O Balcão de Emprego da Prefeitura, que é coordenado pelo Departamento de Trabalho e Renda (Detra), da Secretaria de Desenvolvimento Econômico está oferecendo 11 vagas essa semana. Caso o candidato tenha alguma dúvida ou interesse pode procurar o atendimento presencial no Detra, que fica na Dr. Porciúncula 75, Centro. O telefone para contato é o 2246-8942.

Para que o candidato possa pleitear uma das vagas é necessário que o cadastro e o currículo também estejam atualizados, para que as empresas possam fazer o contato correto com aquelas pessoas que possuam o perfil para a oportunidade ofertada. Essa atualização é feita diretamente no site da prefeitura www.petropolis.rj.gov.br/e-gov/sde/balcao_de_empregos/candidatos/add/.

Os empresários interessados em oferecer vagas de emprego podem disponibilizar as vagas, de forma gratuita, diretamente no site da prefeitura www.petropolis.rj.gov.br/e-gov/sde/balcao_de_empregos/empresas/index. Basta fazer o cadastro e informar a vaga.

Vale ressaltar que a prefeitura é responsável apenas pela divulgação das vagas e os encaminhamentos dos candidatos para processo seletivo. Sendo assim, fica a cargo do empregador a responsabilidade pelas entrevistas e possíveis contratações. As seis vagas disponíveis desta semana são essas:

1. Gerente Administrativo / Ambos os sexos / Uma vaga / Faixa Etária de 23 a 40 anos / Ensino Superior / Experiência em CTPS

2. Administrador / Ambos os sexos / Uma vaga / Faixa Etária de 23 a 40 anos / Ensino Superior / Experiência em CTPS

3. Técnico Eletricista / Ambos os sexos / Uma vaga / Faixa Etária de 25 a 45 anos / Ensino Médio / Experiência em CTPS de 2 anos / CNH B

4. Assistente Administrativo / Ambos os sexos / Uma vaga / Faixa Etária de 23 a 40 anos / Ensino Superior / Experiência em CTPS

5. Operador de Caixa / Masculino / Uma vaga / Faixa Etária de 20 a 50 anos / Ensino Médio / Experiência em CTPS de 6 meses

6. Recepcionista de Hotel / Ambos os sexos / Uma vaga / Faixa Etária de 25 a 55 anos / Ensino Médio / Experiência em CTPS de 6 meses

7. Jardineiro / Masculino / Uma vaga / Faixa Etária de 30 a 50 anos / Ensino Médio / Experiência em CTPS de 6 meses

8. Mecânico de Refrigeração / Ambos os sexos / Uma vaga / Faixa Etária de 20 a 45 anos / Ensino Médio / Experiência em CTPS de 1 anos / CNH B

9. Auxiliar de Corte / Ambos os sexos / Uma vaga / Faixa Etária de 25 a 40 anos / Ensino Médio / Experiência em CTPS de 1 ano

10. Auxiliar de Escritório / Feminino / Uma vaga / Faixa Etária de 25 a 45 anos / Ensino Médio / Experiência em CTPS de 2 anos

11. Assistente de Laboratório / Ambos os sexos / Uma vaga / Faixa Etária de 23 a 40 anos / Ensino Superior / Experiência em CTPS

Também estão disponíveis vagas para pessoas com deficiência

Boa notícia para quem procura uma oportunidade de retornar ao mercado de trabalho. O Balcão de Emprego da Prefeitura, que é coordenado pelo Departamento de Trabalho e Renda (Detra), da Secretaria de Desenvolvimento Econômico está oferecendo 34 vagas e algumas destinadas a pessoas com deficiência. Há oportunidades em diversos setores. Caso o candidato tenha alguma dúvida ou interesse pode procurar o atendimento presencial no Detra, que fica na Dr. Porciúncula 75, Centro. O telefone para contato é o 2246-8942.

"Uma das metas da minha gestão é alavancar a economia e a geração de emprego. Temos contactado as empresas petropolitanas para que as mesmas utilizem o Balcão de Empregos. O serviço une quem precisa de mão de obra, nas mais diferentes áreas, e quem busca uma oportunidade no mercado", lembra o governo interino, acrescentando que empresários interessados em oferecer vagas de emprego podem disponibilizar as vagas, de forma gratuita, diretamente no site da prefeitura www.petropolis.rj.gov.br/e-gov/sde/balcao_de_empregos/empresas/index. Basta fazer o cadastro e informar a vaga.

Para que o candidato possa pleitear uma das vagas é necessário que o cadastro e o currículo também estejam atualizados, para que as empresas possam fazer o contato correto com aquelas pessoas que possuam o perfil para a oportunidade ofertada. Essa atualização é feita diretamente no site da prefeitura www.petropolis.rj.gov.br/e-gov/sde/balcao_de_empregos/candidatos/add/.

Vale ressaltar que a prefeitura é responsável apenas pela divulgação das vagas e os encaminhamentos dos candidatos para processo seletivo. Sendo assim, fica a cargo do empregador a responsabilidade pelas entrevistas e possíveis contratações. As seis vagas disponíveis desta semana são essas:

1. Armazenista / Ambos os sexos / Uma vaga / Faixa Etária de 25 a 60 anos / Ensino Médio Completo / Experiência de 6 meses

2. Operador de Caixa (PCD) / Ambos os sexos /Uma vaga / Faixa Etária de 25 a 60 anos / Ensino Fundamental / Experiência de 6 meses

3. Recepcionista de Hotel / Feminino / Uma vaga / Faixa Etária de 40 a 50 anos / Ensino Superior Incompleto / Experiência de 6 meses

4. Auxiliar de Manutenção / Masculino / Uma vaga / Faixa Etária de 22 a 45 anos / Ensino Médio / Experiência de 1 ano

5. Auxiliar de Produção (PCD) / Masculino / Uma vaga / Faixa Etária de 18 a 38 anos / Ensino Médio Completo

6. Atendente de Loja / Ambos os sexos / Duas vagas / Faixa Etária de 20 a 60 anos / Ensino Médio Completo / Experiência de 6 meses

7. Jardineiro / Masculino / Uma vaga / Faixa Etária de 30 a 50 anos / Ensino Fundamental / Experiência de 6 meses / CNH B

8. Torneiro Mecânico / Masculino / Uma vaga / Faixa Etária de 20 a 60 anos / Ensino Médio / Experiência de 1 ano / CNH

9. Operador de Máquina / Masculino / Uma vaga / Faixa Etária de 25 a 60 anos / Ensino Médio / Experiência de 1 ano

10. Auxiliar de Corte / Ambos os sexos / Uma vaga / Faixa Etária de 25 a 40 anos / Ensino Médio / Experiência de 1 ano

11. Costureiro / Ambos os sexos / Dez vagas / Faixa Etária de 18 a 55 anos / Ensino Fundamental / Experiência de 6 meses

12. Operador de Máquina CNC / Feminino / Uma vaga / Faixa Etária de 18 a 60 anos / Ensino Médio / Experiência de 1 ano

13. Motoboy / Masculino / Duas vagas / Faixa Etária de 30 a 40 anos / Ensino Fundamental / Experiência de 1 ano / CNH AB

14. Faccionista / Ambos os sexos / Dez vagas / Faixa Etária de 30 a 40 anos / Ensino Fundamental / Experiência de 1 ano

Dados são do Caged - Cadastro Geral de Empregados e Desempregados

Com saldo de 463 empregos em setembro (considerando admissões e demissões), o Caged - Cadastro Geral de Empregados e Desempregados – do Ministério do Trabalho e Previdência, mostra que o mercado de trabalho em Petrópolis continua registrando alta na geração de empregos. A variação positiva chega ao quarto mês consecutivo, acompanhando a média nacional que também registrou saldo positivo de 313.902 postos de trabalho. Importante destacar, ainda, que o número supera o registrado em fevereiro de 2020 – antes da pandemia - quando o Caged divulgou o saldo de 452 vagas.

Desde janeiro, a cidade contabiliza 1.930 novas contratações. “A recuperação da economia está ligada diretamente ao avanço da vacinação eficiente do município. Aos poucos, o mercado de trabalho está aquecendo, mostrando uma perspectiva mais positiva. estamos trabalhando para alcançarmos os índices de emprego anteriores ao da pandemia e buscando atrair novos investimentos”, afirma o governo interino.

Segundo o Caged, o setor que mais criou vagas em setembro foi o de serviços, com 260 novas oportunidades, uma variação de 0,87%. Em seguida, Indústria, com mais 100 contratações, uma variação de 0,94%; já o Comércio, constatou 58 novos postos, uma variação de 0,34% e o setor de construção, registrou a criação de 45 vagas no mês de setembro, uma variação relativa de 1,94%.

“É uma informação importante que mostra uma perspectiva positiva para os empresários da cidade, sobretudo nessa época de final de ano, quando há uma tendência no aumento do número de vagas, principalmente no setor de serviços. Felizmente também há aumento na oferta de vagas em outros setores cruciais como indústria e construção o que mostra que Petrópolis está no caminho certo”, confirma o secretário de Desenvolvimento Econômico, acrescentando que os números na geração de emprego do município já ultrapassam os período pré-pandemia. “Claramente conseguimos perceber um patamar diferenciado e muito esperado pelos setores nesse período de recuperação econômica”, completou.

Saldo positivo de 1.930 vagas desde janeiro

Contabilizando desde janeiro de 2021, o saldo positivo é de 1.930 novas contratações, com destaque para a área de Serviços que gerou 810 vagas, (variação de 2,75%); Comércio - 533 novos postos (variação de 3,25%); Construção com saldo positivo de 326 vagas (com a maior variação relativa, de 16.03%) e, seguida por Indústria, com 249 postos (2,36% de variação) e Agropecuária, com 12 vagas (variação de 2,96%).

O Balcão de Emprego da Prefeitura, que é coordenado pelo Departamento de Trabalho e Renda (Detra), da Secretaria de Desenvolvimento Econômico está oferecendo cinco vagas essa semana. Caso o candidato tenha alguma dúvida ou interesse pode procurar o atendimento presencial no Detra, que fica na Dr. Porciúncula 75, Centro. O telefone para contato é o 2246-8942.

Para que o candidato possa pleitear uma das vagas é necessário que o cadastro e o currículo também estejam atualizados, para que as empresas possam fazer o contato correto com aquelas pessoas que possuam o perfil para a oportunidade ofertada. Essa atualização é feita diretamente no site da prefeitura www.petropolis.rj.gov.br/e-gov/sde/balcao_de_empregos/candidatos/add/.

Os empresários interessados em oferecer vagas de emprego podem disponibilizar as vagas, de forma gratuita, diretamente no site da prefeitura www.petropolis.rj.gov.br/e-gov/sde/balcao_de_empregos/empresas/index. Basta fazer o cadastro e informar a vaga.

Vale ressaltar que a prefeitura é responsável apenas pela divulgação das vagas e os encaminhamentos dos candidatos para processo seletivo. Sendo assim, fica a cargo do empregador a responsabilidade pelas entrevistas e possíveis contratações. As seis vagas disponíveis desta semana são essas:

1. Engenheiro de Produção (Estagiário) / Masculino / Uma vaga / Faixa Etária de 21 a 25 anos / Ensino Superior a partir do 6º Período

2. Psicopedagogo / Ambos os sexos / Uma vaga /Faixa Etária de 30 a 60 anos / Ensino Superior / Experiência de 6 meses

3. Operador de Máquina CNC / Ambos os sexos / Faixa Etária de 18 a 60 anos / Ensino Médio / Experiência em CTPS

4. Auxiliar de Manutenção Predial / Masculino / Faixa Etária entre 22 e 45 anos / Ensino Médio / Experiência em CTPS de 1 ano

5. Estagiário / Ambos os sexos / cursando Nível Superior (Arquitetura ou Eng. Civil) / Experiência será um diferencial

O governo interino esteve reunido hoje (21/10) com o secretário Estadual de Trabalho e Renda, alinhando melhorias e investimento para aqueles que buscam inserção, reinserção e manutenção do trabalhado. A Casa do Trabalhador de Petrópolis será polo da Região Serrana do Estado do Rio de Janeiro. Com isso, a unidade, que também contará com a administração e custeio do governo do Estado - atualmente é responsabilidade do município - ganhará outros serviços, com a busca ativa por vagas de empregos nas empresas por meio de um aplicativo, além de se tornar uma cidade facilitadora para os demais municípios da região.

"Buscamos sempre oferecer os serviços de maneira qualificada e estruturada para a população. Com o apoio do governo do Estado, podemos avançar nesse sentido. A partir do momento em que Petrópolis se torna polo, viramos referência na Região Serrana sobre o assunto”, destacou o governo interino, que esteve acompanhado da coordenadora Especial de Articulação Institucional.

Segundo o secretário da Setrab-RJ, dessa forma, a unidade do município poderá "estimular ainda mais a formação e a qualificação profissional dos cidadãos, desenvolvendo ações de apoio ao trabalhador por meio de parcerias". Destacou ainda que Petrópolis "se tornará uma matriz para a Região Serrana, podendo contribuir ainda mais os demais municípios próximos".

Em funcionamento desde o dia 14 de janeiro deste ano, a Casa do Trabalhador oferece suporte para a emissão de carteira de trabalho digital (1ª e 2ª via), orientação ao trabalhador, instruções sobre elaboração de currículo, auxílio de cadastro no Balcão de Empregos da Prefeitura, atendimento para o seguro-desemprego, entre outras indicações para o mercado de trabalho. Foram mais de 7 mil atendimentos realizados, segundo balanço apresentado no fim de agosto.

A Casa do Trabalhador funciona de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, na Rua Dr. Porciúncula 75, Centro (antiga Rodoviária). Vale lembrar que quem passa pela porta do local tem acesso as vagas disponíveis no Balcão de Empregos no dia. Outras informações podem ser consultadas pelo telefone 2246-8942.

Candidatos devem manter dados atualizados e recadastrar currículo no site da prefeitura

O Balcão de Emprego da Prefeitura, que é coordenado pelo Departamento de Trabalho e Renda (Detra), da Secretaria de Desenvolvimento Econômico está oferecendo seis vagas essa semana. Para que o candidato possa pleitear uma das vagas é necessário que o cadastro e o currículo também estejam atualizados, para que as empresas possam fazer o contato correto com aquelas pessoas que possuam o perfil para a oportunidade ofertada. Essa atualização é feita diretamente no site da prefeitura www.petropolis.rj.gov.br/e-gov/sde/balcao_de_empregos/candidatos/add/. Caso o candidato tenha alguma dúvida ou interesse pode procurar o atendimento presencial no Detra, que fica na Dr. Porciúncula 75, Centro. O telefone para contato é o 2246-8942.

Os empresários interessados em oferecer vagas de emprego podem disponibilizar as vagas, de forma gratuita, diretamente no site da prefeitura www.petropolis.rj.gov.br/e-gov/sde/balcao_de_empregos/empresas/index. Basta fazer o cadastro e informar a vaga.

Vale ressaltar que a prefeitura é responsável apenas pela divulgação das vagas e os encaminhamentos dos candidatos para processo seletivo. Sendo assim, fica a cargo do empregador a responsabilidade pelas entrevistas e possíveis contratações. As seis vagas disponíveis desta semana são essas:

1. Engenheiro de Produção (Estagiário) / Masculino / Uma vaga / Faixa Etária de 21 a 25 anos / Ensino Superior a partir do 6º Período

2. Psicopedagogo / Ambos os sexos / Uma vaga /Faixa Etária de 30 a 60 anos / Ensino Superior / Experiência de 6 meses

3. Recepcionista de consultório / Feminino / Uma vaga / Faixa Etária de 20 a 30 anos / Ensino Médio / Experiência de 6 meses

4. Costureiro / Ambos os sexos / Duas vagas / Faixa Etária de 27 a 33 anos / Ensino Médio / Experiência de 2 anos

5. Balconista de Auto Peças / Masculino / Uma vaga / Faixa Etária de 18 a 45 anos / Ensino Médio / Experiência de 2 anos / CNH A

Empresas foram beneficiadas pela nova lei, revisada após 18 anos

O governo interino entregou nesta segunda-feira (18.10) mais dois incentivos fiscais com base na nova lei, que foi revisada após 18 anos sem nenhum tipo de alteração e publicada em julho deste ano no Diário Oficial. As empresas Odin Petrópolis e Sketch Engenharia e Construção são as mais novas contempladas com o benefício.

“A nova lei de Incentivos Fiscais contribui para termos um ambiente favorável para a criação de novos empregos, fortalece os empreendimentos que já estão estabelecidos na cidade e possibilita que novos negócios sejam abertos. A lei permite que a cidade seja mais atrativa para as empresas, indústrias e demais negócios que poderão ser beneficiados. Queremos valorizar nossa produção local e envolver todos os negócios com a cidade”, aponta o governo interino.

Para o secretário de Desenvolvimento Econômico a flexibilização da nova lei vai atrair muito mais empresários para a cidade. “A lei anterior gerava muita dificuldade para a instalação e permanência dos empreendimentos. A atual lei é mais atrativa e atende as demandas da cidade. Os empreendimentos devem estar incorporados à realidade do município. O exemplo está na procura do empresariado por esta nova modalidade, como os que já receberam o benefício” explica o secretário de Desenvolvimento Econômico.

A nova legislação foi estruturada em uma pontuação de incentivo fiscal que vai analisa critérios técnicos, financeiros e estratégicos. A tabela foi desenvolvida e checada por um grupo de trabalho formado por representantes das secretarias de Desenvolvimento Econômico, Fazenda, Planejamento, Obras e Procuradoria.

Os critérios inseridos na tabela de pontuação para a liberação dos incentivos (redução do ISS, isenção de IPTU e isenção de licenças e taxas municipais) são mais diversificados do que na legislação anterior. Levam em conta o alinhamento com as principais vocações do município - com setores de turismo, tecnologia e têxtil - e critérios de geração de empregos diretos, compra de produtos locais, localização, soma de investimentos, capacitação, entre outros. Quanto mais critérios a empresa atender, maior será a pontuação.

A nova Lei de Incentivos Fiscais também apresenta uma outra novidade. Agora será adotada a dosimetria para os critérios de análise de prestação de contas das empresas. Esse fator oferecerá mais flexibilidade para a empresa na hora da prestação de contas, com a proporcionalidade do cumprimento do que for acordado em contrato. O secretário de Desenvolvimento Econômico exemplifica que, se uma empresa cumprir 90% das exigências, receberá 90% dos incentivos fiscais previstos.

“Mais uma modernização do texto, um formato justo para a empresa e para o governo. Anteriormente, se faltasse na prestação de contas 2% do exigido, eram cobradas todos as taxas pelo período todo do incentivo. Com a nova lei, tudo será feito de acordo com a dosimetria, com critérios corretos e justos”, afirma.

Dentro da nova Lei de Incentivos Fiscais, o empresário também terá a oportunidade de encontrar mais uma contrapartida para angariar o benefício. Empresas poderão adotar uma praça ou um jardim na cidade e ficarão responsáveis pelo espaço ao longo da duração do incentivo fiscal, que pode ser de um a 15 anos. O governo municipal, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, realizou um levantamento que o município possui em torno de 40 praças, com total de 42 mil metros quadrados. Seis empresas já demonstraram interesse e estão em conversação para adotar algum espaço público.

Dados e currículos dos candidatos devem estar atualizados no site da prefeitura

Com os números do Caged apontando para a recuperação do setor econômico no município, com saldo positivo de 492 vagas na última atualização, o Balcão de Empregos, que é coordenado pelo Departamento de Trabalho e Renda (Detra), da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, continua a oferecer oportunidades para as pessoas que estão à procura de recolocação no mercado de trabalho. Nesta semana estão disponíveis nove vagas.

Para que o candidato possa pleitear uma das vagas é necessário que o cadastro e o currículo também estejam atualizados, de maneira que as empresas possam fazer o contato correto com aquelas pessoas que possuam o perfil para a oportunidade ofertada. Essa atualização é feita diretamente no site da prefeitura www.petropolis.rj.gov.br/e-gov/sde/balcao_de_empregos/candidatos/add/. Caso o candidato tenha alguma dúvida ou interesse, pode procurar o atendimento presencial no Detra, que fica na Dr. Porciúncula, 75, Centro. O telefone para contato é o 2246-8942.

"Estamos trabalhando muito para estimular esta recuperação econômica, com um contato próximo das empresas locais e com uma política de incentivos fiscais atualizada, mais atrativa. Temos feito contato com as empresas petropolitanas para que as mesmas utilizem o Balcão de Empregos. O serviço une quem precisa de mão de obra, nas mais diferentes áreas, e quem busca uma oportunidade no mercado", lembra o governo interino.

Os empresários interessados em oferecer empregos também podem disponibilizar as vagas, de forma gratuita, diretamente no site da prefeitura www.petropolis.rj.gov.br/e-gov/sde/balcao_de_empregos/empresas/index. Basta fazer o cadastro e informar a vaga.

Vale ressaltar que a prefeitura é responsável apenas pela divulgação das vagas e os encaminhamentos dos candidatos para processo seletivo. Sendo assim, fica a cargo do empregador a responsabilidade pelas entrevistas e possíveis contratações. As nove vagas disponíveis desta semana são essas:

1. Operador de Telemarketing / Feminino / Uma vaga / Faixa Etária de 20 a 50 anos / Ensino Médio / Experiência de 2 anos em CTPS

2. Atendente de Lanchonete / Ambos os sexos / Uma vaga / Faixa Etária de 27 a 37 anos / Ensino Superior Incompleto / Experiência de 1 ano / CNH B

3. Repositor de Mercadorias / Masculino / Duas vagas / Faixa Etária de 20 a 35 anos / Ensino Médio / Experiência de 6 meses

4. Atendente de Loja / Ambos os sexos / Uma vaga / Faixa Etária de 18 a 40 anos / Ensino Médio / Experiência de 6 meses

5. Operador de Retroescavadeira / Masculino / Duas vagas / Faixa Etária de 35 a 60 anos / Ensino Fundamental / Experiência de 6 meses / CNH B

6. Eletricista / Masculino / Uma vaga / Faixa Etária de 25 a 55 anos / Ensino Médio / Experiência de 6 meses

7. Motorista de Furgão / Ambos os sexos / Uma vaga / Faixa Etária de 25 a 35 anos / Ensino Médio / Experiência de 1 ano / CNH B

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do mês de agosto colocam Petrópolis em destaque no quesito empregabilidade. Pelo terceiro mês consecutivo a cidade apresenta saldo positivo de empregos. Só no mês de agosto foram criados 492 novos postos de trabalho no mercado formal. Desde janeiro deste ano o município registrou geração de 1.490 novas vagas de emprego (levando em conta admissões e demissões).

Os dados mostram que, em agosto, pelo segundo mês consecutivo, todos os setores da economia petropolitana tiveram saldo positivo. O setor industrial foi o que apresentou a maior alta no número de contratações, com 3,44%, seguido pelo segmento da indústria, que apresentou um crescimento de 1,08%, com saldo positivo de 114 vagas.

O governo interino afirma que o sinal positivo aumenta ainda mais a confiança dos empresários. “Nossa expectativa é positiva. São três meses seguidos com saldo positivo na geração de empregos e, com o avanço da vacinação contra a covid-19, estamos otimistas em relação à recuperação econômica", aponta.

O secretário de Desenvolvimento Econômico detalha que os números são positivos e que as previsões anteriores, de um crescimento continuo e sustentável, estão se confirmando. “Em uma perspectiva, colocando todos os entraves resultantes da pandemia, a economia da cidade deu um sinal claro de recuperação. Nenhum setor apresentou índice negativo, existe uma forte tendência que haja uma melhora maior com a aproximação do final do ano, com contratações para o Natal”.

Inscrições começam nesta quarta-feira (29.09)

A Casa do Trabalhador, em parceria com Itaipava Cursos e Treinamentos, Bernascone & Bernascone e Rotary Cidade Imperial, vai oferecer dois cursos presenciais e gratuitos de qualificação profissional. Vale ressaltar que as vagas são limitadas e seguirão os protocolos de segurança contra a covid, com uso de máscara, álcool em gel e distanciamento entre os alunos.

O curso de Desenvolvimento Profissional será destinado para aquelas pessoas interessadas em aperfeiçoar a elaboração de currículo, desempenho em entrevistas de emprego e apresentação pessoal. O curso será promovido em um único dia, a ser definido, com duração de 3 horas, das 9h às 12h.

Já o curso de Vendas no Varejo será direcionado para jovens que estão em busca do 1º emprego e os profissionais que buscam recolocação no mercado de trabalho. Terá duração de 8 semanas, com aulas sendo ministradas às terças-feiras, de 10h as 11h.

As inscrições são limitadas e começam nesta quarta-feira (29.09), a partir das 9h, na sede da Casa do Trabalhador, que fica Rua Dr. Porciúncula 75 (Rodoviária). O telefone para contato é o 2246-8942.

“Estamos fazendo uma busca junto às empresas para a captação de vagas emprego e estamos conseguindo aumentar o número de oportunidades oferecidas por meio da Casa do Trabalhador. Este equipamento serve de elo entre quem precisa de mão-de-obra e pessoas que buscam vaga no mercado de trabalho. Com a oferta de cursos, oferecidos por meio de parcerias, buscamos preparar e qualificar este público, aumentando as chances de sucesso nesta busca”, afirma o governo interino.

O secretário de Desenvolvimento Econômico destaca que, apesar de o mercado ainda sentir o reflexo da pandemia de covid-19, as empresas da cidade têm ofertado um número maior de vagas e as pessoas precisam estar preparadas para esse momento. “A curva da oferta de empregos está em ascensão e de forma consolidada. Nessa hora, o candidato a uma vaga precisa estar bem preparado e ter algum diferencial. O que vamos oferecer na Casa do Trabalhador é o início de um trabalho voltado para esse público. Queremos ajudar a população e esses cursos podem ser importantes ferramentas no momento da disputa de uma vaga”.

O diretor da Casa do Trabalhador ratifica que os cursos são gratuitos, com entrega de certificado após a conclusão e que serão ministrados por profissionais qualificados. “Vamos oferecer Às pessoas que nos procurarem cursos qualificados, com professores preparados e em sintonia com o mercado de trabalho”, completa.

Pagina 5 de 40