Programação terá desfiles, mesas redondas, talk shows e expositores para tirar dúvidas de quem está prestes a subir ao altar

Petrópolis vai estar oficialmente representada no IC Week, evento híbrido realizado pela Revista Inesquecível Casamento, que acontecerá de forma presencial nos dias três e quatro de novembro no Copacabana Palace, no Rio de Janeiro. A convite da Secretaria de Estado de Turismo (Setur-RJ) e da TurisRio, que terá um lounge na exposição, a Turispetro - ao lado do Petrópolis Convention & Visitors Bureau (PC&VB) e da AssociEventos - levará o nome da cidade como um dos principais "Destination Wedding" no Estado, neste que é o mais elegante evento voltado a noivas de cunho nacional.

No IC Week, que já possui mais de 40 edições realizadas com enorme sucesso em cidades como Rio, São Paulo, Curitiba, Goiânia, Niterói e Gramado, além de exposições, acontecem mesas redondas, desfiles, palestras e talk shows, sempre com os melhores profissionais nacionais e internacionais. Lá as noivas se inspiram e conhecem as melhores tendências para o casamento, os profissionais lançam produtos e serviços novos e se relacionam com o mercado.

"Não há dúvida que a nossa cidade vem conquistando os noivos há algum tempo, como uma ótima opção para um destination wedding de fácil acesso. Os profissionais da cidade já desenvolveram uma infraestrutura completa para receber casamentos, com qualidade e profissionalismo. Além disso, temos a nosso favor excelente locais para casamentos ao ar livre, com jardins exuberantes, uma tendência cada vez mais forte entre os noivos", destaca o governo interino.

O secretário de Turismo ressalta que "Petrópolis possui os locais mais agradáveis para receber este tipo de eventos, além de profissionais altamente qualificados. É uma estrutura que está sendo amplamente divulgado nas feiras que o município e toda a sua cadeia produtiva está sendo representada, como aconteceu recentemente na ação O Rio Continua Lindo. E perto!, que apresentou um pouco dos atrativos turísticos em vários estados".

“Petrópolis é um cenário incomparável para casamentos com opções para todos os tipos de festas desde as cinematográficas até as intimistas. Fora a qualidade dos profissionais que atuam no setor. A Cidade Imperial por todo esse conjunto virou uma referência para o setor e é importante que Petrópolis esteja representada em eventos que divulgam esse potencial”, afirma o presidente do Petrópolis Convention & Visitors Bureau.

O presidente da AssociEventos lembra que este será o primeiro grande evento do setor após a flexibilização das medidas sanitárias. "Fomos um dos segmentos mais afetados durante a pandemia, agora com a retomada, a IC Week é uma oportunidade ímpar para Petrópolis apresentar seu portfólio de atrativos, produtos e serviços em uma feira de renome nacional", completa.

O público vai conhecer as tendências da moda, gastronomia, decoração, maquiagem, fotografia, cerimonial, entre outras, que antecipam o que estará em alta nos casamentos realizados no próximo ano. Por causa da pandemia, a edição deste ano acontece de forma presencial e terá programação on-line do dia três ao dia 13 de novembro.

Com mais de 90% da população com mais de 12 anos vacinada, cidade está em risco baixo de contaminação da covid-19, com queda sustentada de casos e internações

O governo interino e o secretário de Saúde anunciaram nesta sexta-feira (22) o protocolo para liberação de eventos para até 3 mil pessoas no município, em ambiente ao ar livre. O protocolo vinha sendo discutido junto à equipe técnica da saúde, que apontou a possibilidade deste novo passo na flexibilização.

A retomada será gradativa e deverá seguir recomendações que incluem a obrigatoriedade do uso de máscara (exceto durante o consumo) e comprovação do esquema vacinal completo contra a covid-19 ou, no caso de vacinação incompleta (com apenas a primeira dose), apresentação de teste negativo para o vírus.

O documento completo será disponibilizado ainda nesta sexta-feira (22) no site da Prefeitura, o www.petropolis.rj.gov.br.

A liberação de eventos ao ar livre seguindo os protocolos acontece no momento em que a cidade tem mais de 90% da população com mais de 12 anos vacinada. O município está em risco baixo de contaminação da covid-19, com queda sustentada de casos e internações.

A Prefeitura prorrogou as inscrições do edital Maria Luísa até o dia cinco de novembro. A data anterior era a próxima segunda-feira, dia 25 de outubro. Com o novo prazo, os artistas petropolitanos ganharam mais tempo para se cadastrarem no edital, que vai contemplar até 77 projetos de apresentações culturais on-line no município. Os interessados devem acessar a aba de licitações no site da prefeitura (https://www.petropolis.rj.gov.br/e-gov/sad/licitacoes_contratos/?modalidades_id=13&secretarias_id=&numero=&ano=2021&situacoes_id=). O investimento será de mais de R$ 270 mil, através do Fundo Municipal de Cultura (FMC).

Os projetos deverão ser enquadrados em uma das seguintes áreas: Artesanato; Artes Plásticas/Visuais; Audiovisual; Bandas Marciais; Canto Coral; Cultura Germânica; Cultura Urbana; Culturas Afro-brasileiras, Quilombolas e de Matrizes Africanas; Culturas Populares e Indígenas; Dança; Escolas de Samba e Blocos Carnavalescos; Literatura; Moda e Design; Museus e Patrimônio Histórico-Cultural; Música; Produção Cultural; Artes Cênicas/Teatro; Pontos de Cultura; Multissegmentos (projetos com dois ou mais segmentos onde não haja a predominância de um sobre o outro).

As inscrições poderão ser nas seguintes categorias: 1 – Projetos para realização de atividade cultural individual, a ser remunerado no valor de R$1.500,00, com realização do mesmo por pessoa física, mediante CPF; 2 – Projetos para realização de atividade cultural com mínimo de dois, a ser remunerado no valor de R$5.000,00, com realização por MEI ou pessoa jurídica, ambas mediante CNPJ; 3 – Projetos para realização de atividade cultural com mínimo de cinco participantes, a ser remunerado no valor de R$10.000,00, com realização por MEI ou pessoa jurídica, ambas mediante CNPJ.

Cada proponente poderá inscrever somente um projeto no concurso. A medida visa envolver o máximo de artistas e agentes culturais e promover a democratização, com maior descentralização das verbas do FMC. “O edital é uma maneira de contemplarmos a todos os segmentos artísticos. O nosso objetivo é incentivar a produção cultural no município como um todo”, explica o presidente do Instituto Municipal de Cultura (IMC).

Homenagem a Maria Luísa

O nome do edital é uma homenagem a bibliotecária Maria Luísa Rocha Melo, que morreu em maio deste ano vítima da covid-19. Ela ficou à frente da Biblioteca Municipal Gabriela Mistral por mais de 25 anos. Nascida em Leopoldina (MG), a bibliotecária foi criada em Niterói, na cidade do Rio de Janeiro, mas se considerava petropolitana de coração, pois morou e trabalhou na cidade por mais de 30 anos.

Em homenagem ao Dia do Aviador - 23 de outubro - o Museu Casa de Santos Dumont terá meia-entrada neste sábado, no valor de R$ 4. Nesta data, há 115 anos, Santos Dumont fez um voo em torno da Torre Eiffel, em Paris, na França, e tornou-se o primeiro homem a voar. Por conta disto, a data foi escolhida para celebrar a classe. Neste dia também é comemorado o Dia da Força Aérea Brasileira.

No fim de agosto, a prefeitura promoveu melhorias no Museu Casa Santos Dumont. Foram realizadas pequenas manutenções na parte administrativa e a pintura da casa chamada de "A Encantada". Outra novidade foi a implementação de uma máquina de cartão de débito e crédito, trazendo mais comodidade aos visitantes.

Sobre o Museu Casa de Santos Dumont

Construído em 1918, poucos imaginavam que o terreno íngreme que ficava bem na entrada da Rua do Encanto, no Centro da cidade, poderia abrigar uma moradia. Considerado um grande visionário, Santos Dumont desenhou e planejou, com a ajuda do engenheiro Eduardo Pederneiras, seu chalé.

Quem sobe as escadarias e entra na imóvel consegue notar de cara que se trata de uma casa especial. Para entrar, só é possível com o pé direito, em função do formato das escadas criadas por Santos Dumont. O museu conta com acervo de objetos, livros, cartas e mobiliário que pertenceram ao inventor.

No Centro Cultural 14 Bis, anexo à Casa, o visitante pode assistir um curta metragem sobre Santos Dumont. O espaço tem acessibilidade e maquetes táteis para atender às necessidades das pessoas com deficiências ou com restrição de mobilidade.

Profissional petropolitano foi destaque em premiação internacional com duas fotografias

O governo interino entregou, na manhã desta quarta-feira (20/10), uma homenagem ao fotógrafo Giovani Garcia. O profissional é referência no ramo de fotografias de casamentos e foi destaque com duas imagens na One Eyeland, sendo eleito o melhor do Brasil no ranking 2021, com o registro de uma noiva entrando na Igreja Sagrado Coração de Jesus debaixo de chuva. Também conquistou o quarto lugar na categoria fotojornalismo e o nono em pré-wedding, ambas colocações na classificação mundial da premiação.

“Temos em nossa cidade diversos fotógrafos que possuem muito talento e precisamos valorizá-los. O Giovani tem levado o nome de Petrópolis a diversos locais e conquistado prêmios importantes. Ficamos orgulhosos em recebê-lo para entregar esta homenagem, reconhecendo sua contribuição para o município”, disse o governo interino.

Giovani Garcia trabalha com fotografia há 20 anos e destacou que foi a primeira vez que teve o reconhecimento da Prefeitura. “Tinha recebido alguns prêmios, mas vindo da Prefeitura, este foi o primeiro. É gratificante saber que a minha cidade está atenta à arte do nosso ramo da fotografia”, afirmou.

Prefeitura de Petrópolis, em parceria com o Governo do Rio, já iniciou trabalho de mapeamento e reformulação de alguns circuitos

Os circuitos ecorrurais de Petrópolis, incluindo atrativos das regiões do Brejal, Taquaril, Secretário e Bonfim, vão integrar um guia de turismo rural da região Serra Verde Imperial, que será lançado em novembro pelo Governo do Rio como parte do Projeto Turismo Rural RJ. Nesta terça-feira (19), a Prefeitura de Petrópolis, por meio da Turispetro, se reuniu com empreendedores da região do Taquaril, para apresentar o programa, retomar o mapeamento e oferecer o apoio necessário para a reativação do Circuito Pedras do Taquaril.

O projeto é uma ação inédita do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Turismo (Setur-RJ), TurisRio, Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento (Seappa) com a parceria do Núcleo de Estudos de Geografia Fluminense (Negef), da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. A Prefeitura de Petrópolis entra com o apoio técnico no levantamento dos atrativos de cada circuito, auxiliando na elaboração dos roteiros, capacitação e promoção dos produtos direcionados ao turismo rural que serão incluídos no guia.

O trabalho começou no último sábado (16), quando a equipe técnica da Setur-RJ iniciou o mapeamento das áreas de desenvolvimento de Turismo Rural na região de Secretário. A visita foi acompanhada pelo diretor de marketing da TurisRio e coordenador do programa, Pablo Kling, pelo assessor da Setur-RJ, Gabriel Villar, pelos secretários municipais de Turismo, de Desenvolvimento Econômico, pelo diretor de Agricultura, pela diretora de turismo da Turispetro e pelo assessor especial Rogério Elmor e de eventos Marco Aurélio Marcondes. Também estiveram presentes os vereadores Junior Paixão e Ronaldo Ramos.

Em seguida, eles estiveram no Brejal, onde conheceram um pouco do já consolidado circuito local, que também fará parte do roteiro. Segundo Pablo Kling, os municípios farão parte também de um catálogo repleto de experiências. Além da região Serra Verde Imperial, os guias vão abordar o Vale do Café, Costa Doce e Águas do Noroeste. "Nossa ideia é apresentar os atrativos do turismo rural de cada um dos municípios. Além disso, vamos criar um catálogo virtual de paisagens rurais, que está sendo preparado pelo Instituto de Geografia da UERJ", explicou.

"Trata-se de uma ação inédita do governo estadual, que vai contribuir com o planejamento, estruturação e fortalecimento do destino Petrópolis, especialmente para o turismo rural. A ideia é fortalecer esse segmento, que se destacou como uma importante tendência de turismo, principalmente pela segurança e controle sanitários, e por poder acontecer em ambientes abertos", destaca o governo interino.

Para o secretário de Turismo, os viajantes que buscam esse tipo de turismo são aqueles que gostam de estar em contato com a diversidade do ambiente rural, além de interagir com o patrimônio cultural que estas regiões oferecem. "Acredito muito nessa união entre o governo, sociedade civil organizada e a iniciativa privada para que as coisas aconteçam. São circuitos que apresentam opções diferenciadas, que se destacam pelas paisagens e por empreendedores que abrem suas respectivas propriedades à visitação. A inclusão desses roteiros no guia certamente vai trazer excelentes resultados para as regiões envolvidas", acredita.

A diretora de turismo da Turispetro explica que esse trabalho é feito a partir de uma ação colaborativa e articulada em rede de cooperação, onde é necessário conhecer as regiões e seus atores, identificar os setores da cadeia produtiva que podem ser envolvidos, os diferenciais de cada localidade e definir o objetivo a ser alcançado. "A ideia é utilizar o material nas feiras de turismo e em outras ações com o objetivo de promover o turismo rural, que é um segmento extremamente forte em Petrópolis", completa.

"Os empreendedores locais demonstraram muita satisfação pela retomada do planejamento e organização dos circuitos ecorrurais pela Prefeitura, o que certamente vai gerar boas experiências aos turistas e novas oportunidades de negócios, trabalho e renda para a população local", observou o secretário de Desenvolvimento Econômico. Na próxima semana, as equipes dos órgãos estaduais e municipais darão prosseguimento às visitas técnicas na região do Bonfim.

O Dia Nacional do Poeta é o assunto de hoje (20/10) no "IMC nas Redes – Conversas Culturais". O encontro virtual será transmitido nas redes sociais da prefeitura (Facebook e Youtube), às 19h, com a participação de Ataualpa Filho, Elciana Goedert, Fernanda Forster, Leandro Garcia e Rodolfo Andrade. A mediadora da roda de conversa on-line será com a gerente do Centro de Cultura Raul de Leoni.

Ataualpa Filho é graduado em Letras, com licenciatura plena. Especializado em Língua e Literatura Portuguesa pela Universalidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), é autor de poesias como “Um Vazio em um Espaço de Vida”, “O Filho do Sol”, “Part-ida”, “Palavra-dor” e “Amola-dor”. Já Elciana Goedert reside em Curitiba, mas nasceu em Ivaiporã, interior do Paraná. É professora por formação e se considera poeta por inspiração. Possui três livros publicados: Eu e a Poesia (2014), Sob a Ótica de Eros (2016) e Nutrisia (2017).

Fernanda Forster é petropolitana, professora há 34 anos, formada pela Universidade Católica de Petrópolis, onde cursou também Pós-Graduação em Linguística e Literatura. Sempre gostou de escrever poesias. Leciona em escolas públicas e privadas em Petrópolis. Já Rodolfo Andrade é um poeta petropolitano e participa da cena poética do município há mais de 40 anos.

Leandro Garcia é doutor e Pós-doutor em Estudos Literários pela PUC-Rio e Pós-doutor em Teologia pela Faculdade de Teologia e Filosofia de Belo Horizonte. Professor do Programa de Pós-graduação em Estudos Literários da UFMG e pesquisador titular do Museu Imperial. Presidente da Academia Petropolitana de Letras no biênio 2021-2023 e autor de vários livros, dentre os quais, "Raul de Leoni - Inéditos e Dispersos", que se encontra no prelo e será editado com apoio da Prefeitura de Petrópolis.

A ação é uma iniciativa da prefeitura, através do Instituto Municipal de Cultura, em conjunto com a sociedade civil

O novo Plano Municipal de Cultura está na segunda etapa de elaboração. Nesta fase, os artistas da cidade podem contribuir respondendo aos formulários elaborados pela comissão que trabalha no desenvolvimento do documento. Essa ação é necessária para entender a atual realidade e as necessidades de cada segmento, como artes plásticas, música, dança, entre outros. Qualquer artista interessado em participar pode responder as perguntas nos links: https://forms.gle/6BMDkWsLBJwNWVWv6 e https://forms.gle/aoqV9pa61Bc4PmqRA. O trabalho é uma iniciativa da prefeitura, através do Instituto Municipal de Cultura (IMC), em conjunto com a sociedade civil organizada com o apoio do Conselho Municipal de Cultura.

Após a segunda fase, serão realizadas cinco reuniões on-line com a participação de representantes de 21 segmentos. A primeira delas acontece no dia 26 de outubro, às 19h, contemplando a dança, bandas marciais, música e canto coral. O trabalho está sendo abordado em cima de três aspectos: o diagnóstico, as diretrizes e o funcionamento do Sistema Municipal de Cultura. O plano vigente atual foi criado há 11 anos sendo decenal e, por isso, é necessário que agora seja realizada mais que uma revisão, ou seja, um processo de elaboração de um novo plano.

"Foi montada uma comissão dentro do Conselho Municipal de Cultura em 2019 para iniciar a construção do novo plano, mas em virtude da pandemia, esse trabalho precisou ser interrompido. Retomamos neste ano revisando aquilo que já havia sido feito antes da pandemia. A primeira fase foi um diagnóstico feito diretamente com os conselheiros representantes de cada segmento”, explica o presidente do IMC ressaltando que para esse ano as diretrizes do plano anterior foram prorrogadas.

Após a proposta do novo plano ser finalizada, ela será encaminhada ao Conselho Municipal de Cultura (CMC) para aprovação. Em seguida, deve ser apresentada uma minuta de projeto de lei para o prefeito, para que envie para a Câmara Municipal e seja votado. Como o plano atual é anexo de uma lei, somente por outra lei poderá ser modificado.

Petrópolis foi uma das primeiras cidades do Brasil a consolidar o seu Sistema Municipal de Cultura, um desdobramento do Sistema Nacional de Cultura, que é um instrumento de gestão compartilhada de políticas públicas de cultura entre os municípios e a sociedade civil. “É fundamental a participação do maior número de agentes culturais. Esse é um plano construído por muitas mãos”, completa o presidente do IMC.

Calendário de reuniões:

Link para acessar os encontros: https://meet.google.com/wcc-vcyz-ojk 

26 de outubro - 19h
- Segmento Dança;
- Segmento de Bandas Marciais;
- Segmento de Música;
- Segmento de Canto Coral;

27 de outubro - 19h
- Segmento Artes Visuais;
- Segmento de Artes Cênicas;
- Segmento de Artesanato;
- Segmento de Pontos de Cultura;

03 de novembro - 19h
- Segmento Audiovisual;
- Segmento de Produção Cultural;
- Segmento de Moda e Design;
- Segmento de Escola de Samba e Blocos Carnavalescos;

04 de novembro - 19h
- Segmento Cultura Germânica;
- Segmento de Culturas Populares e Indígenas;
- Segmento de Culturas afro-brasileiras, quilombolas e de matrizes africanas;
- Segmento de Cultura Urbana;
- Segmento de Cultura Literatura;

05 de novembro - 19h
- Segmento de Museus e Patrimônio Histórico-Cultural;
- Conselho Municipal de Patrimônio Histórico, Artístico e Arquitetônico;
- Conselho Municipal de Turismo;
- Conselho Municipal de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência;

Prefeitura de Petrópolis oferece atendimentos e palestras no Outubro Rosa

Nesta terça-feira (19) é celebrado o Dia Internacional da Luta Contra o Câncer de Mama. A data faz parte da campanha Outubro Rosa, que tem o objetivo de sensibilizar e informar a população sobre o câncer de mama, além de levar informações de tratamento sobre a doença para a redução da mortalidade. Durante todo o mês de outubro, a Prefeitura de Petrópolis realiza ações nos postos de saúde da cidade, palestras e mutirões de atendimentos com o objetivo de alertar as pessoas para os cuidados com a doença.

A médica ginecologista Tatiana Deola atua na rede de saúde de Petrópolis atendendo pacientes no Centro de Saúde Coletiva do Centro da cidade. Ela explica a importância da conscientização sobre o câncer de mama, pelo Outubro Rosa, além de abordar assuntos como causas, formas de prevenir e tratar a doença.“Essa comorbidade atinge a mama e pode se espalhar para o resto do corpo. É importante a conscientização para o diagnóstico precoce da doença”.

O tratamento da doença varia da fase em que a doença se encontra e do tipo do tumor. Tatiana explica algumas das formas de acompanhamento do câncer de mama: “Pacientes podem precisar de cirurgia associada com radioterapia, o tratamento pode ser com cirurgia para diminuição do tumor com quimioterapia antes da cirurgia, mas depende do estágio que a doença se encontra. O tratamento busca retirar a nodulação quando possível e pesquisar o linfonodo sentinela, que são as células malignas que ficam na região de drenagem das axilas”.

Ela aponta quais as formas de prevenção ao câncer de mama, relacionadas a mudança de hábitos: “Mudança do estilo de vida, redução do tabagismo, alimentação adequada, restrição de bebida alcoólica, diminuição do sedentarismo e maior ingestão de líquidos são alguns dos fatores que ajudam a prevenir o câncer. Mas não só isso. Também oferecem mais saúde e maior qualidade de vida”.

A ginecologista alerta o cuidado que as mulheres devem ter e que podem diagnosticar o câncer inicialmente por meio do autoexame: “Com essa ação a mulher pode identificar algum nódulo, alguma alteração na mama, e a partir daí, procurar o profissional adequado para o acompanhamento”. Ela ainda explica como deve ser feita a técnica: “A mulher no período fértil deve colocar uma mão atrás da cabeça. E com a mão oposta ela apalpa a mama de fora pra dentro, fazendo isso nos dois lados, pelo menos uma vez por mês”.

O câncer de mama ultrapassou o de pulmão em 2021 e se tornou o tipo mais frequente do planeta. No Brasil, a estimativa do Inca para 2021 é de 66 mil novos diagnósticos e mais de 18 mil mortes. Cerca de 1% dos casos acometem os homens. “Homens também devem se preocupar com a doença. É uma pequena porcentagem que tem câncer de mama, mas eles também devem manter todos os cuidados que são recomendados para as mulheres”, explica Tatiana.

Ações no Centro Administrativo, HAC e Dia D no próximo sábado

Durante todo o mês de outubro, a Prefeitura de Petrópolis realiza ações nos postos de saúde da cidade, palestras e mutirões de atendimentos com o objetivo de alertar as pessoas para os cuidados com a doença. Nesta segunda-feira (18) começou a programação de atividades no Centro Administrativo da Prefeitura para servidores e funcionários, com palestras de representantes da Associação Petropolitana de Pacientes Oncológicos (APPO) e da médica oncologista Ingrid Campos Moura.

Nesta terça-feira (19) foi a vez da nutricionista da Área Técnica de Alimentação e Nutrição, Thais Riguete, palestrar no local. Nesta quarta-feira (20), a partir das 14 horas, serão oferecidos a realização de testes rápidos de HIV, Sífilis e Hepatite B e C, assim como orientações em saúde. Na quinta-feira (21), a médica radiologista Karuline Catein será a palestrante do dia. Encerrando a programação no Centro Administrativo, na sexta-feira (22) o diretor das das Academias de Saúde, o professor Renato Farjalla, realizará um aulão de atividades físicas às 14 horas.

No próximo sábado, 23 de outubro, é o Dia D da Campanha do Outubro Rosa em Petrópolis. Em mais de 40 unidades de saúde do município serão realizadas educação em saúde, exame ginecológico com coleta de preventivo, solicitação de mamografia, realização de testes rápidos de Sífilis, HIV e Hepatites B e C, e atividades com as mulheres. A ação ocorre das 9h às 16h.

O Hospital Alcides Carneiro (HAC) é referência na rede pública em cirurgias oncológicas – com destaque para os procedimentos de mastectomia e reconstrução de mama e também no diagnóstico da doença. O mutirão para ultrassonografias de mama está sendo realizado aos sábados e domingos no hospital. Nos dias 21 e 22, será oferecido um almoço especial para pacientes internados e colaboradores. Além disso, nessas datas serão realizadas ações de conscientização, em parceria com os profissionais da APPO.

No dia D da campanha, em 23 de outubro, será realizado o mutirão de exames na unidade. Além da ultrassonografia de mama, serão ofertadas ultrassonografias transvaginais e cirurgias de reconstrução de mama. No dia 25 as pacientes internadas passarão por uma tarde de beleza, que incluirá cabelo e maquiagem. No hospital também haverá a distribuição de brindes para as pessoas internadas no hospital e na urgência.

O objetivo é divulgar e promover a cidade e seus atrativos turísticos nos principais destinos emissores do Brasil

Petrópolis esteve representada nesta quarta-feira (13/10) no primeiro encontro de negócios da ação promocional "O Rio Continua Lindo! E perto", promovida pela Setur-RJ, TurisRio e FecomércioRJ, no Rio Othon Palace, em Copacabana. Mais de trinta hotéis, cerca de 350 agentes de viagens e representantes de trinta e sete municípios e Conventions Bureau participaram do evento comercial “O Rio é de Vocês”, um dos pilares da campanha. A campanha promocional é realizada pela Secretaria de Estado de Turismo (Setur-RJ) e pela Companhia de Turismo do Estado do Rio de Janeiro (TurisRio), em parceria com Fecomércio, Associação de Hotéis do Rio de Janeiro (ABIH-RJ), grupo Multiplan e Riotur.

A Prefeitura de Petrópolis foi representada pelo secretário de Turismo que participou do evento, acompanhado de diretores e assessores da Turispetro, de representantes do Petrópolis Convention & Visitors Bureau (PC&VB) e integrantes do trade do município. "Reforçar e divulgar nossos atrativos é importante para fortalecer a cidade como destino, especialmente no pós-pandemia", lembrou o governo interino. "Nosso objetivo é divulgar e promover a cidade e seus atrativos em algumas das cidades escolhidas entre os principais destinos emissores do Estado. Petrópolis também estará representada nos próximos encontros", destacou.

Para o presidente do PC&VB, Petrópolis é uma das principais indutoras do turismo no Rio e no Brasil, um dos destinos potenciais para alavancar a visitação no Estado que é o objetivo da ação “O Rio Continua Lindo! E Perto”. "Nossa cidade, ainda no período pandêmico, virou referência em turismo sanitariamente seguro, um esforço de adaptação, bem sucedida, de todo o trade. É esse diferencial e potencial que o Petrópolis Convention e Visitors Bureau, participando da ação, leva às cidades que irão receber a programação", disse o dirigente.

Neste primeiro evento o espaço de Petrópolis foi muito visitado e pode mostrar todas as opções do rico patrimônio turístico da cidade desde o tradicional cultural, passando pelo de aventura e entretenimento. Além do PC&VB que apresentou os produtos e equipamentos de todos os seus associações, estiveram representando o trade da Cidade Imperial o Locanda, o Parador Santarém, a Casa de Petrópolis, o Jeep Tour, o Serra Brasilis, a BrioTur e a Associação de Guias de Turismo de Petrópolis (AGP).

Durante o encontro, que aproxima o trade turístico do Rio de Janeiro dos compradores dos principais mercados emissores, são apresentadas promoções e pacotes que têm como objetivo despertar o interesse dos consumidores. A próxima cidade a ser visitada pelo “O Rio é de vocês” é Ribeirão Preto (15/10), seguido por Campinas (28/10), Belo Horizonte (29/10), São Paulo (09/11), Distrito Federal (11/11) e Goiânia (25/11).

Pagina 9 de 252