Quinta, 02 Setembro 2021 - 10:29

Dia do profissional de Educação Física é comemorado com roda de conversa e iluminação de atrativos

O dia do profissional de Educação Física – comemorado hoje (01/09) – foi marcado por uma série de homenagens em Petrópolis. Logo cedo, na Casa de Petrópolis – Instituto de Cultura, a prefeitura organizou um café da manhã para os profissionais e estudantes da área, seguido por uma roda de conversa com o tema "A importância da psicologia do esporte no cotidiano da prática de atividade física". À noite, o Palácio Sérgio Fadel – sede do governo municipal – foi iluminado com a cor verde, que representa a profissão.

O bate-papo contou com a presença do governo interino, de Gustavo Leal, auxiliar técnico da seleção brasileira medalha de ouro no futebol nas Olimpíadas de Tóquio 2020, e de o treinador da seleção brasileira adulta de basquete 3x3. A mediadora foi a professora doutora, que faz parte do quadro de servidores do município e atua na secretaria de Esportes, Promoção da Saúde, Juventude, Idoso e Lazer (SEPJIL).

“É com muito orgulho que falo da minha profissão. É um prazer imenso estar aqui. A política um dia vai passar, mas professor de Educação Física eu vou continuar sendo para o resto da minha vida. O esporte é uma ferramenta de transformação na vida das pessoas, além de promover saúde e qualidade de vida. No nosso dia, os parabéns são para todos nós”, disse o governo interino, que ainda entregou uma medalha em homenagem a Gustavo Leal.

“Fiquei muito orgulhoso em representar a minha cidade e o nosso país nas Olimpíadas e extremamente feliz pelo convite para participar dessa roda de conversa. A psicologia é um assunto bastante em alta, por tudo que aconteceu ao longo dos jogos Olímpicos. Acredito que todos que puderam participar saíram daqui com um pouco mais de conhecimento”, disse Gustavo.

Representando o Conselho Regional de Educação Física (CREF1), o professor André Fernandes ressaltou a importância do profissional da área em meio à pandemia. Ele lembrou ainda que a profissão foi regulamentada há 23 anos e de lá para cá os avanços são diversos.

“Cada vez mais o esporte é um aliado da saúde das pessoas. Não apenas física, mas também mental, proporcionando um sentimento bom em meio a essa turbulência que vivemos. Não à toa, em meio a estrutura da prefeitura, são profissionais de educação física atuando também na saúde, educação, não apenas no esporte”, ressaltou André.

A prefeitura, através da SEPJIL, oferece uma série de atividades físicas gratuitas para a população. O Agita Petrópolis, por exemplo, está em 19 bairros oferecendo ginástica, dança, hit, entre outras atividades. Além disso, o governo municipal promove também o Festival das Comunidades, programa itinerante realizado nas quadras comunitárias.

“São mais de 600 pessoas atendidas mensalmente com atividades físicas gratuitas. É um número muito bom, mas estamos trabalhando para melhorar ainda mais. O profissional de Educação Física é indispensável para alcançarmos a qualidade de vida tão desejada por todos e a prefeitura trabalha neste sentido”, destacou o secretário da SEPJIL.