Palestra será realizada nesta terça-feira (31.08) a parir das 10h

Encontro será realizado na Casa Cláudio de Souza

Aposentados e pensionistas do Instituto de Previdência e Assistência Social do Servidor Público do Município de Petrópolis (Inpas) poderão tirar suas dúvidas sobre o controle de epidemias e vacinação nesta terça-feira (31.07), a partir das 10h, na Casa Cláudio de Souza. O tema será desenvolvido pela médica Margarida Machado Gomes, especialista em saúde comunitária.

Principal viés dessa palestra, o Inpas busca dar aos idosos e pensionistas informações sobre a importância da vacinação, por exemplo, desmistificando o tema e suas muitas informações equivocadas. No encontro, a especialista vai tratar sobre a importância da imunização, focando em doenças que comumente atingem o público da terceira idade, como a gripe, por exemplo.

A atividade acontece dentro da programação do Café com Sabedoria, do projeto Conviver, que leva mensalmente palestras sobre os mais variados assuntos inerentes ao dia a dia dos aposentados e pensionistas. O objetivo é esclarecer e orientar no sentido de dar mais conhecimento e elevar a autoestima dos inativos por meio de atividades de seus interesses.

Com objetivo de esclarecer sobre o novo contrato da prefeitura com o banco Santander, o Instituto de Previdência e Assistência Social do Servidor Público do Município de Petrópolis (INPAS), oferece no próximo dia 31 de agosto, aos aposentados e pensionistas, uma palestra com a gerente geral, Alexandra Weinem, onde poderão tirar todas as dúvidas sobre esta mudança, que acontece em meados de setembro. O encontro está marcado no Projeto Conviver - INPAS, na Rua Dr. Alencar Lima, 35, sala 205 – Centro.

A palestrante irá apresentar todos os serviços que o banco oferece para os clientes, além dos benefícios que os aposentados poderão adquirir. Serão abordadas questões como a isenção de pacotes, créditos consignados, atendimentos diferenciados entre outros. Vale lembrar que se caso o servidor não quiser ter uma conta no Santander, ele tem o direito de fazer a portabilidade para outra instituição financeira.

“Achei este convite do Inpas um diferencial de serviço. Eles poderão ouvir e esclarecer as dúvidas de forma antecipada. Vamos realizar as ações de esclarecimento com pessoas, em cada secretaria, os aposentados e pensionistas terão esta palestra especialmente para eles”, contou a gerente Alexandra Weinem.

O evento faz parte da programação do Café com Sabedoria, do projeto Conviver, que leva mensalmente palestras sobre os mais variados assuntos inerentes ao dia a dia dos aposentados e pensionistas. É sempre bom ver a casa cheia de pessoas que buscam informações sobre os mais variados temas. O programa teme esse viés e o INPAS fica feliz em ver a adesão das pessoas todos os meses.

São cerca de 12 mil contas salário de servidores ativos, aposentados e pensionistas da administração direta e indireta do município – Secretaria de Saúde, Comdep, CPTrans e INPAS, que serão administradas pelo banco Santander nos próximos 5 anos. A instituição foi vencedora do processo de licitação e o contrato foi assinado em junho. O Santander assumirá a gestão das contas a partir de setembro.

A importância da vacinação foi uma das questões abordadas na palestra realizada pelo Instituto de Previdência e Assistência Social do Servidor Público do Município de Petrópolis (INPAS), na manhã desta terça-feira (31.07). Com o tema “Epidemias e formas de controle”, o encontro foi ministrado pela médica, especialista em saúde comunitária, Margarida Machado Gomes, na Casa Cláudio de Souza, em frente à Praça da Liberdade.

O ponto principal da palestra foi esclarecer e desmistificar mitos e mal-entendidos sobre as vacinas, além de conscientizar sobre o objetivo da imunização na prevenção de doenças graves. A palestra também esclareceu como a vacina age no organismo das pessoas, desde o feto, na barriga da mãe quando ela vacinada até os idosos. O intuito do evento foi conceder aos presentes, informações preventivas para disseminação entre familiares e amigos.

“Adesão dos idosos na vacinação e o entendimento sobre cada vacina é muito importante. A partir desta compreensão eles se tornam agentes disseminadores desses benefícios para os familiares e amigos. Os idosos têm receio em tomar vacinas, devido a mal-entendidos propagados por diversas pessoas do seu convívio. É importante esclarecer e desmistificar que a vacina não propicia gripe a eles, mas previne que elas evoluam para uma pneumonia, por exemplo”, explica a médica Margarida Machado Gomes, especialista em saúde comunitária.

O principal objetivo da vacina contra a gripe é prevenir doenças pulmonares graves. Ela é anual e, geralmente, indicada aos idosos, crianças até 5 anos de idade, profissionais de saúde, portadores de doença crônicas, entre outros grupos.

A aposentada Sueli de Souza assistiu a palestra e contou que todo o ano faz a imunização. “Vou ao Posto de Saúde perto da minha casa e tomo a vacina. Sempre divulgo para pessoas da família e amigos não só a vacina da gripe, mas todas as vacinas que nos previnem de tantas doenças. Acho muito importante estar imunizada e livre de maiores complicações”, disse.

 O evento faz parte da programação do Café com Sabedoria, do projeto Conviver, que leva mensalmente palestras sobre os mais variados assuntos inerentes ao dia a dia dos aposentados e pensionistas. “É sempre ver a casa cheia de pessoas que buscam informações sobre os mais variados temas. O programa teme esse viés e ficamos felizes em ver a adesão das pessoas todos os meses”, destacou o diretor-presidente do Inpas, Fernando Fortes.

Mais de 150 aposentados e pensionistas do município participaram da palestra de esclarecimentos sobre a nova gestão das contas-salário que será feita pelo Santander, em meados de setembro. Por conta do alto número de interessados, o Instituto de Previdência e Assistência Social do Servidor Público do Município de Petrópolis (INPAS) disponibilizou o espaço na próxima segunda-feira (03.09), a partir das 10h, para que representantes do banco possam tirar as últimas dúvidas dos servidores. O encontro faz parte do projeto Conviver, realizado pelo Instituto de Previdência e Assistência Social do Servidor Público do Município de Petrópolis (INPAS), na sede na Rua Dr. Alencar Lima, 35, sala 205 – Centro.

A palestra foi ministrada por quatro gerentes do banco Santander – Nelson Queiroz, Alexandra Weinem, Adriana Reis e Flávia Furtado.  O grupo apresentou o cronograma de todo o processo da mudança de gestão, os benefícios diferenciados e todas as propostas da unidade financeira para esta nova etapa. Os gerentes informaram que o banco está estudando um local para abrigar um posto de atendimento exclusivo para os servidores, no Centro da cidade. O espaço dará mais agilidade e conforto aos clientes para a realização do novo processo. A equipe lembrou também que os servidores poderão iniciar o processo de abertura de conta a partir do dia 17 de setembro até 17 de outubro.

“Queremos passar as informações de forma transparente e buscamos tirar todas as dúvidas para que o processo seja bem feito.Vale lembrar que se caso o servidor não quiser ter uma conta no Santander, ele tem o direito de fazer a portabilidade para outra instituição financeira. E estaremos à disposição para esclarecer todas as dúvidas”, explicou o gerente da agência Centro Petrópolis, Nelson Queiroz.

A aposentada Glória Coelho contou que estava ansiosa para saber como seria todo esse processo de mudança de banco. “Ainda bem que o Inpas ofereceu essa palestra. Achei muito boa e consegui tirar todas as minhas dúvidas”, contou Glória.

“Gostei muito da palestra. Ainda estou pensando se vou fazer portabilidade da minha conta, mas foi ótimo porque consegui entender todo o processo e estou mais tranquila agora”, contou a pensionista Luzia Magalhães.

São cerca de 12 mil contas salário de servidores ativos, aposentados e pensionistas da administração direta e indireta do município – Secretaria de Saúde, Comdep, CPTrans e INPAS, que serão administradas pelo banco Santander nos próximos cinco anos. A instituição foi vencedora do processo de licitação e o contrato foi assinado em junho. O Santander assume a gestão das contas a partir de setembro.

Garantida a pessoas com mais de 60 anos que tenham renda de até dois salários mínimos e possuem apenas o imóvel em que moram, a isenção do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) será o tema de palestra nesta sexta-feira (28.09) para aposentados e pensionista do INPAS. O assunto será abordado pela diretora do departamento jurídico da Câmara, Aline Xavier Borges.

O encontro está marcado para às 10h, no auditório do Instituto de Previdência e Assistência Social do Servidor Público do Município de Petrópolis, que fica no edifício Cinda, localizado no número 35 da Rua Alencar Lima. A sala é 311.

O tema é de grande relevância para o público do INPAS, que continua com dúvidas sobre esse assunto. O Instituto espera um auditório lotado para esclarecer qualquer ponto relacionado ao direito da isenção do IPTU.

A prefeitura também pagou 25% do 13º salário

Mais de 400 kits de higiene com máscara, álcool em gel, lenço, luva, sabonete e uma cartilha de prevenção ao coronavírus já foram entregues para aposentados e pensionistas do Instituto de Previdência e Assistência Social do Servidor Público do Município (Inpas). Ao todo serão 3.500 kits que chegarão às casas dos servidores. Eles também já receberam 25% do 13º salário. As ações fazem parte das medidas tomadas pelo instituto para proteger os aposentados e pensionistas da covid-19.

“Foi uma delicadeza muito grande termos recebido esses kits. Mas uma delicadeza necessária, essencial para os idosos. Um carinho especial da prefeitura pra gente”, agradeceu a professora aposentada Angela Maria Sanches. “O kit vai ser muito útil, principalmente o álcool em gel. Aqui em casa estamos tomando todas as precauções”, completou a professora Ana Paula Alves.

Além dos kits, que começaram a ser recebidos no último dia 30 – e serão todos entregues em 12 dias – R$ 2.857.952,59 já foram pagos para 3.412 aposentados e pensionistas, um adiantamento do 13º salário.

Vale ressaltar que as palestras do projeto “Café com Sabedoria” e a prova de vida estão adiadas temporariamente.

As formas de controle de epidemias serão abordadas em palestra aos aposentados e pensionistas do Instituto de Previdência e Assistência Social do Servidor Público do Município de Petrópolis (Inpas), no próximo dia 31 de julho, a partir das 10h, na Casa Cláudio de Souza. O tema será ministrado pela médica, especialista em saúde comunitária, Margarida Machado Gomes, e tem como principal intenção esclarecer e desmistificar o tema, principalmente aos mais velhos.

No encontro, a especialista vai tratar sobre a importância da imunização, focando em doenças que comumente atingem o público da terceira idade, como a gripe, por exemplo. Segundo a médica, muitas notificas falsas em torno do tema são difundidas, deixando os idosos com medo da vacinação – o método mais eficaz para evitar o agravamento do quadro viral.

“A intenção é fazer um bate-papo informal com os idosos, deixando claro, principalmente, qual o papel da vacina, como ela age no corpo e sua consequente atuação no nosso organismo. A imunização não evita, por exemplo, que a pessoa pegue uma gripe, mas ela impede um quadro mais grave da doença. Então, às vezes, as pessoas pensam que por conta de a vacinação ficarem doentes, mas não é isso o que acontece realmente”, explica Margarida.

A atividade acontece dentro da programação do Café com Sabedoria, do projeto Conviver, que leva mensalmente palestras sobre os mais variados assuntos inerentes ao dia a dia dos aposentados e pensionistas. O objetivo é esclarecer e orientar no sentido de dar mais conhecimento e elevar a autoestima dos inativos por meio de atividades de seus interesses.

O tema é de grande representatividade para os aposentados e pensionistas.

O rol de doenças para concessão de aposentadoria no Inpas foi incluído na alteração da Lei 7.353 que entrou em vigor esta semana após aprovação na Câmara dos Vereadores. A mudança segue fundamentos da legislação nacional e visa tornar efetivo e evitar dúvidas do servidor. A alteração da lei também estabelece o prazo de 90 dias para o requerimento de pensão por morte, atribui competência ao procurador-chefe do instituto e atualiza nomenclaturas que ficaram defasadas após a reforma administrativa.

“As mudanças na lei do Inpas tonaram mais claras a sua função, tornando o trabalho do instituto ainda mais efetivo. Uma comissão analisou a lei antiga e atualizou todas as informações, levando em consideração, entre outras coisas, a reforma administrativa, além de correções que precisavam ser feitas”, explica o diretor-presidente do Inpas, Fernando Fortes. A mudança da Lei foi pública no Diário Oficial da última terça-feira (12.12).

De acordo com a alteração, as doenças que entram na relação das que são levadas em conta para aposentadoria são: tuberculose ativa, hanseníase, alienação mental,esclerose múltipla, doença de Parkinson, doença de Huntington, doença de Alzheimer, hepatopatia grave,neoplasia maligna, cegueira, paralisia irreversível e incapacitante, cardiopatia grave, espondiloartrose anquilosante, nefropatia grave, estado avançado da doença de Paget (osteíte deformante), doença de Machado-Joseph, síndrome da deficiência imunológica adquirida (aids) ou contaminação por radiação,com base em conclusão da medicina especializada, sendo vedada interpretação extensiva.

Cerca de 50 idosos e pensionistas discutiram nesta sexta-feira (31.05) suas relações com a comunidade. O debate foi realizado durante o Café com Sabedoria, iniciativa do INPAS que reúne os servidores para ações de confraternização e conhecimento. Nessa edição, a coordenadora do Programa Petrópolis da Paz, Elsie-Elen Carvalho, abordou o tema “Comportamento Humano em Comunidade”.

O tema tratou sobre as questões comportamentais do indivíduo em comunidade. O destaque foi o modo com que as pessoas da terceira idade se comportam em sociedade, e como são vistas por outras pessoas. A palestrante Elsie-Elen, também falou do Programa Petrópolis da Paz, e a relevância da Câmara Pública para a resolução de conflitos em comunidade.

As palestras que acontecem mensalmente e tem como objetivo de conscientizar e auxiliar os idosos, sobre diversos assuntos. Além das informações oferecidas pelos palestrantes, a reunião é uma oportunidade de confraternização entre eles, é o espaço de reencontrar pessoas que trabalharam juntos por muitos anos.

A última atividade do Café com Sabedoria, que faz parte do Projeto Conviver, oferecido para os aposentados e pensionistas do Instituto de Previdência e Assistência Social do Servidor Público do Município de Petrópolis (INPAS), aconteceu nesta sexta-feira (29.11), com uma grande confraternização.

Durante o Café, o aposentado Ivair Arthur Kaippert recitou uma poesia em homenagem à chefe da Divisão de Educação Previdenciária, Bernardete Gonçalves Bastos. “Agradeço o acolhimento que sempre recebo aqui e não tenho palavras por tudo o que fizeram por mim durante todo o ano, sempre com muito carinho”, destacou Bernardete.

“Eu adoro vir nas palestras, pois aqui é uma oportunidade de socializar, fazer e rever amizades, sem falar que os temas oferecidos são enriquecedores para o nosso dia-a-dia”, frisou a aposentada da educação, Ana Cristina Mussel Kaippert.


Pagina 1 de 8