Terça, 22 Novembro 2022 - 15:30

Prefeitura amplia público alvo da vacina contra covid-19 para bebês portadores de deficiência permanente

Prefeitura amplia público alvo da vacina contra covid-19 para bebês portadores de deficiência permanente

As primeiras crianças com idade entre seis meses a menores de três anos com comorbidades receberam, nesta terça-feira (22), a primeira dose da vacina contra a covid-19. Foram 18 meninos e meninas imunizadas na Unidade Básica de Saúde do Quitandinha e no Centro de Saúde Coletiva e, a partir de agora, as portadoras de deficiência permanente, o que inclui o autismo, também poderão receber suas doses. A ampliação do público foi anunciada pelo prefeito Rubens Bomtempo.

“Os agendamentos serão mantidos para evitar a perda de doses, principalmente, porque recebemos apenas 410 delas. Porém, vamos continuar monitorando e fazendo as ampliações de acordo com a disponibilidade do imunizante”, disse o prefeito Rubens Bomtempo. “Chegar a essa faixa etária era fundamental, pois as crianças também estão vulneráveis e precisam dessa proteção. As vacinas são seguras e salvam vidas”, completa o secretário de Saúde, Marcus Curvelo.

“A vacinação é importante, principalmente porque, por serem crianças, elas não têm o mesmo cuidado que um adulto e acabam colocando a mão na boca ou não usam a máscara corretamente. Ou seja, com a vacina, elas estarão mais protegidas, por isso, tão logo o agendamento foi aberto, entramos em contato para marcar e garantir a dose”, disse o pizzaiolo Vagner Madeira, que levou a filha de um ano e nove meses para ser imunizada.