O município de Petrópolis iniciou a sua participação no programa de formação esportiva escolar Atleta na Escola do Ministério da Educação (MEC). Seiscentos alunos da rede municipal de ensino participaram da primeira etapa do programa, que terminou hoje (07/06), no Parque Municipal de Petrópolis, em Itaipava.

Os jovens, entre 12 e 17 anos, foram pré-selecionados em suas instituições de ensino e convidados a participar das atividades de salto em distância e corridas de resistência e de velocidade.

O projeto tem como objetivo incentivar a prática de esportes entre os jovens e é dividido em quatro etapas: escolar, municipal/regional, estadual e nacional. A coordenadora da Divisão de Educação Esportiva, Maria Elisa Badia e o gerente de projetos esportivos, Leandro de Azevedo, ambos da Secretaria de Educação, estiveram à frente das atividades no parque. Eles contaram com a ajuda de 12 professores de educação física, para avaliar os melhores atletas.

“A educação física visa democratizar o acesso das escolas às práticas esportivas. É por isso que estamos aqui, investindo na educação e no esporte”, afirma Maria Elisa Badia.

Cada escola cadastrada no programa receberá R$1.000. Além disso, as escolas receberão R$3 por aluno que participar. Essa verba será utilizada para o transporte, alimentação e demais despesas dos participantes. Quatrocentos e trinta e dois jovens irão participar da segunda etapa do programa, que vai acontecer em julho. O programa Atleta na Escola conta com o apoio da Secretaria de Esportes e Lazer e da Secretaria de Educação.

Sexta, 07 Junho 2013 - 10:29

Bomtempo anuncia projetos para a saúde

Para organizar o sistema de saúde do município e reestruturar o Hospital Alcides Carneiro (HAC), o prefeito Rubens Bomtempo anunciou junto com o governo do estado o envio de R$ 8 milhões para a reforma do HAC, e ainda a implantação de uma Clínica de Saúde da Família na região do segundo distrito. O encontro aconteceu na tarde hoje (6/6), durante visita do secretário de estado de saúde, Sérgio Côrtes, ao hospital.

“Consegui que o governador Sérgio Cabral se sensibilizasse, pois temos uma demanda real e sem a ajuda do governo do estado seria mais difícil organizar o sistema de saúde”, destacou o prefeito. Bomtempo acrescentou que o investimento na atenção básica, com a implantação da Clínica da Família, que contará com quatro equipes de Programa de Saúde da Família (PSFs), vai desafogar o Alcides Carneiro, podendo assim investir na ampliação de leitos e equipamentos para a unidade.

Sérgio Côrtes destacou a importância de referenciar o HAC como unidade de alta e média complexidade. “Nós entendemos que este hospital tem grande potencial, e não deve ser uma emergência de porta aberta. O setor de urgência deve ser referenciado, atendendo aos casos que a UPA não tem condições de assumir”, frisou o secretário de estado de saúde, acrescentando que o governo do estado estará do lado da Prefeitura para que o Alcides Carneiro abra como emergência referenciada.

“É uma satisfação saber que o governo do estado tem o mesmo planejamento que o nosso para o Hospital Alcides Carneiro. Com a emergência referenciada no HAC, o município vai poder investir em mais leitos de retaguarda para as especialidades e também contribuir para a redução das filas de espera das cirurgias. Associado à Clínica da Família, com um atendimento de atenção básica bem desenvolvida, vamos estruturar a saúde dessa região”, pontuou o prefeito.

A emergência do Hospital Alcides Carneiro está fechada desde outubro do ano passado. A previsão é que seja reaberta até o início de julho, após a conclusão das obras que estão sendo realizadas pela Prefeitura. Segundo o secretário de saúde, André de Sá Earp, a procuradoria do município irá solicitar a Justiça Federal à prorrogação do prazo para a reabertura do setor.

O secretário de estado de saúde também ressaltou que a implantação da Clínica da Família irá desafogar a UPA de Cascatinha. “Casos mais graves serão referenciados pela atenção básica. E a Clínica da Família referencia o atendimento mais complexo para a UPA. Estatísticas mostram que 0,47% dos casos que chegam às UPAs são urgências que devem ser encaminhadas para os hospitais. A UPA é altamente resolutiva”, afirmou.

A Clínica de Saúde da Família será construída na Estrada Mineira. Estima-se que 16 mil pessoas sejam atendidas na unidade. A construção da clínica (cuja estimativa é de quatro meses) deve começar após o processo de desapropriação do terreno for concluído. A previsão é que a unidade esteja funcionando no segundo semestre.

O Programa Nacional de Resíduos Sólidos é o tema da 3ª Conferência Municipal do Meio Ambiente, que acontecerá este sábado (8/6), na Universidade Católica de Petrópolis (Rua Benjamin Constant, 213, Centro), de 8h às 17h.

O evento, que contará com a presença do prefeito Rubens Bomtempo, terá as palestras Redução dos Impactos Ambientais, do professor Cleveland Jones (formado na Universidade de Cornell/EUA) e Pacto Pelo Saneamento e as Políticas para os Resíduos Sólidos, do superintendente da Secretaria de Estado do Meio Ambiente, Victor Zveibil.

“Esse é um momento importante para o desenvolvimento das ações de sustentabilidade da cidade que pactuamos com a sociedade durante o processo eleitoral”, declarou o prefeito Rubens Bomtempo.

Na programação também está uma palestra da presidente da Associação Recicla Tecido, Cláudia Martins e debates entre grupos de trabalhos, cujos temas serão: produção e consumo sustentável, redução de impacto ambiental, geração de emprego e renda e educação ambiental. No final haverá a eleição dos delegados para a 4ª Conferência Estadual do Meio Ambiente.

A Secretaria de Fazenda interditou na manhã desta quinta-feira (06/06) mais três estabelecimentos no centro da cidade, durante a operação de choque de ordem iniciada no dia dois de maio e que tem como foco prevenir e orientar os empresários sobre adequação fiscal, código de posturas e normas de vigilância sanitária. Em dois açougues da Travessa Vereador Prudente Aguiar, carnes sem procedência, péssimas condições de higiene, alimentos expostos à poeira e fora da refrigeração foram alguns dos problemas encontrados, o que resultou em interdição dos estabelecimentos. Na Rua Paulo Barbosa, um bar foi interditado pela vigilância sanitária devido às péssimas condições de higiene do local. Os estabelecimentos terão um prazo de até 15 dias para se adequar às exigências antes de voltar ao funcionamento.

A operação teve início na Praça Alcindo Sodré, de onde os 18 agentes, dois auxiliares e sete guardas civis partiram em duas frentes, para a Rua Paulo Barbosa e Travessa Vereador Prudente Aguiar. No primeiro açougue interditado, próximo à Galeria Vila Rica, foram encontradas carnes sem procedência, linguiças penduradas em suportes enferrujados, expostas à poeira e sem refrigeração. No balcão frigorífico, onde os produtos ficam armazenados para exposição, o vidro estava quebrado e com lodo. O bar localizado no abrigo de ônibus da rua Paulo Barbosa também foi interditado devido à inadequação das condições sanitárias.

Nos dois açougues, cerca de 350 quilos de carne foram inutilizadas e apreendidas pela fiscalização, incluindo frangos e bifes temperados. Em um deles, o alvará estava vencido há aproximadamente dois anos e havia insetos no depósito, localizado na sobreloja.

“Nós estamos aqui para cumprir a lei do código de posturas, é a volta da fiscalização na rua, que ficou abandonada nos últimos quatro anos. Nós encontramos carne jogada no piso do freezer e da câmara de refrigeração sendo comercializada, carne moída em cima do balcão, fora da refrigeração. Isso prejudica a saúde do povo”, disse o secretário de Fazenda, Paulo Roberto Patuléa.

Outros problemas encontrados no comércio local foram a inadequação de alvará e letreiros sem licença. As bancas de jornal também foram intimadas a remover publicidade inadequada às normas do código de posturas do município, algumas delas com produtos à venda sobre as calçadas e que precisaram ser removidos.

“O nosso objetivo principal é orientar os empresários sobre as adequações necessárias para o funcionamento dos estabelecimentos, mas há circunstâncias em que precisamos interditar”, esclareceu o diretor de fiscalização, Ernane Dias.

Desde o início da operação, um total de seis estabelecimentos comerciais foram interditados, dos quais três já se adequaram e voltaram ao funcionamento regular. Além destes, um tanque de combustível instalado ilegalmente no interior de uma loja de material de construção, em Corrêas, foi interditado e o proprietário intimado a removê-lo imediatamente. Em relação às irregularidades de publicidade, Itaipava foi o local onde foi encontrado o maior número de problemas. A operação de secretaria de fazenda terá continuidade nos próximos dias em diversos pontos da cidade.

O prefeito Rubens Bomtempo e a chefe de Gabinete e primeira-dama, Luciane Bomtempo, receberam na manhã desta terça-feira (4/6), oito moradoras do Condomínio Marília Capua, no Vale do Cuiabá, que pediam o auxílio da prefeitura em favor da comunidade. Sensível às necessidades apresentadas, o prefeito formou prontamente uma força-tarefa para verificar no local a possibilidade de atender as solicitações de infraestrutura.

O conjunto habitacional foi construído pelo Instituto da Criança em benefício das vítimas das chuvas de 2011. As 24 casas do projeto foram entregues em maio deste ano e os moradores se mobilizaram para solicitar à prefeitura a ampliação de infraestrutura do local com iluminação pública, transporte e instalação de caçambas para coleta de lixo.

“Eu estou muito feliz por receber essas pessoas porque essa é A forma para resolver os problemas do Vale do Cuiabá. Agora nós já temos um grupo que vai visitar o local e cada um dentro da sua área pode avaliar o que nós podemos fazer para ajudar a atender essas necessidades”, disse o prefeito.

O secretário de Obras, Aldir Cony, e o presidente da Companhia Municipal de Desenvolvimento de Petrópolis (Comdep), Hélio Dias, estavam presentes na reunião e farão parte da comitiva. Por telefone, o prefeito convidou também a secretária de Educação, Mônica Freitas, o presidente da Companhia Petropolitana de Trânsito e Transportes, Gilmar de Oliveira e representantes da Ampla e da Águas do Imperador para realizar a visita à comunidade.

O Rio Quitandinha foi abençoado hoje (5/6) pelo padre Rafael Soares, que aproveitou o Dia Nacional do Meio Ambiente, para falar sobre a importância da água para o ser humano e recitou trechos da Bíblia. A prece, realizada na ponte de pedestres em frente ao Museu Imperial, contou com a presença do secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Almir Schmidt. Também participaram da benção, o advogado ambientalista Sidônio Fernandes, autor da Oração Ambientalista, aprovada pelo então Papa Bento XVI e o presidente do Conselho Municipal de Meio Ambiente (COMDEMA), Rogério Guimarães. Almir Schmidt aproveitou a ocasião para convidar todos a participarem da III Conferência Municipal do Meio Ambiente, que vai acontecer esse sábado (8/6), às 8h, na Universidade Católica de Petrópolis (campus Benjamin Constant, 213).

 

Foto: Rogério Guimarães, Sidônio Fernandes e Almir Schmidt.

Cerca de 250 pessoas participaram hoje (05/06) do café da manhã comunitário, realizado pela Prefeitura Municipal. O evento contou com a presença de secretários municipais, de representantes da sociedade civil e de lideranças comunitárias. A cada edição do café, é escolhido um bairro diferente. Desta vez, o encontro foi no salão paroquial da Igreja de Santo Antônio.

Morador do Alto da Serra, Daniel Moreira representou a associação de moradores local e participou pela primeira vez do encontro. “O evento foi bastante produtivo, pois tivemos a oportunidade de apresentar as necessidades do bairro. Saio bastante satisfeito”, disse.

Os presidentes da Comdep, Hélio Dias e da CPTrans, Gilmar de Oliveira, também participaram do evento além dos vereadores Roni Medeiros e Luizinho Sorriso e os comandantes do 26ºBPM e do 32ºBIMtz, tenente-coronel Rubens Peixoto e tenente-coronel Ribeiro Neto, além do coronel Luiz Palência, do comando de Bombeiro da Área Serrana.

A secretaria de Educação irá realizar na próxima sexta-feira (07/06) a premiação do concurso realizado com alunos da rede pública municipal de ensino e que irá estimular os debates na semana do meio ambiente. Os estudantes do quinto ao nono ano do Ensino Fundamental elaboraram frases que estimulam a conscientização acerca da relação entre o homem e o meio ambiente e as 11 frases selecionadas serão expostas nas coletoras de descarte da cidade.

Segundo a coordenadora da divisão de educação ambiental da secretaria de Educação, Esmeralda Collares, “o objetivo do concurso foi o de levar professores e alunos a exercitarem a criatividade, elaborando frases educativas que possam contribuir para a formação de cidadãos conscientes na relação homem/meio-ambiente”.

Foram mais de 200 trabalhos realizados nas 40 escolas municipais participantes do concurso. A premiação, que conta com o apoio da Águas do Imperador e da Sandra’s Buffet, irá ocorrer na Casa Barão de Mauá, às 15 horas.

Obrigatório na rede pública de saúde, o Teste do Pezinho tem uma data especial, que é lembrada nacionalmente nesta quinta-feira (6/6). Em Petrópolis, o exame é realizado há 15 anos no Instituto da Mulher, da Criança e do Adolescente (Centro de Saúde) e todos os meses são realizados entre 200 e 250 testes em recém-nascidos.


O Teste do Pezinho é um exame realizado a partir da coleta de sangue do calcanhar do bebê e é importante para diagnosticar precocemente algumas doenças como o hipotireoidismo, a anemia falciforme, fenilcetonúria e fibrose cística. A coleta deve ser feita preferencialmente entre o terceiro e quinto dias de vida do bebê.


“É importante dizer que essas doenças têm tratamento e quando identificadas devem ser imediatamente tratadas, resultando em uma melhor qualidade de vida para a criança. A realização do Teste do Pezinho identifica precocemente essas doenças”, destacou a diretora do Instituto da Mulher, da Criança e do Adolescente, Marilda Vargas Freitas. A amostra de sangue é levada para um laboratório na cidade do Rio de Janeiro, coordenado pelo governo do Estado. O resultado fica pronto em 60 dias. “É preciso não esquecer de pegar o resultado do exame”, alertou Marilda.


O Teste do Pezinho faz parte da documentação do bebê, junto com a Caderneta de Saúde da Criança. Além disso, o exame compõe a Triagem Neonatal, que é um conjunto de testes realizados no bebê com a intenção de diagnosticar doenças variadas. Também estão incluídos na Triagem Neonatal os testes da Orelinha e do Olhinho.


A coleta de sangue para o Teste do Pezinho é realizado no Instituto da Mulher, da Criança e do Adolescente (Centro de Saúde na Rua Santos Dumont, nº 100) de segunda a quinta-feira, entre 8h e 14h30, e às sextas-feiras e vésperas de feriado, de 8h as 12h30.

O prefeito Rubens Bomtempo anunciou, durante reunião na tarde de hoje (4/6), a implantação do Programa Mais Consulta que entrará em funcionamento a partir do dia primeiro de julho. O programa é um convênio de cooperação entre a Prefeitura e a Unimed Petrópolis. Por mês, serão disponibilizadas 400 consultas com especialistas do quadro da Unimed. Os atendimentos serão destinados a pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) referenciados pelo Programa de Saúde da Família (PSF).

As consultas serão gerenciadas pela Central de Regulação de Consultas que funciona no Ambulatório de Especialidades localizado ao lado da Unidade de Pronto Atendimento – UPA Centro. Futuramente, a Central de Regulação vai funcionar no prédio do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), na Avenida Barão do Rio Branco.

A criação do Mais Consulta é um compromisso de campanha do prefeito Rubens Bomtempo. “Mesmo com todas as dificuldades encontradas na área de saúde, conseguimos logo no primeiro semestre anunciar a implantação do programa que irá minimizar um problema crônico da rede, que é o atendimento com especialistas”, comemorou.

O presidente da Unimed Petrópolis, José Carlos Santana, ressaltou a importância da parceria com a Prefeitura no atendimento aos pacientes da rede pública. “Temos interesse em colaborar com o município. Jamais negaria um pedido de um colega de trabalho e agora prefeito. A Unimed também está cumprindo um papel social”, destacou.

Para o vice-presidente da Unimed Petrópolis, Dalmo Jacy Monteiro, a parceria irá agregar valor aos PSFs. “Com a implantação do Mais Consulta, o Programa de Saúde da Família vai ganhar em legitimidade e credibilidade perante a comunidade”, ressaltou. Também participou da reunião o secretário de Saúde, André de Sá Earp e o Procurador do município, Marcus São Thiago.