Quinta, 01 Julho 2021 - 11:05

Centro de Cultura se torna ponto de arrecadação de tênis e chuteiras para campanha em prol de crianças e adolescentes

O Centro de Cultura Raul de Leoni, que fica na Praça Visconde de Mauá (Praça da Águia), no Centro, é um dos pontos de arrecadação de tênis e chuteiras para os alunos do Transformando Vidas Pelo Esporte, projeto da Liga Petropolitana de Desportos (LDP) que conta com o apoio da prefeitura. O objetivo da campanha é arrecadar calçados para as crianças e adolescentes que participam das aulas de futebol e futsal do programa e que estão em situação de vulnerabilidade social. Quem não tiver nenhum par para entregar, pode contribuir de outras formas, inclusive com doação em dinheiro. O telefone para contato é (24) 98125-6727.

A arrecadação começou na última segunda-feira (28) e segue até o dia 22 de julho. As doações podem ser feitas na academia Korper, nas unidades do Bingen, Itamarati e Itaipava. A Loja PróImagem, localizada na Galeria Werneck, no Centro da cidade, também está recebendo as doações. Iniciado há 15 dias, o Transformando Vidas Pelo Esporte vai atender, ao todo, 600 crianças e adolescentes em 10 comunidades: Castelo São Manoel, Alto da Serra, Bataillard, Boa Vista, Independência, Bingen, Fazenda Inglesa, Valparaíso, Carangola e no Caxambu.

“Ficamos muito satisfeitos em contribuir com o projeto da LPD. É algo maravilhoso para a cidade. Queremos dar suporte para as atividades acontecerem com qualidade e segurança. Você que pode participar, ajude e seja solidário com as nossas crianças e adolescentes", disse o secretário de Esportes, Promoção da Saúde, Jovem, Idoso e Lazer (SEPJIL).

"Visitamos todos os núcleos do projeto e vimos crianças jogando de crocs, sandália, tênis com solado aberto, e até sem solado. Além daqueles jovens que não estão participando das aulas por não tem um calçado para jogar. Esse foi o caso do Alexandre, de 9 anos. Quando chegamos na comunidade para fazer a inauguração das aulas, o convidamos para participar, e ele prontamente negou. Perguntado o motivo, ele disse que não tinha nenhum tênis para poder jogar. Para ajudar crianças como Alexandre e outros mesma situação, estamos iniciando essa campanha de doação", disse emocionado o idealizador do projeto, Geraldo Barros.

"Os uniformes de treino fazem parte do escopo do projeto, sendo disponibilizados através dos patrocinadores. A chuteira é o único equipamento que não faz parte deste kit. Agora estamos mobilizando nossas ações para conseguir calçados para as crianças e adolescentes participantes do projeto", completa o presidente da LPD, José Luís Neto.