Sexta, 26 Fevereiro 2021 - 21:16

Educação lança projeto “Petrópolis Olímpica – Uma educação de valores”

Educação lança projeto “Petrópolis Olímpica – Uma educação de valores”

 

Objetivo é estimular a educação olímpica nas escolas

Iniciativa tem apoio do Comitê Olímpico Internacional

No próximo dia 2 de março, o governo municipal lança, oficialmente, o projeto “Petrópolis Olímpica – Uma educação de valores”, que será promovido pela Secretaria de Educação nas escolas e Centros de Educação Infantil (CEIs) da rede municipal de Educação. O projeto prevê formações com as equipes das unidades escolares com o objetivo de proporcionar para gestores, professores, educadores e alunos uma grande diversidade de experiências, incorporando o esporte e a educação olímpica em suas rotinas de aprendizagem. A live de lançamento começa às 10h e será transmitida no Youtube da Prefeitura de Petrópolis.

O projeto, que tem o apoio do Comitê Olímpico Internacional, com a disponibilização de conteúdo para as formações que serão realizadas com os profissionais da educação, vai estimular que as unidades escolares insiram nos seus currículos de forma oficial a educação olímpica.

O professor poderá criar métodos e projetos diferenciados dentro da sua área de atuação usando a Educação Olímpica como referência e, para isso, a Secretaria de Educação vai proporcionar bases norteadoras através de apostilas online e livros de atividades.

A primeira formação do projeto já está marcada: será no dia 7 de abril e terá como foco os fundamentos da educação olímpica. A ideia é que um módulo seja apresentado por mês. O cronograma com horário e demais datas será repassado pela Secretaria de Educação para as escolas e CEIs.

Os objetivos do projeto são: oferecer a educação olímpica por meio de mecanismos que garantam a sua contextualização e construção de currículos; propiciar aos profissionais da Rede Municipal que atuam nos Escolas Municipais de Educação Infantil, Centros de Educação Infantil (CEIs) e nas escolas de Ensino Fundamental o domínio das bases norteadoras da “Educação Olímpica” de forma ética e compatível com a realidade social; promover a efetiva interdisciplinaridade no desenvolvimento dos temas da Agenda 20+20; possibilitar o acompanhamento e o controle das práticas desenvolvidas pelos alunos e demais profissionais envolvidos, na própria escola ou nas instituições parceiras, permitindo a verificação do desempenho dos alunos, e do projeto como um todo, segundo as competências estabelecidas.