Trinta monitores multiparamétricos e dez camas fowler foram entregues ao Hospital Alcides Carneiro, na manhã desta terça-feira (06), pelo prefeito Rubens Bomtempo. Num investimento de R$ 1 milhão, os equipamentos chegam para substituir aparelhos alugados instalados na unidade. A estimativa é de uma economia de, aproximadamente, R$ 140 mil mensais, o que representa uma média de R$ 1,7 milhões por ano.

“Hoje é um dia importante, onde estamos dando mais um passo na recuperação do nosso hospital. São equipamentos de ponta que vão garantir um atendimento cada vez melhor, mais humano e mais seguro para os nossos pacientes. Porém, também é fundamental agradecermos a cada um dos funcionários da unidade, que trabalham com prazer e se dedicam, de fato, ao hospital. Celebram cada uma das conquistas”, disse o prefeito Rubens Bomtempo. Os equipamentos vão atender aos pacientes internados em UTI de adultos, Unidade Pós-Cirúrgica (UPC) e na sala vermelha do posto de urgência da unidade.

Os novos monitores multiparamétricos permitem uma leitura completa em telas coloridas dos sinais vitais dos pacientes em tempo real, além de contarem com dois parâmetros a mais que os comumente utilizados - a capnografia e a pressão invasiva, fornecendo ainda mais informações para as equipes assistenciais. Estes equipamentos irão compor ainda uma central de monitorização em cada um destes setores, possibilitando o acompanhamento remoto por médicos e enfermeiros mesmo à distância.

Já as novas camas fowler eletrônicas, por sua vez, são leitos equipados com quatro motores que realizam movimentos específicos, oferecendo um maior conforto tanto para os pacientes quanto para os profissionais de saúde em diversas situações e procedimentos de urgência. O equipamento conta ainda com cabeceiras, pezeiras, grades, para-choques de proteção e rodízios adequados para o traslado dos pacientes de forma mais segura e estável, alem de um reforço no chassi que aumenta a capacidade de peso suportada, podendo atender pacientes com até 250 quilos.

A previsão, de acordo com o diretor presidente do Serviço Social Autônomo do Hospital Alcides Carneiro (Sehac), Ricardo Patuléa, é de que mais 29 monitores do tipo sejam na unidade ainda na próxima semana. “A aquisição de novos equipamentos segue determinação do prefeito Rubens Bomtempo, que é a redução de custos, porém com qualidade no atendimento dos pacientes. Quando chegamos, em dezembro de 2021, encontramos o hospital funcionando com uma série de equipamentos alugados. Fizemos um planejamento para que, ao longo do ano, eles fossem substituídos e estamos conseguindo”, destaca.

O vice-prefeito Paulo Mustrangi, o secretário de Obras, Ronaldo Ramos, o diretor do HAC, João José Cruz de Paula, assim como os coordenadores da UTI e UPC do hospital, médico Luiz Eduardo Fontes e a enfermeira Denise Maria Marques Costa, além de funcionários da unidade também acompanharam a entrega dos equipamentos.

Durante a entrega dos equipamentos, Bomtempo destacou que ainda neste ano, a unidade será contemplada com mais importantes conquistas. “Outras grandes melhorias também estão previstas para acontecer ao longo do próximo ano”, complementa.

[09:43, 04/12/2022] +55 24 99322-3315: Duzentos e vinte testes para HIV, sífilis, hepatite B e hepatite C foram realizados pelas equipes da Área Técnica de IST/AIDS, no primeiro dia da Campanha Dezembro Vermelho, de enfrentamento ao vírus HIV, a Aids e outras ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis). O primeiro dia da mobilização realizada pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, aconteceu na Praça da Inconfidência. A programação se estende até o fim do mês.

Os testes foram realizados por 55 pessoas que passaram pelo local, onde também aconteceu a distribuição de preservativos masculinos e material informativo. “São ações importantes que contribuem para a detecção precoce das doenças e, consequentemente, para o início do tratamento. Estando em praça pública, que são pontos estratégicos, é mais fácil chegarmos ao nosso público alvo”, disse o prefeito Rubens Bomtempo.

Na programação, de acordo com o secretário de Saúde, Marcus Curvelo, estão incluídas palestras, mobilizações em associações de moradores com as equipes dos Postos de Saúde das comunidades, assim como um cine debate, após a exibição do filme “Carta Além dos Muros”, marcado para o dia 16 de dezembro, no auditório do DIP, na Rua Paulino Afonso.

“Em Petrópolis, de acordo com dados do Departamento de Vigilância Epidemiológica, foram diagnosticados 92 casos de HIV em 2021. Já até o fim de novembro de 2022, foram 42 novas confirmações. O perfil das pessoas diagnosticadas é predominantemente formado por homens. Enquanto no ano passado a faixa etária predominante ficou entre os 20 e 30 anos, em 2022 foi de 31 aos 40 anos”, explica Marcus Curvelo.

O serviço de testagem é oferecido por demanda espontânea na Área Técnica de IST/AIDS, na Rua Paulino Afonso, 455, centro, onde também é realizado o acompanhamento das pessoas diagnosticadas com o vírus. Os atendimentos acontecem de segunda a sexta-feira de 8h às 16h30 e na quinta-feira o horário é estendido até às 19h30. As unidades de atenção básica também oferecem testes rápidos para HIV e outras IST na rotina.
[13:41, 04/12/2022] +55 24 99917-6008: Copa do Mundo: Prefeitura edita novo decreto para fases eliminatórias

A Prefeitura edita novo decreto para o funcionamento das repartições públicas nos dias de jogos da Seleção Brasileira pela Copa do Mundo FIFA Catar 2022. Na briga pelo hexacampeonato, o Brasil joga nesta segunda-feira (5), às 16h, contra a Coreia do Sul. Depois, poderá passar por quartas-de-final, semifinal e a decisão do campeonato.

O novo decreto estabelece que, quando o jogo for ao meio-dia, haverá ponto facultativo. No caso de jogos às 16h, o expediente será de 8h às 12h. Ficam excluídos da medida serviços públicos essenciais, que não admitem paralisação.

A medida foi publicada no Diário Oficial do dia 1º de dezembro.

Rodas de conversa, oficinas de pintura, exposições, entre outras ações aconteceram na Praça de Nogueira, em uma grande mobilização realizada pela Prefeitura dentro da programação dos 16 Dias de Ativismo pelo fim da Violência contra as Mulheres. O evento reuniu o Centro de Referência em Atendimento à Mulher (Cram), Secretaria de Saúde e Secretaria de Assistência Social, entre outros órgãos do governo municipal, assim como o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim).

"Toda a Prefeitura está engajada nesta mobilização, cujo objetivo maior é promover a conscientização e sensibilizar não só os homens, mas de toda a sociedade sobre a violência contra as mulheres, sejam elas crianças, adolescentes ou adultas. Só assim, garantindo a intersetorialidade e trazendo a sociedade para o debate é possível contribuir no combate a violência doméstica", disse o prefeito Rubens Bomtempo.

Elaboramos uma programação extensa. Até o dia 16 de dezembro, junto com todo o governo, estaremos atuando de forma ainda mais intensa com o objetivo de garantir que a conscientização se alastre por toda a cidade e alcance, principalmente, as mulheres que estejam passando por algum tipo de violência. Dessa forma, elas irão perceber que não estão sozinhas, pois contam com uma rede de proteção ativa no município", frisa a secretária Chefe de Gabinete, Luciane Bomtempo.

O Dia D da programação dos 16 Dias de Ativismo está marcado para 8 de outubro. Na ocasião, uma grande mobilização será realizada na Praça Dom Pedro e além de instituições que integram a rede de proteção à mulher, outros órgãos do município, também estarão no local realizando atividades de conscientização. Neste mesmo dia, postos de saúde estarão abertos, promovendo palestras com o tema "Violência nas Unidades de Saúde", lembra Luciane Bomtempo.

"Conheci o Cram quando vivia um momento complicado da minha vida. Fui acolhida com carinho e continuo sendo atendida pelo órgão. Ações como essa precisam ser cada vez mais difundidas na nossa cidade para que mais mulheres tenham a oportunidade de saber onde está a ajuda", disse a artista de 24 anos, Victoria Gabriele.

Os 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres é uma campanha anual e internacional, que começou em 25 de novembro - Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra as Mulheres - e segue até 16 de dezembro. O movimento é uma estratégia de mobilização de indivíduos e organizações, em todo o mundo, para engajamento na prevenção e na eliminação da violência contra as mulheres e meninas.

A Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde vai ampliar o público alvo da vacina Pfizer Baby, contra a covid-19. A partir da próxima segunda-feira (05), todas as crianças com idade entre os seis meses a menores de três anos, com ou sem comorbidades, poderão ser imunizadas contra o coronavírus.

A aplicação das doses vai acontecer de segunda-feira a sexta-feira, de forma itinerante e em dias alternados nas sete salas de vacinação disponibilizadas pela Prefeitura, entre o Quitandinha e a Posse. Os atendimentos serão realizados por livre demanda, sem agendamento, porém será necessário observar o calendário montado pela equipe da Divisão de Imunização da Secretaria de Saúde.

“Recebemos um lote de 410 doses destinadas a crianças dessa faixa etária com comorbidades, porém, depois de 10 dias da vacinação aberta para este público, até a manhã desta quinta-feira (01), apenas 50 bebês haviam sido levadas aos postos. Por isso, decidimos fazer essa ampliação e garantir que um maior número de crianças esteja protegido”, disse o prefeito Rubens Bomtempo.

O esquema vacinal dos bebês é composto por três doses do imunizante. O intervalo entre a primeira e a segunda aplicação é de quatro semanas. Já a terceira dose deve ser aplicada após dois meses, ou seja, oito semanas. “A vacinação itinerante é importante para evitarmos a perda do imunizante e deverá seguir dessa forma até o envio de novas doses pelo Estado que, por sua vez, depende do Ministério da Saúde. Ou seja, ainda não temos previsão de receber novos lotes para o atendimento desse público”, explica o secretário de Saúde, Marcus Curvelo.

Confira o calendário e locais de vacinação:

05/12
Centro de Saúde Coletiva

06/12
Unidade Básica de Saúde do Morin

07/12
Unidade Básica de Saúde Quitandinha

08/12
Unidade Básica de Saúde Itaipava

09/12
Centro de Saúde do Itamarati

12/12
Unidade Básica de Saúde Posse

13/12
Centro de Saúde Coletiva

14/12
Unidade Básica de Saúde Quitandinha

15/12
PSF Menino Jesus de Praga

16/12
Centro de Saúde Itamarati

O Seminário Violência contra as Mulheres – 16 Dias de Ativismos pelo fim da Violência Contra as Mulheres, reuniu palestrantes renomados em um grande evento promovido pela Prefeitura, na terça-feira (30), por meio da Secretaria de Saúde, junto com o Centro de Referência em Atendimento a Mulher (CRAM) e Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (COMDIM).

Voltado, principalmente, para profissionais de saúde, no seminário – realizado no auditório da Unifase, na Avenida Barão do Rio Branco - foram debatidos temas importantes relacionados os diferentes tipos de violência contra mulher, incluindo formas de acolhimento e notificação dos casos. A expectativa de acordo com a secretária chefe de gabinete e presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (Comdim), Luciane Bomtempo, é a de que as mulheres tenham saído do evento ainda mais sensibilizadas e contribuindo, de fato, para a conscientização de todos.

“Buscamos a eliminação da violência contra a mulher, pois é pelo fim dela que precisamos trabalhar. Iniciamos essa luta no ano de 2001 e, desde então, garantimos importantes avanços para as mulheres da nossa cidade. Petrópolis, por exemplo, foi um dos primeiros municípios a ganhar um Centro de Referência em Atendimento à Mulher – CRAM, assim como o Ônibus Lilás, o que demonstra o nosso comprometimento com esta causa”, disse Luciane Bomtempo.

Os secretários de Saúde, Marcus Curvelo, de Administração e Recursos Humanos, Ramon Melo, Coordenador Especial de Articulação Institucional, Rafael Simão, assim como a coordenadora do CRAM, Thaís Gomes, a representante da equipe técnica da Sala Lilás, Desirré Mathias e o professor Abílio Aranha, coordenador de Ensino da Unifase, também participaram do seminário. “Com profissionais mais conscientes e preparados, será mais fácil identificar e auxiliar mulheres que chegam as unidades de saúde e precisam ser melhor acolhidas. Mas, além disso, este seminário reforça que são diversos tipos de violência, até mesmo as institucionais, tanto no campo público como no privado. A principal delas, inclusive, é o assédio moral. Todas precisam ser combatidas”, disse Curvelo.

No Seminário Violência contra as Mulheres foram apresentados os temas “Marcos Legais Protetivos e a Rede de Enfrentamento à Violência Contra Mulheres”, ministrada pela assistente social e especialista em políticas públicas, Marisa Chaves; “Metodologia de Atendimento às Mulheres: Escuta Ativa e Sensível”, pela assistente social, funcionária pública da Polícia Civil, e especialista em Gênero e Direito pela Emerj, Lúcia Torres e “Notificação Compulsória e seus Impactos para o Enfrentamento à Violência Contra Mulheres”, com a enfermeira Mayara Alves Luis, Consultora Técnica da Organização Pan-Americana da Saúde.

A chegada de novos lotes da vacina contra a covid-19 está permitindo que a Prefeitura amplie o número de postos de vacinação. Assim como já acontece com a influenza, a partir da tarde desta quarta-feira (30) as doses contra o coronavírus, estarão sendo ofertados nos postos volantes montados nos terminais rodoviários do município.

No terminal do Centro, o posto volante está montado em um espaço da Casa do Trabalhador e funciona de segunda-feira a sexta-feira, das 12h30 às 16h30. Os postos itinerantes, implantados nos terminais do Itamarati, Corrêas e Itaipava, funcionam neste mesmo horário, porém em dias alternados.

“Estamos acompanhando um aumento no número de casos positivos de covid-19 registrados nas últimas semanas e está claro que as pessoas que estão agravando com a doença, são aquelas que não iniciaram ou estão com o ciclo vacinal incompleto, assim como as crianças. É fundamental que todos sejam vacinados e, por isso, pedimos que pais e responsáveis levem seus filhos aos postos”, disse o prefeito Rubens Bomtempo.

O secretário de Saúde, Marcus Curvelo, destaca que a Divisão de Imunização da Secretaria de Saúde está com os estoques de vacinas contra a covid-19 normalizado. “Temos imunizantes para o atendimento de todos os públicos, inclusive, a Pfizer baby, destinada a bebês de seis meses até menores de três anos, assim como a Coronavac, para crianças de 3 e 4 anos. É extremamente importante que as pessoas se vacinem”, frisa Curvelo.


Confira o calendário dos Postos Volantes:

Segunda-feira a sexta-feira – Terminal Centro
Segunda-feira – Terminal Itamarati
Terça-feira – Corrêas
Quarta-feira – Itaipava
Quinta-feira – Corrêas
Sexta-feira – Itamarati/Itaipava

A Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde está, mais uma vez, ampliando o número de locais de vacinação contra a influenza, em Petrópolis. Agora, além do posto volante montado no terminal do Centro, outra estrutura está sendo disponibilizada e vai funcionar de forma itinerante, nos terminais do Itamarati, Corrêas e Itaipava.

Mantendo os horários de 12h30 às 16h30 – com exceção dos dias de jogos da seleção brasileira, quando as estruturas funcionarão de 8h às 11h – os postos itinerantes vão funcionar de segunda-feira a sexta-feira, em dias alternados. “Com a instalação desses novos locais, queremos aumentar a cobertura vacinal de toda a população. A vacina contra a influenza está disponível para todo o público acima dos seis meses de vida”, disse o prefeito Rubens Bomtempo.

“Com essa logística, sem dúvida, estamos facilitando a assistência e atendimento à população. No terminal do Centro, onde o fluxo de pessoas é mais intenso, o posto volante será montado de segunda a sexta-feira, enquanto nos outros três funcionarão em dias alternados”, explica o secretário de Saúde, Marcus Curvelo.

A medida foi determinada pelo prefeito Rubens Bomtempo. Também está sendo estudada a possibilidade de levar, também, os imunizantes contra a covid-19, com o intuito de facilitar o acesso dos pacientes que porventura tenham dificuldades de chegar aos postos.

Confira o calendário:

Segunda-feira – Terminal Itamarati
Terça-feira – Corrêas
Quarta-feira – Itaipava
Quinta-feira – Corrêas
Sexta-feira – Itamarati/Itaipava

Imunização está sendo realizada mediante agendamento para evitar perda de doses

Quarenta e quatro bebês com comorbidades ou com deficiência permanente foram imunizados contra a covid-19, em Petrópolis, até a manhã desta terça-feira (29). A vacinação desse público começou a ser realizada pela Prefeitura no último dia 21 de novembro e está sendo realizada mediante agendamento, para evitar a perda de doses, já que o município recebeu apenas 410 delas.

“A vacinação é fundamental tanto para a proteção das nossas crianças quanto de toda a população. O agravamento da doença tem sido percebido em pessoas não vacinadas ou com o ciclo vacinal incompleto. No caso dos bebês com comorbidades e com deficiência, eles estão ainda mais vulneráveis ao vírus. Por isso, é essencial que pais e responsáveis levem seus bebês aos postos”, disse o prefeito Rubens Bomtempo.

O agendamento para aplicação da vacina deve ser feito através dos telefones: (24) 2233-2674 ou pelo whatsapp: (24) 99220-2104. Para receber o imunizante, pais e responsáveis precisam comprovar a comorbidade e deficiência permanente da criança. As informações serão solicitadas pela equipe da Divisão de Imunização no momento dos agendamentos e os comprovantes apresentados no momento da aplicação da vacina. O novo público receberá três doses. Porém, será necessário realizar um intervalo de quatro semanas da primeira para a segunda dose e de oito semanas para a terceira.

“O agendamento é importante porque as vacinas têm prazo de validade e após o descongelamento, os imunizantes da Pfizer, por exemplo, só duram 31 dias. Como recebemos um lote pequeno, a preocupação é com a falta de doses para atender a esse novo público”, disse.

Com o objetivo de facilitar o acesso da população as vacinas contra a influenza, a Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, está disponibilizando mais um ponto de imunização. Desde a tarde desta quarta-feira (23), petropolitanos que queiram iniciar ou regularizar os esquemas vacinais contra a gripe, poderão recorrer ao posto volante montado no Terminal Rodoviário do Centro.

A medida foi determinada pelo prefeito Rubens Bomtempo e para garantir o funcionamento do posto volante, uma equipe do Centro de Saúde Coletiva está sendo remanejada para o local. O espaço vai funcionar de segunda-feira a sexta-feira, das 8h30 às 16h30. “A intenção é realizar uma melhor abordagem, visando abranger ainda mais a cobertura vacinal no município. Estamos estudando a possibilidade de levar, também, os imunizantes contra a covid-19, pois queremos garantir o acesso dos pacientes que porventura tenham dificuldades de chegar aos postos”, explica o prefeito.

“Estruturamos uma equipe volante para facilitar a assistência e atendimento à população. Escolhemos o Terminal do Centro devido ao fluxo de pessoas, que é intenso na região. Enquanto isso, a população também conta com outras salas espalhadas pelo município. É preciso ressaltar que a vacinação é um pacto social e coletivo.”, frisa o secretário de Saúde, Marcus Curvelo.

A campanha Novembro Azul, de conscientização ao câncer de próstata terá mais um Dia D, em Petrópolis. Neste sábado (26), a Prefeitura irá manter 32 unidades, entre elas os Centro de Saúde Coletiva e do Itamarati, assim como o Hospital Alcides Carneiro, abertas para receber o público alvo. A mobilização, realizada pela Secretaria de Saúde por meio da Área Técnica de Saúde do Homem, conta com palestras abordando diferentes temas relacionados ao público masculino entre outras ações de conscientização, estarão sendo oferecidos.

“É fundamental levar informação, orientação e conscientização sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de próstata e dos cuidados com a saúde de uma maneira geral. Nossa intenção é que no próximo ano a campanha seja ainda maior, pois, só assim conseguiremos alcançar o maior número de homens, que nesta ação são o nosso público alvo.”, disse o prefeito Rubens Bomtempo.

O secretário de saúde Marcus Curvelo, destaca que durante todo o ano as equipes da Secretaria de Saúde realizam uma série de ações que contribuem de forma direta ou indireta para a saúde do homem. A programação do Novembro será encerrada no domingo e para atrair nosso público alvo, que são os homens, tivemos a adesão de clubes de carros antigos, do Encontro Dominical Automotivo.

“Das 9h às 13h, as equipes da Saúde estarão fazendo a distribuição de panfletos, conversando com a população e passando orientações sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de próstata. Cerca de 30 veículos antigos, como Fuscas, Chevettes e Opalas, estarão expostos no local. Essa é uma forma de conseguir alcançar o público masculino”, destaca o secretário.

Pagina 1 de 304