Terça, 25 Setembro 2018 - 18:14

Educação no trânsito é tema de vídeos e atividade prática na rede de educação

   Educação no trânsito é tema de vídeos e atividade prática na rede de educação

“Educação no trânsito: tema que conscientiza e valoriza a vida”, a frase foi um dos destaques da culminância do projeto a Minicidade no Trânsito - “Se essa rua fosse minha”. Alunos de escolas da rede municipal localizadas na Posse criaram vídeos educativos e participaram de uma aula pratica sobre os cuidados no trânsito. As atividades ocorreram na Praça CEU, nessa terça-feira (25.09) e reuniram cerca de 50 estudantes.

O objetivo foi o de chamar a atenção dos alunos da rede municipal para a Semana do Trânsito. Criaram os vídeos estudantes das escolas Beatriz Zaleski e Avelino de Carvalho. Prestigiaram as exibições alunos das escolas Carlos Canedo, Arnaldo Dyckerhoff e da escola particular, Astro.

“A ideia foi a de incentivá-los a falar sobre o assunto. Eles ficaram muito animados e fizeram vídeos com os próprios celulares. Aprenderam a editar e produziram histórias para chamar a atenção das pessoas para temas importantes como atenção à sinalização, a combinação perigosa de álcool e direção e o controle da velocidade”, explicou Ana Lúcia Oliveira de Souza, professora responsável pelo projeto nas escolas da Posse.

A psicopedagoga e instrutora de trânsito, Denise Cunha, parabenizou os estudantes pela criatividade e responsabilidade na produção dos vídeos. “Fiquei emocionada com o trabalho de vocês. Temos que propagar a paz no trânsito e vocês estão fazendo isso muito bem. Quando os mais novos entendem a necessidade de mudança no comportamento dos adultos e disseminam essa informação, cresce a esperança de dias melhores no trânsito”.

Natália de Lima, aluna do 7º ano da EM Beatriz Zaleski produziu um vídeo onde foi destacada a importância de se falar sobre educação no trânsito para os alunos da educação infantil. “Fizemos uma pista com EVA, montamos sinais e placas e mostramos na prática como eles devem respeitar atenção no trânsito. Foi muito interessante a experiência e eles adoraram”.

Júlia Turba, aluna do 8º ano da EM Beatriz Zaleski alertou no seu vídeo sobre o perigo na relação alcoolismo e o volante. “Observo muitos acidentes no trânsito e queria mostrar para as pessoas que ao beber, elas podem se machucar e machucar os outros. Achei a atividade muito divertida e pude aprender coisas novas também”.

Emanuel Edson, aluno do 7º ano da EM Beatriz Zaleski conversou sobre o ciclismo e o cuidado no trânsito. “Criamos um vídeo mostrando os perigos no trânsito, principalmente para os ciclistas. A falta de respeito de alguns motoristas também causa acidentes”.

Já Guilherme Pereira, aluno do 7º ano da EM Beatriz Zaleski, mostrou, através das imagens, os pontos certos e errados no trânsito. “Conversar no celular enquanto está dirigindo não pode. Dirigir em alta velocidade também não. A nossa intenção foi a de mostrar o que pode e o que não pode ser feito e o respeito com os pedestres. Adorei poder gravar tudo isso, encenar e conversar com os outros estudantes”.

O tema prevenção é trabalhado continuamente na rede municipal de Educação. “As escolas promovem atividades diferenciadas durante a Semana do Trânsito, mas, esse é um assunto que está sempre em pauta. Temos que conscientizar os alunos sobre os perigos, sempre. Eles são muito espertos, observadores e multiplicadores de informação”, disse a secretária de Educação, Samea Ázara.

Durante o encontro, os alunos puderam, ainda, participar de atividades práticas na Minicidade no Trânsito, que contém réplicas de ruas, edifícios públicos.