Quinta, 16 Janeiro 2020 - 18:20

Inea sinaliza que iniciará intervenções no túnel extravasor nos próximos dias

O Instituto Estadual do Ambiente (Inea) informou que deve começar as obras no túnel extravasor do Rio Palatinato já na próxima semana. O sistema de drenagem já foi vistoriado pelo órgão e pela Secretaria de Obras e os relatórios técnicos foram encaminhados para a Secretaria de Estado de Meio Ambiente.

Há grande preocupação em relação a questão de casas no entorno do túnel extravasor que ficaram em situação de risco por causa das chuvas deste início de ano. Um imóvel está interditado e outro parcialmente interditado na Rua Francisco Scali, no Quissamã.

Os técnicos do Inea estiveram em Petrópolis no último dia 9 e percorreram quatro locais diferentes: na entrada do túnel, na Rua Souza Franco; em um ponto na Rua Quissamã onde a Secretaria de Obras fez a desobstrução da galeria (onde houve alagamento em um terreno por causa da chuva); na Rua Francisco Scali – onde um buraco se abriu na via no trecho em que passa o extravasor; e na Rua Pedro Elmer, onde o canal termina e leva a água em direção ao Rio Piabanha.

O túnel extravasor tem mais de três mil metros e é um canal coberto feito em concreto, inaugurado na década de 1970. A prefeitura faz periodicamente a limpeza da galeria, principalmente na entrada, retirando materiais como galhos e lixo que podem impedir a passagem normal da água e causar transbordamentos e alagamentos na região da Rua Souza Franco. Em 2019, o Inea fez uma licitação para que uma empresa faça todos os estudos necessários para elaboração de um projeto de revitalização do túnel extravasor.