 a 40 anos / Ensino Médio, CNH cat AB e experiência de 1 ano na função – 2 vagas

Almoxarife – ambos os sexos - de 25 a 45 anos / Ensino Médio e experiência de 2 anos na função – 1 vaga

Analista Comercial Jr - masculino - de 25 a 60 anos / Ensino Médio e experiência de 1 ano na função – 1 vaga

Analista de Planejamento de Materiais – ambos os sexos - de 18 a 55 anos / Ensino Médio e experiência de 1 ano na função – 1 vaga

Apontador de Mão de Obra - masculino - de 20 a 40 anos / Ensino Fundamental e experiência de 2 anos na função – 1 vaga

Armador de Estrutura de Concreto Armado – masculino - de 30 a 50 anos / Ensino Fundamental e experiência de 2 anos na função – 1 vaga

Assistente de Coleta – ambos os sexos - de 18 a 75 anos / Ensino Médio e experiência na função – 16 vagas

Auxiliar Administrativo – ambos os sexos - de 20 a 35 anos / Ensino Médio e experiência de 2 anos na função -1 vaga

Auxiliar de Laboratório de Análises Clínicas – ambos - de 18 a 75 anos / Ensino Médio e experiência na função – 8 vagas

Auxiliar de Manutenção - feminino - de 30 a 55 anos / Ensino Médio Incompleto, CNH cat B e experiência de 1 ano na função – 1 vaga

Auxiliar de Manutenção Predial - masculino - de 20 a 50 anos / Ensino Médio e experiência de 1 ano na função – 2 vagas

Auxiliar de Produção – ambos os sexos - de 22 a 55 anos / Ensino Médio e experiência de 1 ano função – 3 vagas

Auxiliar de Serviços Gerais - masculino - de 18 a 45 anos / Ensino Fundamental e experiência na função – 2 vagas

Auxiliar de Serviços Gerais – ambos os sexos - de 40 a 55 anos / Ensino Fundamental Incompleto – 1 vaga

Bombeiro Hidráulico - masculino - de 25 a 40 anos / Ensino Fundamental e experiência de 2 anos na função – 1 vaga

Carpinteiro - masculino - de 30 a 50 anos / Ensino Fundamental e experiência de 2 anos na função – 1 vaga

Chapeiro – ambos os sexos - de 18 a 65 anos / Ensino Médio e experiência de 1 ano na função – 1 vaga

Eletricista – ambos os sexos - de 30 a 45 anos / Ensino Fundamental, curso específico na área e experiência de 2 anos na função – 1 vaga

Eletricista de Instalações - masculino - de 20 a 50 anos / Curso Específico na área e experiência de 1 ano na função – 1 vaga

Engenheiro de Manutenção - masculino - de 22 a 55 anos / Ensino Superior, CNH cat B, curso específico na área e experiência de 2 anos na função – 1 vaga

Estagiário de Engenharia – ambos os sexos - de 20 a 28 anos / Ensino Superior em andamento – 1 vaga

Garçom – ambos os sexos - de 22 a 45 anos / Ensino Médio e experiência na função – 1 vaga

Jovem Aprendiz – ambos os sexos - de 18 a 23 anos / Ensino Médio – 3 vagas

Líder de Manutenção de Instalações - masculino - de 20 a 50 anos / Ensino Médio, CNH cat B e experiência de 1 ano na função – 1 vaga

Mecânico de Manutenção de Instalações Mecânica de Edifícios - masculino - de 20 a 50 anos / Ensino Médio, curso específico na área, experiência de 1 ano na função – 1 vaga

1/2 Oficial de Armador – ambos os sexos - de 20 a 45 anos / Ensino Fundamental e experiência de 2 anos na função – 1 vaga

1/2 Oficial de Carpinteiro – ambos os sexos - de 20 a 50 anos / Ensino Fundamental e experiência de 2 anos na função – 1 vaga

Oficial de Serviços Gerais - masculino - de 20 a 45 anos / Ensino Fundamental e experiência na função – 1 vaga

Operador de Caixa – masculino - de 20 a 55 anos / Ensino Médio e experiência na função – 1 vaga

Porteiro - masculino - de 25 a 35 anos / Ensino Médio e experiência na função – 1 vaga

Promotor de Vendas –ambos - de 18 a 40 anos / Ensino Médio – 6 vagas

Promotor de Vendas – ambos os sexos - de 18 a 40 anos / Ensino Médio – 12 vagas

Recepcionista em Geral - feminino - de 18 a 40 anos / Ensino Médio – 6 vagas

Representante Comercial – ambos os sexos – de 18 a 40 anos / Ensino Médio e experiência na função – 5 vagas

Serralheiro - masculino - de 20 a 50 anos / Ensino Fundamental e experiência de 2 anos na função – 1 vaga

Servente de Obras - masculino - de 20 a 40 anos / Ensino Fundamental e experiência de 2 anos na função – 1 vaga

Supervisor de Manutenção eletromecânica industrial, comercial e predial – masculino - de 25 a 55 anos / Ensino Médio, CNH cat B, curso específico na área e experiência de 1 ano na função – 1 vaga

Supervisor Operacional - masculino - de 18 a 50 anos / Ensino Médio e experiência de 1 ano na função – 1 vaga

Técnico de Laboratório – ambos os sexos - de 18 a 75 anos / Ensino Médio e experiência na função – 6 vagas

Técnico em Edificações – ambos os sexos - de 25 a 55 anos / Ensino Médio, curso específico na área e experiência de 2 anos na função – 1 vaga

Técnico em Manutenção de Computadores e Notebooks - masculino - de 18 a 60 anos / Ensino Médio e experiência na função – 1 vaga

Técnico Instalador – ambos os sexos - de 18 a 44 anos / Ensino Médio Incompleto, CNH cat B e experiência na função – 4 vagas

Técnico Mecânico - masculino - de 18 a 55 anos / Ensino Médio e experiência na função – 1 vaga

Vendedor de Comércio Varejista – ambos os sexos - de 24 a 55 anos / Ensino Médio e experiência de 2 anos na função – 2 vagas

Vendedor Externo – ambos os sexos - de 18 a 40 anos / Ensino Médio – 6 vagas

Venda - Telemarketing – ambos os sexos - de 18 a 40 anos / Ensino Médio – 6 vagas

Vigia - masculino - de 40 a 50 anos / Ensino Fundamental, curso específico na área e experiência de 1 ano na função – 1 vaga


Governo municipal trabalha na busca da equidade e mais qualidade na educação

Na última sexta-feira (28), o Prefeito Rubens Bomtempo, a secretária de educação, Adriana de Paula, a secretária chefe de Gabinete, Luciane Bomtempo e o presidente da Câmara de Vereadores, Junior Coruja, se reuniram com a direção do Colégio conveniado Anglicano de Araras, com o objetivo de discutir a retomada de projetos e melhorias para a Instituição.

Durante o encontro, o prefeito destacou que a Instituição conveniada com a rede municipal de Educação terá um aumento de 20% do valor per capita por aluno em 2023. Sendo que para a Educação Infantil, a per capita passa de R$ 300 para R$ 360. Já do Ensino Fundamental, passam de R$ 220 para R$ 264.

Além disso, a Prefeitura vai disponibilizar para o colégio conveniado, o material didático necessário que será utilizado no ano letivo de 2023.

Também foram elencadas as melhorias necessárias para o espaço, a reformulação da escola, e um trabalho de busca ativa dos alunos que deixaram a instituição nos últimos anos.

“Tivemos um grande retrocesso no ensino do município nos últimos anos. Nós estamos comprometidos e trabalhando muito para assegurar e fomentar a educação inclusiva, equitativa e de qualidade em toda a rede de ensino. O que estamos fazendo é um grande esforço para trazer a equidade para o centro do debate”, disse do Prefeito Rubens Bomtempo.

A secretária de Educação, Adriana de Paula, falou sobre os avanços em pautas tão importantes para a educação do município. “Estamos felizes por tudo que conseguimos construir ao longo do ano passado, mesmo com todas as dificuldades. Agora, além das melhorias e avanços que estamos promovendo em toda a rede de ensino, vamos trabalhar para fortalecer a gestão compartilhada”, concluiu a secretária.

 

 

A quadra da Escola Municipal do Alto Independência recebeu, neste domingo, 29, o encerramento do Projeto Nosso Bairro, após duas semanas de trabalho integrado de diversas secretarias municipais no local. Mas o Nosso Bairro não para por aí: as ações vão continuar.

“Quero muito agradecer a participação todas as lideranças e secretariado que, durante essas duas semanas, estiveram aqui do meu lado, do lado de vocês, para que a gente pudesse se reconectar”, ressaltou o prefeito Rubens Bomtempo

A programação contou com apresentação do grupo de Capoeira Raiz Universal, comandado pelo mestre Bocão que, há 5 anos, dá aulas de forma voluntária no bairro todas as terças-feiras, na Arena do Independencia, na Rua Ângelo João Brand. A roda de capoeira foi aberta para que todos os presentes pudessem participar.

O dançarino Choy Chaplin, morador do Independência, foi a segunda atração a se apresentar na manhã deste domingo.

A confraternização seguiu com muito forró, ao som da banda petropolitana Tribo de Gonzaga, e fechou com o grupo de pagode In The Black, que nasceu no Independência um ano atrás.

A programação, organizada pela Secretaria de Cultura, contou ainda com a exposição AfroFuturismo. Um série de fotografias, que valorizam a cultura afro-brasileira, feita por um coletivo de artistas negros da cidade, com curadoria de Felipe Graciano, da artista visual Thais Silva, do fotógrafo Wagner Loiola e do ilustrador Junno Sena.

“A cultura não poderia ficar de fora do Nosso Bairro. Promovemos algumas ações durante estas duas semanas e encerramos hoje com chave de ouro”, ressaltou a secretária de Cultura, Diana Iliescu.

Mesmo com o encerramento do Nosso Bairro neste domingo, os trabalhos no Independência continuam com ações como: asfaltamento da Serrinha, Cantão e Vista Alegre; sinalização das áreas pavimentadas; poda, capina e dragagem; acompanhamento das vistorias da Águas do Imperador; busca de espaços para oferta de cursos profissionalizantes; reforma das quadras do Cruzeiro e Serrinha; inserção de projetos esportivos no bairro; finalização dos abrigos de ônibus; entre outras.

“Além de todo o trabalho desenvolvido para melhorar a vida da comunidade como um todo, o maior legado que fica é a aproximação que estamos promovendo neste momento. A prefeitura está aqui e é de vocês, pertence ao povo petropolitano”, finalizou o prefeito Rubens Bomtempo.

 

O primeiro encontro entre a equipe do governo municipal e representantes do setor produtivo da região do Independência, aconteceu na sexta-feira (27), na quadra da Escola Municipal Alto independência. O planejamento de ações para fomentar e promover a econômica do bairro foi discutido durante o evento.

Questões sobre microcréditos para os empresários e empreendedores da região, capacitação profissional e a implantação da moeda social, foram alguns dos assuntos abordados na reunião.

O prefeito Rubens Bomtempo reforçou o esforço da gestão municipal em apoiar e planejar juntos ações para fortalecer a economia local.

“Estamos criando diversos mecanismos para fazer com que o dinheiro circule na região. As ações que estão acontecendo por meio do programa “Nosso Bairro” vai com certeza promover o desenvolvimento da região. Além disso, estamos preparando um projeto de Lei que vai possibilitar um microcrédito para os empreendedores locais. As pessoas estavam aguardando essa reconexão com o governo. E agora, mais perto dos moradores, em um processo democrático, vamos transformar as demandas locais em ações, com o objetivo de melhorar a qualidade de vida dos moradores da região”, disse.

A empresária Valneide de Souza falou sobre as expectativas para o bairro. “Estávamos ansiosos esperando por isso, e agora está acontecendo. O prefeito está de parabéns. Eu tenho certeza que com tudo que já está sendo feito no bairro e as coisas que ainda vão acontecer, vai melhorar muito nossa economia. Juntos nós vamos vencer e crescer”, contou a proprietária de salão de beleza na região.

Participaram do encontro: o secretário de Obras, Ronaldo Ramos; o secretário de Assistência Social, Fernando Araújo; o secretário de Serviços Segurança e Ordem Pública, Almir Schmidt; o presidente da CPtrans, Fernando Badia; o secretário de Desenvolvimento Econômico, Marcelo Soares; o coordenador Especial de Articulação Institucional, Marcus São Thiago; e o vereador, Léo França.

 

Petrópolis volta a ser referência nacional quando o assunto é transparência. Quem diz isso é a Associação dos Membros dos Tribunais de Conta do Brasil (Atricon). A Prefeitura foi um dos quatro entes públicos do Estado reconhecidos por boas práticas em transparência. O município recebeu medalha de prata após a avaliação de 8.016 entes de todas as esferas, em todo o Brasil. A Prefeitura alcançou 82,90% de transparência, índice muito superior à média nacional de 67,24%. Para se ter uma ideia, apenas 7% dos entes avaliados chegaram ao grau de transparência das contas públicas atingido por Petrópolis. No Estado do Rio, 188 entes foram analisados e apenas 4 – incluindo a Prefeitura de Petrópolis – foram reconhecidos.

Entre os 12 critérios avaliados, o município ganhou nota dez em cinco: acessibilidade, diárias, informações institucionais, informações prioritárias e serviço de informações ao cidadão. O governo municipal também teve ótimo desempenho em outras áreas, como recursos humanos (88,89%), contratos (87,50%) e receita (86,67%).

Índice muito superior à média estadual das Prefeituras, de 69,97%; à média estadual de todos os poderes, que é de 63,66%; à média da região Sudeste, de 72,80%; e à média geral nacional, de 67,24%. Os números de Petrópolis também são mais bem avaliados do que a média de municípios do mesmo porte, entre 300 e 500 mil habitantes - que chega a 71,90% em âmbito nacional e 69,19% em âmbito estadual.

Tema é uma das prioridades do governo

De acordo com o prefeito Rubens Bomtempo, o trabalho para fortalecer a transparência na Prefeitura foi retomado assim que a atual gestão assumiu, em dezembro de 2021. “Temos um histórico de gestão democrática, participativa e transparente, e, quando voltamos ao governo, não foi diferente. O controle social é muito importante para garantir o acompanhamento das ações. Foi com este pensamento que fortalecemos os conselhos, tornando-os deliberativos, e estimulamos a participação popular em cada setor da Prefeitura”, lembrou.

Essa questão se mostrou ainda mais essencial após as catástrofes de 2022. Mesmo sem ter obrigação legal, a Prefeitura criou, por iniciativa própria, outro portal para o acompanhamento das respostas às catástrofes climáticas - o “Petrópolis – Aqui tem Transparência”, já nos primeiros dias após a chuva de 15 de fevereiro. No site, o cidadão tem fácil acesso a todos os contratos de restabelecimento e reconstrução da cidade.

“O contribuinte pode acompanhar, no mapa, todos os locais que estão recebendo as intervenções com as fotos com o andamento das obras. Esta é uma ação que envolveu vários setores do governo, que trabalharam de forma integrada, por meio do Comitê Executivo de Transparência para as respostas à chuva, criado também de maneira voluntária pelo município”, destacou a secretária-chefe de Gabinete, Luciane Bomtempo, lembrando que o portal “Petrópolis - Aqui tem Transparência” teve sua eficácia reconhecida pelo Grupo de Apoio Técnico Especializado do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (GATE/MPRJ).

Controlador-geral do município e presidente do Conselho Municipal de Transparência, Thiago Gibrail destaca o bom desempenho da Prefeitura de Petrópolis em todos os quesitos avaliados. “É importante ressaltar que nossa cidade ficou acima da média nacional e estadual não apenas na comparação com outras Prefeituras, mas quando a avaliação é entre todos os entes. É sinal de respeito com a coisa pública e, principalmente, com o cidadão, que tem nos nossos canais uma ferramenta para acompanhar os processos e fiscalizar”, disse.

O coordenador de Planejamento e Gestão Estratégica, Thiago Damaceno, lembra que a transparência foi uma prioridade para o atual governo municipal desde a posse, em dezembro de 2021. “A transparência havia ficado um pouco de lado nos anos anteriores, e foi uma decisão de governo ter este tema como prioritário, retomando o trabalho que foi iniciado lá atrás. Ter o reconhecimento, através desse selo, só nos traz a confirmação de que estamos no caminho certo”, disse Damaceno, que também é presidente do Comitê de Transparência das ações em resposta às catástrofes climáticas de 2022.

O cuidado com a transparência também passa pelo Departamento de Licitações da Secretaria de Administração, o Delca. De acordo com a diretora, Sônia Alves, todo o trabalho do setor tem a questão na ordem do dia. “A demanda do Departamento de Licitações, que sempre foi grande, aumentou ainda mais após as chuvas de fevereiro e março, devido à necessidade de muitas ações de resposta. Mesmo com uma carga muito maior de ações, tratamos a questão da transparência como prioridade. São inseridos no Portal por este Departamento, os editais de licitações com os referidos resultados, as atas de registro de preços, os contratos e seus termos aditivos e as compras diretas. É uma ferramenta diariamente atualizada. Primamos para que toda a sociedade participe desse processo de acompanhamento”, disse.

E, neste ano, o governo municipal trabalha para avançar ainda mais neste assunto, de acordo com o diretor do Departamento de Tecnologia (Detec) da Prefeitura, Luiz Cláudio Abreu. "Também somos examinados pela Controladoria-Geral da União (CGU), por meio do programa Escala Brasil Transparente 360º. Mesmo tendo ficado acima da média, atendemos os requisitos não pontuados na última edição, de modo que a tendência é subir ainda mais a nossa classificação", disse.

Primeiro passo para máquina mais moderna e eficiente

A questão da transparência está em um contexto de reorganização da máquina pública, que já permite novos investimentos; e a modernização do governo, com a implantação do Sistema Eletrônico de Informações (SEI), que vai acabar com o papel, tornando todos os processos em modo eletrônico. "Transparência e eficiência se dão, também, com a redução do custo da máquina pública. Já avançamos muito neste primeiro ano de governo e vamos avançar ainda mais em 2023. Estamos deixando a Prefeitura mais moderna e atualizada, facilitando a vida do cidadão", disse o secretário de Administração e Recursos Humanos, Ramon Mello.

Entenda a pesquisa

Segundo a Atricon, os dados do Radar Nacional de Transparência Pública foram coletados pelos Tribunais de Contas, com o apoio dos controladores internos, entre maio e novembro de 2022. O portal é uma parceria entre a Atricon e os Tribunais de Contas brasileiros, e tem o apoio do Instituto Rui Barbosa, do Conselho Nacional de Presidentes dos Tribunais de Contas, da Associação Brasileira de Tribunais de Contas de Municípios e do Conselho Nacional de Controle Interno.

Os dados, referentes ao ano de 2022, são do Radar Nacional de Transparência Pública, central de dados criada pela Atricon. Esses mais de 8 mil entes analisados são de todas as esferas: Executivo (incluindo Presidência da República, governos estaduais, distrital, municipais), Legislativo (Senado, Câmara Federal, Distrital, Assembleias Legislativas e Câmaras Municipais) e Judiciário, além de entidades como Ministério Público e os próprios Tribunais de Contas.



O complexo cultural mais importante de Petrópolis: o Centro de Cultura Raul de Leoni, completa na segunda-feira (30), 46 anos de criação. Para comemorar a data, a Prefeitura está promovendo uma série de melhorias no espaço, entre elas a limpeza da fachada e a obra nos banheiros, que estão em fase final de conclusão.

“O Centro de Cultura é um espaço de valorização dos artistas, principalmente os petropolitanos; além de ser um local de entretenimento, cultura e arte para os nossos jovens”, ressaltou o prefeito Rubens Bomtempo, lembrando que quando assumiu a Prefeitura, em dezembro de 2021, o local estava abandonado e com várias áreas culturais importantes fechadas.

Além das obras, o governo municipal reabriu em outubro do ano passado, após passar por reformas, o Cine Humberto Mauro. Com capacidade para 50 lugares, o espaço estava fechado há pelo menos cinco anos.

A parte interna do Centro de Cultura também vai passar por uma grande reforma. O primeiro andar, afetado pelas chuvas de fevereiro e março, será todo reformado. O segundo e terceiro pavimentos também vão receber intervenções, que vão garantir acessibilidade e conforto para os frequentadores. A Biblioteca Gabriela Mistral e o Teatro Afonso Arinos também vão receber melhorias.

“Estamos finalizando os projetos de obra para lançar as licitações. Esses investimentos são importantes porque fortalecem a cena cultural da nossa cidade”, ressaltou a presidente do Instituto Municipal de Cultura (IMC), Diana Iliescu.

O Centro de Cultura também abriga a Sala de Música Guiomar Novaes, duas salas multiuso e quatro galerias destinadas às artes visuais – Van Dijk, Aloysio Magalhães, Djanira e Galeria Aberta. “Para nós é uma honra comemorar esses 46 anos com o Centro de Cultura aberto e cheio de atividades”, concluiu a gerente do CDC, Aline Castella.

 

Campanha mobiliza a população e profissionais da saúde para a conscientização sobre o câncer do colo do útero em todo o mundo

A Prefeitura, por meio do Serviço Social Autônomo Hospital Alcides Carneiro (Sehac), promoveu, neste sábado (28), o Dia D do Janeiro Verde no município.

"Este é um trabalho de extrema importância, tendo em vista que o câncer do colo do útero é um dos mais incidentes entre as mulheres, mas que pode ser identificado precocemente por meio de exames simples, o que aumenta consideravelmente a taxa de recuperação das pacientes. Inicialmente, disponibilizamos 60 atendimentos, mas devido ao grande engajamento, ampliamos o número de vagas para 100 só no Dia D", declarou o Prefeito Rubens Bomtempo.

A secretária Chefe de Gabinete e presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim), Luciane Bomtempo, falou sobre os serviços oferecidos neste sábado. "Além das consultas, a população também contou com a realização do papanicolau, a dispensação de medicamentos na farmácia, encaminhamentos para exames, como mamografias e ultrassonografias transvaginais, encaminhamentos para outras especialidades e também para o retorno no próprio ambulatório do HAC".

Para Ana Lívia, moradora da Posse, o Dia D foi muito positivo. "O atendimento foi excelente, a equipe foi muito atenciosa. Fizemos o preventivo e já saímos com encaminhamento para a consulta de retorno. É uma campanha muito importante para as mulheres porque reforça a conscientização sobre a prevenção ao mesmo tempo em que oferece os exames de rastreio”, afirmou.

Durante o Dia D, mais de 100 mulheres puderam, ainda, agendar seus atendimentos com equipes de Enfermagem em Saúde da Mulher no ambulatório do HAC, sem a necessidade de encaminhamentos.

“A informação é essencial para minimizar os riscos deste tipo de câncer. A neoplasia do colo do útero é o terceiro tumor maligno mais frequente nas mulheres, atrás apenas dos de mama e do colorretal, sendo a quarta maior causa de morte por câncer entre a população feminina no Brasil”, frisou o secretário de Saúde, Marcus Curvelo.

O diretor- presidente do Sehac, Ricardo Patuléa, acompanhou de perto o Dia D, mais uma ação desenvolvida pela Prefeitura de Petrópolis para garantir celeridade nos exames que são essenciais para a prevenção do câncer de colo do útero.

“Assim como em outras campanhas, como o Outubro Rosa, o Novembro Azul e o Dezembro Laranja, procuramos desenvolver ações junto à população, que sempre participa bastante. Neste sábado não foi diferente, recebemos mulheres de todo o município e ficamos muito satisfeitos em promover mais uma vez este trabalho de conscientização”, declarou o diretor-presidente do Sehac, Ricardo Patuléa.

Pagina 2 de 1863