Imprimir esta página
Quinta, 28 Outubro 2021 - 10:40

Meio Ambiente abre editais para conselhos consultivos em unidades de conservação

Inscrições podem ser realizadas até o dia oito de novembro

A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, divulgou, na última semana, três editais no Diário Oficial para a composição de conselhos consultivos em relação às unidades de conservação do município. As inscrições foram abertas na segunda-feira (25) e vão até o dia oito de novembro. O objetivo é que sejam atendidos o Parque Natural Municipal Padre Quinha (Centro), o Monumento Natural Pedra do Elefante (Taquaril) e a Floresta Municipal (Quarteirão Italiano), com o objetivo de auxiliar na gestão dos espaços. Para se inscrever, o interessado deve comparecer à sede da secretaria, na Avenida Koeler, 87.

“O propósito é que os conselhos auxiliem na gestão dos espaços. É uma regra do Sistema Nacional de Unidade de Conservação da Natureza para que haja participação de todos os envolvidos”, explicou o governo interino.

“Ao todo, são 17 unidades de conservação no município. Essas três, com os editais abertos, são de administração municipal. Cada local terá vagas específicas para o conselho e esperamos ter uma boa participação dos envolvidos, para que a gestão dos espaços possa ter grandes avanços”, disse o secretário de Meio Ambiente.

No Parque Natural são três vagas para representantes da sociedade civil com atuação em área ambiental. Serão disponibilizadas também vagas para o Conselho Municipal de Meio Ambiente (Comdema), para entidades de ensino e pesquisa e para o setor comercial. No Taquaril, as inscrições são para proprietários de imóveis dentro da unidade de conservação, representantes da organização civil e para o setor empresarial.

Já para a Floresta Municipal, são, ao todo, sete vagas. Duas destas são para representantes da sociedade civil e as demais são divididas para instituições de ensino e pesquisa, Comdema, setor empresarial, associação de moradores e representante da companhia de água e esgoto.

“Essas três unidades de conservação, por regra do sistema nacional de unidade de conservação, precisam ter, além do seu plano de manejo, conselhos que são consultivos que envolvem a sociedade civil, a comunidade e o governo”, explicou o chefe do setor de Educação Ambiental da Secretaria de Meio Ambiente e secretário executivo do Comdema.

Para mais informações, os interessados podem entrar em contato pelo telefone: (24) 2246-9233.

Itens relacionados por tópico