Segunda, 28 Março 2022 - 10:33

Túnel extravasor: Prefeitura recomenda que moradores não fiquem na região em caso de chuva

Túnel extravasor: Prefeitura recomenda que moradores não fiquem na região em caso de chuva

Em reunião com a Defesa Civil, comunidade foi informada sobre a responsabilidade do Estado pelas intervenções no local e recebeu orientações para os próximos dias de chuva

A Prefeitura, por meio da Secretaria da Defesa Civil, conversou com os moradores da Rua do Túnel neste sábado (26) e levou informações sobre quais intervenções serão feitas no local. As equipes técnicas deram orientações de segurança. Foi esclarecido que, em decisão judicial, o Governo do Estado - por meio do Instituto Estadual do Ambiente (INEA), que tem a atribuição de manter o túnel extravasor, terá a responsabilidade de realizar as obras emergenciais. Com as últimas chuvas de fevereiro e março, no último domingo (20), a região teve a rua principal afetada em diferentes trechos, deixando imóveis em situação de risco.

A obra do túnel extravasor é uma das medidas de prevenção a desastres, tendo em vista que desvia as águas do Rio Palatino em situações de chuvas fortes. O túnel tem a função de reduzir a quantidade de água do Rio Quitandinha, minimizando as condições para inundações no Centro da Cidade.

“O túnel extravasor é uma das importantes soluções para que a nossa cidade não sofra mais com as fortes chuvas. Além da recuperação do túnel, o desassoreamento do rio é outra medida extremamente necessária”, destacou o prefeito Rubens Bomtempo, lembrando que em audiência com o Poder Judiciário (4ª Vara Cível) na última quinta (24), prevaleceu o que determina a Lei 3.239/99 - que institui a Política Estadual de Recursos Hídricos – em que o INEA fica como o responsável pelo desassoreamento dos rios.

Além do desassoreamento, o INEA também deverá desenvolver os projetos de macrodrenagem no Centro Histórico e um plano de restruturação ambiental na bacia hidrográfica do Piabanha. Todas as informações foram apresentadas aos moradores, que estão orientados a não permanecerem nas casas diretamente afetadas com as ocorrências em função da chuva.

Orientação para que moradores não permaneçam em áreas de risco

Tendo em vista a previsão de chuva de intensidade moderada para este domingo - podendo se estender até terça (29) - a equipe técnica da Defesa Civil orientou os moradores a não permanecerem nos locais localizados às margens do túnel extravasor. No trecho, por conta dos danos estruturais da via, um prédio foi afetado e está temporariamente interditado.

“Estamos com técnicos dedicados à avaliação de risco nessa localidade e é importante que os moradores tenham consciência dos riscos. Medidas de segurança já estão sendo adotadas, mas de forma imediata, orientamos que os moradores das casas próximas ao túnel, não permaneçam nos imóveis”, destacou o secretário de Defesa Civil, o tenente-coronel Gil Kempers.