Três assentos do Conselho Municipal de Proteção e Defesa dos Animais (Comupa) estão vagos. Para fortalecer o conselho e garantir a representatividade de todos os atores envolvidos com a causa animal, o Comupa abriu as inscrições a essas vagas até o dia 21 de novembro.

As vagas são para três categorias: profissionais médicos veterinários (com atuação no município há pelo menos 2 anos); instituições de ensino superior; e comércio de produtos e alimentos para animais.

“A Prefeitura vem conquistando vitórias importantes para a causa animal neste ano, principalmente com as feiras de adoção responsável. Mas precisamos pensar sempre além, buscando cada vez mais avanços. E o melhor caminho para isso é a participação popular. Por isso, é fundamental que a sociedade ocupe todas essas vagas para juntos, poder público e sociedade civil, pensarmos em novas políticas públicas para o setor”, disse o prefeito Rubens Bomtempo.

Os interessados devem comparecer na Casa dos Conselhos Municipais Augusto Ângelo Zanatta, na Avenida Koeler, 260, Centro, até o dia 21 de novembro, das 9h às 17h, com os documentos listados abaixo.

“Os inscritos passarão depois por uma votação no conselho, que decidirá quem ocupará essas vagas. A sociedade civil em Petrópolis é muito atuante na causa animal, então é muito importante para o setor que essas vagas sejam preenchidas”, disse a coordenadora do Bem Estar Animal da Prefeitura (Cobea) e presidente do Comupa, Raphaela Buriche.

Documentos necessários para a inscrição

Profissionais médicos veterinários (titular e suplente):

• Número de inscrição no CRMV
• Comprovante de atuação no município
• Identidade e CPF do candidato à vaga

Comércio de produtos e alimentos para animais (titular e suplente):

• CNPJ da empresa
• Comprovante de atuação no município
• Ofício de indicação dos candidatos (titular e suplente), assinado pelo representante legal da empresa
• Identidade e CPF dos candidatos à vaga

Instituições de ensino superior (titular e suplente):

• Estatuto Social
• Ata da última eleição da diretoria
• CNPJ
• Ofício de indicação dos conselheiros (titular e suplente) assinado pelo representante legal da instituição

Vacinação itinerante da Prefeitura imunizou 19,3 mil cães e gatos desde janeiro, em mobilizações feitas em cinco regiões do município. Meta é vacinar mais 6,6 mil neste sábado (22).

A Prefeitura continua fazendo a campanha de vacinação contra a raiva animal. Neste sábado (24), a vacina é aplicada em 15 pontos de vários bairros. Veja os lugares e horarios.

A Prefeitura oferece, neste sábado (3), a vacina contra a raiva animal em 14 postos nas regiões do Quitandinha, Bingen, Mosela e Vila Militar. A meta é imunizar 6,3 mil cães e gatos.

A Prefeitura realiza neste sábado (6) mais uma etapa da campanha de vacinação antirrábica animal, em Araras, Vale das Videiras, Fazenda Inglesa, Moinho Preto e Vale do Carangola.

A Prefeitura, por meio da Coordenadoria de Vigilância Ambiental da Secretaria de Saúde, inicia nesta segunda-feira (4) a castração de 1,2 mil cães e gatos.

Trabalho de terapia facilitado por cães é realizado pela Guarda Civil Municipal

A cadela Jujuba, da cinoterapia da Guarda Civil Municipal, vai visitar as repartições da Prefeitura de Petrópolis nos próximos dias guiada pelo grupamento de cães da corporação. Nesta terça-feira (7), foi a vez do Palácio Sérgio Fadel, sede do governo municipal, na Avenida Koeler, receber a ilustre presença.

Jujuba foi ao gabinete do prefeito onde também foi recebida pela secretária-chefe de gabinete. Passou ainda na Secretaria de Fazenda, Articulação Institucional e Coordenadoria de Comunicação Social.

“Que alegria receber a Jujuba em nosso gabinete! A cadelinha tem feito um belo trabalho de cinoterapia com pacientes do Centro de Tratamento Oncológico (CTO), além de instituições de longa permanência para idosos e escolas. Para os nossos servidores, percebemos um momento de desestresse e alegria com a presença dela”, afirmou o prefeito Rubens Bomtempo.

Jujuba e o irmão Chico fazem parte da cinoterapia da Guarda Civil Municipal, que retomou os trabalhos em abril no CTO, após um período de pausas devido às chuvas. A cadela está há quatro anos na corporação e dá continuidade ao trabalho que começou com sua mãe, Lola.

“Percebemos que a presença dela faz muito bem a quem recebe. Nas escolas, por exemplo, as crianças ficam mais calmas. Em locais de trabalho, como aqui na Prefeitura, percebemos que todos terminam a visita sorrindo”, afirmou o inspetor da Guarda Civil, Rafael Viana.

O Projeto de Controle da População de Animais Domésticos vai ganhar um importante reforço. Por meio da Coordenadoria de Vigilância Ambiental da Secretaria de Saúde, a Prefeitura vai realizar a castração de 1,2 mil cães e gatos. As cirurgias serão realizadas por uma empresa contratada, que estará em Petrópolis com um castramóvel entre os dias 2 e 7 de julho. A ação vai acontecer no pátio da Faeterj, na Avenida Getúlio Vargas, no Quitandinha.

As inscrições serão realizadas pelas Agentes Comunitárias de Saúde, durante as visitas nos imóveis das respectivas áreas de abrangência. Nesta etapa, serão atendidas as comunidades do Amazonas, São Sebastião, Alto Siméria, Dr. Thouzet, Vila Saúde e Santíssima Trindade.

“A castração de animais é a forma mais eficaz para o controle populacional de animais e, dessa forma, estamos contribuindo ainda para a diminuição do número de cães e gatos abandonados. Esta era uma ação muito esperada, principalmente porque contribui para a saúde e bem-estar de cães e gatos”, disse o prefeito Rubens Bomtempo.

De acordo com o secretário de Saúde, Marcus Curvelo, além de ser uma área que ainda não havia sido atendida pelo projeto, a escolha da região do Quitandinha levou em consideração o número de animais onde os tutores vivem em maior vulnerabilidade social. O levantamento foi realizado através das campanhas de vacinação antirrábica animal realizadas no município.

“Mas, além da região do Quitandinha, uma cota de vagas está sendo destinada a Coordenadoria de Bem Estar Animal para atender as demandas geradas pelas chuvas de 15 de fevereiro e 20 de março 15 e outra cota atenderá protetores que trabalham com felinos, com o intuito de controlar a transmissão de Esporotricose, que é uma zoonose de grande importância”, explica o secretário de Saúde.

A Prefeitura de Petrópolis realiza, neste sábado (28), mais uma campanha de adoção de animais, na Praça Dom Pedro, Centro. O evento, das 10h às 15h, é promovido pela Coordenadoria de Bem Estar Animal (Cobea), com participação de organizações não-governamentais (ONGs) e protetores independentes.

A campanha é a quinta organizada neste ano pela Cobea, que viabilizou a adoção de 38 cães e gatos nos eventos anteriores. Como nessas campanhas, todos os animais que serão oferecidos para adoção são vacinados, vermifugados e castrados, assinala a titular da coordenadoria, Raphaela Buriche.

“Muitos animais que foram vítimas das chuvas ainda estão em lares temporários ou sob a guarda de ONGs, protetores independente e clínicas veterinárias. Embora estejam sendo cuidados com amor e carinho, eles precisam de uma família para acolhê-los”, afirma Raphaela.

Para adotar um animal, basta ter 18 anos ou mais e portar documento de identidade, CPF e comprovante de residência. Oito ONGs e protetores independentes já confirmaram participação na campanha deste sábado, apoiada pela Guarda Municipal, que levará à praça o seu grupamento de cães.

Ação é organizada pela Coordenadoria de Bem-Estar Animal em parceria com outras instituições

A Prefeitura, por meio da Coordenadoria de Bem-Estar Animal (Cobea), promove neste sábado (14) mais uma campanha de adoção de animais vítimas das chuvas de fevereiro e março. A iniciativa acontecerá das 10h30 às 15h30 no Clube Petropolitano. O evento conta com o apoio das instituições de proteção animal e clínicas veterinárias, como Cão Amor, Clinipet, Gatos e Só, Amiko, Amigo Vira-Lata e Irmão Animal.

“Adotar é um ato de amor e responsabilidade e, neste momento delicado enfrentado por nós, os animais que foram vítimas das enchentes e infelizmente perderam seus tutores ou foram abandonados, mais do que nunca precisam de uma família para acolhê-los. Abrace a causa, adote amor!”, disse a coordenadora da Cobea, Rafaela Buriche, que destacou ainda que o clube que receberá a campanha é Pet Friendly.

Para adotar, o interessado deve ser maior de 18 anos e apresentar CPF, RG e comprovante de residência. Também será necessário o preenchimento de um termo de adoção e guarda responsável. Todos os animais são vacinados, castrados e vermifugados.

A Coordenadoria continua recebendo doações e ajudando os tutores que adotaram os animais, com ração e transporte se necessário. Os doadores podem entrar em contato pelo email O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. .

Pagina 1 de 2